Os patins de prata

Os patins de prata Mary Mapes Dodge



Resenhas - Os Patins de prata


4 encontrados | exibindo 1 a 4


Físico 05/12/2020

Uma história emocionante e altruísta
O livro se passa na Holanda por volta dos séculos XVIII ou XIX (a autora não deixa claro) e conta a história dos irmãos Hans e Gretel Brinker, jovens que se veem reduzidos à miséria quando seu pai, Raff Brinker sofre um acidente no trabalho e torna-se incapaz de trabalhar do ponto de vista mental, contraindo uma espécie de demência. Por essa razão, Mamãe Brinker sustenta a família tricotando meias de crochê e realizando outros trabalhos na pequena cidade onde vivem. Quanto a Hans e sua irmã Gretel, esses auxiliam a mãe no sustento da família como podem e são fascinados por patinação no gelo e veem na competição de patinação organizada por Hilda van Gleck, uma jovem abastada local, a chance de obter como prêmio os tão desejados patins de prata.

Um ponto de extrema relevância nessa obra é como a autora descreve a geografia holandesa com suas famosas cidades e seus diques que evitam que todo o país seja inundado, já que a Holanda é um país abaixo do nível do mar, além de seus costumes, como a festa de São Nicolau (precursor análogo ao famigerado Papai Noel), uma festividade que celebrava-se nos países nórdicos no dia 6 de dezembro quando ainda não celebrava-se o Natal. Sem dúvida, é uma obra com texto agradável, sem rodeios com descrições intermináveis e com mensagens sobre humanidade, amizade e companheirismo que todos deveriam ler ao menos uma vez na vida.
comentários(0)comente



Tauan 22/09/2015

Divertido
O que mais chama a atenção nesse livro é a história e cultura da Holanda, mostradas por exemplo na história do menino que, para salvar o país de ser invadido pela água que vazava de uma pequena rachadura num dique, passa a noite no frio, congelando, com o dedo tampando o buraco, até que quase ao amanhecer um padre o encontra e chama pessoas para ajudar o menino e imediatamente tampar a falha no dique. Para quem não sabe a Holanta tem grande parte de suas terra abaixo do nível do mar, sendo protegida da submersão por enormes paredes chamadas de diques.
Mas na verdade o livro conta a história da humilde família Brinker, cujo pai se encontra doente e os filhos, Hans e Gretel, auxiliam a mãe a manter a casa.
Paralelamente os amigos e vizinhos de Hans e Gretel empenham-se em uma viagem de patins desde a cidade de Brock até Haya e de volta, passando por Amsterdam.
A sorte e os amigos das crianças Brinker auxiliam ambas a participar da grande competição anual de patins, na qual o prêmio era um par de patins de prata.

site: http://pausaparaaleitura.blogspot.com.br/
Bianca.Wany 10/09/2018minha estante
O livro ?Os patins de prata? do ano de 1972, escrito pela autora Mary Mapes retrata a história de dois irmãos, Greteel e Hans. Os dois irmãos moravam em uma cidade pequena e pobre. Um certo dia o pai deles chamado Ralff sofreu um grave acidente que resultou na perda da capacidade mental dele, deixando-o incapaz de raciocinar normalmente, fazendo com que ele ficasse agressivo ao ponto de bater na sua esposa e filhos.
Com o pai impossibilitado de trabalhar por conta do acidente ocorrido com o mesmo, a mãe deles dona Eulalia é obrigada a trabalhar para sustentar sua família. E a única maneira que ela encontrou para solucionar o problema financeiro, foi fazer roupas artesanais usando crochê. Enquanto dona Eulalia fazia suas roupas de crochê seus dois filhos desfrutavam de sua infância patinando no gelo, que por acaso era uma das paixões dos irmãos.
A moral da história e refletir para o leitor que não importa as circunstâncias que uma pessoa passa na vida, o segredo e nunca desistir de seus sonhos pois por maior que seja a luta sempre iremos vencer se tivermos força de vontade e acreditar nos nossos sonhos porque nada é impossível, as pessoas que desistem antes de começar.
Bom na minha opinião este livro tem uma história muito linda que me lembra as histórias que meus pais contavam para mim, sobre como eles passaram por dificuldades e conseguiram vencer, como na família do livro. A pesar do final do livro não ser como eu esperava, ele tem um ótimo conteúdo e uma história bem emocionante espero que possam ler, pois é um ótimo livro!!!


Bianca Wany Barbosa da Silva.




Paula 16/07/2009

Assim como o restante dessa coleção, é de leitura muito agradável.
É daqueles livros que a gente acaba vivendo a história. Vale muito a pena ler!
ps: é um bom livro para despertar o interesse pela leitura, também!
comentários(0)comente



Inlectus 15/05/2009

Leitura agradavel.
Um estória cheia de vida e sentimento, com momentos dificeis, mas que ao final, nos faz mais humanos.
comentários(0)comente



4 encontrados | exibindo 1 a 4