A Missão de Senar

A Missão de Senar Licia Troisi




Resenhas - A Missão De Senar


64 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5


Coraline 08/08/2020

Simplesmente amei o livro, uma mistura de romance com aventura e divertimento.

Gostei muito tambem da proposta da escritora em fazer um capitulo de Senar e outro de Nihal, ficou bem equilibrado, você fica com um sensação de quero mais e não consegue para de ler... O final do livro tambem me deixou bem surpresa foi tudo muito rápido você começa a chegar no final do livro e pensa "não é possivel que a autora vai conseguir desenrolar tudo até o final" é uma reviravolta atrás da outra.

Super recomendo!!
comentários(0)comente



Cristiane.Ramos 23/11/2020

Mundo emerso
Segundo livro e está cada vez mais me surpreendendo com a expansão do mundo emerso...
Final me impressionou.
comentários(0)comente



Manuel 24/06/2012

O segundo livro da saga é baseado nas aventuras e conquistas de Senar e Nihal... porém, não exatamente juntos. A garota da Terra do Vento torna-se uma fria guerreira e fere a face do seu melhor amigo... uma marca que partirá seus corações antes de seguirem por diferentes caminhos.

Enquanto Senar viaja em missão de encontrar o Mundo Submerso para propor uma aliança com os exércitos das Terras Livres, Nihal passa por seus desafios finais para tornar-se finalmente um Cavaleiro de Dragão. Ele, convive com piratas, tempestades, monstros marinhos e déspotas.

Ela, enfrenta batalhas, magia negra e descobre verdades a respeito de si e dos que a cercam. Esta separação trará significados surpreendentes na vida dos dois e envolverá o leitor a aguardar ansiosamente por este reencontro. Uma história eletrizante com novos personagens e histórias de superação.
comentários(0)comente



Thiago Phelippe 17/02/2018

Vamos nos aventurar em um mundo diferente?
Uma saga do herói mal contada. Apesar de contar mais sobre o chamado mundo Emerso, os personagens demoram para evoluir.
O livro conta os caminhos que os personagens principais fazem para ... Nada. Eles voltam e mostram que nao aprenderam nada.
E por fim vamos encontrar as esferas do Dragão!
comentários(0)comente



Liddy 15/11/2010

E lá vai a Nihal de novo...
Dessa vez, tenho que dar o braço a torcer, houve menos repetições de sentimentos – embora a personagem continue vez ou outra soltando a ladainha de “quero minha vingança”.

O Ido e seu dragão se mostraram personagens excelentes para fazer um contra peso com Nihal e Oarf. Enquanto esses dois últimos são extremamente desobedientes, irascíveis e impulsivos, Ido e Vesa mostram um lado mais comedido e experiente. A participação de alguns outros personagens se torna mais atraente, o Laio em especial ganhou pontos extras comigo.

Mas o que realmente achei "simpático" foi o ponto de vista de Senar. Achei engraçado notar como a história dele é mais plana e mais objetiva – voltada para as tarefas presentes – e poucas vezes ele fica remoendo o passado.

De certa forma, a narrativa realmente cresceu – não vou dizer que a Nihal mudou muito, mas a quantidade de mancadas que ela dá diminuíram – e agora sim estou um pouco mais curiosa para ver o último livro.
comentários(0)comente



Vívis 26/08/2011

Morno
Nada muito chato e nem muito surpreendente. Continuo lendo a jornada do semi elfo!
comentários(0)comente



Dalto 24/08/2014

Dois caminhos diferentes, um mesmo destino
Em A Missão de Senar, temos um livro mais dinâmico. Enquanto o primeiro acompanhávamos os passos de Nihal em busca de seu sonho, no segundo volume temos a protagonista mais madura, com fantasmas e com atormentando.
Nihal, agora cavaleira de dragão, tem que cumprir o seu dever e ir para o campo de batalha. Em meio as combates fica em conflito com os fantasmas do passado, e parte em uma busca por si mesma.
Na outra parte do livro, viajamos com Senar, em busca do Mundo Submerso. Uma civilização tida como um mito.
O livro é basicamente isso, estradas com um mesmo destino, onde cada personagem caminha sobre uma. Gostei mais do que o primeiro volume, a narrativa é bem intensa e fique com aquela vontade de quero mais.
comentários(0)comente



Baka 15/12/2020

Tururu...
Nada a declarar em específico vamo pro terceiro e último pq não vou da continuidade nas outras trilogias.
comentários(0)comente



Anderson 19/12/2010

A Missão de Senar
O livro marca a missão que Senar tem de buscar ajuda no mundo submerso, preferi mil vezes este livro por ser narrado por Senar, e as partes que são narradas por ele ganham de lavada (na minha opnião) das narradas por Nihal.

Quando li o primeiro livro eu gostei de Nihal, eu achava ela linda, mas apartir do fim primeiro volume da série eu passei a achar ela, muito previsível e egoista.

Enfim, é isso. Eu preciso ler o último livro da série para finalizar logo. E se você quer saber, não tenho a mínima vontade de ler Guerras do Mundo Emerso.
Lunardi 21/08/2012minha estante
Mas é esse egoísmo que deixa a personagem tão real. Afinal qual é a graça de um personagem altruísta, bondoso mas sem sal? Sem vida, criado para ser personagem principal.




Maia Franco 19/08/2010

Evolução
Licia Troisi continua com seu estilo leve de escrever, mais uma vez proporciona uma leitura rápida e limpa, explicando o necessário de cada personagem e de cada cenário.

Uma vantagem de ler essa excelente continuação é que o amadurecimento dos personagens já esta praticamente completo, praticamente.
Mas não se preocupem aqueles que precisam de uma história com amor e paixão para acalentar seus corações, vocês encontrarão novamente sentimentos sendo transmitidos das páginas direto para vocês.

Para aqueles que pensam que agora esta na hora de guerra, não se preocupem, Licia trás ótimas descrições de batalhas individuais ou em grupo para animar aqueles sedentos por aventuras.

Fica a dica, se você gosta de sentimentalismo ou de ação, leia, o livro trás os dois em um equilíbrio muito bom.
comentários(0)comente



Tulliu Cardia 30/01/2009

Um pouco melhor que o primeiro, talvez pelo fato do foco não ficar todo em Nihal, que é muito chata e previsível. A saga continua superficial demais.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Larissa 09/10/2010

Este segundo volume das Crônicas do Mundo Emerso me deixou um pouco frustrada, não que a história seja ruim, porém não correspondeu lealmente as minhas espectativas.
Depois de acompanhar Nihal em A Garota da Terra do Vento, fiquei encantada com a riqueza de detalhes e criatividade da autora e em meio a isso, uma maravilhosa narrativa, com ganchos bem inseridos, com mistérios a serem desvendados.
Em A Missão de Senar, temos a oportunidade de acompanhar mais de perto os 2 núcleos da trama, de um lado Senar em uma extraordinária missão e do outro Nihal, vendo-se dividida entre o que é o certo e o que seria conveniente para ela.
Confesso que adorei mergulhar no Mundo Submerso junto com o Senar, foi fascinante, deslumbrante. O que me encomodou nesse livro foi o jogo de emoções e princípios que a Nihal teve que enfrentar, achei que ficou um pouco cansativo e excessivamente forçado para a personagem, que em boa parte do tempo demonstrou atitudes mais coerentes.
No entanto, no final do livro Nihal se depara com fatos que acarretarão uma nova aventura e que me deixaram bastante curiosa.
comentários(0)comente



MarceloBighetti 18/09/2010

Este segundo volume é impressionante. Como comentei sobre o volume um, a linguagem é altamente refinada. Nesta parte da aventura ficamos conhecendo profundamente os protagonistas Nihal e Senar. Os conflitos internos e todo o lado "humano" é explorado de forma primorosa. As aventuras e novos cenários são originais e cativantes. As sequências de ação, principalmente as de batalha, nos transportam de forma precisa.

Algo que estraga muito as surpresas são os títulos dos capítulos, que de uma forma ou de outra acabam antecipando o desfecho do que poderia ser uma total surpresa. Infelizmente você adentra alguns capítulos sabendo de antemão o que irá acontecer. Uma pena.

Novamente digo que é um livro que não acaba em si. Na minha opinião não se trata de uma trilogia mas sim um livro grande dividido em três partes.

De uma forma geral este volume é muito superior ao primeiro, visto que o anterior traçou as bases para as aventuras deste volume.

Não tirando o mérito desta obra excelente vemos no final, com algumas descobertas importantes para a sequência no volume três, um grande e batido clichê.
comentários(0)comente



Lilian 'Indily' 25/08/2012

...
Continuando a leitura em Crônicas do Mundo Emerso, de Licia Troisi, temos o segundo volume, intitulado A Missão de Senar, onde os amigos Senar e Nihal seguirão caminhos distintos. E temos nosso foco maior no jovem mago e conselheiro Senar. Entretanto não deixaremos de ver Nihal, pois o volume segue dividido em duas partes… (o que acho que já deixei explicado aqui que não gosto né? rs).

A missão do jovem é encontrar o Mundo Submerso para pedir ajuda na batalha que se segue contra o Tirano e defender as terras ainda livres, enquanto Nihal continua em sua busca para se tornar a primeira mulher na ordem dos Cavaleiros de Dragão e para vingar a morte de seu pai e o extermino de seu povo. E com isso, a vida do povo das Terras livres acaba ficando nas mãos dos dois jovens amigos.

Senar é enviado numa missão pelo Conselho dos Magos até o Mundo Submerso, onde os refugiados do Mundo Emerso se abrigaram para fugir das constantes guerras em seu mundo, entretanto as provações e perigos que tem que enfrentar nos deixam em dúvidas se Senar vai mesmo conseguir voltar a se encontrar com Nihal e voltar com vida. Trata-se de uma missão totalmente suicida! Onde ele tem que enfrentar logo de cara um barco pirata, inúmeras magias poderosas e monstros marinhos.

Enquanto isso, Nihal enfrenta guerras acima e cai em uma emboscada, indo parar nas mãos do inimigo. Como se não bastasse todos os perigos da fuga, a garota ainda tem que lidar com sonhos estranhos que invadem seu sono e perturbam sua mente. Entretanto ela consegue finalmente ser consagrada como Cavaleiro de Dragão, o que a deixa mais do que satisfeita, até o momento em que consegue em batalha aprisionar um inimigo e ele lhe revela coisas desagradáveis sobre seu mestre.

O livro com certeza é mais interessante que o outro. Embora eu não goste dessa coisa de livros divididos em duas partes ainda mais tão diferentes uma da outra, foi interessante acompanhar Nihal e Senar separados e ao mesmo tempo tendo suas vidas tão entrelaçadas. Conhecer mais dos personagens sem ter um de apoio ao outro o tempo todo. Senar se mostrou um personagem mais cativante ainda. Sem contar que a leitura sana algumas dúvidas surgidas já no primeiro volume da série. A narrativa da autora melhora incrivelmente atraindo e prendendo o leitor, (que não mais precisei só da Nihal pra gostar da trama).

Como ainda estou lendo o terceiro volume, terão que aguardar um pouco mais pela resenha e desfecho final sobre gostar da série em si ou não… de qualquer forma, ao terminar Crônicas do Mundo Emerso darei seguimento a Guerras do Mundo Emerso e ai sim terminarei a saga.
comentários(0)comente



64 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5