O Último Olimpiano

O Último Olimpiano Rick Riordan




Resenhas - O Último Olimpiano


593 encontrados | exibindo 91 a 106
7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 |


Guto 02/11/2010

Você vai adorar este livro. Existe tanta ação, lutando contra monstros e batalhas desesperadas que você não será capaz de parar de ler. E há também o grande humor de Rick Riordan. Apenas espere até conhecer os pôneis do partido. Ou veja o gigante no parque infantil, que continua dizendo, "Uh Oh". Ou testemunha das cenas entre Deméter e Perséfone. E, como sempre, o Sr. Riordan puxa algumas grandes surpresas. Como quando você descobrir qual é o plano de Nico realmente. Ou quando o espião é revelado. Você nunca vai adivinhar. Eu garanto!
Esta é uma grande conclusão de uma série fantastica!!

Eu gostei de como Rick deixou em aberto para uma nova série com 7 semideuses

Amei! Recomendo
Glenda 25/05/2011minha estante
Poxa, comprei esse livro no ano passado e ainda não li. Ganhei muitos livros desde então e cabo deixando "O Último Olimpiano" pra depois. Acho que quando eu acabar lendo ele vou pensar "nossa, o que eu tava perdendo!" Hehe




mônica 14/03/2010

o melhor *-*
Não tenho palavras pra dizer como eu amo esse livro *-*
O melhor da serie sem duvida alguma !
Ação do inicio ao fim, romance...Tem de td um pouco!
Cara, como ja disse nas resenhas dos outros livros, Rick me fascinou com a serie..*-*
E um final com um gostinho de quero mais..
Espero mesmo que o autor continue a serie !
comentários(0)comente



Yas 05/09/2012

Despedidas!
Ao mesmo tempo em que me sinto feliz em postar está resenha- eu me sento triste. Afinal acompanho Percy, Annabeth e Grover desde que eles tinham 12 anos, é normal dizer que estou triste. Nesse último livro da saga vemos a tão temida guerra por conta da grande profecia, e outras coisas que eu não esperava ver. Aos poucos todas as perguntas são respondidas, todos ganham uma história um caminho pra se seguir, até mesmo os personagens que nós não esperávamos são grande valor nesse livro.

O acampamento meio- sangue precisa reunir forças para uma guerra contra o exército de Cronos que parece estar cada vez maior e mais forte. Além disso Percy entra de cabeça na história de Luke, determinado a conhecer seu inimigo. Os deses do Olimpo também estão muito ocupados com uma outra ameaça o Tifão.

Já dá pra perceber que o livro é cheio de ação e emoção não é? Foi quase impossível me separar desse livro, tentava lê-lo em todos os momentos vagos e quando chegava a hora de eu ir para escola parecia que uma parte do meu coração ficava. Ao mesmo tempo em que eu queria devora-lo, eu queria que tudo não passasse de um sonho, não queria acabar uma das séries que mais me encantou.

Sei que minha opinião é contrária a de muitas pessoas, mais o melhor livro da saga foi O último Olimpiano, ele foi o que conseguiu me emocionar de verdade, me fazer desejar ainda mais por essa saga , foi o que mias teve ação, e o que mais teve emoção também. E mais uma vez Rick consegue me surpreender. Um detalhe interessante é que esse é o único livro da saga em que eles não saem em uma missão- clandestina ou não. Foi interessante conhecermos melhor a cidade de Percy, e ficarmos com os nervos a flor da pele por conta disso.

Com esse livro podemos chegar há uma conclusão. Seja com 12 ou 16 anos, esteja no acampamento meio-sangue ou defendendo Manhattan, Percy será sempre Percy. Ele pode crescer e mudar, mais sempre teremos um gostinho da narrativa irônica dele. Sempre teremos Percy dentro de nós. E acho que é isso que Rick queria ao escrever essa saga, criar mais do que livros, criar pessoas, que se emocionam e lutam, que são fortes e fracas, enfim, que são capazes de deixar qualquer mortal como eu- com saudade.

Rick deixa um gostinho de quero mais no final do livro, e você que está lendo essa resenha deve achar que eu estou ficando louca, já que não temos uma continuação. Mas pra descobrir do que estou falando terá que ler o livro. Melhor eu para por aqui a resenha ficou bem grande.
comentários(0)comente



Jejé 12/11/2017

Alerta spoiler!

Finalmente o beijo!
comentários(0)comente



Nany 25/03/2011

O Último Olimpiano (http://up-brasil.com/?p=29691)
O mais legal desses últimos livros é poder ver seus personagens evoluindo e sua história tomando um fim. Algo que pode durar cerca de dez anos (no caso de Harry Potter) ou mesmo 12 (com o Senhor dos Anéis) e ter mais de cinco livros realmente envolve o leitor na trama e o deixa ligado de uma forma aos personagens principais que chega a ser doloroso quando a separação avança em forma do ultimo livro.

Assim, para que essa separação pelo menos valha a pena, costuma-se sempre esperar grandes desfechos de sagas literárias. O que posso dizer aqui é que O Último Olimpiano, útimo livro da saga Percy Jackson e Os Olimpianos, com certeza é a chave de ouro. Sem sombra de dúvidas o melhor livro da série. O que se pode notar é que Riordan vem subindo de nível a cada livro que escreve. Nesse prepare-se para encontrar de tudo um pouco. Há romance, aventura, drama, suspense e sempre a pitada de comédia que enfeita seus livros.

Em O Último Olimpiano, Pecy Jackson, nosso destemido semideus, se prepara para a grande batalha, a luta que decidirá o futuro da sociedade ocidental e assim cumprir a profecia que o atormenta desde que descobriu que era um meio-sangue filho de Poseidon. Faltando poucos dias para ele completar os tão esperados 16 anos, o destino começa a se desenrolar e a vida do nosso herói se complica cada vez mais. Manhattan é atacada por Cronos que pretende invadir o Empire State e destruir o Olimpo enquanto os Deuses estão fora lutando contra o maior monstro da história da mitologia. Então cabe a Percy e seus amigos do Acampamento Meio-sangue a missão de proteger o Olimpo da invasão iminente e assim impedir que Cronos vença essa guerra.

A fim de igualar suas chances contra o Titã Cronos, que habita o corpo do seu antigo amigo Luke, Percy toma uma perigosa decisão e arrisca sua vida para se tornar mais forte e poder derrotar o senhor dos Titãs. Enquanto isso, Annabeth e os outros do acampamento fazem vigília em frente ao Empire State, enquanto Cronos se aproxima para a grande batalha.

Esse último livro é intenso do começo ao fim. Aquela periódica de ano letivo e verão no acampamento que pode ser vista nos livros anteriores não se encaixa em O Ultimo Olimpiano. As batalhas são incessantes e a narrativa sobe a níveis espetaculares. É incrível poder ver como Percy Jackson cresceu e se tornou esse herói e como ele e Annabeth desenrolam sua complicada relação.

O que mais gosto nos livros de Riordan é que ele sabe como escrever um livro realmente infanto-juvenil. Apesar de possuir mortes ocasionais e do drama contido ser um pouco pesado, ele consegue dar uma leveza e suavidade que chegam a impressionar. E os pais podem ficar despreocupados com o que seus filhos andam lendo nas entrelinhas.

Além de tudo a história que permeia o título “O Último Olimpiano” é comovente e com certeza arrancará lágrimas dos maiores adoradores da série. Ver nosso herói crescido e completando sua tão insidiosa missão nos dá um misto de alegria e nostalgia por saber que tudo chegou ao fim, e que (provavelmente) não leremos mais aventuras do nosso trio Percy, Annabeth e Grover.

Eu realmente me surpreendi com a qualidade demonstrada por Rick Riordan nesse desfecho de saga. Ele com certeza sabe como terminar bem uma história. Outra coisa muito boa desse livro, é que diferente de outros últimos livros, esse não perdeu o foco e nem o rumo, o que é comum quando o autor não sabe como dar adeus a seus próprios personagens.

Aqui você também encontrará histórias sobre deuses menores e mitos mais secundários. Além de conhecer vários outros titãs e as grandes divindades marinhas. Algumas das histórias te farão compreender melhor certos personagens e te fazer rever os conceitos que tinha sobre outros.

Com uma leitura leve mas mesmo assim alucinante, O Último Olimpiano irá te conquistar de uma maneira sem igual. Aconselho a todos que não aguentem mais esperar para saber o que irá acontecer a nossa trupe de heróis. E retiro o que disse no começo. Riordan não fechou com chave de ouro, foi com chave e cadeado de bronze celestial! :D
comentários(0)comente



Kimi 30/08/2010

OUO
simplesmente perfeito! apesar de que eu queria saber um pouquinho mais sobre o futuro deles, eu achei o maximo! Rick Riordan é um OTIMO escritor!
comentários(0)comente

Milena 11/09/2010minha estante
poiséh, eu tbm queria saber um pouquinho mais, mas o livro é incrível e ele fez uma história incrível, nos prendendo a cada minuto do livro desse livro viciante




Tonný 25/08/2011

Final? Que nada!
No ano em que Percy Jackson completa 16 anos, a Grande Profecia está sob suas costas. Enquanto os deuses gregos tentam acabar com Tifão (um monstro enorme e destrutível, que você vai ter que terimaginação para imaginar os inúmeros monstros do livro/série), Percy Jackson e seus amigos do Acampamento Meio-Sangue travam uma batalha contra Cronos, e nem um local no Mundo para essa batalha seria melhor do que Manhattan, com todos os mortais dormindo, o que o deus do sono fez..

Quando estava lendo os capítulos da Batalha de Manhattan, fiquei imaginando aquilo num filme (que irá ter, daqui a algum tempo, sendo que o segundo livro da série será feito ano que vem), é DI-VI-NO! e sem exageros pessoas. O final me surpreendeu, claro. A cada livro que a gente lê é uma surpresa não é mesmo? E não foi diferente com esse e com todos os cinco dessas saga. E depois de batalhas na terra, no céu, no mar, no Olimpo.. A gente ainda tem uma amiga do Percy viarando Oráculo! E o melhor de tudo, ela cita "a nova grande profecia do Mundo", que um sinal que o Rick Riordan dá para o ínicio da sua nova série: Os Heróis do Olimpo.


Como a saga do bruxo Harry Potter acabou nos cinemas semana passada, muitos ficaram na dúvida de quem seria seu novo herói. Percy Jackson? Claro! Os livros de Rick Riordan ganham em uma coisa que Sthepen Meyer: magnetismo (pode ser?) coisa que em alguns dos livros da Saga Crepúsculo não tem, as vezes são meio monótonos, mas os do Riordan não. Isso não é preferência, até porque sou fã de ambos.

Mas leiam! E se tiverem oportunidade, leiam "Os arquivos do semideus" um livro extra da série Percy Jackson que contém algumas infrormações, entrevistas e bla-bla-bla da saga, porém monótono.
comentários(0)comente

Guilherme 21/12/2011minha estante
Concordo com tudo o que você disse... "Percy Jackson" foi a série que eu mais gostei depois que li o último "Harry Potter" em 2007. O que eu gosto demais nessa do Riordan, é que ela tem o mesmo magnetismo que eu encontrei na série da Rowling.




Léo 03/09/2010

Empolgante
É o livro mais fantástico e empolgante de toda a série. As cenas de guerra, no final, são extremamente bem narradas, e eu me senti como se estivesse ao lado do Percy, o tempo inteiro, lutando contra Cronos. É uma reviravolta atrás da outra, não consegui deduzir nada do que fosse acontecer no final. Rick Riordan se superou mais do que nunca no "desfecho" da série Percy Jackson e os Olimpianos, e seu talento ficou mais uma vez claríssimo!Aguardo os próximos livros com grande ansiedade!
Minha parte predileta foi quando Percy fica com a "maldição" de Aquiles, e se banha no Rio Estige e sai matando tudo quanto é soldado no Mundo Inferior!Adorei!
Não tenho palavras para com o livro. Se o primeiro foi bom, o segundo foi ótimo, se o terceiro foi demais, o quarto foi fantástico e o quinto... Foi a essência da série. Me surpreendi.
Acho que nem preciso dizer que recomendo. Não tem como ler o Ladrão de Raios e não chegar até o fim da saga. Sem nem falar da maravilhosa capa. Design... Perfeito!
Li logo no dia que comprei!Metade foi só na livraria, e o resto quando cheguei em casa!
E aquele espião... Sem nenhuma suspeita!
comentários(0)comente



Juninho Vialle 18/12/2013

“O último olimpiano”: desfecho de uma inesquecível história
“Aventura em alta voltagem e impossível de largar.” É assim que a Booklist define esta última obra da famosa série “Percy Jackson e os olimpianos”. E tem toda razão.

Próximo a completar 16 anos, uma carteira de motorista é o que Percy menos se importa no momento. Um furioso monstro, Tifão, caminha rumo à Nova York, onde brevemente uma incrível batalha será travada: um exército de Titãs e monstros contra os mais diversos semideuses.

Enquanto os deuses se preocupam em deter Tifão, o Olimpo — que tem sua entrada secreta Empire State Building — está precariamente protegido, o que faz com que Cronos avance, com suas maiores forças, rumo ao edifício. Percy Jackson e outros heróis só têm uma opção: proteger o Olimpo e deter o Senhor do Tempo.

O que mais assusta o jovem herói é a Grande Profecia:

Um meio-sangue, dos deuses antigos filho,
Chegará aos dezesseis apesar de empecilhos.
Num sono sem fim o mundo estará
E a alma do herói, a lâmina maldita ceifará.
Uma escolha seus dias vai encerrar:
O Olimpo preservar ou arrasar.

Tudo indica que Percy seja o meio-sangue da profecia, mas será mesmo? E a lâmina maldita: será que ele poderia ser traído pela própria espada? E quem será que vai fazer a escolha de preservar ou arrasar o Olimpo? Leia “O último olimpiano” e desvende toda essa história.
comentários(0)comente



Carla Cássia - @contra.capa 04/01/2018

Sem sombra de dúvidas esse é o meu livro favorito da serie Percy Jackson e os Olimpianos. Primeiro, pois ele saiu da formula do Tio Rick, quem já leu os livros desse cara sabe que rola uma sequência de acontecimentos obrigatórios – uma profecia, procurar algo, encontrar esse algo, batalha, algum amigo sequestrado em algum momento – reconheceu né? Claro que nesse livro alguns pontos ocorreram, mas em seu geral, foi bem fora do padrão.

Devo dizer que já logo de cara o livro vem dizer para que veio: GUERRA. Isso mesmo, o livro é um pandemônio só, e se você espera ver apenas somente Percy e a sua dupla de amigos mais próximos em ação, não perca tempo, e venha se surpreender conhecendo outros personagens que merecem sua atenção.

Esse sendo o último livro da série pude ver como o protagonista cresceu. Percy tem varias quedas durante os livros, mas nesse momento final, acho que o caminho que ele percorre foi fantástico. Com isso e suas atitudes para encerrar a leitura dos fãs da serie foram as melhores e mais dramáticas possíveis (adoro!).

Outro ponto que contribuiu para eu amar esse livro foi a participação do Nico, sem spoilers fique tranquilo, mas se você leitor não sabe, ele é meu personagem favorito, então qualquer tico da aparição dele que seja, já me faz ficar feliz e gostar um pouco mais do livro.

Para mais resenhas como essa, link abaixo

site: www.blogcontracapa.com.br
comentários(0)comente



Débora 02/10/2012

Essa resenha e muitas outras estão no meu blog.. Segue lá, que tem muiiiito mais..
http://2bookgirls.blogspot.com.br/

Bom gente, é com dor no coração que venho resenhar o último livro da série Percy Jackson e Os Olimpianos. Como disse na primeira resenha, faz milênios que li essa série, antes mesmo dela ser famosa, e resenha-la me fez querer 'devorar' todos os livros de novo. rsrs
Não é segredo pra ninguém, sou apaixonada por mitologia e pelo jeito sensual (kkk) que o Rick escreve, por que pra mim é sensual sim, porque ele me seduz totalmente.. kkkkkkk'
Mas bem, ai vai..


"Um meio-sangue, dos deuses antigos filho,
Chegará aos dezesseis apesar de empecilhos
Num sono sem fim o mundo estará
E a alma do herói, a lâmina maldita ceifará
Uma escolha seus dias vai encerrar
O Olimpo preservar ou arrasar"


É com essa profecia que toda a história se inicia. Mesmo sendo extremamente misteriosa, essa revelação do oráculo resume a situação em que Manhattan se encontrava durante a terrível batalha entre o bem e o mal, e o final que estava destinado a ela.
Percy e Beckendorff conseguem afundar o navio princesa andrômeda , mas Percy desmaia no mar por causa da explosão, e acaba por se refugiando no palácio de seu pai. O palácio, que se encontrava nas profundezas do oceano seria um bom lugar para Percy se esconder, se naquele exato momento uma batalha entre o Titã e Poseidon não estivesse ocorrendo.

“Estou aqui porque, quando tudo mais dá errado, quando todos os outros deuses poderosos partem para a guerra, sou o que resta. O lar. A lareira. Sou o último olimpiano. Você deve se lembrar de mim quando enfrentar sua decisão final.”

Conseguindo se recuperar e sair do oceano, Percy vai com Nico até a casa da mãe de Luke para tentar conseguir informações sobre o passado de Luke, para que eles conseguissem entender o que fez ele tomar a decisão de se unir as forças do mal.
Toda essa investigação leva ao mergulho de Percy no rio Estige, assim como Luke fez antes de mesmo abrigar Cronos em seu corpo.
O gigante Tifão está se deslocando em direção ao Empire State (Sede do Olimpo) e a maioria dos deuses se une para tentar combatê-lo, o que já aconteceu em uma batalha no passado. Enquanto isso no acampamento meio-sangue os semideuses e alguns aliados se preparam para lutar contra o exército de Cronos e tentar impedi-los de destruírem o Olimpo.
Porém Cronos e Ethan Nakamura conseguem chegar a sala do trono. A vitória estava em suas mãos, tão perto que ele já podia senti-lá mas o inesperado sempre acontece, e o arrependimento toma conta de uma pessoa que no fundo tem um coração muito maior do que qualquer desejo por vingança. Está nas mãos dessa pessoa, o Olimpo ser preservado, ou ser destruído.
E...

Só lendo gente... HAHA'

Não vou contar mais nada, quero que vocês descubram e vivam a emoção que é o último livro dessa série maravilhosa.
Fiquei muito triste quando terminei de ler, mais confesso estar feliz por ter acabado de resenhar a série, e mostrar pra vocês a paixão que eu tenho por ela. Concerteza foi um das melhores que já li, e tenho certeza que vai ser muito difícil encontrar outra igual...

Espero que gostem da resenha e do livro.
Se divirtam, e com certeza, vou reler um por um. =D

Beijos, até a próxima gente

;*

Curtiu minha resenha, segue meu blog, lá tem muiiiito mais..
http://2bookgirls.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



Anderson Brito 06/09/2010

http://www.notamosque.blogspot.com
Toda saga merece um final feliz, a gente consegue visualizar este final em “Percy Jackson e os Olimpianos – O Último Olimpiano”. O triste, sempre muito triste, é se despedir! Tem como não passar um filme na cabeça dos fãs? Aqueles fãs que lá atrás adquiriram o exemplar de “O Ladrão de Raios” e junto conseguiram o passaporte para o mundo de Percy Jackson? É triste, mas acabou. De um simples ladrão suspeito até se tornar o herói do mundo e Percy foi crescendo, junto com ele cresceu também nossa admiração pelo autor Rick Riordan, que também deixou de ser comparado a outros autores e ganhou nosso espaço de “amado autor amado”. Rick Riordan deu vida, identidade, muito amor, emoção e aventura na saga de Percy Jackson. Seremos eternamente gratos e a cada publicação nova deste autor daremos o devido prestígio. (falaremos mais sobre isto no fim do post)

Em “Percy Jackson e os Olimpianos – O Último Olimpiano” a história é a que o herói vem sendo destinado durante toda a saga, chegou a hora de enfrentar em um duelo mortal o temido e vilão Cronos. Percy tem ainda de saber e interpretar a profecia que finalmente lhe é revelada e que pode mostrar os caminhos para salvar o futuro do mundo. Na trajetória que segue nesta peregrinação entre passado, presente e futuro o mais difícil para nosso herói é superar a perca de amigos e guerreiros importantes que morrem como exemplos de verdadeiros heróis.

Rick Riordam aplicou uma dose tão alta de ação, conseguindo fazer o que só os bons autores conseguem, publicar um filme em nossa mente e transportar a gente para dentro das batalhas. Para os amantes de ação o livro é um presente cheio de conteúdo, pois entre um exercito de mortos comandados pelo Deus Hades e uma multidão de centauros peritos em arco e flecha, é impossível não dar vivas e suspiros com cada inimigo abatido nas lutas. É tudo muito contagiante.

Todos os personagens lutam para evitar a destruição do Olimpo, mas acima de tudo para conquistar sua própria redenção e objetivo pessoal. É aí que mora a emoção. Cenas de família reconhecendo o esforço dos filhos e Deuses tão poderosos cedendo aos conselhos de jovens heróis emocionam com êxito quem lê este livro e sempre desejou ver as tragédias gregas serem um pouco remontadas.

A gente se despede de Percy Jackson, Annabeth, Thalia, Grover, Nico, Quíron, Clarisse e muitos outros amados personagens que nos fizeram companhia ao longo destes seis livros. Mas, vemos nas últimas páginas uma nova profecia ser traçada e já sabemos que em Outubro/2010 uma nova série baseada no Acampamento Meio-Sangue e ambientada anos depois desta, estréia com tudo no cenário literário. Sim, Rick Riordan nos dará estes presente e promete ainda vermos alguns destes personagens em sua nova empreitada chamada “Os Heróis do Olimpo”. Não sei se vai suprir a saudade do mundo Percy Jackson, mas só o fato de saber que novas aventuras regidas pelo Mestre Riordan estão chegando, dá para fazer a gente enxugar as tímidas lágrimas e sorrir. =°D

http://www.notamosque.blogspot.com
comentários(0)comente



Carlos 15/03/2015

Percy Jackson & Os Olimpianos – O Último Olimpiano
O titã Tifão se libertou e está destruindo tudo por onde passa, resta aos deuses acabar com esse inimigo que parece ser indestrutível. Com o monte olimpo vazio, acaba se tornando um alvo fácil, então Cronos move o seu exército rumo a Manhattan para destruí-lo. Com isso resta somente ao acampamento meio-sangue destruir Cronos e proteger o olimpo.

Esse livro fecha todas as pontas soltas que o quarto livro deixou, com certeza esse livro fica em pé de igualdade com o terceiro (A Maldição do titã) que foi o melhor da saga. O último olimpiano está recheado de batalhas, a profecia é perturbadora e você se sente agoniado para saber como tudo vai acontecer.

O crescimento de Percy é nítido ele deixa aquele lado infantil dele e começa a agir como um herói de verdade, e isso deixa o livro mais interessante. O livro é uma guerra constante e difícil parar de ler, Rick Riordan não deixa o leitor respirar e batalha atrás de batalha um frenesi constante. Aqui você vê os personagens mais humanos tendo que fazer o que é certo ou o que é fácil, isso deixa tudo ainda melhor. O desfecho é fantástico e surpreendente a batalha não se limita a apenas batalhas físicas, também temos batalhas interiores onde uma escolha pode salvar ou destruir. E Luke o vilão, se mostra mais humano que tudo.

Com toda certeza essa saga é incrível e merece toda a aclamação que tem, quando terminei se ler bateu aquela depressão, aquela saudade do acampamento meio-sangue, do humor do blackjack (que na minha opinião é o melhor, e eu sempre ria de tudo o que ele dizia), das missões e dos mistérios das profecias. Me esforcei para a resenha não conter nenhum tipo de spoiler, o que poderia acabar com a magia do livro.

Percy Jackson foi parte de um desafio literário que eu fiz nas férias de janeiro, e recomendo muito essa saga pois ela pode parecer um pouco infantil mais demostra, valores e experiências que merecem ser levadas para toda vida.

site: https://fagulhasdamenteblog.wordpress.com/2015/03/15/resenha-percy-jackson-os-olimpianos-o-ultimo-olimpiano/
comentários(0)comente



clara 14/06/2018

O melhor!
melhor livro da série falo com tranquilidade
comentários(0)comente



Dy 27/09/2010

Praticamente o livro todo se passa em uma semana, o que dita um ritmo frenético a história. O fato de que há um espião no acampamento meio-sangue é confirmado, e a tensão de descobrimos quem é perdura até a batalha final - excelente!

Temos a participação de vários deuses menores, o que enriqueceu ainda mais a história. Enfim, adorei tudo do segundo capítulo em diante!
E fiquei com a sensação de que vem mais por ai....
comentários(0)comente

ana 26/10/2010minha estante
Gostei da resenha. ^^

Realmente vem mais por aí, mas parece que dessa vez o protagonista não é mais o Percy. ;)




593 encontrados | exibindo 91 a 106
7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 |