Morgue: A Life in Death

Morgue: A Life in Death Ron Franscell
Dr. Vincent Di Maio




Resenhas - Morgue: A Life in Death


41 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3


Maria Clara 25/11/2019

Um Livro interessantíssimo que revela, mais do que Corpos, a Alma Humana
Terminei agora este Livro que vem me "consumindo" durante dias, me tirando algumas noites de sono, mas que eu não consegui parar de ler até o final.

Livro interessantíssimo narrado pelo do Dr. Vincent Di Maio - um dos maiores Médicos Legistas de todos os tempos, e escrito, de forma brilhante, em parceria com o Escritor Ron Franscell.

Aqui, mais do que Corpos, dilaceramos a Alma Humana em todo o seu horror... Em casos como os das duas 'Serial Killers' de Crianças e Bebês citadas no Livro, entre tantos outros.

Mas, também, vislumbramos a busca pela VERDADE e, através dela, a JUSTIÇA. E este, talvez, seja o real mote do Livro, da História, e da Vida de Dr. Vincent Di Maio.

"O Segredo dos Corpos",
Dr. Vincent Di Maio + Ron Franscell.
By @DarksideBooks
https://amzn.to/35FsNAn

*****
#MariaClaraSpinelli
comentários(0)comente



spoiler visualizar
Isabel.Vilela 06/11/2019minha estante
Sou apaixonada por esse livro


Riva 06/11/2019minha estante
É sensacional!




Otávio 22/10/2019

A justiça muitas vezes não é justa
"Quando dissemos aos promotores que éramos inocentes, eles nos botaram na prisão para passar o resto da vida. Agora que aceitamos a culpa, eles nos põem em liberdade"

Fala sensacional que resume bem o que é o sistemo judiciário. Vincent Di Maio, em O segredo dos corpos, conta alguns casos de sua longa e prestigiada carreira, alguns que esteve diretamente ligado, outros que, devido ao seu vasto conhecimento e experiência, fora consultado, mesmo depois de sua aposentadoria.
É impressionante a caça às bruxas que ocorre logo após um crime e, quando este crime ganha repercussão nacional/mundial, esta caça se intensifica de um modo surreal. É fácil entender porque isto ocorre, o estado se sente pressionado pelos populares para encontrar o assassino o mais rápido possível, para demonstrar sua eficiência e acalmar os ânimos pegando, assim, o primeiro suspeito que aparece. O júri, composto por 12 pessoas comuns, ao ver fotos do crime, principalmente quando envolve crianças, se envolve emocionalmente com o caso deixando a razão de lado, logo o suspeito já é condenado antes mesmo da sua defesa.
É um livro muito bom, mas não recomendo lê-lo direto, pode ser cansativo, é bom ler um caso e mudar para outro livro "normal", assim a leitura não será maçante e você poderá desfrutá-lo melhor.
comentários(0)comente



Leitura Mágica 03/09/2019

Eu esperava mais desse livro.
A história conta com alguns detalhes da vida do Dr. Vicent Di Maio e sua trajetória para chegar até um dos mais importante patologista forense dos Estados Unidos. O livro conta com algumas imagens reais das vitimas e seus agressores e detalhes perturbadores de crimes reais, e breves relatos de como o Dr. Di Maio chegou à conclusão nos mais diversos crimes, e um pouco sobre a vida nada glamourosa de um patologista, desconstruindo aquela imagem que vemos na televisão sobre essa profissão.

“Clínicos gerais tudo sabem,mas nada fazem; cirurgiões nada sabem,mas tudo fazem,psiquiatras nada sabem e nada fazem; e patologistas tudo sabem e tudo fazem,mas aí já é tarde demais.”(pág 65)
Comecei a ler o livro e confesso que fiquei um pouco decepcionada, queria mais detalhes a fundo sobre a patologia, mas não foi o que tive. Só fala superficialmente sobre todos os casos o que é aceitável tratando-se de uma biografia. Breves relatos de vários casos reais (pesquisei no Google e eles realmente existem) que ele teve que lidar e que de fato marcou a vida dele. Então o livro é todo narrado desde o inicio dos fatos até como ele foi resolvido não indo muito afundo nos laudos periciais, só tem o que realmente vai se encaixar na história e que não vai dificultar a vida do leitor e dar um bom entendimento, nada de termos muitos técnicos e quando eles são citados são explicados.
A pesar de esperar mais detalhes a fundo dos casos, o livro continuou interessante e a leitura muito benéfica e inspiradora, conhecer um pouquinho do trabalho de um dos mais conhecidos patologista forense só aguçou mais a minha curiosidade de ler sobre o assunto e aprender mais dessa profissão. Adorei alguns capítulos, porém o meu favorito sem sombra de dúvidas é do Van Gogh soube um monte de coisas interessantes e surpreendentes.


site: aleituramagica.wordpress.com
comentários(0)comente



Prih 02/09/2019

O Segredo dos Corpos Dr. Vincent Di Maio, Ron Franscell - 2017 / 288 páginas - DarkSide Books
Achei melhor começar a escrever sobre este livro antes de termina-lo pois me conhecendo bem deixaria passar não conseguiria e nem iria me lembrar tamanha experiência de amadurecimento que o mesmo me causou. Antes de tudo quero deixar claro o quanto sou fã desta editora, com suas capas maravilhosas e todo cuidado com cada parte da edição dos livros que tem produzido. Afinal este livro me chamou pela capa e ao descobrir que o tema era um dos meus favoritinhos do momento, logo roubei da estante da minha amiga @estantedaste crendo que iria simplesmente devorar este livro e termina-lo rapidamente. Mas qual não foi minha surpresa do quanto a leitura desde o 2° capítulo se tornou arrastada. O livro escrito pelo Dr. Vincent Di Maio, promete nos trazer uma visão diferenciada através de sua visão médica ao dirigir e participar de algumas autópsias. Ou seja eu esperava uma visão extremamente detalhada e analítica de alguns casos e cenas criminais. Mas qual não foi minha surpresa quando, em grande parte do livro o mesmo desviava várias vezes de seus casos para nos contar sobre sua formação, seus realacionamentos,sua mãe, seu pai ou o quão requisitado ele era. Isso alem de me deixar um tanto quanto perdida na historia. Realmente tornava tudo muito cansativo o que me fazia arrastar a leitura. A edição de capa dura é simplesmente incrível traz todo cuidado que a darkside sempre tem, além de que no meio do livro nos deparamos com fotos realistas de alguns casos que o Dr nos apresenta. Há quem diga que leu o livro e achou que quem tem estomago fraco não deveria ler por causa de umas descrições que soam um pouco nojentas ou "pesadas". Mas eu sinceramente não vi nada demais, posso estar enganada...mas achei que ao público que se interessa por esse tipo de literatura não tem nada terrivelmente assombroso.
Mas agora gostaria de saber a opinião de vocês, o que acharam? Espero não ter desanimado ninguém, afinal eu não sou dona da verdade e tenho amigas que amaram este livro.
comentários(0)comente



Carol Ferro @lendocomcarolf 06/08/2019

Resenha @lendocomcarolf
Sinopse: (...) O que realmente acontece em uma autópsia? Você não precisa mais morrer de curiosidade (...) Ler o segredo dos corpos é como estar dentro de um necrotério, participando de uma verdadeira aula sobre patologia criminal.

É um livro é diferente de tudo que eu já li. Confesso que comprei pela capa, nem preciso dizer o porquê. Saí da minha zona de conforto com esse livro, primeiramente por ele ser sobre casos que realmente aconteceram, terminava um capítulo e ia direto no Google ver se foi verdade mesmo. Segundamente por ele ser mais sobre a área médica, que é algo que me interessa. Não dei nota máxima porque acho que alguns capítulos focaram mais nos crimes do que na autópsia em si, e também por alguns capítulos não terem um fim muito conclusivo, mas por ser história real, a gente até entende né!?

Cada capítulo fala sobre um crime que aconteceu, e esse crime se relaciona com as autópsias que foram feitas nas vítimas. Fiquei bastante chocada com alguns casos e, pra mim, o melhor foi o capítulo 9.

Recomendo pra todos que gostam de histórias reais, principalmente quando envolvem crimes.
Sem contar que essa edição da darkside é incrível, desliza as fotos para ver mais detalhes.

- Um dia após os corpos serem encontrados, um detetive compartilhou sua teoria de uma possível ligação entre o crime e rituais satânicos com um agente do juizado de menores. -
comentários(0)comente



Tatah 17/07/2019

Um pouco sobre a morte e seus segredos
No livro temos a narração do médico legista Vicent Di Maio contando um pouco sobre sua carreira e como se tornou um médico bem sucedido em sua área. Paralelo a isso temos casos de homicídio, alguns já conhecidos pelos interessados por crimes, mas agora de uma visão mais técnica, de quem lê o que os corpos podem dizer.

O livro é super interessante, ver os mesmos crimes sob outra ótica é demais. Algumas partes ele acaba se alongando sobre sua vida e carreira, o que pode deixar quem está lendo um pouco entediado já que queremos saber dos casos, mas mesmo assim não deixa de ser interessante entender se onde veio o amor pela patologia forense!

Super indico! É bem legal mesmo! Sem contar que a edição da Darkside é maravilhosa demais!
comentários(0)comente



Laura.Sanches 01/07/2019

?O segredo dos corpos? foi um livro que muito me cativou, não pelo assunto, mas pela ideia de impessoalidade que o autor tenta trazer pra autópsia, o profissionalismo de cada descrição é fantástico! Acredito também que é interessante para contar um pouco da história de como se instaurou nos EUA os patologistas forenses e como até hoje é uma área pequena, talvez até desvalorizada. As descrições das feridas em cada caso é muito interessante do ponto de vista de aprendizado, principalmente pelo autor ser especialista em balística. Enfim, gostei muito da leitura e a recomendo para todos os curiosos como eu!
Raissa 01/07/2019minha estante
Que legal Lau!




Luciana Gonçalves 16/06/2019

Para quem é da área,ou mesmo, gosta do assunto,o livro é bastante técnico e descritivo( lesões). Muito interessante!!
comentários(0)comente



belapereiras 06/06/2019

Demorei um pouco a gostar do livro. Por algumas vezes achei o autor presunçoso ao falar do próprio trabalho como patologista forense. No entanto, à medida que avancei na leitura, pude perceber o grande nível de detalhamento, não só para contextualizar, mas também para explicar as descobertas feitas por ele em cada caso.
comentários(0)comente



Simone Guimarães 03/06/2019

O segredo dos corpos
Amei o livro, apesar de achar que eles podiam ter focado mais nos detalhes da necropsia, pra mim foi um livro que valeu super a pena.
comentários(0)comente



May 18/05/2019

O SEGREDO DOS CORPOS
Di Maio participou de milhares de necropsias em toda sua carreira como médico forense, e nesse livro conta algumas dessas experiências, em casos famosos como serial killers e do assassino do presidente Kennedy.

Esse livro foca em mostrar como são os "bastidores" de uma necropsia e da patologia forense no geral. Longe de ser como em Hollywood, a medicina forense encara diversos problemas, como baixo salário, antipatia das pessoas, e claro, o fato de nem sempre encontrarem as respostas que procuram.

A edição do livro é espetacular, com fotos incríveis e até mesmo fotos reais.

Esse livro estava parado na minha estante, confesso que até a metade do livro foi entediante, não foi o tipo de leitura que pensei que seria. Depois a leitura começou a me cativar mais, ao final, eu gostei bastante, mas ainda pecou em alguns aspectos.

O que ajudou a leitura a fluir mais foi a diagramação, e a escrita do autor, que me ajudou a terminar de ler.
Geovana.Travassos 05/07/2019minha estante
Foi bom ler esta resenha, eu comecei a ler, fui ate uma boa parte mas acabou me entediando também... talvez eu volte a ler! ??


May 09/07/2019minha estante
Que bom que gostou. Entao, pra mim ficou bom depois da metade, então continua sim porque vai gostar. Depois volta me falar se gostou.. Se quiser segue meu instagram @soumlivro




Tirso 27/03/2019

O porque da morte está nos detalhes!
Quando comecei a ler esse livro acreditava que iria falar única e exclusivamente sobre patologia forense, mas ainda bem que errei! São vários capítulos com casos que realmente vão ficar na minha mente por muito tempo.

Não vou negar que teve uns capítulos que achei cansativos e por incrível que pareça na minha concepção os "piores" são os casos famosos, como o do Kennedy. Em contrapartida, o capítulo que fala sobre a enfermeira que mata as crianças é chocante! E os dois capítulos onde fica claro a condenação de "criminosos" que pela patologia são inocentes é de dar raiva em um nível que te faz questionar todo o sistema judiciário.

No geral o livro é cheio de altos e baixos, mas os altos são memoráveis. O capítulo final, onde é feito um apelo para futuros médicos seguirem a patologia forense chega a ser triste, realmente parece não parece ser uma área tão rentável quanto outras da medicina, mas é como o autor disse "clínicos gerais tudo sabem, mas nada fazem; cirurgiões nada sabem, mas tudo fazem; psiquiatras nada sabem e nada fazem; e patologistas tudo sabem e tudo fazem, mas ai já é tarde demais".
comentários(0)comente



Júlia Morales 12/03/2019

O segredo dos corpos
O livro é bom, mas dá mais importância para o desfecho dos casos do que para o exame do corpo feito por um patoligista forense.
comentários(0)comente



Ronaldo 07/02/2019

Quando li a sinopse na contracapa achei que se tratasse de um livro que retratasse a rotina de uma sala de autopsia, mas não é bem isso. A editora forçou um pouco vendendo-o como algo bem mais macabro do que realmente é. O autor se foca muito mais nos desdobramentos jurídicos dos casos em que atuou do que em relatar as peculiaridades de um necrotério, mas isso não quer dizer que me decepcionei com a leitura. Muito pelo contrário, foi um livro que me chocou, me emocionou e, principalmente, me revoltou. É impressionante o amor que o Doutor Vincent di Maio tem por sua profissão, desempenhando-a da maneira mais honrosa. Ele fala dos mortos de um modo tão respeitoso, descreve sua carreira de maneira tão apaixonada e se empenha tanto em trazer a luz em casos tão mirabolantes que não há como não sentir uma profunda admiração por esse profissional. Há diversos tipos de casos no livro, mas o ponto em comum entre todos eles é o quanto o papel da perícia forense é fundamental pra definir os rumos de um processo criminal. Uma má perícia, que por sua vez é interpretada de maneira tendenciosa por investigadores que tentam encaixar os indícios dentro de suas teorias pré-concebidas, pode dar um aspecto totalmente distorcido à resolução de um crime. Some-se a isso a opinião publica incitada por uma imprensa sensacionalista, advogados incompetentes e um sistema judicial desinteressado e o destino de um suspeito pode ser definitivamente comprometido, tanto no sentido de absolver um culpado quanto no de condenar um inocente, o que é bem comum. Por incrível que pareça, mesmo que surjam pistas da inocência de um réu após sua condenação, muitos tribunais se recusam a fazer um novo julgamento para poupar custos, evitar processos indenizatorios e expor a ineficiência de um sistema que deveria existir para proteger a sociedade das injustiças. E isso nos Estados Unidos, um país de primeiro mundo. Pessoas inocentes podem passar o resto da vida na prisão só por que um pequeno grupo prefere "evitar a fadiga". É impressionante o quanto alguns casos tiveram uma perspectiva totalmente diversa após um exame mais eficiente dos indícios criminais. Há sim nesse livro, casos em que a medicina legal ajudou a colocar assassinos terríveis na prisão, evitando assim que crimes hediondos se perpetuasssem, mas isso não tira o gosto ruim que fica da injustiça a que todos estamos sujeitos.
comentários(0)comente



41 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3