A Desconhecida

A Desconhecida Mary Kubica




Resenhas - A Desconhecida


74 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5


Karen Cristhina 29/11/2021

Pelo menos gostei do final
Esse livro foi bem lento, um ritmo completamente diferente de Garota Perfeita. A leitura foi arrastada, porém acho que cada coisa acabou se encaixando no final.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Andy.Sena 16/11/2021

Meu 2 livro da Kubica e definitivamente, não é pra mim. A escrita dela é interessante, fluída, mas a história arrastada demais e plots sem graça. Nesse livro em específico, achei tudo tão previsível, personagens nada cativantes e apenas o final que trouxe um fôlego e me fez dá mais uma estrela.
comentários(0)comente



Ju 01/11/2021

Tanto faz
O livro tem uma leitura bem fluída, mas pra mim foi um livro "tanto faz", os personagens são rasos e sem graça, não gostei do enredo da estória, e achei o final bem preguiçoso.
comentários(0)comente



vic 25/10/2021

Gostei do livro mas em alguns momentos senti que a história se arrastava, a personagem narrava de forma muito detalhada e isso fez com que eu perdesse um pouco do interesse. Achei a ideia interessante mas não vi nada que me deixasse muito surpresa, apenas um acontecimento ou outro que me fizeram gostar do plot mas, no geral, não é um livro que eu leria de novo.
comentários(0)comente



Greg 27/09/2021

O mistério ao tédio
A obra traz vários elementos de narrativas focados em levar ao leitor á aquele cenário. E isso consegue, mas se torna uma papinha tão ruim que não dá para mastigar. Vale apena ler, porém, o leitor tem que ter em sua cabeça que este tipo de obra é mais uma análise narrativa. Do que um mistério grandioso.
comentários(0)comente



magalhaes_055 25/09/2021

Perda de Tempo!
Esse é o 3° livro da autora que eu leio e foi um arrependimento, a escrita é até boa mas todos os personagens são chatos, enredo chato, não consegui entrar na história, fiquei uma semana enrolando pra ler esse livro.

E quando a gente chega no final, eu achei que a autora ia criar pelo menos uma reviravolta no final assim como no "A Garota Perfeita", mas não, deixou muito a desejar um livro inteiro.
comentários(0)comente



taianewithane 10/09/2021

Muito bom!
Primeiro livro que leio dessa autora, e não estou decepcionada. Embora o livro não seja bem um suspense, eu gostei muito do enredo. Acho que o livro tá mais pra um drama bem construído!

Os personagens são interessantes e a linguagem é bem direta,crua. Recomendo
comentários(0)comente



Daniele.Marques 06/09/2021

A desconhecida
Claire uma orfa é destinhada a uma familia considerada abençoada para cuidar dela apos a morte de seus pais, mas ela era enganhada e proibida de sair...tinha dois irmaos isaac e matthew o qual a ajudou depois de muito tempo a sair daquela casa...ficou na rua com.uma bebê que devido seu passado a impulsionou a fazer coisa que nao eram certas....conheceu heidi que a ajudou dando abrigo e comida por uns dias...mas queria ficar com a bebê devido um trauma que viveu a 11 anos atras..por fim a culpa por ter assassinado o homem que a usou foi revista e ela passou a viver em abrigo ate maioridade .mas nunca esqueceu matthew
comentários(0)comente



Marina Mendes 19/08/2021

Mais um instigante thriller psicológico da mesma autora de A Garota Perfeita, best-seller do The New York Times Todos os dias, a humanitária Heidi pega o trem suspenso de Chicago e se dirige ao trabalho, uma ONG que atende refugiados e pessoas com dificuldades. Em uma dessas viagens diárias ela se compadece de uma adolescente, que vive zanzando pelas estações com um bebê. É fato que as duas vivem nas ruas e estão sofrendo com a fome, a umidade e o frio intenso que castigam Chicago. Num ímpeto, Heidi resolve acolher Willow, a garota, e Ruby, a criança, em sua casa, provocando incômodo em seu marido e sua filha pré-adolescente. Arredia e taciturna, Willow não se abre e parece esconder algo sério ou estar fugindo de alguém. Mas Heidi segue alheia ao perigo de abrigar uma total estranha em casa. Porém Chris, seu marido, e Zoe, sua filha, têm plena convicção de que Willow é um foco de problemas e se mantêm alertas. Em um crescente de tensão, capítulo após capítulo a verdade é revelada e o leitor irá descobrir quem tem razão.

comentários(0)comente



Dheyvison | NeverGiveUp 19/08/2021

SONHOS DESTRUÍDOS
Heide é uma mulher simples, integrante de ONG que ajuda refugiados com alimentos, abrigo e educação. Ela tinha um grande sonho que era ter muitos filhos mas após seu 1o bebê, uma tragédia acaba com seu sonho para sempre. Após anos de depressão ela tenta superar esse fato, mas sua vida e de sua família muda quando ela encontra uma certa garota de rua. Willow uma garota um dia foi feliz, perdeu td o que mais amava mãe, pai e irmã, após ser adotada por um ser asqueroso a vida dela se torna um verdadeiro inferno. Quando a vida dessas duas pessoas se encontram a família que já andava a beira da ruína, sobre um choque de realidade inimaginável. Willow não está sozinha ela tem um bebê em seu colo, Ruby como é chamada, traz luz à vida apagada de Heide. Mas nem td é o que parece Willow trás mts segredos na bagagem e um lado sombrio de Heide nos é mostrado ao fim desse romance. Cheio de drama e tensão A Desconhecida evoca de um jeito diferente Carrie de Stephen King, esse é um thriller psicológico que eu vou recomendar a vcs com tds as minhas forças.
comentários(0)comente



Cris 09/08/2021

Apesar da narrativa simples da autora, o livro trata de temas pesados, como abuso infantil, depressão, problemas familiares, miséria? Não é uma leitura fácil e o livro exige um pouco do nosso emocional, mas no geral é uma leitura intrigante!
comentários(0)comente



Bia 22/07/2021

Super recomendo
A história é incrível, muito bem escrita e vai soltando os segredos aos poucos deixando aquele gostinho de preciso saber mais. Me surpreendi muito com a história das duas e o final, vou nem comentar
comentários(0)comente



Mila.Maluka 16/07/2021

A Desconhecida
Heidi é uma humanitária que trabalha numa ONG em prol dos refugiados e se compadece de uma adolescente que vive numa das estações de trem com uma bebê. Heidi resolve levar Willow (a adolescente) para morar em sua casa. A partir daí, inicia um thriller psicológico com toda a família de Heidi e essa desconhecida com a bebê. Gostei do final mas achei o livro um pouco cansativo.
comentários(0)comente



Ruan 09/07/2021

Definitivamente é o pior livro que eu já li. De início parece até interessante, mas nossa, o desenvolvimento desse livro é péssimo. Personagens extremamente ruins, sem desenvolvimento ou construção... 3 pontos de vistas, sendo que 2 deles não servem pra nada, a não ser enrolar ainda mais essa história, tornando tudo ainda mais forçado.

A narrativa é exaustivamente repetitiva, com pouquíssimos diálogos e uma construção baseada em descrição, que no fim não levou a nada.

Quase 400 páginas e não acontece nada e ainda entrega um final totalmente inverossímil. Os personagens são totalmente patéticos e com profundidade de um pires.

Horrivel, um espanto!
comentários(0)comente



74 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5


Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR