O Selvagem

O Selvagem Kristen Ashley




Resenhas - O Selvagem


12 encontrados | exibindo 1 a 12


Fernanda.Alves 16/02/2020

Mais um da série: Li e não leria de novo nem se me pagassem!
Não vi a hora disso aqui acabar, gostei do primeiro livro foi bem interessante, mas me decepcionei demais com esse aqui.
Coisas que quando terminei a leitura fiquei sabendo:
* a Tessa é uma trouxa do começo ao fim.
* Não vi nada de uma mulher madura (para a idade que tinha)
* Queria ver barraco e baixaria com a ex-mulher, pq é para isso que elas aparecem nesses casos!
* Esse boy para mim foi falso do começo ao fim!
* Melhor parte do livro é o ambiente familiar retratado, só continuei por causa disso!
comentários(0)comente



Carolina DC 18/02/2018

"O Selvagem" é o segundo livro da série O homem dos meus sonhos e tem como protagonista Tess e Brock. Tess O'Hara tem 43 anos e é dona da confeitaria Bolos da Tess. É uma mulher doce, altruísta e totalmente adorável, que passou por um casamento conturbado e doloroso. Por conta desse terrível casamento, ela teve que abrir mão do sonho de ser mãe e encontra sua alegria deixando a vida dos outros mais doce com seus bolos, tortas e outras guloseimas.

A história é narrada em primeira pessoa e no prólogo, vemos Tess em um momento íntimo com Jake antes de sua casa ser invadida e ela ser levada para interrogatório. Acontece que Tess estava na mira de várias entidades da lei graças ao seu ex-marido, que entrou em contato com ela seis meses antes e não a deixa em paz.

Tess foi casada com Damian Heller por dez anos e após viver um bom tempo em um relacionamento abusivo, ela saiu de casa, pediu o divórcio e recomeçou do zero, levando consigo apenas o cachorro e abrindo mão de todo o dinheiro que teria direito. Apesar de todos os problemas, a protagonista não imaginava que o ex era o maior distribuidor de narcóticos de Denver, com ligações diretas com a Colômbia.

E mais do que isso, ela não imaginava que "Jake" era na verdade Brock "Slim" Lucas, um agente disfarçado do DEA, com a missão de descobrir se ela estava envolvida nos negócios do ex-marido. Tal descoberta é um tapa na cara da mocinha, pois Jake/Slim foi o primeiro homem em anos após o divórcio que ela se interessou.

Três meses se passam desde o interrogatório e Tess fez algumas mudanças de vida, inclusive colocar a casa que ama a venda para sair de Denver, um local com lembranças dolorosas. O que ela não esperava era Slim batendo em sua porta e decidindo que ela teve tempo suficiente para lidar com o que aconteceu e exigir uma nova chance. Uma chance real. Uma chance para um relacionamento de verdade.

"A minha Tess foi doce desde o momento em que a vi até o beijo de boa noite. Eu sei que o que aconteceu foi péssimo e que lhe fez muito mal, por isso estou disposto a enfrentar isso junto com você. Mas você precisa saber que quando eliminarmos esse obstáculo, você não vai ficar nos arrastando de volta o tempo todo para ficarmos íntimos disso." (p. 45)

Acontece que ter um relacionamento com Slim não é nada fácil. Sua família é uma completa confusão. Seu pai, Cob, era infiel e agressivo e abandonou a esposa e os quatro filhos, deixando para Slim a responsabilidade de ser o homem da casa. Mas agora, aos 68 anos de idade e com uma recaída do câncer aproxima-se para tentar fazer as pazes com os filhos e passar um tempo com os netos. Não é preciso dizer que nem todos os filhos concordam com isso e Fern, a matriarca da família, não está feliz. E ainda temos Olivia, a ex-mulher de Slim, uma megera (é a única palavra educada que posso usar para essa personagem). Eles tem dois filhos juntos: Joel e Rex e essa mulher os usa como peão para conseguir o quer: fazer a vida de Slim um inferno. Então imaginem o cenário: dois exs infernais que não os deixam em paz, um pai morrendo de câncer, um emprego perigoso, crianças e muitos problemas com a lei.

Slim tem 45 anos de idade e é conhecido como um bad boy. Trabalha disfarçado, dorme com todas as mulheres possíveis e não liga para nada. Mas não é bem assim. Sim, ele é rude, mandão e cabeça quente, mas durante a leitura observamos um homem que também é sensível e preocupado, principalmente com a Tess, seus filhos e família.

"-Certo, minha Tess doce, sexy e completamente inocente, com seus óculos, cabelo lindo e cheio, e seios maravilhosos, que sabe fazer um bolo pelo qual a maioria dos homens trocaria suas bolas e que olha para você como se você fosse o único filho da mãe no planeta, que passa seis anos sem ninguém quando a metade dos caras da sua confeitaria deve dar em cima de você e você nem faz ideia, foi essa Tess que seguiu em frente. Eu vejo isso. Totalmente. Obviamente estamos bem." (p. 74)

Por exemplo, a Tess não havia contado para ninguém, nem mesmo para sua melhor amiga Martha, a violência que sofreu no casamento. Slim é delicado com ela, a ajuda na recuperação emocional e está sempre pedindo o contato com os olhos dela, para conseguir ler suas emoções. Ele também tem o hábito de estar sempre abraçado com ela, tocando-a, mantendo-a próxima. É bonito de ser como Slim coloca Tess em primeiro lugar e que não existem joguinhos no relacionamento deles. Os dois são muito sinceros um com o outro, desde coisas banais a assuntos sérios. Ele não a deixa no escuro quando o assunto são os problemas que Damian e Olivia causam, ou até mesmo sobre a discórdia que ocorre na sua família. Slim conta tudo a ela na mesma hora, deixando-a ciente de tudo, ajudando-a a ganhar sua confiança de volta.

"-Ele te cortou profundamente, e esse tipo de corte deixa uma cicatriz feia. Acontece que a minha garota não ficou por aí inocente e sem um homem por seis anos por causa de uma cicatriz. Eu não entendi por que você não falou sobre ele quando estávamos juntos, mas agora eu entendo. A minha garota fez isso porque ele deixou uma coisa feia com você, e você precisa descarregar isso, Tess. Você tem de deixar isso para trás para poder me ver agora, nesse momento, do jeito que realmente sou e que estou com você." (p. 76)

Claro que não é um relacionamento perfeito. Slim tem uma personalidade forte e muitas vezes é autoritário e arrogante, mas também é suave e compreensivo. Os dois escolhem as batalhas que vão lutar.

Vários personagens são apresentados nesse livro e muitos deles conquistam o coração do leitor. Joel e Rex são dois garotos maravilhosos que estão em uma situação ruim. São inteligentes, carinhosos, jovens e cheios de vida. Dade, o marido de Olivia, é um homem maravilhoso e ama os enteados. Martha é dramática, mas é uma amiga leal e determinada a lutar pelo melhor para Tess. Elvira e todas as meninas da Irmandade são loucas, hilárias e cheias de comentários diretos e honestos, que arrancam gargalhadas durante a leitura. Esses são apenas alguns dos personagens que dão um toque especial.

"Fiquei pensando se Elvira e Martha não formariam uma bela dupla. Denver era uma cidade relativamente pacífica. Nunca ouvi falar de rebeliões, estados de sítio ou tomadas de terra por militância hostis, e estava prevendo isso se aquelas duas se juntassem e recrutassem a população da área metropolitana de Denver em protesto para proteger todas as mulheres dos homens babacas." (p. 60/61)

Em relação à revisão, diagramação e layout a editora realizou um bom trabalho. Existem alguns erros de digitação e continuação e a capa é bonita, mas não traz elementos próprios do enredo.

"-Querida, se você está pensando que eu encontrei a mulher dos meus sonhos aos quarenta e cinco anos e vou deixar alguma coisa acontecer com ela, pode repensar. É tempo demais de espera pelo que a gente quer. Eu esperei. Eu encontrei. Eu estou investindo tudo o que tenho para tomar conta disso." (p. 389)
Marisa 01/05/2018minha estante
Achei que essa capa não tem absolutamente nada do casal


Carolina DC 01/05/2018minha estante
Pois é, Marisa... Essa capa tem apenas modelos bonitos, mas não faz relação com o conteúdo... Bjkas




July 27/01/2018

O que gosto...
O que amei nesse livro foi o casal em um todo, adorei o fato de serem um casal sem joguinhos, um homem que não tem medo de falar a verdade, e uma mulher que não dá "Piti" sem noção, sem razão, eles resolvem os problemas juntos sem tirar a independência um do outro, amo livro assim e eles são difíceis de achar... Quero mais história onde o casal confia um no outro e é verdadeira e honesto um com o outro, não deixando que outros os separem...
comentários(0)comente



Laura 27/12/2017

ENTÃO... Esse não seria o homem dos meus sonhos.
Preciso começar dizendo que sou fã da autora, a Serie Fantasyland dele é ótima, inclusive o primeiro dessa serie foi muito bom, porém esse foi difícil.
Passei o livro dizendo, vou largar esta droga, ou reclamando dos personagens e cenas, mas continuei porque sou curiosa, queria saber onde isso iria dar.
Os personagens principais não me ganharam, como a maioria das mulheres gosto de um bom bad boy, mas esse estava mais para abusivo, chato, ele tinha uma personalidade horrível (e depois metem o pai no pobre do Mr. Grey risos!)
tentei de verdade gostar dele, mas não rolou, ai vocês podem achar que gostei da mocinha, e eu digo, de jeito nenhum, ela fica na linha entre boazinha e idiota (risos!!) Depois teve o problema do Então.
ENTÃO eu gostaria muito de ter contado quantos ENTÃO a autora escreveu neste livro.
ENTÃO eu poderia dizer para vocês. ENTÃO vocês veriam que foram muitos ENTÃO.
Brincadeiras a parte, foi chatíssimo ler tantos ENTÃO (risos!) Eu não sei onde a autora estava com a cabeça.
E para não dizer que foi tudo ruim, teve partes boas, mas infelizmente não conseguem superar as ruins ou fracas. Vai ganhar 2 estrelas.
E sim vou continuar a ler a serie e a autora, porque como falei ela tem muitos livros bons e é uma boa escritora no geral.

Manu 31/08/2018minha estante
Cara, concordo com tudo que voce disse. Eu tentei, eu juro que tentei, mas nao aconteceu nada de extraoodinario no livro, totalmente o oposto do primeiro livro da serie. O livro ja começa com o casal formada e como você disse a Tessa parece uma idiota porque ela simplesmente aceita tudo o que o Brock diz, ou seja, ficou um casal sem emoçao, sem paixao, sem quimica... Eu fiquei bem decepcionada. Mas partindo para o 3, vamos ver..




Luiza 27/11/2017

O Selvagem
Tessa O'Hara é uma confeiteira de sucesso em Denver. Seus bolos e biscoitos são requisitadíssimos e não existe cliente que não os adorem. Uma tarde, um cara do tipo "homão da po***" (desculpem, mas não há expressão melhor para descrevê-lo) entrou em sua loja e o chamou para um café e ela aceitou. Simples assim, em coisa coisa de menos de trinta segundos.

Mas quatro meses depois Tess descobriu, da pior maneira possível, que Jake Knox, o homem dos seus sonhos era um policial disfarçado incumbido de vigiá-la de perto para descobrir se ela ainda tinha algum tipo de relacionamento (amorosos ou não) com seu ex-marido, Damien Heller, o maior distribuidor de narcóticos da cidade.

Três meses depois o agente Brock Lucas vai a casa dela exigindo a conversa que ela lhe prometera na ultima noite em que fizeram amor (a mesma em que invadiram a casa dela no meio da madrugada para interrogatório na delegacia).

O jogo está contra Brock dessa vez. Tessa já passou por coisas ruins demais por confiar em alguém que não merecia e pagou caro por isso. mas Brock já se deixou envolver demais pela doce Tess para deixar o caso deles morrer em amargura. Ele está determinado a mostrar a ela que eles podem ser tudo o que eles que a vida pode ser doce e repleta de felicidade.

Esse livro teve, contra ele mesmo, ter sido precedido por um das histórias que mais marcaram meu ano (e é bem difícil mesmo competir com Hawk Delgado) e cheguei a ficar com medo de me decepcionar com a autora. Não me decepcionei, ela até atendeu às minhas expectativas, mas Brock não me encheu muuuito os olhos.

É estranho, mas achei difícil montar os personagens na minha mente. Quer dizer, quando Brock fez sua ponta de participação em O Estranho, me pareceu que ele tinha a mesma faixa etária do Hawk (uns trinta ou trinta e quatro anos). Mas ele tem quarenta e cinco e ela quarenta e quatro. Sobrinhas de dezesseis anos de uma irmã mais nova e dois filhos de quatorze e doze anos.

De um modo geral, e apesar das coisas estranhas, O Selvagem é uma história bacana e bem escrita. Fiquei meio triste por não poder ter o final que eu gostaria (coisas da idade), mas como posso reclamar de um final feliz?

site: http://www.oslivrosdebela.com/2017/11/o-selvagem-kristen-ashley.html
comentários(0)comente



Debyh 23/10/2017

80% romance, 10% erótico, 5% ação e 5% comédia
Antes de mais nada esse livro não é o que eu esperava, e não isso não é algo ruim. Eu esperava algo mais erótico e sem sentido e tive uma boa surpresa quando encontrei protagonistas reais que estão dispostos a enfrentar problemas e situações um tanto quanto chatas para ficarem juntos.
Brock é o tipo de homem durão e que faz o que acha ser certo. Quando se depara com Tess encontra nela o tipo de mulher que acho que não existisse mais, já que ela é completamente doce, mas que mesmo assim possui um passado em que foi muito magoada.

(continua no blog Eu Insisto - link abaixo)

site: http://euinsisto.com.br/o-selvagem-o-homem-dos-meus-sonhos-2-kristen-ashley/
comentários(0)comente



Lenna.Moraes 09/09/2017

Gostei da história até certo ponto.
Tessa é uma mulher doce, independente, que após sofrer com um casamento abusivo, deu a volta por cima.
Brock é um policial que entra disfarçado na vida de Tess para investigar o ex marido dela.
Já no começo do livro, fiquei decepcionada. Achei que a Tess perdoou o Brock rápido demais. Está certo que o que ele fez não foi nada grave, mas ninguém gosta de ser enganado. Gostaria de tê-lo visto suar um pouco a camisa para reconquistá-la de volta. Mas só foi ele exalar feromônio que a Tess se derreteu toda e esqueceu o que ele fez. Eu não gostei dele. Tentei de todas as formas me apegar ao personagem mas não consegui. Achei ele chato e irritante, pelo menos na maioria das vezes e a Tess condescendente demais. Gostei mais do primeiro livro.
Laura 27/12/2017minha estante
Eu só li ate agora 38% do livro e já estou de saco cheio da Tess e do Brock e da família toda dele, até o momento o personagem mais descente é a Elvira rsrsrsr!!!




Barbara 05/08/2017

O primeiro deu pra engolir, mas esse é intragável, não dá. Achei o Brock um embuste.
Kris Monneska - Conversas de Alcova 16/10/2017minha estante
Me abraça, nunca vi mocinho tão abusivo. Nossa horrível esse livro!


Barbara 21/03/2018minha estante
Siim Kris, bota abusivo nisso. Quando eu vi que ele tava pegando no pé das amigas dela, querendo afastá-las da Tessa só pq elas estavam querendo protegê-la, já desisti, essas autoras romantizando relacionamento abusivo me dão asco.




Leituras e Delírios 19/07/2017

O Selvagem é o segundo volume da série O Homem dos Meus Sonhos da autora Kristen Ashley publicado no Brasil pela Fábrica 231. Se você ainda não leu o primeiro livro, pode encontrar resenha dele aqui.

Brock Lucas é um homem da lei, e ele leva essa função bastante a sério. O rapaz se envolve até o último fio de cabelo em seus casos e é assim que ele conhece Tessa O'Hara, ele acaba sendo designado para investigá-la disfarçado e se envolve com ela. Tess sofreu horrores na mão do ex-marido, hoje ela deu a volta por cima, é dona de uma confeitaria e ama bolos, depois que ela conhece Jake acaba por se abrir e dar uma chance ao amor, até que ela descobre que Jake na verdade se chama Brock e que ele na verdade é um policial disfarçado que está investigando seu ex.

Tess é uma personagem doce e decidida, ela resolve seus problemas com Brock logo nos primeiros capítulos da trama, então não lidamos com aquele drama desnecessário. Porém as doses de loucura e drama seguem a vida desses dois, pois o ex dela é no mínimo sem noção e ele tem uma ex que é daquelas personagens que você quer matar logo de primeira.

Resenha completa no blog!

site: http://www.leiturasedelirios.com.br/2017/07/o-selvagem-kristen-ashley-o-homem-dos.html
comentários(0)comente



Fernanda 12/07/2017

o Selvagem
Resenha no blog:

http://www.segredosemlivros.com/2017/07/resenha-o-selvagem-kristen-ashley.html

site: http://www.segredosemlivros.com/2017/07/resenha-o-selvagem-kristen-ashley.html
comentários(0)comente



bbbruna_ 14/06/2017

Curti
mutio bom!
comentários(0)comente



12 encontrados | exibindo 1 a 12