Anne de Green Gables

Anne de Green Gables L. M. Montgomery




Resenhas - Anne de Green Gables


110 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Fernanda 02/07/2016

Uma estória despretensiosa que conquista
Sabe quando um livro supera todas as suas expectativas com uma simplicidade e doçura próprias? Este é Anne de Green Gables. Comprei o livro porque é da editora Pedrazul; porque é descobri que é um clássico; pelas avaliações aqui no skoob; e porque descobri que a editora irá lançar a continuação sob encomenda.
Anne de Green Gables é tudo o que uma história deve ser e muito mais. L.M. Montgomery se utiliza de uma escrita simples para narrar a história de uma órfã adotada por um casal de irmãos solteirões.
A órfã , Anne, é uma menina doce e sonhadora capaz de cativar até mesmo o mais bruto dos corações. Marilla é uma mulher seca e desacostumado a demonstrações de afeto, mas começa a mudar seus velhos hábitos com a chegada de Anne. Matthew é um homem doce e sereno que possui medo de mulheres e menininhas; Anne é a única exceção para o seu receio.
Anne de Green Gables é um ótimo livro tanto para adultos, como para crianças. Tenho toda a certeza de que se eu tivesse lido essa história quando pequena, seria a minha favorita de todas. É engraçada, doce, simples e nos faz perceber pequenas coisas da vida as quais deveríamos dar mais valor.
Indico para toda e qualquer pessoa. Definitivamente esta história será guardada pra sempre no meu coração e tornou-se uma das minhas favoritas
Elogio adicional a tradução impecável e revisão de texto. As notas de rodapé são de muita utilidade. Fico feliz quando leio um livro bem traduzido e revisado.
Luciana 15/05/2017minha estante
Você leu em português?


Fernanda 15/05/2017minha estante
Oi, Luciana. Li sim. A tradução para o português foi lançada pela editora Pedrazul e é impecável. Uma das melhores traduções que já li. Essa edição está a venda no site da editora. Vale muito a pena!


Luciana 15/05/2017minha estante
Obrigada


Luciana 15/05/2017minha estante
Ele tem fim, ou tem mais livros?


Fernanda 15/05/2017minha estante
Ele tem continuação. É uma série de oito livros, se não me engano. A Pedrazul está para lançar o segundo e terceiro volumes. A tradução está quase finalizada, pelo que me disseram.
Mas não é necessário ler a continuação. O final do primeiro livro já é satisfatório. O fim é bem amarrado. Mas se você se apaixonar tanto quanto eu, vai precisar dos próximos volumes. Hahahaha


Luciana 15/05/2017minha estante
Obrigada


Luciana 15/05/2017minha estante
Vou precisar com certeza rs


Fernanda.Mara 02/05/2018minha estante
Oiê, fui no site da editora Pedra Azul que vc indicou e la o livro tem 236 páginas e esse aqui das resenhas do skoob tem 480! Vc saberia me dizer porque essa diferença?
Obrigada


Carolina 22/05/2018minha estante
Fernanda Mara, a diferença na numeração das páginas se deve unicamente ao tamanho da fonte utilizada. As letras são maiores na edição da Martins Fontes e menores na da Pedrazul, mas ambas contêm o texto integral.




Evy 27/06/2016

Uma salva de palmas para a L.M. Montgomery por criar esta maravilha!

Esse é o exemplo de um livro perfeito.
Um livro perfeito não precisa de uma história floreada, cheia de acontecimentos surpreendentes para ser perfeito. Sabe do que ele precisa? De alma. De fazer com que o leitor sinta, viva, aquele livro.
Este livro perfeito para ser o que é apenas precisou de uma mente habilidosa e uma menininha de onze anos chamada Anne Shirley para ser marcante.

Anne de Green Gables conta a história da órfã Anne Shirley que acaba sendo adotada pelo casal de irmãos Matthew e Marilla Cuthbert, de Green Gables. Primeiramente Matthew e Marilla queriam um menino, mas por um engano lhes é dado a Anne. O Matthew é um homem idoso e solteirão extremamente tímido e apesar de ter querido um menino, não consegue resistir ao encanto da menina Anne. Marilla no entanto é mais firme e não é conquistada imediatamente, porém depois de decidirem ficar com Anne, aos poucos a menina vai ganhando o coração de Marilla.
É lindo ver a forma como Anne vai criando seu lar em Green Gables, cada pequena ação que traz a vida para esse lugarzinho antes habitado apenas pela monotonia de dois irmãos solitários.

Anne é uma menina especial, desde cedo ela aprendeu a se refugiar na sua imaginação; imaginação que permite-a ver as coisas de maneira diferente, ela vê as possibilidades, aprecia melhor as dádivas da natureza, tem um conceito muito interessante da vida desde uma idade tão jovem. Tudo isso sendo uma doce menina, dada as suas diabruras, mas nem um pouco intratável e rebelde. Esse é o livro de uma excelente menina em sua jornada para ser uma grande mulher.

Adorei acompanhar a busca dela por suas “almas gêmeas”.

Suas reflexões sobre a vida:
"- Você põe o coração com tanto ardor nas coisas, Anne - disse Marilla, com um suspiro. -, que temo que existam muitas desilusões guardadas para você na vida.
- Oh, Marilla, a metade do prazer que há nas coisas é aguardar ansiosamente por elas! - exclamou Anne - Você pode não chegar a obtê-las, mas nada pode lhe impedir de se divertir ansiando por elas. Mrs. Lynde diz, 'Benditos sejam os que não esperam nada, pois não serão desapontados'. Mas eu penso que seria pior não esperar por nada do que ser desapontada."

Suas hilárias aventuras! Ri demais com a embriaguez da Diana e o bolo feito com linimento kkk

Sua positividade:
"Anne, com seus cotovelos apoiados no peitoril da janela, suas bochechas suavemente encostadas nas mãos unidas e seus olhos cheios de visões, olhava despreocupadamente por sobre os telhados das casas e pináculos da cidade para aquela gloriosa abóbada de céu poente, e tecia seus sonhos de um futuro provável com os fios dourados de seu próprio otimismo juvenil. Todo o Além era seu, com suas rosadas possibilidades espreitando nos anos futuros - cada ano uma rosa de promessa a ser tecida em uma grinalda imortal."

Sua tola competição com Gilbert Blythe;
Sua linda amizade com Diana;
O tímido Matthew indo comprar vestidos para Anne (e comprando no lugar um ancinho e kilos de açúcar! Kk);
Marilla e sua secura que era uma camuflagem para ninguém ver seu profundo amor por Anne e o quanto a Anne mudou-a;
Toda a Avonlea e seus bosques, a Floresta Assombrada, a Lagoa das Águas Brilhantes, o Descanso Silvestre...
Toda a nostalgia do fim. Os sofrimentos, sacrifícios e entendimentos que acompanham o curso do começo de uma vida adulta.
Tudo nesse livro é especial.

OBS: Esse é o primeiro livro de uma série de oito que conta toda a história de vida da Anne, infelizmente anos atrás outra editora apenas lançou Anne de Green Gables aqui no Brasil, mas em 2015 a Pedra Azul resolveu apostar na L.M. Montgomery e publicou esse livro, e agora em 2016 o segundo livro (Anne de Avonlea) já está em tradução, porém só será vendido por encomenda. Infelizmente apesar de ser uma série clássica extremamente famosa no exterior, é pouco conhecida entre os brasileiros, o que é uma pena.


Eis uma maravilha que fiquei feliz de conhecer e ler.
raissa.pinto.9 27/06/2016minha estante
Quero!!!! Preciso deste livro!


Evy 27/06/2016minha estante
Raaaissa leia pra ontem! Kkk
Vale a pena demais. Fiquei desde o ano passado namorando esse livro no catálogo da Pedra Azul e agora tenho vontade de me dar um peteleco mental por ter demorado tanto a comprá-lo kk


raissa.pinto.9 28/06/2016minha estante
hahaah Eu estou assim também, mas será uma das próximas compras!


Evy 28/06/2016minha estante
E depois que lê-lo não esquece de mandar o email para a Pedra Azul sobre o segundo livro, quanto mais pessoas pedirem melhor são as chances da publicação impressa ser realizada *-*


raissa.pinto.9 28/06/2016minha estante
Pode deixar! Estou participando de todas essas campanhas, até agora eles não conseguiram pessoas suficientes para a publicação dos Oito irmãos :/


Luciana 15/05/2017minha estante
O livro tem sequência? Assisti a série e estou louca pra ler o livro agora


Evy 15/05/2017minha estante
Tem sim Luciana, esse é o primeiro de 8. O volume 2 (Anne de Avonlea) sai ainda esse ano pela Pedrazul :)


Luciana 15/05/2017minha estante
Nossa 8?? Mas vale a pena, ruim é esperar pra todos serem lançados.




Ana Luiza 23/07/2018

Resenha | Anne de Green Gables | Blog AnaLuizaMedeiros.com
...
Anne me encantou e se transformou, facilmente, em uma das crianças mais queridas da literatura. Ela me vendeu um mundo lindo, cheio de flores selvagens e caminhos de terra tortuosos por onde a imaginação passa, enxergando as mais belas coisas sem a menor dificuldade.
Sorte de quem conseguir enxergar o mundo através dos olhos de Anne.

Para ler a resenha completa, acesse o link! Ana Luiza Medeiros

site: https://analuizamedeiros.com
Lary 26/07/2018minha estante
Me responde uma coisa... Esse livro é uma coletânea de todos os livros da série? Ou é só o primeiro?
?


Rique Viola 27/07/2018minha estante
Oi Lary... esse livro é apenas o primeiro de 9... Anne de Green Gables, Anne de Avonlea e Anne da Ilha são os três primeiros.


Thais Cristina 03/08/2018minha estante
Onde conseguiu o livro? Foi em portuguÊs? Só encontro em inglês..


Lary 29/08/2018minha estante
Obrigada ??




SahRosa 02/02/2018

Resenha exclusiva do blog Da Imaginação à Escrita
Com uma narrativa fascinante, Anne de Green Gables cativa o seu leitor desde o primeiro instante, assim como sua protagonista este livro é um doce, cheio de sentimentos e delicadeza. Anne é uma jovem simpática, cheia de imaginação e bastante entusiasmada, seu jeito meigo conquista todos de Avonlea, uma história divertida, encantadora, difícil não falar de Anne de Green Gables e não encher esse livro de elogios pois a obra é uma gostosura de ler, aquele típico livro que te deixa com um sorriso bobo no rosto!

Anne despertou minha curiosidade principalmente por conta não apenas da série inspirada no próprio livro, como também ao ser indicada em uma das séries de maiores sucessos da Netflix, mas depois de ficar encantada com Anne na literatura estou doida para ver a série e torço para que tenham deixado a personalidade da menina como que é descrita por Lucy Maud Montgomery pois é exatamente esse temperamento alegre e contagiante de Anne, além de seu dom em se meter em altas confusões que a torna tão especial!

Anne de Green Gables é um clássico canadense que tem todas as características que um leitor procura em uma boa história, fica impossível pensar nesse livro e não lembrar da espirituosa heroína, com língua afiada e imaginação a flor da pele, Anne me fez rir em diversos momentos, uma personagem forte e mesmo que ela se sobressaia na narrativa ainda tem a espaço para os personagens secundários, Diana a amiga fiel, Marilla e Matthew os irmãos que adotaram Anne e tantos outros personagens possuem papel fundamental na vida da jovem ruiva.

A narrativa em terceira pessoa nos dá uma boa perspectiva de toda Avonlea, como não querer viver em um lugar tão mágico, cheio de flores, riachos e florestas? Sem dúvidas entendo o motivo de Anne ficar tão inspirada para imaginar tanto! Claro que Avonlea jamais seria a mesma sem essas adorável figura! É difícil o personagem principal me conquistar tanto e não é apenas por Anne ser uma criança tão doce, há algo de especial nela que nos faz ama-la tanto! Estou contente de ter lido este livro, um clássico maravilhoso, uma leitura linda, envolvente na medida certa e cativante que fica difícil largar antes do final!

site: http://www.daimaginacaoaescrita.com/2018/01/resenha-anne-de-green-gables-lucy-maud.html
Ju Zanotti 05/02/2018minha estante
Sammy, já vi várias referências a esse livro em outros romances, mas sempre tive a impressão que é meio infanto juvenil e acho que mão vou curtir, mas depois da sua resenha talvez eu tente em um futuro próximo


SahRosa 05/02/2018minha estante
Acredito que você vai curtir, Ju! Apesar dessa impressão, Anne de Green Gables tem uma pegada mais velha, acredito que se encaixe mais em uma literatura juvenil ou YA, é muito cativante e gostoso de ler, tô louca para ler a continuação. :D


Ju Zanotti 05/02/2018minha estante
bom, se vc disse está dito, vou tentar




Nana 01/08/2018

Quero mais!!!
Anne é uma menina doce, cheia de imaginação, super exagerada nos sentimentos e com muita bondade no coração. Não tem como não se encantar e se apaixonar por ela.
Eu amei a leitura, é daquelas que aquece nosso coração com a simplicidade da vida em uma cidadezinha pequena. Tive vontade de adotar a menina pra mim. Já providenciei o segundo livro da série! Adorei!!
Thais Cristina 03/08/2018minha estante
Conseguiu alguma edição em português? Encontrei somente em inglês.
Me passe informações por favor.


Thaís Zanetti 06/08/2018minha estante
Thais, a Pedrazul traduziu lindamente até o terceiro livro ;)


Nana 06/08/2018minha estante
Sim Thais, já tem o segundo e o terceiro livro desta série em português. Os títulos são : "Anne de Avonlea" e "Anne na ilha"




Só Duda 13/01/2018

Lindo!
Num pequeno interior,  moram dois irmãos chamados Matthew e Marilla, já velhos, que não se casaram. Os dois decidem adotar um menino para ajudar o Matthew nos afazeres de toda a fazenda, apelidada de Green Gable. Tamanha é a surpresa dos dois, quando, ao invés de receber um menino, recebem uma garotinha ruiva e muito magra. Além de tagarela. Anne (pronunciado com E no final) é uma menininha interessante, cujas palavras saem sem freios de sua boca e adora imaginar tudo a seu redor. Por vezes, deixa que a imaginação confunda sua realidade e acaba se metendo em algumas encrencas. Decidida a ser uma garotinha melhor, Anne se mete em alguns problemas, mas sempre aprende uma lição com cada um deles. Com o tempo, acaba por fazer amizades incríveis, e contagia a todos (mesmo Marilla que não gostava de admitir) por onde passa. Afinal, era curioso naquela época uma criança daquela idade falar tanto e com palavras tão difíceis. ?

Nesta linda história contada em 3° pessoa, somos capazes de absorver o máximo dos personagens e paisagens que são tão bem escritos, e nos emocionar e rir nos momentos certos. Anne é uma menina que teve um passado difícil, e é incrível ver como ela supera cada obstáculo ao passar da história.  Além disso, várias lições foram passadas a mim através de simples frases, depois de um pouco de reflexão. Anne de Green Gablle é um daqueles clássicos leves, que enche nosso coração de alegria e nos emociona. É quase impossível não gostar de Anne, pois ela me lembra muuiito uma pessoa que conheço, não a aparência física, mas o jeito de ser, e isso me deixou mais apegada a história. Todo o enredo é muito bem escrito, e a leitura fluiu muito bem. Recomendo a todos ?
Eline_TJansen 07/07/2018minha estante
a presença do lgbt é tao forte quanto na serie?


Só Duda 10/07/2018minha estante
Não.




Mari Vasconcelos 19/06/2016

Resenha do Livro: Anne de Green Gables - L. M. Montgomery
Terminei esse livro com um sorriso nos lábios e lágrimas nos olhos. Todas essas páginas passaram rápido demais aos meus olhos. A espontaneidade de Anne, sua falação, seu jeito único, seu diferencial. Anne me ensinou muitas coisas. Esse livro despertou em mim muitas vontades. Eu senti como se estivesse mesmo dentro da história e como se Anne fosse uma amiga íntima. Com este livro quis ser mais autêntica. Com este livro eu quis estudar mais. Com este livro, eu me senti no século XX, vivendo todos os costumes da época.

Narrado em Terceira Pessoa, a autora, no começo, apresenta os fatos muito bem. No decorrer do enredo, senti como se ela estivesse apressando as coisas para não extrapolar em páginas. Do nada, a protagonista que tinha 13 anos começa a estudar para o vestibular, e no capítulo seguinte já estava fazendo a prova com 15 anos, e assim, os acontecimentos passam rápido, e nossa Anne fica crescidinha. Isso acabou com meu psicológico. Senti como se Anne fosse minha filha desde sempre e eu tivesse acompanhado de perto seu desenvolvimento. E logo tive que me despedir dela, por que o livro acabou. Aii, que dorzinha no coração!

Uma coisa que eu também senti falta na história foi um romancezinho com determinado personagem que tem um papel fundamental na história. Talvez isso tenha me decepcionado um pouco, mas a Anne já era romântica demais interiormente, que não precisou se apaixonar por ninguém!

ADVERTÊNCIA: O final desse livro é avassalador!!

Apesar de não ser muito conhecido, Anne de Green Gables merece ser lido por qualquer pessoa. Se prepare para boas risadas e para lágrimas involuntárias também. Boa Leitura!








http://apaixonadaporl.blogspot.com.br/

site: http://apaixonadaporl.blogspot.com.br/
Lara 23/08/2016minha estante
undefined


Yasmin.Almeida 27/05/2017minha estante
Onde posso encontrar a serie toda em português? Eu quero MUITO ler essa serie. Por favor alguém me ajuda




Ingrid - @ingridysses 18/07/2017

Resenha do livro Anne de Green Gables
Escrito por Lucy Maud Montgomery, Anne de Green Gables é um clássico infantil bastante conhecido no exterior (que já foi adaptado diversas vezes para a televisão), mas só foi traduzido para a língua portuguesa recentemente, no centenário de publicação, – sendo o primeiro de uma série contendo mais sete livros que até agora ainda não foram publicados no Brasil.
Fiz a leitura com a pretensão de assistir ao seriado disponível na Netflix, intitulado "Anne with an e", que por enquanto contém 7 episódios – e estou ansiosa para que sejam traduzidoss os outros livros da autora.
Narrado em terceira pessoa, o romance conta a história de Anne Shirley: uma menina órfã que foi adotada por engano quando os irmãos Marilla e Matthew Cuthbert queriam adotar um menino para ajudá-los nos afazeres da fazenda Green Gables. Após o mal entendido da adoção, os irmãos resolvem ficar com a garota, dando a ela uma oportunidade para ter uma família. Nos primeiros dias, Marilla ensina-lhe (com certa dificuldade) as atitudes comportamentais esperadas para a época, e depois se vê encantada com as peculiaridades de Anne, que a cada dia demonstra ser mais sonhadora e atrapalhada.
Ao saber que logo conhecerá uma menina de sua idade, eis o comentário de Anne:
“– Uma amiga do peito... Sabe, uma amiga do peito... um espírito afim de verdade, a quem eu possa confiar os segredos mais recônditos da alma. Sonho conhecê-la a vida toda. Nunca imaginei que isso aconteceria, mas foram tantos os sonhos, entre os mais queridos que eu tinha, que se realizaram todos de uma vez, que pode ser que esse também se realize. Você acha possível?” (Cap. VIII, p. 46).
Com sua nova amiga Diana, Anne passa por várias aventuras fantasiosas e reais, conquistando muitas pessoas que a conhecem, com um jeitinho único e sonhador de viver e “falar pelos cotovelos”. De tanto sonhar e falar com sinceridade, aos poucos Anne vai amadurecendo e separando mais facilmente o real do imaginário sem perder ao todo as características que a fazem ter uma personalidade tão peculiar.
Recomendo esse livro a quem goste de leituras fluidas e prazerosas com valores enriquecedores para a vida, e principalmente a quem deseja presentear alguma criança com boa literatura.

site: Se quiser me seguir: https://www.instagram.com/ingridysses/
Amanda @reading.jpg 19/07/2017minha estante
Que legal! Não sabia que era uma série de livros, nem que já tinha o livro publicado no Brasil. Adorei sua resenha, fiquei animada.


Ingrid - @ingridysses 19/07/2017minha estante
Eu também não sabia rsrsrs
O segundo livro intitulado "Anne de Avonlea" já está em pré-venda no Brasil pela Editora Pedrazul :)




Thay 09/06/2019

Livro do Coração
Anne de Green Gables, com certeza, é um livro que sempre estará em meu coração e memória. Certamente porque é uma história que me afeiçoou de imediato. A encantadora Anne logo roubou meu coração assim que a conheci.
Anne é a personagem que dá vida a história. Uma criança extremamente atípica para as normalidades da cidade de Avonlea. Com tamanha façanha para grandes aventuras e com uma imensa imaginação, essa criança com sede de viver, leva a vida com tamanha leveza se apegando a cada detalhe e beleza que o mundo tem a oferecer.
O meu primeiro contato com a história se sucedeu ao assistir a série Anne with an e, na qual se inspirou no livro. Porém, a série acaba tomando um rumo completamente diferente, pois aborda alguns assuntos bem tabus na nossa sociedade, no entanto, não faz perder a sua grandiosidade tal qual a obra possui.
Uma coisa ficou bastante clara pra mim ao concluir esse livro: a pessoa que eu era quando começou a leitura é completamente diferente a que terminou. E isso se deve ao fato de que pude aprender muita coisa acompanhando os trágicos e formidáveis acontecimentos da vida dos personagens, nal qual eu pude vivenciar vários aprendizados, esses que levarei pra minha vida e, portanto, valorizarei ainda mais.

" E ele estava certo. Anne era uma daquelas filhas da luz por natureza. Depois que a jovem tocava uma vida com um sorriso ou uma palavra, lançada como um raio de sol, o possuidor daquela vida enxergava o mundo belo e cheio de esperança, pelo menos naquele instante"
___ Anne de Avonlea

Anne de Green Gables é um romance da escritora canadense L. M. Montgomery, publicado em 1908. Foi escrito como ficção para leitores de todas as idades, mas nas últimas décadas tem sido considerado principalmente um livro infantil. Ambientado no fim do século XIX, o livro conta as aventuras de Anne Shirley, uma orfã de onze anos que, por engano, acaba indo morar com dois irmãos de meia idade, Matthew e Marilla Cuthbert. Os dois vivem em uma fazenda na fictícia cidade de Avonlea na Ilha do Príncipe Eduardo e que originalmente pretendiam adotar um garoto para que este os auxiliasse com os trabalhos braçais.

A escrita do livro pode parecer um pouco formal, porém é bem fácil de compreender. Recomendo a todos, pois é uma história muito gostosa de ler.
Helen.Caroline 30/06/2019minha estante
Pode me dizer a ordem dos livros, por favor?


Thay 14/07/2019minha estante
Desculpa a demora, são esses:
1. Anne de Green Gables
2. Anne de Avonlea
3. Anne da ilha
4. Anne de windy poplars
5. Anne e a casa dos sonhos




Lorena Mireia 14/01/2019

A ruivinha esplêndida
Anne Shirley é uma garota sonhadora, estabanada, intensa, repleta de vivacidade e assaz inteligente. Adotada pelo casal de irmãos Cuthbert, ela chega à prosaica Green Gables para iluminar a vida do tímido Matthew e adoçar o coração da austera Marilla.
Anne poderia crescer como uma pessoa frustrada devido a tantos infortúnios sofridos. Todavia, ela prefere enxergar o lado bom da vida, adora teletransportar-se para o mundo das fantasias e explorar milhares de possibilidades.
No primeiro volume, Anne começa com onze anos e termina aos dezesseis e meio. Vamos acompanhando cada etapa de sua trajetória, seus dramas, desafios e suas conquitas, que a fazem amadurecer e jamais perder a singularidade da essência.
Uma linda história... Estou ávida para ler os próximos volumes.
Rique Viola 14/01/2019minha estante
Gostei da resenha, espero lê-lo em breve.


Lorena Mireia 14/01/2019minha estante
Obrigada, Rique! =)




Mey 05/02/2018

O livro "Anne de Green Gables" é um clássico da literatura canadense e explora muito suas paisagens e a sociedade do local, por isso temos diversas descrições de lagoas, florestas, flores, neve e muitos costumes locais. Para algumas pessoas isso pode soar cansativo, mas eu gosto muito, porque me sinto transportada imediatamente para aquele local e um dos personagens daquela história.

A escrita da Lucy Maud é muito simples e envolvente, a leitura fluí e é daqueles livros que te fazem rir em vários momentos, se emocionar e se ver apaixonada por todos os personagens. Os personagens da história foram o que mais me encantou, principalmente, a Anne, acredito porque fui uma criança com a imaginação fértil e que falava pelos cotovelos.

Como a Anne é uma garota muito falante, temos vários parágrafos apenas dela falando sobre o clima, sobre as pessoas, sobre roupas, sobre amor e amizades. E apesar disso, eu não me irritei, pelo contrário, me vi encantada como todos os moradores de Green Gables.

A relação da Anne com os outros personagens é muito boa e é como se aquela garotinha tivesse chegado a Green Gables com a missão de dar mais vida aquelas pessoas, que seguiam com sua rotina. E é tão lindo ver o amor dos irmãos Cuthbert por aquela menina, mostrando que para ser pais são é preciso ser do mesmo sangue.

O livro apesar de se passar na infância e a adolescência de Anne tem seu toque de romance e já é possível ver que a rivalidade entre Gilbert Blythe e Anne Shirley vai se tornar uma linda historia de amor (que conseguiu aquecer até o meu frio coração capricorniano).

"Anne de Green Gables" é delicioso e te deixa com vontade de ler os próximos livros que contam as peripécias da órfã ruiva. Por isso já adquiri o meu "Anne de Avonlea" para saber o que será dessa história.

site: http://agoraqueeusoucritica.blogspot.com.br/2018/02/resenha-anne-de-green-gables.html
Borraz 10/02/2018minha estante
Amei sua descrição sobre esse clássico!




Estante Mofada 28/05/2013

Anne de Green Gables
O livro conta a história de Ann Shirley, uma menina de 11 anos que foi mandada por engano para morar com os irmãos Cuthbert (Marilla e Matthew, que na verdade queriam adotar um menino) em Avonlea.
Matthew simpatiza com a garota logo que a conhece, e vice-e-versa. Embora as personalidades dos dois sejam diferentes, a admiração de Matthew por Anne (como gosta de ser chamada) e o respeito de Anne por Matthew acaba ofuscando este fato.Quanto a Marilla...Considerando a insistência da menina para que a relação entre elas seja boa, o desprezo que Marilla demonstra por Anne, é de chorar...Será que vai ser sempre assim??? E os vizinhos, será que vão parar de tratá-lá com indiferença?Será que ela vai fazer amigos?
Descubra a resposta dessas e de outras perguntas lendo Anne de Green Gables!

Resenha extraída de: www.blogestantemofada.blogspot.com.br
Página no Facebook: www.facebook.com/EstanteMofada
Twitter: @estantemofada
Yasmin.Almeida 27/05/2017minha estante
Onde posso encontrar a serie toda em português? Eu quero MUITO ler essa serie. Por favor alguém me ajuda




Thuanne Hannah 01/11/2019

Esse é um clássico publicado pela primeira vez em 1908 e que agora foi republicado pela editora Autêntica. É o primeiro romance escrito por Lucy Maud Montgomery e foi traduzido para diversos idiomas. Além disso, recentemente a Netflix produziu a série Anne with an E, que é baseada nesta obra.

Tudo começa quando os irmãos Marilla e Matthew Cuthbert decidem adotar um garoto órfão para ajudá-los nos trabalhos da fazenda. Sendo assim, solicitam que uma amiga tome as devidas providências para que o desejo seja concluído, entretanto, por um erro de comunicação, uma menina foi enviada no lugar do garoto. Após certa discussão e resistência, os irmãos decidem que ficarão com essa garota tão diferente, que rapidamente cativou o velho Matthew com suas histórias fantásticas.

Anne Shirley é a tal garota. Ela tem apenas 11 anos, é magrela, ruiva e sardenta, mas possui uma língua bem afiada e a percepção aguçada. É sonhadora e tem uma imaginação capaz de levá-la a qualquer lugar. Ela se sente extremamente grata por ter sido adotada e morar num lugar tão lindo quanto Green Gables, a fazenda da família. Rapidamente conquista todos ao redor com o seu jeito peculiar e prova para os irmãos Cuthbert que tomaram a melhor decisão.

Montgomery descreve a personalidade de Anne de forma cativante. A menina sente tudo tão intensamente, que facilmente encanta o leitor com os seus sonhos cheios de aventura e doçura. É corajosa, sempre tenta aprender com os erros e não os comete novamente. Tem um coração muito bom, não é invejosa e realmente se sente feliz pelas conquistas dos outros. É uma personagem que todos gostariam de ter por perto, se isso fosse possível.

Para complementar, a autora descreve lindamente os costumes do campo, as belas paisagens e as vestimentas da época. A escrita é quase poética e nos faz desejar viver tudo aquilo junto de Anne. O livro se passa na ilha de Prince Edward, mesmo local onde a autora foi criada, portanto vem daí tanta familiaridade e facilidade na escrita.

A história possui muitos personagens, cada qual com a sua personalidade. Diana, melhor amiga de Anne, tem grande admiração pela amiga, é uma garota leal, doce e entusiasmada. Rachel Lynde é a fofoqueira da ilha, sempre cheia de opiniões e, às vezes, é capaz de ser bem rabugenta. Matthew é calado e retraído, quase não emite opinião sobre nada. Geralmente só observa a criação da garota, conforme combinado com a irmã. Mas sempre que pode, mima Anne, pois sabe que apesar de tudo, ainda é apenas uma garota. Já Marilla é extremamente dura com Anne e sempre a faz colocar os pés no chão, mas no fundo sente grande amor e admiração pela pequena, e sabe que fez uma boa escolha ao deixar que ela permanecesse ali. Os colegas de classe de Anne também tem papel importante no enredo, pois com eles, ela vive boas aventuras e aprende muitas lições.

A edição está caprichada, com uma capa vibrante e detalhes bonitos nas páginas. Também possui algumas imagens, que representam cenas escritas pela autora. É um livro emocionante e divertido. É fácil rir com os dramas de Anne, mas em outros momentos é possível sentir pena da garota que, mesmo tão jovem, já sofreu muito com as adversidades da vida. É um livro que realmente vale ser lido, é cheio de lições sobre gratidão e amor, que faz o leitor se encantar do começo ao fim.

site: http://gramaturaalta.com.br/2019/10/08/resenha-anne-de-green-gables-montgomery/
Kleyssi 16/11/2019minha estante
Oi! Você acha que se ler esse primeiro livro, obrigatoriamente tem que ler os demais? Ou ele termina fechadinho? Afinal, não tem todos os livros da série em português.




Bela 06/01/2013

Graciosamente escrito por uma escritora que bem cultivara a criação imaginativa da mente de uma criança,
“ - Melhor ser Anne de Green Gables, do que Anne de lugar nenhum”

Nesta maravilhosa e cativante estória de Lucy Maud Montgomery, Anne Shirley é uma pequena orfã de olhos esbugalhados , cabelos cor de cenoura e de uma imaginação altamente fértil e influenciativa . A garotinha já havia passado por vários desapontamentos quanto a ser adotada por uma família que poderia chamar de decente . Passado algum tempo em um orfanato, Anne tem sua esperança reavivada pela adoção de Marilla e Matthew Cuthbert, um casal de irmãos residentes de Avonlea . Contudo, Anne desconhece o equívoco no qual se meteu : os irmãos haviam requerido um menino que pudesse ajudá-los nas funções domésticas . Mas o carisma e o brilho da alma de Anne encantaram e fascinaram os Cuthbert. E, depois de longos períodos de reflexão, decidiram manter a garotinha . Anne era uma menina que queria ser aceita, queria ser uma boa pessoa e dar o melhor de sí . Mas era atrapalhada e sentia-se desconfortável quanto a sua aparência. Em Green Gables, ela tinha um conforto , um refúgio : a paisagem . As lindas bétulas, narcisos, rosas, o cheiro orvalhado da manhã, os pastos de um verde ascendente, o crepúsculo cor de açafrão , o vento sussurrante e leve que a envolvia e fazia as espruces farfalharem , o riacho vívido, alegre e saltitante que fitava constantemente, os gerânios, e o lago das águas cintilantes com o qual olhava para um mundo de maneira esplendorosa. E é interessante como mantivera e cuidara dessa relação próxima com a natureza , de pequena para toda a vida.
O romantismo da personalidade de Anne ajudava a enfrentar as desventuras que vivia , e imaginação era uma dádiva para ela . E essa imaginação deveria ser reconhecida como tal , porque não há nada mais marcante e maravilhoso numa criança do que a sua imaginação e a sua percepção mundana. Entretanto, a imaginação idílica de Anne era vista de forma depreciativa pelos adultos que mais a repreendiam , que se consideravam os mais contundentes e racionais . A liberalidade da sua mente era desgostosa, mas a própria criança via que isso se dava a uma escassez imaginativa. Contudo, as vezes era preciso manter a realidade separada da imaginação, mesmo que fosse por uma linha tênue, para evitar certas situações que a personagem vivenciou. O tempo vai passando, Anne vai crescendo e amadurecendo , mas mantém sua jovialidade viva e, para demonstrá-lo , vou citar um dos meus trechos favoritos :
"Eu não mudei nem um pouco, não de verdade. Eu só estou podada e ramificada. A verdadeira EU, aqui dentro, continua a mesma de sempre . Não vai fazer a menor diferença para onde eu vou ou o quanto eu mude por fora. No fundo do meu coração, sempre serei sua pequena Anne, que amará você e Matthew, e minha querida Green Gables, mais e melhor durante todos os dias da minha vida .”

Encerro esta resenha como um convite que espero que considerem : O livro é tão gracioso e esplêndido que me emocionou ao final . Vale a pena conferir os ensinamentos únicos que este nos oferece. E , é claro, não poderia esquecer de L. M. Montgomery, que, com tanto amor, dedicou-se a escrevê-lo.
Sabrina 31/08/2016minha estante
Muito bom o livro, adorei a Anne! queria ser um pouco mais como ela, com sua paixão e vivacidade. Espero que os próximos livros venham para o Brasil para que a gente possa continuar a acompanhar a história. ;)




Elizabeth 23/11/2013

Perfeição.
O livro é incrível. Ele vai te prendendo, fazendo com que a gente leia ele rapidamente.
Ele fala sobre uma garota "chata", orfã, que acaba sendo adotada por engano, por uma família de uma pequena ilha do interior do Canadá.
O livro vai falando sobre os principais acontecimentos da vida da garota, que álias são vários. Mas como eu disse o livro é simplesmente perfeito.
Yasmin.Almeida 27/05/2017minha estante
Onde posso encontrar a serie toda em português? Eu quero MUITO ler essa serie. Por favor alguém me ajuda




110 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |