Os Criadores de Coincidências

Os Criadores de Coincidências Yoav Blum




Resenhas - Os Criadores de Coincidências


45 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3


Nina 13/05/2019

Minha pequena [e falha] visão do: OS CRIADORES DE COINCIDÊNCIAS
Eu não faço ideia do porque esse livro estava nos meus desejados, mais ele estava e agora eu o tenho. Independente da razão preciso contar pra vocês que esse livro é delicioso! Um romance como eu nunca tinha lido. Ele é bem mais do que eu esperava...
Mesmo sem saber a razão pra ele ter entrado na minha vida, eu fico feliz de tê-lo na minha coleção.
O nome diz muito sobre o que vai ser a história e mesmo que a gente não acredite que ela pode ser tão simples, ela é; e esse é o provável motivo de esse livro ser tão bom.

O que eu aprendi com Os Criadores de Coincidências: Esse mundo da imaginação é muito louco!
comentários(0)comente



Dary 01/05/2019

Criadores de coincidências
Livro qual trás uma temática diferentes mas acaba gostando do romance no final que te surpreende
comentários(0)comente



Luane 18/04/2019

Coração quentinho.
A oportunidade de ler esse livro me fez recuperar zonas de quentinho no coração antes perdidas. Identifico-me como ser que busca todos os dias evoluir como pessoa e que crê que o universo trabalha de formas distintas para que o melhor possível para nosso nível de consciência ocorra, por tanto foi um presente ler as páginas de um romance tão delicadamente trabalhado a ponto de nos mostrar que pequenas atitudes mudam um todo.
Desde a nossas escolhas de roupas diárias há nossa escolha do quanto viver. Sem se falar em tanta metáfora linda para os gestos! Apaixonada estou.
comentários(0)comente



Giovana 18/04/2019

QUE FINAL
Os cursos de coach chegaram até numa das questões básicas da vida: as coincidências, as aulas são em lugares descontraídos, com pouca gente, ao menos existe uma bibliografia decente e de alto nível de pesquisa para poder criar as mais diversas coincidências.


Peguei para ler Os Criadores de Coincidências por ter gostado dessa onda de organização sobrenatural para as coisas da vida que eu já tinha visto em Mensageira da Sorte, no geral, o tema dos dois livros é a mesma, mas enquanto Mensageira da Sorte é bem Young Adult e é um realismo mágico bem divertido, Os Criadores de Coincidências vai mais para o lado: ficção com embasamento teórico 100% fictício e fumado, para uma coisa tão nada a ver fazer sentido.


No meio do caminho do livro eu senti um desgaste na leitura, o Eric tava meio sumido, a Emily com um passado desconhecido sendo feita de otária, Guy não tem nada demais e ainda me aparece um personagem no meio do caminho apenas para o autor escrever os embasamentos teóricos que me deu muito a vibe dos monólogos doidos da segunda temporada de Legion.


Daí no final, quando vai chegando as respostas, e o tipo de final que um livro ligeiramente doido merece ter, eu fui totalmente conquistada pela ideia do livro, pois um livro se tratar de coincidências e não ter um pouco da magia de um romance premeditado é uma oportunidade perdida. O romance é quase irrelevante no início, mas no final é de grande importância e agrega muito nessa história.

site: https://deiumjeito.blogspot.com/2019/04/livros-os-criadores-de-coincidencias.html
comentários(0)comente



Mel 15/03/2019

O Final compensa tudo
Eu estava com bastante dificuldade para
me envolver com a história até mais ou menos a metade do livro, e a parte "técnica" do que é ser um "Criador de Coincidências" torna o ritmo da leitura bem mais lento, isso impediu de que eu me identificasse e me afeiçoa-se aos personagens logo de cara.

Mas conforme a história foi se desenvolvendo e as conexões foram sendo feitas, eu não só me envolvi com história como me apaixonei, por seu universo, por seus personagens, e principalmente por seu resultado final.
comentários(0)comente



Dani 24/01/2019

Não crie expectativas
Eu vi a indicação do livro fiquei muito curiosa em ler, mas não criei muitas expectativas. Demorei para terminar de ler pq eu queria realmente absorver cada insight que surgia. Em cada capítulo eu realmente parava e pensava nas "coincidências" que a vida me proporcionou. Eu olhava para a capa e lia "É um romance" e eu: cadê?. Também nem sequer fiquei imaginando como o livro poderia acabar, estava tão absorta em cada capitulo que a cada vez que chegava perto do final os plot twist me surpreenderam que fez esse livro ter um canto especial na minha estante.
comentários(0)comente



Carolina 24/01/2019

?????
Fui ler o livro com expectativas de mais e me decepcionei. Achei que ele era de um jeito e ele foi totalmente o oposto. Achei um tedio ler ele, demorei de mais e a leitura nao me prendeu. Li tudo porque queria saber o final. E ok admito, o fim foi magico. Foi lindo. Mas so o fim foi bom mesmo porque de resto esse livro foi um tedio.
comentários(0)comente



victor lopes 11/01/2019

O forte desse livro está no universo que o autor criou, ainda que explorado de maneira não tão detalhada, é uma mitologia incrível e que causa curiosidade.
O fraco desse livro está nos personagens, que são totalmente esquecíveis e ficam vagando pela história com personalidades bem pobres.
Mas a união de enredo e personagens acaba funcionando num panorama geral. As coisas fazem sentido dentro do universo criado, até mesmo aquelas sem explicação mostram que tem um lugar na história. É um livro que pode até servir pra fazer a gente dar uma repensada na vida e em nossas atitudes e, para mim, tem a clara intenção de mostrar o quanto nossas atitudes, por menos que sejam, sempre terão consequências.
É uma boa leitura, só não tão boa quanto poderia ser.
comentários(0)comente



Jenn 10/01/2019

E se o acaso for construído?
Não sei nem como começar a explicar meus sentimentos em relação a esse livro.

" e se tudo que acontece na vida estiver acontecendo por pessoas especializadas em criar acasos?"

Essa é a proposta principal do livro.
Sabe aquele trabalho que você não conseguiu por pouco? Ou aquele trem que você perdeu ? Ou até mesmo o bater das asas de uma borboleta ?

O que você diria se isso fosse uma coincidência criada e não simplesmente existisse do nada? Afinal... cada começo tem um começo que o precedeu.

Esse livro me fez imaginar essa possibilidade.

Me fez mergulhar na forma estruturada dos acasos e acreditar neles.

Misturando uma linguagem fluida a um romance totalmente diferente, esse autor nos entregou um romance diferente misturado com um tipo de "auto-reflexao". Pois a proposta do livro não é só entregar uma história. Mas fazer você decidir que tipo de pessoa quer ser. Que tipo de coincidências quer para você. E se você quer ser ativo ou passivo na sua vida.


Recomendo demais !
comentários(0)comente



Mari M. 22/12/2018

"Viver é uma coisa que se faz agora, não depois."
Fui ficando tão curiosa que começei e acabei no MESMO dia! Extremamente diferente e muito original! Bem pensado, bem amarrado.Uma coisinha ou outra eu queria diferente, mas adorei certas cenas! O autor escreve bem mesmo.E destaquei várias frases que achei o maximo.Se achar confuso no inicio insista!
comentários(0)comente



FerNan_books 06/12/2018

Um sacrifício conseguir ler até o fim.
Livro que fiquei super curiosa em ler, um lançamento com críticas boas e principlamente pela temática diferente do que costumamos encontrar por aí. Porém infelizmente não me cativou. História mal construída, personagens superficiais e que não me conveceram. Uma amontoado de frases de efeito me lembrando livro de auto-ajuda.
O escritor não soube usar a ideia para desenvolver uma história que prendesse o leitor. Muitas partes foram massantes e desnecessárias, parecendo que só estavam lá para dar volume ao livro.
Enfim, fiquei firme até o final da leitura só para finalizar o livro e contar como mais um lido em minha prateleira.
comentários(0)comente



50livros 09/11/2018

Livro bom para suspirar um pouquinho
Eu tenho um medo muito grande de ler livros que pessoas que eu admiro e considero muito simplesmente amam por receio de não sentir o mesmo que essas pessoas e acabar não curtindo tanto o livro assim. Confesso que com esse aqui, isso acabou acontecendo.

Vou começar diferente dessa vez e iniciar pelo que achei do final e fazendo uma espécie de retrospectiva. O final realmente é incrível, passa uma mensagem linda, faz a gente repensar um pouco sobre a vida da gente e os caminhos pelas quais ela nos leva. Aquele finzinho que dá aquela aquecida no coração da gente. O livro realmente vem em um crescendo, melhorando a cada capítulo, gerando mais engajamento, por assim dizer. Só que eu realmente tive alguns problemas com essa leitura.

Toda a narrativa vai sendo alternada entre o que está acontecendo, com flashbacks e com partes dos manuais dos criadores de coincidências. Achei a parte dos manuais um PORRE, realmente não me acrescentou em nada, não era engraçado, irônico ou esclarecedor. Para mim, foi só chato mesmo. A leitura só começou a fluir de verdade quando decidi não ler essas partes. As partes dos flashbacks foram um pouco difíceis para mim também, achei um tanto monótonas, mas pelo menos traziam algumas respostas (diferente dos manuais).

O enredo tinha uma premissa muito legal, tinha realmente tudo para dar certo, mas os personagens eram muito chatos, onde não consegui simpatizar com nenhum deles, e o desenvolvimento da história não me agradou nenhum pouco. O que eu já suspeitava desde o início aconteceu e, a meu ver, era algo que tinha que ser surpreendente para realmente funcionar. Então, algo que teria que ser o clímax, tornou-se uma revirada de olhos. O bom é que não aconteceu de maneira óbvia, a solução foi boa e é o que dá todo o brilho ao livro, mas continuou óbvio.

Digo que o livro me fez suspirar, mas nem sempre pelo mesmo motivo. O final foi composto de bons suspiros, mas o meio foi repleto de enfadonhos. O que realmente aconteceu foi que a escrita do autor realmente não combinou comigo. Uma pena, pois a história tinha tudo para dar certo comigo, afinal fui uma criança com amigos imaginários. Só que a história não me fisgou como o esperado. Ainda acho que você, caro leitor, deveria dar uma chance para o livro, mas não espere muito, a escrita dele não consegue ser envolvente para todos.

"Os Criadores de Coincidências" foi, pelo menos, uma leitura interessante que pode até te fisgar. E eu espero que o faça.

site: www.50livros.com/single-post/2018/09/06/RESENHA-de-Os-Criadores-de-Coincidências-de-Yoav-Blum---PROJETO-PREPARADA-PARA-A-BIENAL
comentários(0)comente



Estela | @euviestrelas 07/11/2018

Você já pensou que nem tudo o que acontece é por acaso? Ou que existem forças que manipulam os acontecimentos para criar esses acasos? Conheça os criadores de coincidências, uma organização secreta feita para criar esses "acasos".

Emily, Guy e Eric são alguns desses criadores de coincidências. Emily é uma garota que sofre por um amor não correspondido, mas é muito dedicada ao seu trabalho. Guy é um garoto que sofre por um amor do passado e um especialista em coincidências amorosas. E Eric é aquele cara despreocupado, que adora usar as coincidências em benefício próprio sem deixar seu trabalho de lado.

Os Criadores de Coincidências nos apresenta como tudo é realizado através das missões de Emily, Guy e Eric, que cada detalhe é planejado para que algo maior aconteça, desde encontros amorosos quanto coisas importantes para o mundo.

Acho que essa é uma das resenhas mais difíceis que já escrevi. A ideia da história é genial e estava muito empolgada para ler, mas o que encontrei não me agradou muito.

A história do livro não tem um foco, parece que o autor teve várias idéias e foi colocando em diferentes capítulos aleatoriamente. A história não segue uma linha, ela vai e volta sem um plot principal, você só entende o ponto do livro depois que terminar ele.

Temos capítulos alternados não só entre os protagonistas, mas também personagens que não fazemos ideia de quem é e porque estão ali. Entre capítulos às vezes temos materiais didáticos do curso de criadores de coincidências e achei super desnecessário.

No fim achei a mensagem do livro bonitinha, por isso classifique ele como bom, mas não valeu páginas e páginas que li com a vontade de chegar na parte em que melhora. Cheguei ao fim com toda a minha expectativa destruída, mas fica o talvez de reler e gostar mais em um futuro sabendo que o livro é algo totalmente diferente do que eu esperava.

"O amor é uma emoção difícil de quantificar. Difícil de medir. Nós o sentimos tão raramente e somos levados por ele de forma tão completa que nunca conseguimos definir pra nós mesmos o quanto queremos e precisamos amar algo."

site: https://www.instagram.com/p/Bp5bLS_AIKq/
comentários(0)comente



Evy @evybooks 31/10/2018

Resenha @evybooks
Esse livro traz um conceito e ideia autêntica, o que o torna interessante e curioso. Vi opiniões diversas sobre ele, mas gosto de tirar minhas próprias conclusões.
O início me causou uma certa estranheza e confusão, até conseguir me habituar ao ritmo da leitura. Porém, mesmo assim ela continuou sendo maçante, acho que pelo fato de apresentar vários eventos que aparentemente são aleatórios para a história, fazendo com que as coisas demorem a acontecer, o que leva até mais ou menos a metade do livro.
Mas é aquele tipo de livro que apesar do início e meio serem "ok", o final faz todo o resto valer a pena. É onde tudo começa a se conectar e quando menos se espera você é surpreendido. Mesmo no início e meio da história, ao autor traz vários pontos e questões que remetem a reflexões, como as causas e efeitos das nossas decisões, e os acasos (ou não) que acontecem em nossas vidas, assim como o nível e a influência disso tudo ao nosso redor. E é claro tem o romance, que acontece de forma sutil, mas não deixa de ter seu valor e delicadeza, o que me fez amar o final.
comentários(0)comente



Fábbio - @omeninoquele 22/10/2018

Decepcionante...
❝Viver é uma coisa que se faz agora, não depois.❞
⠀⠀
Já imaginou que tudo que acontece no mundo não fosse apenas simples eventos aleatórios e existisse pessoas especializadas em criar acasos?
⠀⠀
Guy, Emily e Eric são criadores de coincidências e dentre suas tarefas está mudar o canal de Tv, fazer com que pessoas encontrem sua alma gêmea até demitir alguém.
⠀⠀
Antes de se tornarem esses seres que criam coincidências e que estão entre o livre arbítrio e destino eles passaram por um curso de preparação com várias matérias para entrarem nessa profissão.
⠀⠀
Depois de formados eles recebem suas missões por um envelope branco de alguém misterioso. Guy é especializado em coincidências amorosas, seu ritmo é calmo e ainda sofre com um amor do passado. Emily é dedicada e misteriosa e Eric é o criador de coincidências que usa sua profissão para próprios afins.
⠀⠀
Mas quando Guy recebe uma missão ainda mais misteriosa e especial ele se vê intrigado porque aquilo que ele acredita sobre vida e a natureza do amor pode mudar.
⠀⠀
Esse era um livro que desde o lançamento havia despertado minha atenção para conferir por causa da sinopse instigante e tals e quando comecei a ler não me senti preso a narrativa, não entendi o foco do livro e não me envolvi profundamente com nenhum personagem. Por mais que a ideia dos criadores de coincidências seja algo interessante acho que o autor não soube desenvolver uma trama que prendesse o leitor.
⠀⠀
E ainda há no final de uns capítulos partes técnicas das matérias que os três estudaram nesse curso o que torna o livro ainda mais maçante e a sensação que tive foi que o autor só usou para dar volume ao livro. É uma história bem fraca com bom apanhado de frases de efeito sobre o amor com um final mediano que não me surpreendeu nada.
⠀⠀
Sei que essa decepção não aconteceu só comigo mas mesmo assim eu recomendo para que você tire suas próprias opiniões.
⠀⠀
#OsCriadoresDeCoincidencias

site: https://www.instagram.com/p/BpQDZEpne6o/?taken-by=omeninoquele
comentários(0)comente



45 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3