Missionários da Luz

Missionários da Luz Chico Xavier




Resenhas - Missionários da Luz


28 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2


Larissa 28/12/2009

Terceiro livro da Série Nosso Lar.
Nele o André Luz sai em caravana para aprender sobre as consequência de nossas paixões e vícios em nosso corpo e espírito.
É maravilhoso, descobrir o efeito de coisas consideradas tão natural em nossa sociedade, como o álcool. E perceber o quanto ele pode ser responsáveis por lágrimas e dívidas espirituais.
comentários(0)comente



Clarice 03/01/2011

Projetos de corpos futuros
Fantástico capítulo 12: fala sobre a arquitetura dos corpos de quem vai reencarnar e de espíritos que pedem para não reencarnar com um corpo desenhado com extrema perfeição, para não cair na tentação da sedução carnal e conseguir manter seus propósitos mais altos.
comentários(0)comente



Jesiel 09/11/2011

É o terceiro livro de André Luiz.

Quem leu o livro "Os Mensageiros" vai perceber o grande salto de detalhes das missões do plano invisível em Missionários da Luz.

Neste livro é descrito muitas cenas de ajuda espiritual, detalhes de sessões mediúnicas entre outras.

Detalhes estes como a chocante cena do matadouro, infelizmente muito triste para com os espíritos que ali vivem.

Mostra detalhes profundos que evidenciam a elevação moral incrível que os espíritos de maior grau de hierarquia possuem, bondade, compaixão, amor e paciência são encontrados praticamente em graus quase supremos se comparados a do homem comum.

É um livro muito rico e de leitura obrigatória.
comentários(0)comente



Maria Faria 27/09/2011

Missionários
Neste livro André Luiz revela os mistérios da psicografia, da mediunidade, da obsessão, da doutrinação, dos passes e da reencarnação. Os relatos dele continuam tendo como objetivo abrir os olhos dos seres humanos para realidades que não são visíveis. Existe a atuação de espíritos na jornada de cada um, desde o planejamento da encarnação até o encerramento da jornada a que cada um se propõe. E como foi revelado nos livros anteriores, a cooperação ativa daquele que recebe a intervenção de espíritos é ponto crucial do trabalho desenvolvido pelos espíritos, tanto bons como ruins. A psicografia, a mediunidade, a doutrinação e os passes são partes de trabalho espiritual intenso envolvendo pessoas e espíritos disciplinados. As maiores dificuldades que os espíritos encontram em desenvolver bons trabalhos é as indisciplinas mental, corporal e espiritual. Um corpo humano dilacerado por vícios como álcool, excesso de alimentos ou até mesmo por acúmulo de sentimentos ruins, não pode se doar completamente ao trabalho mediúnico nem fornecer as boas energias necessárias às atividades. Já a reencarnação é minuciosamente planejada, desde os detalhes físicos necessários ao resgate de erros passados até a escolha do seio familiar para onde o espírito voltará. Não constitui uma regra, mas na maioria dos casos, a reencarnação reaproxima espíritos que precisam caminhar juntos no caminho da redenção. Dentre todas as revelações de André Luiz, a mais decepcionante é aquela que nos mostra a descrença e a ingratidão daqueles que recebem as dádivas espirituais. Os seres humanos ainda duvidam dos fenômenos espirituais, muitos não acreditam na intervenção dos Missionários da Luz. E como exemplo de descrença, André conta um episódio envolvendo a incorporação de um homem desencarnado há pouco tempo, que volta através de uma médium, para conversar com seus familiares e amigos. Grande parte dos que presenciaram a manifestação mediúnica duvidaram da realidade do fato. Missionários da Luz, como os demais livros de André, é campo vasto para estudo e aprendizado. O texto apenas se torna de difícil entendimento devido aos dados excessivamente técnicos colocados nas explicações de cada fenômeno, porém, isto não se torna empecilho para assimilação dos importantes ensinamentos proporcionados pelo livro.
comentários(0)comente



KatiaMaba 22/01/2013

Um Porto Seguro.......

Recomendo para todas as etapas de nossas vidas a leitura da obra "Missionários da Luz - A Vida no Mundo Espiritual" da coleção André Luiz.

Em minha opinião os livros da referida coleção são instrumentos de consolo e esclarecimento. A obra em questão oferece ao final da primeira leitura um índice geral, ferramenta de eterna consulta por que por inúmeras vezes afirmamos conhecer este ou aquele "tema" espírita, mas, ainda é lendo o ato de compreender e reconhecer os ensinamentos que André Luiz proporciona para o nosso amadurecimento espiritual.

Abraços,
Kátia Regina Maba
Blumenau (SC).
comentários(0)comente



Sudan 30/05/2009

Missionários da Luz
Neste livro, André Luiz desvenda os segredos da reencarnação, revelando a tarefa dos Espíritos missionários encarregados do processo do renascimento. O autor espiritual fala-nos que a morte física não é o fim e destaca a importância do esforço próprio na luta pelo auto-aperfeiçoamento. Em vinte capítulos discorre sobre a continuação do aprendizado na vida espiritual, o perispírito como organização viva moldando as células materiais, a reencarnação orientada pelos Espíritos Superiores e aspectos diversos das manifestações mediúnicas. Missionários da Luz ensina que a Providência Divina concede, sempre, ao homem, novos campos de trabalho, através da renovação incessante da vida por meio da reencarnação.

Ante os Tempos Novos
Enquanto a história relaciona a intervenção de fadas, referindo-se aos gênios tutelares, aos palácios ocultos e às maravilhas da floresta desconhecida, as crianças escutam atentas, estampando alegria e interesse no semblante feliz. Todavia, o narrador modifica a palavra, fixando-a nas realidades educativas, retrai-se a mente infantil, contrafeita, cansada... Não compreende a promessa da vida futura, com os seus trabalhos e responsabilidades.
Os corações, ainda tenros, amam o sonho, aguardam heroísmo fácil, estimam o menor esforço, não entendem, de pronto, o labor divino da perfeição eterna e, por isso, afastam-se do ensinamento real, admirados, espantadiços. A vida, porém, espera-os com as suas leis imutáveis e revela-lhes a verdade, gradativamente, sem ruídos espetaculares, com serenidade de mãe.
As páginas de André Luiz recordam essa imagem.
Enquanto os Espíritos Sábios e Benevolentes trazem a visão celeste, alargando o campo das esperanças humanas, todos os companheiros encarnados nos ouvem, extáticos, venturosos. É a consolação sublime, o conforto desejado. Congregam-se os corações para receber as mensagens do céu. Mas, se os emissários do plano superior revelam alguns ângulos da vida espiritual, falando-lhes do trabalho, do esforço próprio, da responsabilidade pessoal, da luta edificante, do estudo necessário, do auto-aperfeiçoamento, não ocultam a desagradável impressão. Contrariamente às suposições da primeira hora, não enxergam o céu das facilidades, nem a região dos favores, não divisam acontecimentos milagrosos nem observam a beatitude repousante. Ao invés do paraíso próximo, sentem-se nas vizinhanças de uma oficina incansável, onde o trabalhador não se elevará pela mão beijada protecionismo e sim à custa de si mesmo, para que deva à própria consciência a vitória ou a derrota. Percebem a lei imperecível que estabelece o controle da vida, em nome do Eterno, sem falsos julgamentos. Compreendem que as praias de beleza divina e os palácios encantados da paz aguardam o Espírito noutros continentes vibratórios do Universo, reconhecendo, no entanto, que lhes compete suar e lutar, esforçar-se e aprimorar-se por alcançá-los, bracejando no imenso mar das experiências.
A maioria espanta-se e tenta o recuo. Pretende um céu fácil, depois da morte do corpo, que seja conquistado por meras afirmativas doutrinais.
Ninguém, contudo, perturbará a lei divina; a verdade vencerá sempre e a vida eterna continuará ensinando, devagarinho, com paciência maternal.
Ao Espiritismo cristão cabe, atualmente, no mundo, grandiosa e sublime tarefa.
Não basta definir-lhe as características veneráveis de Consolador da Humanidade, é preciso também revelar-lhe a feição de movimento libertador de consciências e corações.
A morte física não é o fim. É pura mudança de capítulo no livro da evolução e do aperfeiçoamento. Ao seu influxo, ninguém deve esperar soluções finais e definitivas, quando sabemos que cem anos de atividade no mundo representam uma fração relativamente curta de tempo para qualquer edificação na vida eterna.
Infinito campo de serviço aguarda a dedicação dos trabalhadores da verdade e do bem. Problemas gigantescos desafiam os Espíritos valorosos, encarnados na época presente, com a gloriosa missão de preparar a nova era, contribuindo na restauração da fé viva e na extensão do entendimento humano. Urge socorrer a Religião, sepultada nos arquivos teológicos dos templos de pedra, e amparar a Ciência, transformada em gênio satânico da destruição.
A espiritualidade vitoriosa percorre o mundo, regenerando-lhe as fontes morais, despertando a criatura no quadro realista de suas aquisições. Há chamamentos novos para o homem descrente, do século XX, indicando-lhe horizontes mais vastos, a demonstrar-lhe que o Espírito vive acima das civilizações que a guerra transforma ou consome na sua voracidade de dragão multimilenário.
Ante os tempos novos e considerando o esforço grandioso da renovação, requisita-se o concurso de todos os servidores fiéis da verdade e do bem para que, antes de tudo, vivam a nova fé, melhorando-se e elevando-se cada um, a caminho do mundo melhor, a fim de que a edificação do Cristo prevaleça sobre as meras palavras das ideologias brilhantes.
Na consecução da tarefa superior, congregam-se encarnados e desencarnados de boa vontade, construindo a ponte de luz, através da qual a Humanidade transportará o abismo da ignorância e da morte.
É por este motivo, leitor amigo, que André Luiz vem, uma vez mais, ao teu encontro, para dizer-te algo do serviço divino dos "Missionários da Luz", esclarecendo, ainda que o homem é um Espírito Eterno habitando temporariamente o templo vivo da carne terrestre; que o perispírito não é um corpo de vaga neblina e sim organização viva a que se amoldam as células mateirais; que a alma, em qualquer parte, recebe segundo as suas criações individuais; que os laços do amor e do ódio nos acompanham em qualquer círculo da vida; que outras atividades são desempenhadas pela consciência encarnada, além da luta vulgar de cada dia; que a reencarnação é orientada por sublimes ascendentes espirituais e que, além do sepulcro, a alma continua lutando e aprendendo, aperfeiçoando-se e servindo aos desígnios do Senhor, crescendo sempre para a glória imortal a que o Pai nos destinou.
Se a leitura te assombra, se as afirmativas do Mensageiro te parecem revolucionárias, recorre à oração e agradece ao Senhor o aprendizado, pedindo-lhe te esclareça e ilumine, para que a ilusão não te retenha em suas malhas. Lembra-te de que a revelação da verdade é progressiva e, rogando o socorro divino para o teu coração, atende aos sagrados deveres que a Terra te designou para cada dia, consciente de que a morte do corpo não te conduzirá à estagnação e sim a novos campos de aperfeiçoamento e trabalho, de renovação e luta bendita, onde viverás muito mais e mais intensamente.

Emmanuel
(Pedro Leopoldo, 13 de maio de 1945)


Série André Luiz

Coleção A Vida no Mundo Espiritual

01. Nosso lar (1944)
02. Os mensageiros (1944)
03. Missionários da luz (1945)
04. Obreiros da vida eterna (1946)
05. No mundo maior (1947)
06. Libertação (1949)
07. Entre a Terra e o céu (1954)
08. Nos domínios da Mediunidade (1955)
09. Ação e Reação (1957)
10. Evolução em Dois Mundos (1958)
11. Mecanismos da mediunidade (1960)
12. Sexo e destino (1963)
13. E a vida continua... (1968)

Obras complementares

14. Agenda cristã (1948)
15. Conduta espírita (1960)
16. Desobsessão (1964)
ResenhasLeitoresEdições1 encontrados | exibindo 1 a 1 | PróximaAnterior |

Marcos Wünjsch 08/10/2011minha estante
Minha filha, vc copiou e colou o livro foi? =D




denilson 12/03/2013

mais um genial
os missionarios da luz passam por vários casos, em cada um mostrando as diretrizes do espiritismo....
inesquecivel...
comentários(0)comente



Beatriz 03/01/2013

Um passeio pelo mundo espiritual.
O livro é super interessante. Religioso ele trata das aventuras do espírito André Luiz no outro lado da vida. Otimo livro com histórias instigantes para quem ja está acostumado com a literatura espírita. Nele se traz muitos aprendizados que podemos aplicá-los no cotidiano com o próximo. Esse livro traz passagens que faz o leitor se identificar com elas,refleti-las, fazendo assim cada um tirar as próprias conclusões.
O foco do livro é contar sobre como os espíritos benevolentes lidam com a reencarnação no plano espiritual.
comentários(0)comente



Flora 26/02/2012

Missionários da luz
Nesse livro o espírito André Luiz é guiado por Alexandre, que muitas vezes capta as suas dúvidas mais profundas a respeito do mundo espiritual. O interessante é que o livro advém das observações e descrições de um (ex-)médico, tão preocupado quanto os encarnados em descrever sua viagem por novos ambientes. As lições expressas em cada capítulo apresentam-se de maneira lógica, começando pelo psicógrafo e terminando em despedidas no mundo espiritual. Os personagens também relatam suas histórias e são exemplos ao longo de cada capítulo, com enredos que se entrelaçam. O que mais gostei, no entanto, foi a descrição daquilo que nos é invisível, a importância da oração e as consequências da obsessão. É um livro essencial para qualquer pessoa que deseje conhecer o espiritismo. A linguagem utilizada, embora contenha termos arcaicos, não deixa de ser simples e instigante.
comentários(0)comente



CassiaLessa 02/01/2017

Um livro que faz você refletir sobre diversas questões cotidianas
Confira a minha opinião sobre o livro no meu blog

Link ali em baixo :)

site: http://aboutbooksandmore.blogspot.com.br/2017/01/missionarios-da-luz.html
comentários(0)comente



Marta 01/09/2009

Missionários da Luz
Chico Xavier, descreve o relato de André luiz sobre os preparos, nas colonias epirituais, dos espiritos que irão reencarnar no plano terrestre. Descreve a aproximação através de sonhos, dos pais com o bebe/espirito que esta sendo gestado. E as visitas deste espirito que se prepara para renascer, sempre acompanhado por missionários da luz. Uma leitura especifica para aprendizes da Doutrina espirita e adeptos do espiritismo.
comentários(0)comente



Nilton 05/05/2015

Mais uma luz para nossas vidas...
André Luiz nos presenteando com mais uma obra fantástica. Essas obras são um resumo sobre o quanto a vida é bela! E acredito que o principal e mostrar que temos que ter fé, acreditar, pois não estamos desamparados. Através de alguns relatos sobre suas vivências no mundo espiritual o autor nos mostra que há muito beleza para se viver. Busquemos essa realidade e não nos percamos nas ilusões desta realidade efêmera.
comentários(0)comente



Leo 10/04/2011

Muito difícil mas compensador
No embalo dos dois primeiros cheguei a este livro, extremamente técnico e detalhista o que particularmente me impediu um avanço normal na leitura.

Particularmente as lições de André continuaram a me surpreender e a abrir novas visões para os acontecimentos do cotidiano, mas a paixão pela medicina do autor me atrapalhou por que mais de um terço do livro nos prendemos a relatos intermináveis dos acontecimentos espirituais e suas influências no plano físico-biológico.

A mim foi uma verdadeira prova de resistência, porém nada que impeça o prosseguimento, apenas um atraso por minha culpa (um profissional de exatas) graças aos problemas de entendimento de Biologia e obviamente medicina.

Mas tirando esses momentos em que minhas faltas escolares se fizeram finalmente a cobrança do preço o livro nos faz entender mais porque agimos de determinadas maneiras, porque as coisas acontecem sempre para certa pessoa, o que acontece quando negligenciamos nosso dia-a-dia, enfim, quando menos percebemos estamos vendo respondidas algumas duvidas inquietantes que jamais sobre o viver.

Um livro interessante demais, com lições que nos espantam frente a simplicidade e obviedade. Diferentemente dos dois primeiros que se centrou nas relações de amizade de André este livro o leitor deve encarar não como uma história e sim como um livro didático, um verdadeiro diário de um curso que André freqüentado e que tivemos a sorte de acompanhar.
comentários(0)comente



Renata 17/07/2017

Leitura obrigatória
Uma chave para abrir a porta do entendimento da Verdade, tão buscada por nós. Este livro é uma joia rara.
comentários(0)comente



Moitta 03/11/2010

Missionários da Luz
O 3O da série, maravilhoso.

André Luiz aprende valorosas lições na presença do instrutor Alexandre e eventualmente outros designados a específicas áreas.

Neste livro, explica com clareza e de uma forma sempre amorosa e cheia de paz sobre obsessões, o processo de reencarnação (num caso com muita proteção e amor e um de desvirtuosas atitudes), a psicografia, incorporações e aparições do ponto de vista dos desencarnados, os passes, a interceção que atende preces, a proteção, vampirismo e sempre deixando claro que cada um colhe o que planta, estando a ajuda divina sempre presente àquele qua a busca com verdade.

Mostra como a prece possui poderes fortes, como um coração dedicado e um pensamento reto criam um ambiente magnético que protege e facilita o trabahlo de seres evoluidos dos outros planos.

A importância dos pensamentos, sendo qualquer inquietação intima desarmonia e as perturbações orgânicas enfermidades. O estado mental influi diretamente sobre o corpo, criando ambiente harmonioso ou não.
Novamente, a prece cria as condições de auxílio para os trabalhadores do bem, sem deixar de exigir a conduta reta, desligada dos prazeres e hábitos inferiores.

Diversos casos-exemplos tornam a narrativa agradável e instrutiva, um excelente livro. Lembrando sempre as virtudes de amar ao próximo, ser humilde, trabalhar fielmente pelo bem, combater o mal, manter pensamentos retos e harmonia emocional, amar e dedicar abnegadamente tudo ao criados, cientes da condição de filhos.
comentários(0)comente



28 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2