O Caminho do Artista

O Caminho do Artista Julia Cameron




Resenhas -


20 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2


Henrique Valle 10/06/2018

Uma viagem para dentro de si mesmo
Infelizmente o livro é vendido nas seções de autoajuda. Isso pode afastar um grande número de artistas - bloqueados, inclusive - que poderiam utilizar o livro para aprimorar sua criatividade. Eu comprei sem medo e me senti pessoalmente orientado pela Julia Cameron. O livro é dividido em 12 semanas, onde é possível criar reflexões específicas durante três meses. Se o livro parece repetitivo, não se impressione: é necessário repetir conscientemente para vencer o que está enraizado inconscientemente. Eu evoluí muito e, graças ao exercício diário das páginas matinais, voltei a escrever no meu blog, comecei a compor músicas e esquetes de teatro, e comecei o meu tão sonhado curso de ator. Recomendo para quem deseja se conhecer melhor e entender a criatividade sob a perspectiva da diversão.
comentários(0)comente



Camila.Ferreira 04/07/2020

Instigante
Um livro inspirador para quem quer olhar para seu artista interno
comentários(0)comente



Robson Souza 24/10/2019

Mudou minha vida!
Mais do que um livro de auto-ajuda, O Caminho do Artista é um programa de recuperação criativa. Extremamente motivador e bem construído, ajuda o leitor a entender o porquê de estar bloqueado criativamente, e como se desbloquear.
Além disso, o livro tem uma abordagem espiritual forte e envolvente.
Qualquer que seja sua veia artística, por mais que você ache que sua oportunidade já passou, faça isso por você! Volte a criar!
comentários(0)comente



Diário de uma Leitora Em Crise 24/10/2020

Transformador.
Recuperação. Persistência. Aceitação. Reconstrução. Se eu precisasse definir "O Caminho do Artista" em poucas palavras, essas seriam as utilizadas, sem dúvidas.

Foram mais de 12 semanas lendo esse livro e mais de 1 hora por dia de dedicação à mim mesma. Nesse mundo, em que nós mesmos somos a última coisa a se colocar numa lista de prioridades, Julia Cameron vem nos exigir uma mudança e apontar todos os problemas que lidamos como artistas, ao negligenciar nosso tempo, nossa rotina e nossa vida criativa no geral.

Classificado como Autoajuda, o livro acaba afastando aqueles com preconceito à esse gênero, além de conter algumas abordagens de fé cristã, o que também considero que pode afastar alguns. No entanto, para mim, ambos foram detalhes que relevei, já que a autora faz um trabalho divino de seleção de tarefas semanais - são 12 semanas ao todo - do que chamei de Autoanálise.

Durante as semanas, Julia desmistifica o significado de Criatividade e suas ramificações e mostra a realidade do que é ser artista. Todos sofremos. Todos ficamos bloqueados. E "O Caminho do Artista" vem como uma bela jornada de autoconhecimento e de resgate daquilo que nós mesmos ou nossos pais ou a sociedade decidiu descartar à medida que deixamos a infância e entramos no mundo adulto. Não foram tarefas fáceis - do ponto de vista psicológico -, mas foram tarefas necessárias e que apontaram as raízes de meus problemas como artista - especialmente escritora.

Extremamente importante, "O Caminho do Artista" deve ser lido por artistas que se pegam entrando em grandes ou pequenas crises, hiatus em seus trabalhos, inseguranças, medos, resistências e até mesmo por pessoas "comuns" que se sentem frustradas com suas próprias vidas. Julia Cameron nos mostra que não importa como chegamos aqui, em um ponto de bloqueio de nossa vida - seja em qualquer área -, sempre há como mudar o nosso futuro, começando pelo nosso presente e investigando e ressignificando o nosso passado. É bonito, é simbólico e merece ser lido.

Virou, com toda certeza, um dos meus livros favoritos da vida.

site: www.instagram.com/autoradanielabraga
comentários(0)comente



marcioenrique 16/01/2018

autoajuda.

(ou seja, fraco, repetitivo e superficial)
comentários(0)comente



Dedé 04/02/2018

Um Livro Amigo
É autoajuda que realmente ajuda. A autora expõe seu ponto de vista de forma clara, organizada, com reflexões existenciais relevantes e de forma apaixonada. Parece uma conversa com um bom e otimista amigo, um livro positivo, cheio de esperança. Recomendo fortemente para todo artista. A estratégia das páginas matinais recomendada no livro é simples e genial. A sensibilidade da autora para com o mundo das artes é empolgante. O livro é como um curso de teatro, como estar em um grupo de apoio, saboroso para aqueles que prezam a criatividade.
comentários(0)comente



Paloma 22/06/2018

Publicado no Brasil pela Editora Sextante, O caminho do artista traz um método que ajuda artistas, escritores e profissionais em geral a usar a própria criatividade.

?Com mais de 4 milhões de exemplares vendidos, O caminho do artista, reúne uma série de exercícios, reflexões e ferramentas para ajudar você a despertar sua criatividade, recuperar a autoconfiança e se livrar dos bloqueios criativos?.

Criado pela escritora Julia Cameron há 25 anos, o livro trabalha com um programa de 12 semanas e em cada semana são apresentados exercícios e técnicas para recuperar determinado valor, como identidade, compaixão e abundância, que o ajudará a liberar sua criatividade. No final dos capítulos, há diversas tarefas que devem ser feitas ao longo da semana para trabalhar o conceito em questão.

?O caminho do artista? traz duas ferramentas básicas:

? Páginas Matinais: em que você deve escrever três páginas por dia, com pensamentos em livre associação (o que ao longo do tempo faz você refletir sobre suas prioridades e inquietações e deixa você menos autocrítico);

? Encontro com o Artista: em que você deve tirar um tempo para si mesmo semanalmente para ir a algum lugar que aguce sua imaginação, podendo ser algo simples como ir a uma papelaria (o que vai trazer diversão para sua vida e vai proporcionar novas fontes de ideias criativas para serem usadas).

Julia Cameron soube trabalhar muito bem determinados conceitos como as crenças negativas profundas:

?Quase sempre, quando estamos bloqueados em alguma área de nossa vida, é porque assim nos sentimos mais seguros. Talvez não sejamos felizes, mas ao menos sabemos o que somos ? pessoas infelizes. Muito do medo de nossa criatividade tem a ver com o medo do desconhecido?.

Com uma carreira artística de mais de 30 anos como romancista, dramaturga, compositora e poeta, Cameron afirma que todos nós somos artistas e podemos liberar nossa criatividade. A autora ainda desmistifica a ideia de que o processo criativo precisa ser sofrido.

?A maioria das pessoas mantém uma crença secreta de que trabalho é trabalho, e não diversão, e que qualquer coisa que realmente se quer fazer ? como escrever, atuar, dançar ? deve ser considerada frívola e colocada num segundo plano bem distante?.

Rico em exemplos de experiências de pessoas que usaram o método e da própria autora, o livro exige uma imersão no momento de realizar os exercícios pedidos. Apenas lê-lo não irá liberar o seu potencial criativo.

Apesar de apresentar ótimas técnicas para desbloquear a criatividade, algumas não funcionaram para mim. No meu caso, fiquei resistente em fazer alguns exercícios referentes à espiritualidade. No início, Cameron trata do assunto e fala para termos a mente aberta, mas creio que eu não consegui abstrair todo esse conceito e mergulhar tranquilamente no livro.

Embora não veja problema em a autora ter suas crenças, em muitas partes do programa, a convicção na espiritualidade era essencial para dar prosseguimento nos exercícios, o que acabou me desconcentrando e me deixando resistente em cumprir certas tarefas.

De qualquer maneira, acho que a leitura vale bastante a pena, pois é empolgante e apresenta conceitos interessantes que te fazem refletir. Por toda a vivência que a escritora demonstra no livro, penso que o método tem sido bastante eficaz. Tenho sérias intenções de reler e praticar tudo o que é proposto.

https://aragakibr.wordpress.com/2018/06/20/o-caminho-do-artista-desperte-seu-potencial-criativo-e-rompa-seus-bloqueios/
comentários(0)comente



Adriana 15/12/2020

Não sou artista, mas ao ler esse livro descobri que há algo aqui dentro que se agita desejando ser compartilhado... ideias, pensamentos, inspirações... enfim, como diz a autora, nós somos apenas instrumentos de algo que é maior que nós. Ninguém experimenta o mundo e a vida de forma igual, assim cada um de nós pode documentar a realidade através diversas ferramentas... sejamos artistas nas nossas vidas!
Recomendadíssimo!
Jeane 01/01/2021minha estante
Você descreveu exatamente como me senti ao ler o livro!




Gio 04/06/2020

A Recuperação do Artista em Conflito
O título nos passa a impressão errada do que ele realmente é. Ele deveria se chamar "a recuperação do artista" e não "o caminho do artista". A maioria do conteúdo é feito para ajudar artistas em crise e não alguém que deseja ser um artista e não sabe por onde começar. Muitos exemplos específicos do curso que a autora desenvolveu, se enquadram para pessoas deprimidas, em negação e com problemas de álcool e drogas. É uma terapia que busca encontrar os culpados das crises de um artista, ao invés de trilhar um caminho de iluminação individual e inspiracional. Além disso, existe uma insistência de evangelismo bem forte em cada capítulo, com valores extremamente americanos de prosperidade. É um livro de auto ajuda e não sobre um processo artístico livre e que funciona para todos os tipos de pessoas.
comentários(0)comente



leilakelly 15/06/2020

Um empurrãozinho
Um livro que te ajuda a sair da inércia, a compreender seus desejos, a confiar nas suas ideias e a curar feridas que te impedem de levar uma vida mais criativa.

A única coisa que não gosto nesse livro é a pegada religiosa. AlÀs vezes pode parecer um livro religioso o que pra mim é bastante ruim... mas se conseguirmos relevar esse elemento, o livro é extremamente útil!
comentários(0)comente



merlinjoao 29/07/2020

📚 Esse é um dos sobreviventes que aguentou sentado na minha prateleira por cerca de dois anos até ser finalmente lido. Mas até os livros tem o tempo certo de "acontecerem" na nossa vida.

😷 A pandemia me deixou numa circunstância um tanto quanto peculiar em relação a vida. E juntando a ansiedade, muitas vezes os livros parecem um fardo bem pesado de carregar. Mas felizmente a quarentena (mais infinita impossível) tem sido um tempo de autoanálise e esse livro se encaixou perfeitamente nesse momento.

✏️ A autora, Julia Cameron, traz à arte e à criatividade uma perspectiva espiritual. Ela insere Deus como o "Grande Criador" e destrincha a partir daí sobre produção, processos e bloqueios. Falando bem a verdade, este livro é um curso para artistas que estão criativamente bloqueados e buscam uma forma de lidar com isso. Ele é cheio de atividades e exercícios para que você possa se desvencilhar das dúvidas e seguir adiante com sua produção artística.

😅 Particularmente, não estava a fim de fazer curso nenhum mas queria o conteúdo então li o livro como um simples livro. Mas confesso que é impossível passar por aquelas tarefas e não fazer mentalmente pelo menos algumas delas. Foi uma leitura divertida e cheia de descobertas. Se minha vida será transformada daqui pra frente? Só o futuro pode responder...

site: https://www.instagram.com/p/CDB1pndDGxy/
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Vanessa.Kawashima 24/07/2020

Bíblia da criatividade
Libro obrigatório para quem busca um desbloqueio da criatividade.
comentários(0)comente



Cora 31/08/2020

Renovador.
Eu sou outra pessoa, como escritora e como ser humano! Através das paginas matinais descobri defeitos meus que nunca havia notado e aprendi a valorizar pequenos detalhes que nunca havia parado para observar. Me redescobri como escritora e me despertou a vontade de explorar lugares que nunca explorei na escrita, me fez descobrir coisas que gosto que nunca parei para reparar! Sou totalmente outra e sou grata demais por esse livro porque a jornada so esta começando. Um livro que serve como guia para todos os artistas.
comentários(0)comente



Daynna Kate 06/11/2020

Um manual - passo a passo - de desbloqueio da criatividade
O livro começa lindo, me abraçou e envolveu. O objetivo é "desbloquear" nossa criatividade. Eu esperava algo diferente, sinceramente. Mas me deparei com um manual/guia. Um passo a passo. Se você não estiver disposto a seguí-lo por 12 semanas, metade do conteúdo do livro é "perdido". Pois nos finais de cada semana é feita uma checagem e isso é bem repetitivo. Porém para quem está realmente lendo e fazendo por semana, é ideal. Para ser sincera não segui o manual, porém o livro é proveitoso da mesma forma. Com certeza em alguns dos exemplos você irá se encaixar.
Particularmente achei vários pontos forçados. Não concordo 100% com tudo que foi falado, com todas as definições. Porém, é incrível quando o ponto bate certeiro no que você precisa. Eu recomendaria que todos os artistas lessem.
Sobre os pontos que discordo particularmente, não acho que vale a pena ser mencionados aqui pois teria toda uma explicação que fugiria da proposta da resenha. Mas, como afirmei antes, repito: leia e saboreie. Deixe ser tocado por toda a sensibilidade da autora. E se possível, siga as 12 semanas com calma como é no livro. Mas se você não pode por falta de tempo ou disposição, mesmo assim é muito bom e vai mudar alguma coisa dentro de você.
comentários(0)comente



20 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2