Fúria Domada

Fúria Domada Megan Maxwell




Resenhas - Fúria Domada


23 encontrados | exibindo 16 a 23
1 | 2


Fernanda 12/03/2018

Fúria domada
Resenha no blog:

http://www.segredosemlivros.com/2018/03/resenha-furia-domada-megan-maxwell.html

site: http://www.segredosemlivros.com/2018/03/resenha-furia-domada-megan-maxwell.html
comentários(0)comente



Cheli 02/01/2018

Perfeito... Amei o Niall e essas mulheres destemidas e guerreiras...
Esse livro conta a emocionante história de amor da Gillian e do Niall, que após rouperem o noivado tão esperado e se afastarem por muito tempo, acabam se reencontrando e como sempre as provocações e as agressões verbais continuam com uma intensidade ainda maior...
Mas por trás de todo esse ódio ainda existe um sentimento profundo. Será que eles vão conseguir se entender e viver esse amor intensamente??? Será??? Será???
Amei...Recomendadíssimo!
comentários(0)comente



Leilane 28/05/2018

"Fúria Domada" traz um dos casais mais teimosos que já li
Gillian faz bem jus ao apelido Desafiadora dado por seu clã. Ela não leva desaforo e já espantou muitos pretendentes. Entretanto, ela se vê em um impasse de honrar um acordo feito por seu pai com outro clã antes de morrer. Ela tem até o seu aniversário para escapar de um enlace que será desastroso e talvez sua única salvação seja o homem que ela jurou nunca perdoar por a abandonar para ir à guerra, seu amor de infância Niall. Só que Niall também já sofreu muito com a rejeição de Gillian e não parece disposto a facilitar a vida da moça.

“Fúria Domada” é o segundo livro da série “Guerreiras”. No primeiro, “Desejo Concedido”, conhecemos a história de Megan e Duncan, que em uma infinita guerra de vontades acabaram descobrindo o amor, agora é a vez de dois personagens que conhecemos no primeiro livro, o irmão de Duncan, Niall McRae, e sua bela Desafiadora, Gillian.

As personalidades dos personagens são bem parecidas com a do livro anterior, mas, ao mesmo tempo, e não achei que seria possível, são mais cabeças-dura ainda, a ponto de serem cruéis um com o outro, principalmente por parte de Niall. Isso me incomodou, ele usava a desculpa de estar protegendo seu coração e do domínio que ela poderia exercer sobre ele, mas quando ele era cruel, era possível discernir indícios de um relação que se tornaria abusiva, já que ele constantemente a comparava com outra mulher – que ele sequer se sentia atraído, era só para provocá-la -, duvidava dela constantemente e chega a humilhá-la em alguns momentos. E como isso se estende por boa parte do livro, a impressão que fiquei é Niall é um tipo de personagem que teria ficado melhor como secundário mesmo.

Mas esta é uma série sobre Guerreiras, então deixo claro que Gillian não aguenta nada disso calada e luta para ser feliz, que será ao lado dele quando ele deixar de ser tão idiota, mas ninguém é de ferro, de modo que ela se deixa afetar por algumas coisas que vão sendo superadas ao longo do livro, algumas de maneiras bem peculiares, um tanto divertidas e um pouco exasperantes também, afinal ela é essencialmente teimosa.

Há bastante atuação dos personagens centrais do livro anterior, que ajudam a orquestrar algumas dessas situações, então foi bom revê-los, mas confesso que o que mais me diverti foi com os guerreiros ferozes e desleixados do clã de Niall, que passam por uma makeover espontânea depois que a Gillian passa a aconselhá-los. Aliás, o clã como um todo floresce com os cuidados dela, então acabou sendo mais bonito de ver o clã aceitando e amando a Gillian, do que a história de amor do casal; algo incomum na minha experiência com esses romances highlanders.

E ficou claro que o próximo livro é do Kieran de tanto que anunciaram que quando ele encontrasse a mulher da vida dele e ficaria ainda pior do que os personagens que se casaram. E pelo que vi no Goodreads é mesmo e gostei que o quarto é o do irmão mais novo da Megan e da Shelma, mas fico pensando que a característica da Megan de deixar os personagens sempre cabeças-duras de mais para o próprio bem pode desgastar os enredos, no primeiro foi divertido, já agora no segundo já tirou um pouco o brilho, veremos como serão os próximos. Espero que a Planeta os lance logo.

site: http://lerimaginar.com.br/2018/01/semanahighlander-2-furia-domada-megan-maxwell/
comentários(0)comente



Cris.Pimentel 16/06/2018

A Redenção
Amei!
Na minha opinião este livro é muito superior a Desejo Concedido
A Gillian tem o equilíbrio que a Megan não conseguiu ter no primeiro livro, ela é forte e doce ao mesmo tempo. Turrona na medida certa.
A história é uma delícia, dei boas risadas com as trapalhadas da Gillian.
Não queria que o livro acabasse, sinal de que é bom né?
comentários(0)comente



Acsa 07/08/2018

Deixou a desejar.
Não posso dizer que amei a história. Não podemos confundir relacionamento abusivo com romance de época. O marido toda hora humilhava Gillian, até mesmo a colocando inferior a outras mulheres!! Além de lhe dar tapas desnecessário. Foi o primeiro Romance de Época que li em que o relacionamento do casal foi totalmente abusivo.
O melhor do livro dói rever Ducan e Megan do livro anterior ??
comentários(0)comente



Nick 18/05/2018

Perfeito
O segundo livro da série Guerreiras é mais um que te prende do início ao fim. Megan nunca me decepciona.
Gillian McDougall é uma mulher linda, forte, destemida, determinada e extremamente desafiadora.
Niall McRae é um highlander muito lindo, forte, teimoso e extremamente orgulhoso.
Fúria Domada traz a estória de um amor que vem crescendo a anos mas, que por alguns obstáculos não conseguiu se desenvolver.
Gillian pensou que Niall a houvesse abandonado próximo da data de seu casamento. Niall passou 2 anos cumprindo sua missão de highlander, e quando retornou soube que não tinha mais uma noiva. Eles passam muitos anos sem se ver mas, o destino os faz se reencontrarem. Para fugir de um casamento arranjado, Gillian precisa convencer Niall a se casar com ela, ele extremamente apaixonado porém, muito orgulhoso não aceita de maneira alguma. Depois de algumas armações os dois acabam se casando e tornando a vida de ambos uma frequente Guerra de gênios. Niall está disposto a fazer Gillian pensar que se casou somente para pagar dívidas que tinha com seu irmão Axel porém, suas barreiras vão ruindo conforme a linda guerreira vai o desafiando. O livro tem brigas de mais, e me fez querer arrancar Niall do livro e lhe dar uma boa surra, muitas vezes pensei “porra brigando de novo?” mas, compreendi que as eternas brigas nos fazem não desgrudar do livro ansiosos para chegar a parte do amor kkkk. Dois corações orgulhosos e apaixonados, serão capazes de abandonar o orgulho e viver somente o amor?
Venha conhecer você também esses dois orgulhosos super apaixonados, e conhecer o desfecho dessa guerra de gênios.
comentários(0)comente



Marissol.Oliveira 09/12/2017

Que fúria....
Nossa, rever todos os personagens de desejo concedido foi muito bom, amo demais estas guerreias e como enlouquecem seus homens.
Vc ri, chora, não consegue parar de ler. Apaixonante, louca p ler o próximo, espero que não demore mais um ano p lançar.
comentários(0)comente



Lê Golz 05/04/2018

Briga e romance
Fúria domada é o segundo livro da série Guerreiras, escrita por Megan Maxwell. Dessa vez acompanhamos a história de Gillian e Niall, que são apaixonados desde a infância. Após ser convocado para lutar junto ao rei da Escócia, Niall interrompe o noivado com Gillian quando parte para a guerra sem nem ao menos se despedir. Dona de uma personalidade forte e um caráter indomável, ela não o perdoa após seu retorno. Ele também não está disposto a lutar tanto por ela, depois de tantas tentativas. Anos depois eles se reencontram e os desentendimentos são ainda maiores, porém, no fundo todos perceberam e eles mesmos sabem que por trás dessa fúria existe um sentimento forte que jamais foi esquecido. Uma revelação familiar irá colocar a prova esse amor. Então eles precisão vencer o orgulho ou esquecer para sempre o que viveram juntos.

"E então a beijou. Devorou seus lábios como só ele e sua paixão sabiam, e Gillian se sentiu desfalecer." (p. 350)

Nesse segundo livro, Maxwell segue com a mesma narrativa fluída, envolvente e rica em diálogos. É só uma pena que para um romance de época, ela use muitas falas atuais, como "gata". Mas a autora cria tantas situações interessantes e divertidas, que acaba nos instigando a avançar rapidamente as páginas. Gostei muito de rever os personagens do primeiro livro, principalmente Megan e Duncan. Esses personagens rendem momentos descontraídos em meio ao turbilhão de brigas entre os protagonistas.

Tenho sentimentos bem contraditórios com todos os livros que leio da autora. Como no primeiro volume, as brigas infantis dos protagonistas e os inúmeros insultos acabam irritando na maior parte das vezes, em outras são imensamente divertidas. E são justamente essas brigas que parecem nunca ter fim, que tornam os momentos de reconciliação tão românticos e apaixonantes, nos deixando com um gostinho de quero mais. E por incrível que pareça vi uma tremenda química nesse casal. Acho que é só a autora equilibrar melhor o excesso das discussões claramente infantis e dar mais momentos de trégua entre os protagonistas.

Outro ponto que faz o livro valer a pena, é a criação de personagens secundários - além daqueles do primeiro volume. As crianças, por exemplo, aprontam muito e seguem com a personalidade de suas mamães (quem leu Desejo Concedido vai entender haha), os guerreiros do clã de Niall também rendem momentos de descontração e foi muito gostoso ver o amadurecimento desses personagens. Além disso, não menos importante, está o empoderamento feminino que continua tão presente nos livros da autora.

Fúria domada é mais um livro que amei da autora. Tem algo de especial no seu modo de escrever e criar seus personagens, porque ao mesmo tempo em que eles me irritam e me tiram do sério, eles também me encantam e me fazem suspirar. E uma coisa é certa: não consigo parar de ler os livros da Megan Maxwell e mal posso esperar pela continuação.

site: https://livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br/2018/03/resenha-furia-domada-de-megan-maxwell.html
comentários(0)comente



23 encontrados | exibindo 16 a 23
1 | 2