Ainda Sou Eu

Ainda Sou Eu Jojo Moyes


Compartilhe


Resenhas - Ainda Sou Eu


180 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Raffafust 25/01/2018

A história de Como eu era antes de você marcou milhões de leitores e me incluo nisso. Encantada passei a querer ler todos os livros da autora Jojo Moyes, que sim, já tinha escrito 8 livros antes desse e que com o sucesso da historia pôde ver todos eles tomando conta das prateleiras do mundo .

Obviamente que quando algo faz sucesso assim a pressão dos leitores é imensa para que se tenha uma continuação, o casal composto por Louise Clark e Will Traynor saía do lugar do comum, nos fazia sorrir mesmo com um relato imensamente triste. O final então nos dividia, alguns como eu aceitavam que tinha sido uma decisão que não poderíamos interferir, muito menos ela. Mas e Depois de Você ? A continuação veio e eu mesma fui uma das que não a recebi de braços abertos...por mais que a gente saiba que Lou precisa continuar vivendo, o passado de Will o colocava em um lugar que a gente jamais teria imaginado, ele era perfeito, porque mudar?

Então Jojo avisou em sua vinda ao Brasil em maio do ano passado que estava escrevendo um 3º volume. Claro que eu queria ler, lógico que corri para me candidatar quando a editora informou que alguns leitores teriam a sorte de ler o livro antes de todo mundo.

E foi o que fiz, encarei a leitura em menos de 3 dias, marquei o com partes interessantes - calma, era uma prova, não o livro mesmo!- e vi que tinha sorrido muitas vezes durante a leitura.

O jeito irresistível de Lou estava lá, desde a primeira página quando está passando pela imigração americana e fala demais. Ela, uma inglesa, indo à Nova York trabalhar recomendada por seu amigo Nathan.

Sim, Lou deixa para trás Sam, eles não terminaram o namoro mas ela resolve ir atrás de seu desejo de conhecer NY, com uma imensa pitada de sugestão de Will...isso ela deixa claro, o próprio Sam sabe disso.

Ela vai sem conhecer quase ninguém, para morar e trabalhar na casa de uma das famílias mais ricas da cidade, o Sr. Leonard tem uma esposa quase da idade dela, Agnes, e ela será sua assistente. A moça não tem nenhuma deficiência, nem está acamada, na verdade ela tem depressão porque não é aceita pela cidade inteira, afinal seu agora marido era casado quando a conheceu e pediu divórcio para ficar com ela. A ex dele nunca a aceitou ou entendeu o motivo, a filha dele a odeia. Mas não para por aí, todos lhe viram as costas...e agora?

É bem óbvio o como ela sente falta de Will e para nós que temos um ship eterno com o casal fica difícil esquecer dele, ainda mais quando ela conhece em um evento acompanhando Agnes o gato parecido com ele chamado Josh. Mas Jojo não fica na mesmice, ela nos envolve na história de Lou de forma que dessa vez nos coloquemos no lugar dela, o grande amor se foi, o atual mora longe e tem um homem lindo aparentemente interessado...como lidar?

Sam será aquele homem que qualquer garota ia querer ter, e que pode ser que o sentimento de alguns leitores seja julgar Lou e suas atitudes, eu preferi aceitar que há vida pós Will, que ela precisava se encontrar, até porque a família dela sempre foi ótima para complicar ainda mais sua vida.

Quando a gente já pensa nos clichês, vem a maravilhoso Jojo e nos brinda com uma mudança de emprego dela, uma reviravolta que nos faz sentir orgulho da protagonista e de suas decisões.

Sim, Louise Clark está de volta e acho difícil não se apaixonar por Ainda Sou Eu.

comentários(0)comente



Sueli 02/03/2018

Delícia! Delícia! Delícia!
Sabe, eu havia trocado de mal com a Jojo Moyes após a leitura de “Depois de Você”. Vamos combinar que aquele é um romance terrível.
Mas, como resistir à continuação da saga de Louisa Clark?
Eu me sentiria péssima vendo todos comentando sobre o livro e ser a única sem saber dos últimos acontecimentos dessa personagem tão bem estruturada, que muitas vezes sentimos como se faltasse alguém em nossa vida. Sem contar que eu sou uma leitora muito curiosa! ;)
“Ainda Sou Eu” é uma fábula deliciosa sobre as desventuras de uma inglesa em Nova York. Eu estava preparada para muito drama e chororô, portanto foi com enorme prazer que percebi que Jojo Moyes equilibrou com perfeição drama, comédia e romance exatamente como uma longa volta na melhor montanha russa do planeta.
Personagens adoráveis, outros odiosos, mas todos perfeitamente reconhecíveis.
Um romance adorável e imperdível, mas de forma nenhuma poderá ser lido sem antes passarmos pela “provação” de seu antecessor nesta trilogia (ou, será que teremos um quarto volume?) :O
comentários(0)comente



Amanda Esteves 14/02/2018

Provavelmente o melhor livro da trilogia!
"Viva corajosamente, Clark!"

Esse livro veio para mostrar, de uma vez por todas, que toda a história SEMPRE foi sobre a Louisa, sempre foi sobre o amadurecimento, a coragem, os tombos da vida, sobre como se levantar e ter força para correr atrás. A vida da Lou nunca foi fácil, aqui não seria diferente. A Lou mostra a que veio, é aqui que ela mostra toda a coragem, toda a força, mostra ser uma pessoa que nós ainda não conhecíamos.

Louisa Clark é uma das personagens mais fortes que tive o prazer de acompanhar. E CLARO, como sempre, a Jojo estraçalha nosso coração e faz nosso estômago revirar de ansiedade no final. Mas, se a história terminar desse jeito, dando a entender que tudo realmente terminou da forma como terminou, é o melhor final possível.

Uma palavra define: orgulho!

site: http://dentrodaminhatv.com.br/resenha-ainda-sou-eu/
Marli.Santos 26/02/2018minha estante
Para mim sempre foi claro que era sobre o amadurecimento da Lou,algumas mulheres que viajaram na maionese e encanaram que o primeiro era uma estória de amor,o Will mais importante do que ela.


Amanda Esteves 10/03/2018minha estante
Concordo, Marli!




Cris.Pimentel 17/02/2018

A redenção!
Definitivamente a Jojo se redimiu com este livro.

Não sei vocês, mas achei o anterior "Depois de você" péssimo, mas péssimo do tipo "jamais deveria ter sido publicado", então comecei a leitura deste bem desanimada, só pra ver o que ia acontecer mesmo, mas não é que o livro é ótimo?!

Começa meio devagar, mas do meio pro fim não dá pra parar.

As mudanças provocadas pelo Will na Louisa ficam claras, inclusive para ela, o que fez o encerramento da trilogia ser perfeito.

Como bônus o livro fala muito de Nova York, para quem já foi, as impressões da Louisa sobre a cidade são deliciosas.
comentários(0)comente



Alessandra 10/02/2018

Um prazer ler esse livro!
Um lindo desfecho para a história de Lou. Ela encontrou o seu lugar no mundo e alguém q a ama como ela merece.
Melhor q o livro 2, esse livro mostra a importância real de Will na vida da Lou e como ele foi capaz de mexer com a vida dela. Amei o livro.
comentários(0)comente



Jefferson 13/05/2018

ZzZz
A primeira metade do livro é boa. Depois fica muito ruim. Inclusive o final é péssimo! Porém muito melhor do que o ?depois de você?.
Suellen.Cmnm 24/05/2018minha estante
Ja acho o contrario, o inicio é meio chato, do meio pra frente o livro começa a melhorar e o final quase me faz chorar.




*Fer* 03/05/2018

Que livro lindo!
Trouxe nossa Lou de volta. Nao gostei tanto do segundo livro, mas este foi tão incrível quanto o primeiro.
Amei e estou triste de saber que personagens tão queridos não terão continuação.
comentários(0)comente



Tamires 15/02/2018

Já com saudades da Lou!
Que saudades da Lou!!!
Meu Deus quantas emoções que aconteceu na vida dessa mulher minha gente!!Uau!

Ela com o seu novo emprego em NY,achando que ia ser simples, cuidar de uma mulher que sofre desprezo por toda a família do esposo, simplesmente por ser "a outra". Mas é muito mais do que isso: é descobrir segredos, compreender o humor de Agnes,conhecer um homem parecido com Will...
Resumindo uma montanha-russa de emoções.
Com o tempo ela descobre que a vida perfeita que achava que teria, não é nada disso: nem todos são o que dizem, sua irmã que se apaixona por alguém que ninguém imagina, sua vida amorosa vira de cabeça pra baixo, mas em tudo ela segue firme.

Foi muito interessante ela passar por várias situações para ver quem realmente é Louisa Clark. O que Will Traynor, acharia da Lou de NY? É possível realmente aproveitar o que a vida propõe?
Amei!!!
Estava torcendo pra que ela realmente tivesse um final feliz, e em várias vezes quis matar a Jojo pelo jeito que as coisas tomavam.
Por que não me levem a mal, ela precisava seguir em frente sem pensar no Will.
Tudo bem que ele foi um grande amor, mas depois de um ano do que aconteceu ela merecia ser feliz de verdade!!!!!
Chorei muito com tudo que aconteceu com ela. Mas tudo deu certo! (Ufa!)
Já vou morrer de saudades das loucuras e tagarelice da Lou, mas fico feliz por ter lido um trilogia maravilhosa dessa!
Jojo arrasou e encerrou com chave de ouro!!!
Recomendo!!!
Fabi 17/02/2018minha estante
O Sam aparece neste livro?


Tamires 17/02/2018minha estante
Siiim!


Fabi 17/02/2018minha estante
AHHHHHHH agr acho q vou ler este livro nesse mês.
Vc n mencionou o Sam dai já fiquei com medo kkkkkk
Gostei mt dele no outro livro.


Tamires 18/02/2018minha estante
Pois você vai se surpreender com ele! ;)
P.S: Também amei ele no outro livro


Tamires 18/02/2018minha estante
Depois conta o que achou :D


Fabi 19/02/2018minha estante
Conto sim =)


Paula.Sabino 09/03/2018minha estante
Oi Tamires!!!!
Me conta sobre o Sam, poooor favor!!!! Eles realmente não ficam juntos???
Preciso saber, mas ainda não comecei a ler.
Qlaquer coisa me passa um e-mail: apssabino@gmail.com.

PS. amo spoiler. rsrsrss




Daaniih_ 17/02/2018

Oi, Louisa Clark.
Confesso q não gostei do segundo livro, depois de você, mas Jojo se redimiu nesse livro é fez um final digno de Louisa Clark!! Apesar de ter achado um pouco vago, não deixou de ser bom.
Foi mto bom rever a Lou, Sam, sua família incrível, ver como q estava sendo a vida dela na grande NY, conhecer a família louca q ela começou a trabalhar. Margot e Dean Martin foi a grande surpresa pra mim, amei mto eles, queria saber um pouco mais sobre o final da Margot, mas quem leu já imagina o q seja.
Acho q é isso kkkk

Só mais uma coisa: JOJO, Q ESSE SEJA O ÚLTIMO LIVRO DE LOUISA CLARK!!! Obrigada, de nada...
Lívia @escritoraliviamessias 19/02/2018minha estante
Eu ri demais com seu pedido... Gostei da resenha!




Deise 11/05/2018

Reconfortante
Confesso que amei o primeiro livro e tive uma relação de amor e ódio com o segundo. Resolvi ler este terceiro e último, pedindo a Deus que eu não me decepcionasse e que ele salvasse o restante da história para mim.
E minha orações foram ouvidas kkkk.
A história é maravilhosa e trouxe de volta a essência da protagonista que para mim, havia sido perdida no segundo livro.
Acho que vou pensar muito nessa história até escolher o próximo livro. Me fez pensar, refletir sobre quem realmente sou e se tenho vivido até hoje como Louisa, apenas se moldando à vida de outras pessoas ou vivendo minha própria história?
Bem, me sinto grata pelo livro e pelos outros dois que compunham essa história maravilhosa.
Se pudesse, abraçaria Jojo Moyes e lhe daria os parabéns pela excelente trabalho (mas acho que é meio difícil agora).
Enquanto não me seja possível esse encontro, apenas agradeço interiormente pela oportunidade de ler essa história e poder abstrair coisas tão boas dela.
comentários(0)comente



Paulo Nunes 09/05/2018

Ridículo
Pior livro que li nos últimos tempos.
Me senti lendo uma versão escrita de Malhação ou outra novelinha de adolescente. É praticamente um diário de garotinha que acha que está seguindo em frente mas continua patinando sem sair do lugar.
Os relacionamentos são superficiais e abarrotados de clichês.
Adorei o primeiro livro da série, e gostei também de outros da autora, ela é boa. Li o segundo, achei bastante fraco, atrapalhado com enredo arrastado. Quando saiu esse último imaginei que a autora fosse se redimir e fechar a trilogia com categoria.
Que decepção, talvez por razões comerciais, tentou desnecessariamente continuar e esticar uma história que já tinha sido dramática e definitivamente encerrada pelo Will Traynor.
comentários(0)comente



Marílis 10/05/2018

Surpreendente.
Há bastante críticas quanto a continuação da história da Lou, confesso que achei bem morno o segundo livro, mas não fiquei desapontada. pois acredito que na vida real é bem assim, depois de uma intensa paixão, o que vem depois parece morno... E vai tempo pra você apreciar e parar de comparar as coisas...Mas tenho uma ótimo notícia pra você que vai ler por que já leu os outros mas está com receio, esse livro vai te surpreender! É magnifico como Jojo Moyes conseguiu dar um arremate tão importante na história, até a última página do livro eu não sabia o que iria ocorrer, eu não consegui adivinhar qual seria a forma que a Lou finalmente fixa sua raiz.
Lou é ela mesma da forma que sempre foi, e ser você mesmo é a coisa mais decidida que se pode ser na vida, bata o pé por isso.
Mariane 10/05/2018minha estante
Amei essa resenha amiga! Já tô querendo ler!!




spoiler visualizar
Khadja 24/07/2018minha estante
Oi, posso te fazer uma pergunta? Eu não entendi muito bem mas... ela fica com o paramédico? Obrigada!!


Mayhara 01/09/2018minha estante
Me decepcionei muito tbm. A autora não soube excluir a personagem. :/


Mayhara 01/09/2018minha estante
Me decepcionei muito tbm, ela não soube evoluir a personagem.




Andréa Araújo 29/06/2018

Me surpreendeu
Antes de tudo, quero constatar uma coisa: isso não é uma história de romance. Sempre foi sobre a Lou, sobre seu crescimento, sobre as coisas que ela precisou passar, as pessoas que ela precisou conhecer para se tornar quem ela sempre foi. Essa é uma história sobre auto conhecimento, é uma jornada.

Quando li a sinopse, achei que o livro tinha tomado um rumo bem diferente dos outros dois anteriores e fiquei com o pé um pouco atrás, mas logo que comecei a ler gostei muito desse nova mudança.

As inseguranças da protagonista são tão parecidas com as minhas, os dilemas são tão parecidos(mesmo eu não tendo mudado para um apartamento de luxo na Quinta Avenida em NY) que foi impossível não torcer para que tudo desse certo. E mais impossível ainda não refeltir sobre a minha própria vida. Talvez se eu estivesse em outra fase da minha própria vida, esse livro não me tocaria tanto.

Esse pode ser o último livro, que encerra a história de Louisa Clark, mas não fala sobre finais, fala sobre começos.
Rômulo 16/07/2018minha estante
Senti o mesmo, Andréa! Me emocionei e me vi muito nela, da mesma forma que ocorreu contigo. Adorei sua resenha. ?


Alice.Gomes 18/07/2018minha estante
Concordo....adorei vc descreveu de uma maneira tocante


Andréa Araújo 18/07/2018minha estante
Acho que os melhores livros são aqueles que falam com a gente de alguma forma




Julia G 20/03/2018

Ainda sou eu
Talvez Como eu era antes de você realmente não precisasse de uma continuação, como muitos leitores acreditaram na época do lançamento do segundo livro. Não pude criar uma opinião sobre isso, porque quando finalmente li a obra, já sabia do lançamento de Depois de você. Vou ser sincera ao dizer que achei que Ainda sou eu não teria mais história para contar, principalmente pelo fato de que eu havia tido essa impressão já no segundo livro. No entanto, agora que concluí a leitura, sinto que Lou realmente precisava desse terceiro capítulo e nem podia imaginar que uma conclusão tão perfeita pudesse existir para a personagem, e foi isso que o livro trouxe.

{ Quem não tiver lido os livros anteriores, favor pular este parágrafo.} Depois de se perder após a morte de Will e de juntar os pedaços com a ajuda de Sam, Louisa Clark sentia que ainda precisava viver novas experiências. Tendo em mente o "dizer sim para oportunidades", ela embarca rumo a Nova York para aproveitar uma oferta incrível de emprego. Longe de casa, da família e do namorado e vivendo uma rotina brilhante de glamour, mas cheia de segredos, ela precisa entender quem é ela mesma e o que quer para sua vida, agora sem interferência de ninguém.

"- É o mesmo céu - disse ele na penumbra. - É isso que temos que manter na memória. Ainda estamos embaixo do mesmo céu."

Foi bom encontrar nesse livro um misto dos melhores aspectos de Lou. Se no primeiro livro a garota era medrosa e acomodada e no segundo via o mundo borrado pela amargura da perda, nesse terceiro volume temos seu constante bom humor e sua doçura, junto à coragem de viver todos os momentos intensamente - presente de Will. Seus looks mais extravagantes e suas meias de abelhinhas também estavam presentes e, tudo isso somado, finalmente me fez transbordar de carinho por essa personagem.

De uma forma interessante, Will também esteve presente nesse livro. Sempre nas lembranças de Lou, é claro, que determinava seus passos como se visse o mundo pelo prisma do homem que lhe trouxe tanta coisa boa. Mas não só isso: algumas cartas antigas escritas quando ele esteve em Nova York tanto tempo atrás pareciam se encaixar perfeitamente ao humor de Lou ou lhe dar alguma sugestão não intencional sobre o que fazer nos momentos mais difíceis.

Outras cartas, e-mais e mensagens de celular também deram um bom tom à trama. Além de demonstrar que a comunicação com os entes amados do outro lado do oceano era um pouco truncada pela falta de proximidade e diferença de horários, essa construção deu veracidade ao texto, intercalando o dia a dia corrido da protagonista com contatos ocasionais com as pessoas que ela queria tanto - mas tinha dificuldade para - manter emocionalmente por perto.

"Pensara que talvez me sentisse reconfortada por estar em casa. Em vez disso, senti-me sem chão, como se de repente me ocorresse que, naquele momento, eu não pertencia a lugar algum."

Nessa construção, foi possível conhecer novos personagens, que passaram a fazer parte do cotidiano de Lou, assim como acompanhar a evolução de outros já conhecidos. Amei alguns personagens novos, como Margot De Witt, cheia de estilo único e objetividade. Foi interessante perceber também como muitas vezes as pessoas que mais tinham condição de estender a mão ignoraram quando surgiu a necessidade, enquanto aqueles que nem sempre podiam ajudar, ou que nem mesmo tinham razão para fazer isso, davam tudo de si.

O mais importante do livro, porém, foi o fato de que Lou precisou tomar suas próprias decisões, escolher o que queria ou não manter em sua vida. O livro fala muito sobre escolhas, sobre como nos moldamos a elas e às pessoas que convivem conosco. Fala sobre se determinar por essas escolhas, sobre ser ou não refém delas e sobre estar consciente para viver com as consequências decorrentes delas.

De fato, Como eu era antes de você podia até não precisar de sequências para ser completo. Mas saber que a vida continua, que as coisas podem mudar e que você pode descobrir um novo você, uma nova forma de viver e de ser feliz, é realmente um presente. Em Ainda sou eu, Lou descobriu quem era ela, para além de seus pais, de sua irmã, de seus amigos ou de seus namorados. Lou como Lou somente, não complementar a alguém, mas em união com alguém, se assim preferir. O livro foi o final perfeito para Lou e eu espero que dessa vez seja definitivo. Eu não sabia que eu precisava desse livro, mas eu precisava, e Jojo sabia.

"[...] pensei em como uma mulher é sortuda quando encontra não apenas um, mas dois homens extraordinários para amar - e como é uma dádiva quando eles também a amam. Pensei em como somos moldados pelas pessoas que nos cercam e como precisamos ser cuidadosos ao escolhê-las exatamente por esse motivo. Então pensei também que, apesar de tudo, talvez seja necessário perder todas elas para de fato descobrirmos quem somos."

site: http://conjuntodaobra.blogspot.com.br/2018/03/ainda-sou-eu-jojo-moyes.html
comentários(0)comente



180 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |