A Mansão Hollow (The Hollow)

A Mansão Hollow (The Hollow) Agatha Christie
Agatha Christie
Agatha Christie




Resenhas - A Mansão Hollow


195 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Victoria (Vic) 08/08/2020

Eu amo a Agatha, mas fiquei muito decepcionada com esse livro. Achei que demorou muito para a ação desenrolar, e apesar de gostar muito de uma boa construção de personagens, achei que teve muita coisa ?para nada?, porque achei extremamente previsível e algumas coisas ficaram rasas e mal explicadas. Além disso, Poirot estava irreconhecível e apareceu muito pouco. O ponto alto do livro para mim foi a Lady Lucy, uma personagem interessantíssima. Enfim, uma pena pois estava com altas expectativas...
comentários(0)comente



Sara Muniz 20/04/2020

RESENHA - A MANSÃO HOLLOW
A Mansão Hollow é um romance policial da aclamada Agatha Christie, publicado pela primeira vez em 1946. Mais uma vez, temos o detetive Poirot investigando um caso de assassinato com muitos suspeitos.

Poirot é convidado para almoçar na Mansão Hollow, e assim que chega lá, se depara com o assassinato de um médico, que está agonizando no chão enquanto a esposa ao lado dele segura um revólver. Além disso, ainda há três testemunhas e a maior suspeita é que a morte tenha sido planejada por todas as pessoas envolvidas na cena do crime.

O detetive entrevista todos os que estavam lá, conhece cada um com mais profundidade e, nisso, nós leitores começamos a suspeitar de todos eles, ou achar que é impossível que aquele personagem seja culpado.

O médico morto era um doutor famoso em sua cidade, cuidava muito bem de seus pacientes quando no consultório, mas quando em casa, reclamava e dizia que não conseguia mais ver tanto doente num só dia. Após uma semana de trabalho cansativa, ele vai com sua família ansiosamente para a Mansão Hollow, um dos poucos lugares que davam tranquilidade ao médico. Entretanto, na Mansão, ele encontra Victoria, um amor antigo que queria voltar para ele.

A situação da investigação só piora quando Poirot descobre que a arma na mão da mulher do médico, não era a que tinha o matado. Algo que achei interessante e diferente dos outros dois livros da Agatha que eu li, é que dessa vez Poirot só aparece na metade do livro, pois o começo inteiro é acompanhando a vida do doutor e a história de sua vida. O crime só é revelado, no entanto, quando Poirot entra na mansão e se depara com a morte.

Assim como os outros livros que li da autora Os Crimes ABC e Os elefantes não esquecem (Resenhas aqui e aqui), recomendo muito a leitura de A mansão Hollow. A história é cativante, os personagens são envolventes e o mistério é muito bem construído. Então, se você ainda não leu Agatha Christie, trate de ler!!!

PARA A RESENHA COMPLETA COM TRECHOS, LINKS E IMAGENS DO LIVRO, VISITE O MEU BLOG:

site: https://interesses-sutis.blogspot.com/2020/01/resenha-mansao-hollow.html
Gustavo Faccin 20/04/2020minha estante
Olá! Algum desses vc indica para meu filho de 11 anos? Ou ainda são complexos para a idade dele?




Wagner 05/06/2020

Essa Miss Marple tá diferente...
O início mais difícil que eu tive até o momento. Sem contar que ter Poirot no livro e ele servir praticamente de enfeite é um desperdício ao personagem. Sua presença se faz completamente desnecessária, podendo ser substituído pela Miss Marple, em que some e aparece com a resolução.
Até mesmo pelo superintendente Battle
E final bem óbvio ao meu ver. Agatha se esforça ao máximo pra te tirar da trilha, mas chega a um ponto que não cola mais
Personagens muito difíceis de aguentar também, além de um clímax romântico bem clichê
comentários(0)comente



Jessé 23/04/2020

Christie em pleno furor imaginativo
A Mansão Hollow é um romance policial que apresenta um dos casos de Hercule Poirot. Eu já li vários livros protagonizados por essa personagem, mas não estava preparado para o que encontraria aqui.

Essa história tem um furor muito acentuado. A autora conseguiu descrever tipos humanos muito verossímeis e cativantes, e isso, para mim, vale ouro. Eu conseguia praticamente enxergar cada personagem em minha frente com seus dilemas, vícios e virtudes. Henrietta Savernake é um totem. Acho que poucas personagens conseguiram me encantar dessa forma. Lady Lucy Angkatell também é tão humana, com suas maldades em tons divertidos, que nos comove. Também não posso deixar de citar Eward Langkatell, que com sua covardia e coragem paralelas chegou muito perto de representar o que de fato é um homem.

Enfim, estou extasiado com a leitura. O assassinato foi muito engenhoso e (quase) conseguiu enganar o nosso detetive bigodudo, mas no final tudo se resolve. Eu sei que Agatha Christie é apenas literatura para divertimento, mas esse livro conseguiu me arrebatar com a grande dose de humanidade presente em suas páginas. Pode ler que é sucesso.
Dayanne Soares 24/04/2020minha estante
tu ainda tá com aquele blog, Jessé?


Jessé 25/04/2020minha estante
to, mas quase n to mais atualizando

bom que cê me lembrou




JANA 05/05/2020

Super indico
Do meio pro final fica impossível largar!


John Christow - assassinado por??

Henry - poderia ter matado por ser o grande desejo da Lady/Lucy.

Henrietta Savernake - amante com ciúmes de Verônica.

Edward Angkatell - apaixonado por Henrietta e vendo John como seu único empecilho.

Veronica Cray - ex amor que após ter proposta negada o ameaça e ainda mente sobre tudo que aconteceu.


Gerda Christow - esposa traída, submissa, humilhada em tudo.

Inspetor Grange - responsável pela investigação


Lady Angkatell - chata dona da casa queria que Edward casasse, mas com ele apaixonado por Henrietta e essa por Jonh não daria certo. Pensamento dela "Se ao menos John saísse da vida dela, pensei que Henrietta se casaria com Edward."


Midge Hardcastle - a morte dele não traria benefícios pra ela.


David Angkatell - adolescentes rebeldes não cometem assassinatos sem relevância pra sua vida.


Monsieur Poirot - solucionador de casos

Gudgeon - mordomo suposto assassino segundo a camareira, mas que só estava encobrindo a patroa.
comentários(0)comente



Céu 30/05/2020

Bem méh.Previsível, mas não muito.Não me prendeu em momento algum, e de todos os livros da Agatha que já li, esse foi um dos mais fracos.
ramslaymer 30/05/2020minha estante
Boa essa visão, pq 'A Mansão Hollow' foi um dos poucos que li da Agatha... Então acho que preciso explorar ela mais!




claudioschamis 26/03/2009

A capa da edição que eu li era roxa. Mas isso não vai mudar muito. Agatha parece que tenta se superar a cada livro, mas é complicado superar o quase insuperável.
comentários(0)comente



Zéh 13/06/2009

Este livro é onde a Dama do Crime consegue explorar mais profundamente os personagens nele presentes. Isso torna a leitura uma experiência incrível e pode-se sentir a humanidade em cada um dos personagens do livro, com destaque para Henrieta
comentários(0)comente



Angel 24/06/2020

Antes de começar esse livro, por acaso, fiz a leitura de "O Veredicto", da mesma autora. Ocorre que, a diferença se da apenas no formato. Enquanto aquele é escrito como peça de teatro, este tem a narrativa em seus mínimos detalhes. O final, infelizmente não foi uma surpresa para mim, mas não deixou de ser extremamente interessante conhecer todos os personagens e, de certo modo, descobrir que todos tinham um motivo.
comentários(0)comente



Lari 03/05/2020

O desfoque
Este livro traz consigo uma ideia parecida a dos crimes ABC: a melhor maneira de se livrar da culpa é distribuí-la em outros lugares.
comentários(0)comente



gabrielssouza 19/01/2015

Genial!
Um dos melhores livros da Agatha na minha opinião, pela forma que os personagens são profundamente explorados. Foi muito interessante ler esse mistério conhecendo o psicológico de personagens tão bem escritos, com destaque para Henrietta, que acabou se tornando uma das minha personagens favoritas de livros.
Ronni 06/04/2015minha estante
Concordo plenamente! ^^
Mas também não posso deixar de dar crédito à minha pequena Madge. Foi outra personagem que me envolveu muito. Tipo, elas duas, a Henrieta Saverback e a Madge se personificaram em minha mente.
Muito bom o livro.




Dalton 06/04/2013

Poirot, genial.
Numa enorme casa, há pessoas com de alto nível social. E dentre elas, há alguém capaz de cometer um crime a sangue frio. Simplesmente impressionante como nós desconfiamos da pessoa errada! Eu achei ter total consciência de quem era o assassino. " Li livros dela e já sei como as coisas acontecem, sei como ela gosta de trabalhar, então é ele o assassino." foi o que eu pensei lendo o livro... Fiquei totalmente espantado quando errei a minha própria afirmação. E eu nunca gostei tanto de estar errado! Agatha Christie simplesmente é a escritora de romances policiais mais brilhante e engenhosa de todos os tempos. Claro, na minha opinião.
Nay 13/01/2016minha estante
HAHA Realmente! A Agatha nos faz ficar felizes por estarmos errados. Não importa o quanto já tenhamos lido dela, ela sempre surpreende.




Caroline 27/05/2020

Muito bom
Gostei bastante, errei quem tinha assassinado, fiquei feliz com quem foi morto kkkkk
Cara chato.
comentários(0)comente



Mandy 25/07/2020

A mansão Hollow
Perdi o ritmo de leitura e acabei demorando nesse mais do que esperava. O início é meio lento, demorei para engatar. O livro é bom, mas não é um dos meus favoritos da Agatha Christie. Gostei muito do fato dela ter apresentado mais profundamente cada personagem, foi bem interessante.
comentários(0)comente



Brendon.Rios 06/04/2020

Um crime bem desenvolvido
A forma como Agatha Christie aprofunda os personagens nesse livro me fez envolver-se profundamente com a história e inicialmente até esquecesse que se tratava de um assassinato, assim como os outros livros da autora que já li, foi quase impossível largar o livro e a curiosidade só aumentava a cada página. Outro fato que aumentou muito a curiosidade para com esse livro foi o fato de o Poirot só aparecer depois de alguns capítulos, ficava ansioso pelo momento que o detetive iria aparecer com todo seu charme característico. Tive o prazer de ler na edição lindíssima de capa dura da Record/Altaya que aumentou ainda mais minha satisfação com a leitura, resumiria tudo dizendo que é um ótimo livro da Dama do crime e que eu super recomendo
comentários(0)comente



195 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |