O  Homem Nu

O Homem Nu Fernando Sabino




Resenhas - O homem nu


26 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2


Nath Moraes 18/12/2018

Melhor conto: Correria na estação de Nápoles
comentários(0)comente



João 09/10/2018

É uma ótima coletânea, mas a variação de qualidade entre as histórias é grande.
comentários(0)comente



Thalles.Haydan 23/07/2018

O Homem Nu
Um livro de contos que eu achei bem interessante, devo dizer que alguns me deixaram mal, algumas histórias como a história pai e filho, passam uma mensagem bem pesada, alguns contos até, você precisa compreender a mente do escritor, a realidade que ele vivia, para poder ler e usufruir de alguns desses contos, mas é um livro que realmente é muito bom, para quem tem uma mente mais aberta quanto a livros, eu recomendo.
comentários(0)comente



Atrolhado 21/04/2018

Divertidíssimo
Primeiro livro que leio do Sabino, e as situações que ele cria em seus contos são incríveis.

São coisas bem simples como reuniões de condomínio ou um militar que ficou louco, mas Sabino sabe transformar o simples em extraordinário.

Ler O Homem Nu é se pegar rindo sozinho do início ao fim.
comentários(0)comente



Nick 23/12/2016

Não sei qual é o conceito exato de crônica, mas me lembra palavras cruzadas: um jeito bem divertido de matar o tempo. Demorei uns dois meses para ler esse livro, não que seja longo, mas não tem graça ler de uma vez. Sobre as crônicas, a maioria é cômica, mas algumas servem para reflexão. E não sei por que diabos a que dá o nome ao livro é O Homem Nu, outras me pareceram bem mais interessantes. De qualquer forma, foi melhor que palavras cruzadas.
Edson Camara 05/01/2017minha estante
Li este livro há muito, muito, muito tempo, nem o tenho mais, fiquei curioso em lê-lo novamente, vou inseri-lo em minha lista de leitura. O conto que dá título ao livro sem dúvida é o mais famoso e já foi até filmado, se não me engano nos anos 1970. Mas concordo com você, há outros melhores.




Daniel 28/11/2016

A Prosa Leve E Nua de Fernando Sabino
Com divertidíssimas histórias, Fernando Sabino nos apresenta um de seus maiores sucessos na literatura: o livro de contos O Homem Nu. Com uma linguagem leve e enredos cheios de peripécias, a obra reúne contos que, sem sombra de dúvidas, são referências na prosa contemporânea brasileira. O escritor mineiro, reúne em seu livro 40 contos, dentre eles o conto que dá título ao livro, em que narra a divertida história de um homem que ao sair de manhã cedo para pegar o pão, de repente se encontra trancado pelo lado de fora da casa. Com um pequeno detalhe: ele estava nu. A maneira como narra não só esse conto, mas também os demais contos impressiona pela sutileza e trato com as palavras, bem como com a leveza que emprega no ritmo da narrativa, tornando-a mais agradável aos olhos do leitor.
comentários(0)comente



Joy 05/04/2016

Contos extremamente engraçados e envolventes.
Recomendo para quem esta querendo gostar de ler.
comentários(0)comente



Cardoso 17/08/2015

Dum humor levíssimo e dum requinte invejável, as diversas conversas, memórias e causos que Fernando Sabino nos conta são de uma variedade imensa: duma possível guerra em Minas, em "Manobras do Esquadrão", até uma reunião de responsáveis escolar, em "Reunião de Mães", passando pelo melancólico relato sobre sua experiência com Jimmy Jones, na crônica homônima, e o apoteótico "O Ballet do Leiteiro", uma suave crônica da cidade em vista de insônias.

Uma experiência muitíssimo melhor à minha leitura anterior de Sabino, o livro também de crônicas "A falta que ela me faz ", de 1980.
comentários(0)comente



alexjosesilva 12/01/2014

Com altos e baixo: uma boa leitura!
Escrito em 1960 e publicado pela Círculo do Livro em 1978, O Homem nu é uma obra de Fenando Sabino contendo alguns contos e crônicas que oscilam em boas ou não-boas histórias de personagens brasileiros. De fácil identificação, os personagens são pessoas simples que no seu cotidiano vivem inusitados fatos.O homem nu : conta a história de um personagem com pouca sorte em uma manha qualquer de sua pacata vida urbana. Interessante notar com o autor fecha seus contos ou crônicas com três linhas fatais.{raros os que fogem}. Tenho a impressão que seja de proposito. Em sua receita: Contos/Cronicas devem ter duas ou três páginas com um desfecho surpreendente. Amei a leitura e recomendo. Contos que mais gostei: Sexta-feira, Pai e Filho, Albertine Disparue, Homicídio ou Suicídio, Sessão de Hipnotismo, Jimmy Jones, Dona Custódia, O Homem nú, Conjugal.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



bells 18/09/2012

Grande conto
Este é mais de um dos grandes contos de Fernando sabino, pra mim um dos melhores crônistas da literatura; Neste engraçado e bem contado conto encontrei horas de divertimento, sem muito rodeios ou despistamentos para o centro da trama, típico estilo de um crônista profissional.
comentários(0)comente



Ana Carolina 17/08/2012

Remédio para o mau humor
Fernando Sabino dispensa explicações. Já saiu até série de TV, filme, enfim, mas nenhum deles é tão engraçado quanto o livro em si. Ótimo remédio para os dias de mau humor, situações inusitadas e muito engraçadas não nos deixam desgrudar desse livro. De linguagem simples e fluída, vale muito a pena. Bom inclusive para converter aqueles que não gostam muito de ler.
comentários(0)comente



Mônica 28/05/2012

Confesso que esperava mais
"O homem nu", em si, é uma crônica muito bem feita, mas as outras que o acompanham no livro [não sei se existe alguma variação entre as edições, mas eu li o cuja capa serve de ilustração aqui] são, na maioria, muito chatas, pra não dizer ruins. Não todas, mas grande parte das que compõem esse livro.

Sempre admirei quem escreve contos pela sua capacidade de sintetizar uma situação que às vezes é totalmente fora do comum ou dar um significado grandioso às tarefas mais rotineiras da vida. Mas o que eu encontrei ao ler esse livro foram pequenos contos que não tinham essa "mágica"
e não me acrescentaram em nada.

Uma pena, mas não desistirei de Sabino!
comentários(0)comente



Jacke 19/03/2012

O Homem Nu
conta que um homem nao tinha dinheiro para pagar a prestação da tv. Ai ele falou para a mulher ficar quieta porque o cobrador iria vir na casa dele e nao queria pagar .. mas nesse meio tempo sua mulher estava tomando banho e ele foi tomar mas viu ela e decidiu tomar depois ele estava nu foi para a cozinha fazer uma lanche ai ele foi buscar a revista do lado de fora do apartamento a porta fechou por causa do vento ele batia mas sua mulher nao abria porque pensara que fosse o cabrador.. entao ele pegou o elevador nu ... para q ninguem no corredor o visse mas entao voltou as seu andar e sua vizinha o viu e chamou a policia com o escandalo da vizinha sua mulher abriu a porta ele correu e entrou com isso a campainha toca era o cobrador e eles abreem a porta.
comentários(0)comente



duda 19/03/2012

O Homem Nu
Tudo começa quando o homem lembra que tem que pagar a prestação da tv, mas ele tbm lembra que esqueceu de pegar o dinheiro ontem. Ele fala para sua mulher Maria que é pra ela falar desse jeito para o coprador . Mas ela diz que não gosta de ficar devendo para ninguém.
Então o homem acha uma solução. Ele fala que é pra eles não fazerem barulho que o coprador vai bater na porta e vai ver que não tem ninguém e vai embora.
Quando ele vai entrar no banheiro para tomar banho sua mulher entra primeiro. Então ele decide fazer cafe. Vai pegar o pão que esta na areá de serviço completamente nu.
Nesse instante a porta bate com toda a força. Ele fica pra fora. Toca a companhia e começa a gritar sua mulher, mas ela não escuta e pensa que é o coprador.
Ele tenta se esconder mais chega uma hora que não da ele se depara com uma vizinha, que começa a gritar, nisso os vizinhos todos saem la fora para ver o que estava acontecendo, ate sua mulher, quando ela abre a porta ele entra que nem um foguete para dentro.
Depois de algumas horas depois que a historia já estava calma, toca a campainha, ele pensando que era a policia atente. Mas na verdade era o coprador.
comentários(0)comente



26 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2