Mocassins e All Stars

Mocassins e All Stars Clara Savelli




Resenhas - Mocassins e All Stars


47 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4


Raquel Silva 30/03/2020

Só queria o fim.
No início do livro já quase me fez desistir. A protagonista me pareceu muito uma 'rebelde sem causa', o que me irritou bastante. Mas insisti.

Achei que esse livro não ia acabar, foi uma leitura muito cansativo, com trechos bem desnecessários.

*Pontos sobre o livro:*

- Protagonista "rebelde sem causa";

- "Vilã" bem fraca ( o que ela fazia de 'mal', nem era tão ruim para tanto drama);

- Conflitos meio 'novela mexicana';

- Livro muito longo (desnecessário);

*Se para você esses pontos não incomodam, de uma chance para a leitura.
comentários(0)comente



Mi Rodrigues 12/11/2020

Foi uma boa leitura, uma boa história, mas não foi boa o suficiente pra me fazer esquecer o livro anterior, kkkk ooÔo ressaca literária brava essa ?.
Voltando a esse livro, o Arthur me incomoda muito com esse sumiço do final, depois reaparece do nada, sei lá, acho que uma pessoa normal por mais que tenha la todos os seus conflitos, sempre procuraria a pessoa que é seu porto seguro. A Barbara poderia ser mais vilã, e os amigos de Julie são demais, amei o David, a doidinha Leah e o restante dos amigos.
comentários(0)comente



aimeeuh 10/11/2014

todas as estrelas e corações <3
Bom. Fazia muito mesmo tempo que eu não lia um romance adolescente e foi bom voltar às origens. Logo nas primeiras páginas eu fui sugada pra atmosfera do livro, parecia que eu tava lá naquela escola só observando a personagem principal, Julie, se adaptando na sua nova vida. A Clara escreve de um jeito muito claro, esse trocadilho foi péssimo, mas é a pura verdade. É muito fácil ler e visualizar o que ela tá escrevendo, o que tá acontecendo e se colocar no lugar da Julie, ainda que, algumas vezes, eu não me identificasse com a situação que ela estava passando, nem com as atitudes que ela tomava. Porém, nada mais justo, eu não estou mais na escola, não moro na Califórnia nem muito menos nasci em Nova York. Eu bem que queria...
Aliás, essa foi uma das partes que eu mais gostei, mas não sei se é spoiler demais falar sobre, eu claramente sou nova no ramo das resenhas, então vamos nos contentar em dizer que: Mocassins e All Stars tem uma abrangência geográfica muito boa. Não sei se foi um elogio equivalente ao tanto que eu gostei disso, mas fiz o que pude.
Uma das coisas que me agradaram bastante é que o foco foi BEM no romance, coisa que as vezes os romances adolescentes deixam meio que difuso no meio de tantos amigos/rotinas escolares/competições estudantis/etc.
Outra coisa que eu tenho pra falar é que eu gostei muito dos personagens masculinos, o Arthur, que é o mocinho, acredito que tenha sido paixão universal, mas os outros também deu para desenvolver uma quedinha ao longo da história também. Achei todos ele meio imprevisíveis e eu não sabia exatamente o que eles iriam fazer, coisa que eu gosto, coisa que me prende ao livro.
Em suma, achei uma leitura leve e agradável, dessas que dá pra engolir em poucos dias. Sendo que eu não engoli, li sem pressa, já de caso pensado em fazer essa resenha e prestando atenção nos detalhes. Pra quem gosta de romance adolescente/Meg Cabot/All Stars/baile de formatura/protagonistas atrapalhadas tá mais que indicado.

site: http://aimeeolive.blogspot.com.br/2014/05/mocassins-e-all-stars-clara-savelli.html
comentários(0)comente



Mari 16/12/2020

Bacaninha
Típico livro dramalhão adolescente. Muitos problemas bestinhas. Tem bastante romance, drama e mistério familiar mas tem principalmente amizade.
Apesar de Julie está em uma nova cidade e novo colégio logo ela começa a se identificar com alguns que se torna seus amigos.

Clichê previsível que não gosto tanto, por causa de todo o drama desnecessário e cansativo.
comentários(0)comente



ameyre 06/09/2020

Até metade do livro a leitura flui bem e é quase impossível larga-li mas depois do plot ficou uma leitura cansativa e eu praticamente me obriguei a ler
comentários(0)comente



Krous 25/10/2019

ABANDONADO - 23%
Pena que não consegui terminar o livro, mas já estava há algumas páginas empurrando com a barriga a leitura apenas porque queria apoiar escritores nacionais e porque o texto da Clara é muito bom e fluído.
Eu tentei relevar algumas coisas, já que este livro foi escrito quando a autora era adolescente e a influência dos filmes e séries americanas adolescentes é evidente, mas não deu.

Se por um lado a escrita da autora me fisgou de primeira, por outro,os personagens me fizeram revirar os olhos o tempo todo.

Julie é aquela personagem principal "diferente das outras meninas": ainda que padrão, come "normalmente", evita julgar as pessoas, é legal,não é fútil. É seu "jeitinho especial" que chama atenção de Arthur, o garoto mais popular da escola. Muito mulherengo, mas o que sente em relação à Julie é diferente do sentiu com suas zilhões de ex-namoradas.
Ela é o contraponto de Bárbara, antagonista da história, queen bee da escola, má e unidimensional (mas a essa é um traço de todos os personagens). Sabe a personagem Laura da novela Por amor? Bárbara é a versão adolescente dela: obcecada pelo ex-namorado e cismada que o namoro melou por causa de Julie (que nem estudava com eles quando isso ocorreu) e que eles não voltam por causa dela.

Arthur nem é tão ruim, o problema foi que os demais personagens o endeusavam demais!
Além do mais, só ele defendia a Julie, só ele peitava a Bárbara,só ele era respeitado no colégio. Me poupe!

Mas a personagem que mais me decepcionou foi Leah, melhor amiga de Julie. Achei que ela estaria ali para nos poupar de tanta menção à Arthur, mas ela parecia presidente do fã clube dele.

O mal desse livro é ser igual à filmes de high school dos anos 2000, com todos os seus prós e contras. Talvez se tivesse lido esse livro mais jovem teria aproveitado, mas tendo 29 anos nas costas achei impossível de finalizá-lo.
comentários(0)comente



JoyV 06/08/2020

Casais
Esse livro super bem escrito tem uma história que dá um nó na cabeça.
Demorei uns 2 dias, depois que terminei, para raciocinar tudo que tinha acontecido.
As vezes eu acho que li 3 livros em 1 por causa dos arcos da história.
Os personagens são perfeitos, não consigo odiar nenhum deles, só ter uma pequena raiva de alguns.
comentários(0)comente



Mands 22/04/2020

Bem jovem ...
É o típico livro que tem clichês , um romance que passa por vários obstáculos e uma protagonista diferente das demais .

Tive altos e baixos com esse livro . A protagonista consegue ser mimada e fria em muitas partes do livro , já em outras é só uma garota com personalidade diferente e leal aos amigos .

Alguns diálogos e situações são bem patéticos e pra mim o livro não fluiu muito bem no começo , só consegui engrenar na página 95 .

Não é um livro ruim , ele possui muitos pontos positivos também . A história em si é muito engraçada , o ambiente foi bem construido , o casal principal teve um desenvolvimento bacana , um final satisfatório , pontas soltas e problemas criados foram todos resolvidos .

É um livro bem jovem , nos passa uma sensação nostálgica e lembra vagamente High School Musical ( o quê é bem legal ao meu ver ).
comentários(0)comente



Lua 12/01/2021

Demorado
Pense numa leitura que nunca termina!
A história é boa, os personagens são legais, mas é muita encheção de linguiça, vários acontecimentos que no fim, não dá em nada.
Coisas desnecessárias, a personagem vive focada na vilã que nem é tão vilã assim.
Mas tirando isso tudo, até que é legal. Pra quem gosta de uma leitura demorada e detalhada até demais, é um bom livro.
comentários(0)comente



Fernanda 15/10/2020

Devo confessar que não comecei essa leitura muito entusiasmada. E as coisas só pioraram.
Primeiro, o aspecto positivo: a escrita. Apesar de não me agradar completamente, é leve e muito fácil de acompanhar. Algumas páginas passaram voando, e só não li mais rápido porque todo o resto me desagradou.
Os personagens são muito planos e com motivações que eu, particularmente, não comprei. Algumas situações envolvendo a Julie foram surreais pra mim, me sentia lendo uma fanfic mal feita nessas ocasiões. E alguns diálogos, meu Deus, que vergonha alheia.
Eu sei que o livro foi escrito no fim dos anos 2000 e tem toda aquela influência de filmes americanos sobre adolescentes, high school e tudo mais, mas, mesmo assim, que tédio. Bastava, sei lá, a Leah começar aquela lenga lenga sobre o Arthur pra eu revirar os olhos. E prefiro nem comentar a construção da Barbara ou sobre a família da Julie. Fiquei muito decepcionada com o modo como algumas situações foram conduzidas.
Alguns personagens tinham histórias e um potencial para render muito mais, mas a autora negligenciou muito esses aspectos pra focar no romance chato e no drama insosso do casal principal. Só para dar um exemplo, o passado de David renderia muito se bem explorado. Alguns dramas enfrentados pela Julie também renderiam histórias interessantes, mas o problema aqui é que ela é muito chata. Típica adolescente "diferente das outras" rebelde, incompreendida, etc. Simplesmente não tenho paciência pra isso.
Sinceramente, só não abandonei por teimosia. Mas não sinto que tenha valido a pena o esforço.
Andy 15/11/2020minha estante
MEU DEUS estou me sentindo extremamente assim! obrigada!!!! eu li outros livros da autora e gostei bastante então estava empolgada pra ler o livro de estreia, fiquei bem decepcionada mesmo contextualizando e vou abandonar pela metade, uma pena


Fernanda 16/11/2020minha estante
acho que ela evoluiu bastante de lá pra cá. eu lia tiete e amava demais o livro!




Mari 20/07/2020

Cansativo
As últimas partes até pulei... Maior nível de clichê da vida senhor!!
comentários(0)comente



Vitória Susin 10/04/2020

Gostei do livro porém achei muito jovem. As birras sem necessidades da Julie me irritavam. Mas acabei gostando. E eu amo o David e o Jeremy (desde a primeira vez que ele apareceu).
comentários(0)comente



Isa 04/06/2020

Bem adolescente
A escrita é muito interessante, mas alguns diálogos são muito clichês e cansativos. A história tem momentos divertidos, mas o livro é longo demais e ao mesmo tempo não aprofunda nos personagens... empurrei o livro inteiro porque queria saber o que acontecia no final, mas a leitura flui bem.
Resumindo: uma excelente escritora, mas não é o tipo de leitura que eu me interesso e também não é pra minha idade, é um livro adolescente e se assemelha (e até supera) muitos outros livros adolescentes.
comentários(0)comente



Aninha.Laureano 15/02/2020

Razoável
No começo a história estava até boa mas depois começou aquela bagunça de família que tirou totalmente o foco do romance e me deixou confusa, achei um pouco desnecessário essa parte, gosto da viagem da protagonista para Nova York é uma das melhores partes do livro pra mim.
comentários(0)comente



Gabi 15/04/2020

Muito gostosinho de ler
Esse livro tem mais de 400 páginas e parece que tem 100. Eu li ele tão rápido que quando acabei fiquei querendo mais. O casal é muito fofo, mas a história é MUITO clichê (o esperado). Recomendo!
comentários(0)comente



47 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4