Amor Sem Fronteiras

Amor Sem Fronteiras Mônica Cristina




Resenhas - Amor Sem Fronteiras


6 encontrados | exibindo 1 a 6


Lizete_Silva 22/10/2018

Intenso
Esse é um dos melhores livros que li dessa saga, um romance muito intenso, que nos faz refletir sobre nossas atitudes e escolhas, Ryan e Aisha são tão lindos juntos, também foi muito bacana essa mudança de cenário na trama. Como bônus, ainda podemos acompanhar o romance de Emma, é tão bacana que a autora aborda tantos temas importantes, e de uma maneira tão leve.
comentários(0)comente



Leila 02/08/2018

Amor incondicional
Confesso que anos as senhoras Stefanos 1ª geração...
Mas as da segunda geração não deixam a desejar ... com sua coragem, força e determinação... e Aisha é uma delas ...
Amor ao próximo, desapego de futilidades, amor incondicional, coragem, determinação e senso de responsabilidade resumem um pouco a personalidade desse novo casal. Ryan e Aisha vão nos ensinar o verdadeiro sentido do amor além das fronteiras da comodidade. Juntos viverão uma emocionante história com vários tipos de amor envolvido. Vcs vão se surpreender.
comentários(0)comente



LT 27/07/2018

Oi, gente! Tudo bem?

Hoje vou continuar a falar sobre a série Paixões gregas! Agora vou resenhar o oitavo livro, que é sobre Ryan Stefanos, o filho quieto de Heitor.

[Ryan Stefanos] Ryan Stefanos é quieto, não quer saber de amor e sempre soube que queria ser médico, é super observador e na dele. É o gêmeo de Gigi Stefanos, como eles brincam, porque o rapaz é muito próximo da prima louca e com isso, os dois estão sempre se ajudando.

Estava louca para conhecer a história de Ryan, pois ele sempre foi um personagem misterioso, mas que sempre ajudou muitas pessoas, antenado a família e muito altruísta. Não é à toa que ele vai para os Médicos Sem Fronteiras. Entretanto, o que ele encontra lá, desperta nele sentimentos sobre si mesmo que desconhecia e sobre outras pessoas também, como Aysha.

[Aysha] Aysha é uma pessoa completamente empoderada, altruísta e super inteligente. É médica obstetra, mas pelo seu amor ao próximo, se vê em meio à guerra civil no Sudão e também em uma jornada de autoconhecimento. É em meio a esse caos que ela descobre a dor, o sofrimento, a força e o seu instinto maternal que a transforma em uma guerreira ao se deparar com um bebê que não é seu para cuidar. Gostei muito disso na personagem.

[O enredo] Eu gostei muito da história desse livro. O casal é emocionante, ambos estão em jornadas de autoconhecimento e se deparam com uma realidade de dor, sofrimento e pobreza. Porém, não se deixam abalar, porque precisam lutar por aqueles que amam e pela sua própria sobrevivência.

Achei linda a forma como brotou o amor. O amor pelo bebê, antes de tudo, e depois pelos dois, pela família.

Aqui, foi lindo quando Ryan pediu ajuda à família, porque ele sempre pareceu mais desprendido e autossuficiente, e foi bem emocionante ver os quatro irmãos Stefanos originais indo até o Sudão ao resgate do soldado Ryan. Brincadeiras à parte, foi um dos livros mais comoventes da série.

Mais uma vez, há vários erros de digitação, concordância gramatical e verbal no livro. Porém, igual aos outros livros, há um aviso de nova revisão. Não deixem que isso os impeçam de ler essas obras, pois adoro os enredos da autora e acredito que merecem uma oportunidade.

Vocês gostam de romances em que o amor brota em meio ao caos? Já leram esse livro? Contem para mim nos comentários!

Um grande beijo e até a próxima!

Resenhista: Duda Razzera.

site: http://livrosetalgroup.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



Pam 17/07/2018

Simplesmente lindo, me surpreendeu esse livro realmente amei
comentários(0)comente



Tatieli 22/05/2018

Bonitinho
Ryan Stefanos, é um jovem médico que aprendeu com os pais o valor da vida e o altruísmo. Humanista e determinado, viaja para África como médico sem fronteiras. Em meio a dor e a pobreza que o cerca, encontra mais do que esperava.
Aysha é uma jovem inteligente, formada em medicina obstetrícia e sozinha, decide viajar a África como médica em busca de quem sabe, um reencontro com suas raízes. A África lhe oferece mais do que a comunhão com sua cultura ancestral, ela se vê envolvida com a dor e o medo. O Sudão do Sul está em guerra civil, ela está sozinha e não pode partir, não mais, não sei seu pequeno Daren. Nunca sem ele.
Aysha está no limite quando Ryan surge como um salvador. O amor não era parte dos planos de nenhum dos dois. Ryan e Aysha vão ter que lutar por muito mais que o direito de viver o amor. Dois jovens dispostos a enfrentar tudo e viver um amor sem fronteiras.
comentários(0)comente



Jane 18/03/2018

Simplesmente maravilhoso

O mais legal dessa série é que ainda conseguimos ver um pouco dos personagem dos outros livros e já estou ansiosa esperando os próximos
comentários(0)comente



6 encontrados | exibindo 1 a 6