Black Hammer

Black Hammer Jeff Lemire




Resenhas - Black Hammer, Vol. 2


23 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2


Roh Matos @somaisumparagrafo 24/03/2020

@somaisumparagrafo
Há dez anos os super-heróis que salvaram Spiral City estão isolados em uma pacata cidade rural - que parece parada no tempo, sem conseguir encontrar um meio de fugir. Mas a chegada de uma nova habitante que conseguiu romper com as invisíveis barreiras daquele purgatório deixa todos alvoroçados, dando esperanças a alguns e despertando atitudes suspeitas e um tanto contraditórias em outros.

-x-

Neste segundo volume da série Black Hammer, a história se mantém viciante, me fazendo até mesmo sonhar com sua trama.

Esta edição contém mais seis fascículos que dão continuidade a história do heróis de Spiral City e também possui como conteúdo extra esboços das capas originais e suas etapas de criação.

Aqui temos uma história um pouco mais sinistra que a anterior, visto que começamos a conhecer os personagens centrais mais a fundo, nos fazendo criar algumas teorias para suas atitudes suspeitas e até mesmo cruéis. Jeff Lemire mantém o padrão de sua narrativa, trabalhando com flashes sobre o passado dos heróis e entregando ao leitor apenas o necessário para que ele comece a juntar as peças desse quebra-cabeça.

A introdução de um novo personagem trouxe mais dinâmica à trama, além de um final extasiante, apesar de sua previsibilidade, que me deixou ávida pelo próximo volume da série.

Mais uma vez não posso deixar de discorrer sobre a belíssima arte que encontramos nessa edição. Os traços permanecem chamativos e envolventes, a cartela de cores utilizada é muito vasta deixando a arte impecável.

Após duas edições permaneço apaixonada por essa HQ.
comentários(0)comente



Drigo 18/04/2020

Uma obra incrível
Continuando o maravilhoso trabalho feito no volume 1, revelação de algumas coisas e fatos de personagens que dão mais carga dramática em tudo! Amei esse volume!
comentários(0)comente



Laura Brand 21/11/2018

Nostalgia Cinza
Eleita como a melhor série original de 2017, Black Hammer chega com um segundo volume ainda mais fascinante. Mergulhando um pouco mais na história dos protagonistas, O Evento amplia ainda mais as possibilidades desse universo e prepara o terreno para o que já está se tornando uma leitura viciante.
Em Black Hammer: O Evento podemos entender melhor cada um dos personagens principais, ao mergulharmos um pouco mais em seus passados e em relacionamentos que marcaram cada um deles, mesmo que tudo ainda não tenha sido revelado para o leitor. A personalidade arrogante e rebelde da Menina de Ouro revela um passado romântico que foi perdido; Abel vê suas inseguranças ressurgindo com mais força; Barbalien tem traumas do passado se repetindo no presente; e Madame Libélula mostra traços assustadores de sua personalidade com mais clareza. Apenas o Comandante permanece uma incógnita, um personagem extremamente misterioso e que esconde mais do que transparece.
Em O Evento podemos descobrir um pouco mais do passado de Black Hammer e Lucy, sua filha, ganha mais destaque nesse segundo volume, aparecendo como uma personagem que tenta entender o que é essa espécie de purgatório e porque/como os heróis foram parar ali. Ela ajuda a despertar alguns questionamentos no leitor também, sendo uma personagem responsável por conduzir a narrativa por um caminho um pouco diferente, se tornando uma referência ao longo desse segundo volume.

LEIA O RESTANTE DA RESENHA: http://bit.ly/blackhammer2

site: http://bit.ly/blackhammer2
comentários(0)comente



Vitor.Bastos 23/05/2020

Continuação da história
Continuamos acompanhando e conhecendo mais histórias do passado dos personagens e novos mistérios sobre a cidade e sobre os personagens começam a surgir.
Estou gostando bastante da amizade entre Barbie e Gail, eles tem uma química muito legal.
As ilustrações continuam seguindo os padrões da anterior, porém achei que nesse segundo compilado tiveram algum desenhos mais bem elaborados e grandiosos, gostei bastante.
Recomendo para quem já gostou da primeira, com certeza vai curtir essa segunda.
comentários(0)comente



Dandara Sousa 01/07/2020

BLACK HAMMER - O EVENTO
Lucy a filha do herói Black Hammer acaba de chegar na fazenda que os outros heróis vivem. O que é uma surpresa pra todos pois isso significa que existe uma esperança de sair dali. Pena que Lucy não lembra de absolutamente nada, muito menos de como foi parar ali.

De qualquer forma, ela decide ajudar os outros em busca de uma saída. Como? Indo até a cidade para tentar colher informações. Lucy é um ótima jornalista e sabe muito bem como procurar por respostas.

Black Hammer o Evento volume 2 da série começa exatamente onde o volume anterior terminou. No volume 1, Origens Secretas - sabemos que após uma batalha os heróis acabam ficando presos em uma fazenda nos arredores de uma cidade mais esquisita ainda e sem a possibilidade de passar dos limites dessa cidade. O último que tentou não teve muita sorte.

Aqui vamos entender melhor o que aconteceu durante e depois da grande batalha contra o AntiDeus que levou a esse destino estranho para os nossos heróis.

Acompanhamos também a vida deles antes da grande batalha. Suas rotinas e decisões importantes. Apesar de heróis eles também são “gente como a gente” e tem anseios, desejos, decepções. Como o desejo do descanso e de construir uma família após contribuir por muito tempo com a cidade. O mesmo aqueles que ainda querem continuar combatendo o crime mas sentem o peso da idade em seus corpos, além da frustração com a chegada de novos heróis.

Jeff Lemire tem um enorme tanto para retratar a humanidade que existe em cada personagem.

No final da HQ é que ficamos sabendo a que se refere exactamente O Evento do título e é um dos momentos mais eletrizantes da história. Se você gosta de hq’s esse momento vai explodir sua cabeça.

Apesar de ter momentos bem bacanas a história ainda tem muitas questões a serem resolvidas e momentos que nos fazem questionar as razões de um personagem com determinada atitude.

As respostas ficam para o próximo volume pois sempre que um mistério está prestes a ser resolvido ele é invadido por outro mais intrigante ainda.

Black Hammer - O Evento é uma continuação muito bacana e constrói muito bem no leitor uma curiosidade sobre os personagens e o que irar acontecer.

site: https://www.instagram.com/p/B_lB5N7jeTM/
comentários(0)comente



Gisele @abducaoliteraria 22/12/2018

Em Black Hammer: O Evento, continuamos acompanhando a jornada dos ex-heróis exilados em uma fazenda após salvarem o mundo em Spiral City. Porém, agora também temos a presença de Lucy, a filha de Black Hammer. Lucy não só representa uma nova esperança para os heróis, porque se de alguma forma ela conseguiu chegar até esse lugar (localizado fora dos limites do tempo) eles talvez podem encontrar uma saída, assim como ela também chega com uma energia revigorada, disposta a entender como a cidade funciona.

Como na primeira edição, cada fascículo foca em um determinado personagem, explorando seu passado e alimentando suas camadas. Black Hammer finalmente é apresentado, conhecemos sua origem, seu papel durante o confronto com o AntiDeus e também a causa de sua morte. Confesso que este último me surpreendeu bastante, porque não foi dessa forma que eu imaginei que ele havia morrido. Foi muito mais cruel e chocante.

Aliás, a história está mais densa e dramática. A trama começa a ganhar mais peso e se torna mais complexa à cada página. Cada vez mais você acredita que sair desse local será uma tarefa impossível, e aceitar essa condição e viver em paz como Abraham deseja também não será fácil. Os personagens estão perto de atingir o seu limite e muitos deles tomam decisões precipitadas, proporcionando mais intrigas e situações complicadas. Dessa forma, e também com a presença de Lucy, o enredo começa a se mover de forma inesperada.

Lucy ainda não foi atingida pela onda de desesperança que assola os demais heróis que vivem na fazenda. Sem saber como chegou até lá, ela dedica todas as suas forças e a mentalidade aguçada de uma boa jornalista para conhecer a cidade mais afundo e entender como as coisas funcionam. E quanto mais ela pesquisa, mais fatores enigmáticos circundam o local e o afasta da realidade que todos conhecem.

Alguns personagens entre os heróis parecem saber mais do que os outros. Inclusive, eles tomam algumas atitudes duvidosas e fazem o possível para escondê-las. Sendo assim, você começa a desconfiar de todos e fica cada vez mais difícil decifrar quem está dizendo a verdade, ou se alguém está envolvido com o problema do exílio.

Coronel Weird continua sendo para mim o personagem mais intrigante. Ele tem acesso ao passado, presente e futuro, por isso sabe como tudo irá terminar. Não dá para saber a motivação de suas ações, se ele está contribuindo para um futuro inevitável, ou se há algo além disso. Também temos acesso à origem de Talky-Walky, sua companheira robô.

Essa parte em especial me deixou bastante surpresa por causa da apresentação dinâmica dos quadrinhos e desenhos. Eles se destoam dos demais por sua criatividade, sem se deixar desconectar com o restante da história. Mais tarde descobri que o ilustrador responsável por esse fascículo foi o espanhol David Rubín, o que justifica a diferença. Seus traços ousados combinaram perfeitamente com o tom psicodélico que a trama de Weird carrega. Por outro lado, as ilustrações de Dean Ormston também continuam incríveis. A paleta de cores utilizada por Dave Stewart contrasta muito bem com o aspecto da história e é essencial para transmitir o tom melancólico e nostálgico dela.

Black Hammer: O Evento consegue ser melhor e surpreender mais que o primeiro volume. Apesar de termos um vislumbre sobre o fatídico evento quando os heróis salvaram o mundo, ainda não sabemos o que realmente aconteceu. O mistério que os cerca cresce e se torna cada vez mais complexo. Os elementos enigmáticos te fazem querer ler tudo de uma vez só, mas não é suficiente. Ao terminar a leitura, o sentimento de desespero é inevitável, porque a história termina de uma forma que você só consegue desejar a sua sequência.

Como citei na minha primeira resenha, Black Hammer é um prato cheio para quem gosta de super-heróis e também um bom desenvolvimento de personagens, porque por mais que você pense que já os conhece, suas camadas são muito mais profundas, e cada vez mais você se surpreende com suas ações. Estou mais do que ansiosa para continuar entendendo os ex-heróis e finalmente desvendar os mistérios que cercam Black Hammer.

site: http://abducaoliteraria.com.br/
comentários(0)comente



Jess 17/02/2019

Eu amei demaaaais!
A chegada de mais uma pessoa à fazenda mexe com a esperança de Abraham Slam, Coronel Weird, Madame Libélula, Talky-Walky, Barbalien e Menina de Ouro de poderem, um dia, saírem daquela dimensão. Ao mesmo tempo que, já consumidos pelo cansaço de tentar, alguns dos super heróis decadentes se preocupam mais em manter uma boa convivência com os moradores e viver ali, esquecidos, e em paz. Mas Lucy, a filha do Black Hammer está atrás de respostas e não vai parar enquanto não descobrir o que a levou até ali, o que - de fato - aconteceu com o seu pai, e o motivo de a cidade fantasma guardar segredos que ninguém parece contestar.

Eu já esperava uma grande continuação na sequência da HQ e mesmo assim fui surpreendida positivamente. A qualidade gráfica mantém o nível (expetacular!!!) e a história se desenvolve mantendo a gente fisgada do início ao fim; eu estava tão ávida por respostas quanto a Lucy!

Outro fator positivo para o quadrinho são os flashbacks que, ao mesmo tempo que nos dá pistas sobre o que pode ter acontecido em Spiral City antes dos heróis irem parar em outra dimensão, também aumentam o suspense e o mistério sobre os porquês dos acontecimentos e quem pode estar por trás disso tudo.

Além disso, as tramas paralelas não são esquecidas e são tão bem construídas que não consigo dizer qual parte da história eu gosto mais: os dramas pessoais dos personagens ou o mistério sobre a dimensão paralela/fazenda. Mais uma vez eu aplaudo o trabalho de Jeff Lemire (já disse que quero ler tudo que tem esse cara no meio?), Dean Ormston,‎ David Rubín e Dave Stewart e torço pra que a Intrínseca continue publicando as sequências dessa obra prima!


site: www.instagram.com/cjessferreira
comentários(0)comente



Rittes 28/02/2019

Martelada
O segundo volume de Black Hammer só confirma o que já havia achado do primeiro: é uma bela homenagem ao universo de todos os super-heróis e, ainda por cima, uma baita história legal. Uma das melhores coisas do ano. Não deixe de conferir... ansioso pelo terceiro volume!
comentários(0)comente



Sandrics - @culturinhas 25/03/2019

Os mistérios a respeito de Black Hammer continuam, mas nesse segundo volume é possível descobrir um pouco mais sobre a história de cada personagem e também sobre o evento que os levou até o isolamento na fazenda.

Temos a aparição de uma nova personagem que parece que vai abalar a rotina dos heróis. .
Os quadrinhos são lindos, e a leitura flui rapidamente, esse clima de mistério nos faz avançar em busca de respostas. Adorei
comentários(0)comente



Lucas De Lima 27/06/2020

Bom demais!
Aqui a história continua. Dessa vez ainda melhor do que no volume anterior. Aqui temos maior desenvolvimento dos personagens e a chegada de uma nova. Recomendo demais! Ansioso para o próximo volume.
comentários(0)comente



Daniel Muniz 23/04/2019

A continuação da HQ continua com os mesmos dramas humanos, a mesma emoção, e ainda entram os mistérios. Mais um belo exemplar de HQ. Os sketches e desenhos no final da HQ são um plus. Sei que já saiu o volume 3, mas ainda não achei nas livrarias. Espero achá-lo logo...
comentários(0)comente



Leo_berger 26/04/2020

Maravilhosos
O que dizer desta HQ,arte incrível e a história melhor ainda.Super-herois como nunca vistos antes.
comentários(0)comente



Cameline 03/08/2020

Jeff lemire me surpreende muito com a escrita e o desenvolvimento dos fatos, me deixa muito curiosa para continuar lendo
comentários(0)comente



Kari 23/11/2019

"O Fim de Black Hammer!"



Olá amiguinhos, esse é o segundo volume da HQ mais maravilhosa do momento para mim! Estou realmente apaixonada pelo enredo, personagens e desenvolvimento! Tenho em mãos um roteiro maravilhoso! Uma das melhores, se não a melhor HQ que eu já li na vida!


Neste volume temos um aprofundamento maior em histórias pessoais e com isso, vamos conhecer a história de Black Hammer, de Talky-Walky e mais um pouco sobre a Menina de Ouro e a depressão que ela vai apresentando pouco a pouco até se tornar algo que ela não consegue mais lidar! Além disso vamos ver como Barbalien está sofrendo depois que mostrou sua sexualidade. O roteiro se mantém incrível, com um foco no desenvolvimento dos personagens e também com um desenrolar inédito, rico em detalhes para uma HQ! Amei e amei! Temos uma explosão e misto de sentimentos, emoções e muitos mistérios que vão prender qualquer leitor do começo ao fim. o segundo volume se mantém no mesmo ritmo do primeiro e conseguiu me prender tanto quanto o anterior! Como eu disse antes, na primeira resenha, o volume anterior foi mais introdutório e de ambientação, enquanto esse te deixa de pernas pro ar, imaginando e desenvolvendo diversas teorias e opiniões conforme o roteiro vai se desenrolando!


Quando Black Hammer morreu tentando derrotar o Antideus e todos os outros heróis foram exilados, os mesmos ainda que a contra gosto foram se acostumando com suas rotinas, uns bem mais que os outros e isso muda com a chegada de Lucy na fazenda procurando por Black Hammer, e como ela chega sem muitas explicações e de maneiras inusitada isso acaba renovando as esperanças dos ex heróis em escapar dessa condição! Ela não faz a menor ideia do que aconteceu com todos eles e nem com seu pai e conforme ela vai investindo mais em descobrir o que aconteceu, respostas vão surgindo e dando uma nova cara ao que começamos lá no primeiro volume!


Eu amei saber mais a fundo sobre a história de Black Hammer e quem ele era antes de se tornar um herói, e também consegui sentir como todos o veneravam e o amavam! E mais ainda, foi maravilhoso ver como esses ex heróis desenrolaram sua nova realidade e lidam com isso cada um a sua maneira!

Só uma última coisa, leiam! Vale mega a pena!

site: http://www.alempaginas.com/
comentários(0)comente



Camila (Book Obsession) 02/01/2020

Simplesmente estou encantada com todo o desenrolar do segundo volume da HQ. Enquanto nossos heróis ainda estão presos em Rockwood, ao longo dos fascículos acompanhamos as histórias de Joseph, Talky-Walky, a nova geração de heróis da família da Menina de Ouro, um pouco mais sobre Abraham e as decepções que insistem acompanhar Barbalien.
A edição contínua colorida, os traços são belos, a leitura é fluída, com grandes surpresas, mas também com muitos mistérios, me vi criando algumas teorias sobre a situação dos nossos personagens, além de um final que me deixou cheia de expectativas e animação para seguir com a leitura do terceiro volume.
Uma HQ que vai além do típico universo aventureiro dos heróis. Com enredo bem construído, diálogos de fácil compreensão e dramas pessoais e familiares bem explorados.

Resenha completa no blog

site: https://www.bookobsessionblog.com/2020/01/resenha-black-hammer-o-evento-jeff.html
comentários(0)comente



23 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2