O Segredo de Helena

O Segredo de Helena Lucinda Riley


Compartilhe


Resenhas - O Segredo de Helena


30 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2


spoiler visualizar
comentários(0)comente



Coisas de Mineira 02/08/2018

“Desceu do carro, parou e aspirou o cheiro potente de azeitonas, uvas e terra do qual ela se lembrava vagamente - a um mundo de distância das rodovias asfaltadas e das palmeiras de neon. O olfato era mesmo o mais poderoso dos sentidos, pensou. Evocava um momento específico, uma atmosfera, com minuciosa precisão.”

Pandora guarda muitos segredos, Helena pelo menos nunca esqueceu quando visitou a casa de seu padrinho no Chipre em um verão há mais de duas décadas atrás, quando tinha apenas quinze anos. Após herdar a casa, ela resolve voltar com seu marido, seus filhos e alguns amigos para passar mais um verão em Pandora. Porém, Helena sabe que voltar até lá novamente pode trazer a tona segredos que ela guarda a sete chaves. Pessoas que ela não imaginou ver reaparecem e, passado e presente de Helena acabam se chocando, fazendo com que a vida dela e de sua família mude para sempre. O livro resenhado hoje é “O Segredo de Helena” escrito por Lucinda Riley, lançado pela editora Arqueiro.

A primeira coisa que preciso falar é que as pessoas que moram comigo ficaram esperando para saber qual era o tal segredo da Helena, tudo isso porque toda hora que me viam eu estava lendo e acabei terminando o livro em dois dias. Sou curiosa e se começam a cutucar minha curiosidade já era. Nunca tinha lido nada da autora, então não posso opinar se esse foi o melhor livro que ela escreveu, mas já sei que ela é bem avaliada por muitas pessoas, e pelo menos, para mim “O Segredo de Helena” entrou na lista de favoritos. O livro não só atiça sua curiosidade, fala de amor, segredos, redenção e principalmente família.

Achei a proposta como ela escreveu bem intrigante e instigante, não é Helena quem começa o livro e sim seu filho Alex, e isso já me deixou com a pulga atrás da orelha pensando, “onde está a Helena?”. Quando Alex pega seu diário que fez durante aquele verão com a família, vamos descobrindo o que aconteceu. A ordem acaba sendo, diário de Alex e depois o que aconteceu no dia em que ele escreveu a página, mesclado às vezes com o Alex adulto lendo seu diário. E cada capítulo foi cutucando a minha curiosidade para saber o que tinha acontecido com Helena e qual era seu segredo, até porque, todas as minhas teorias foram caindo por terra enquanto a história avançava.

Quando estava terminando o livro e finalmente descobri o segredo, vem outra incógnita, o que aconteceu com a Helena depois que tudo foi revelado e onde ela está agora que Alex já é adulto? O que aconteceu com as outras pessoas? O legal é que Lucinda me prendeu até a última página, pela a minha curiosidade e ansiedade de saber logo o que estava acontecendo, e foi literalmente na última página que todas as coisas foram resolvidas e soubemos o que realmente se passou na vida deles. Enfim, foi uma delícia ler ele do inicio ao fim, e agora quero muito ver outras coisas que sejam escritas pela autora.

Agora vamos falar dessa capa? Que coisa linda e delicada foi essa Arqueiro? O livro não é só um amorzinho pela história instigante, mas também por essa capa linda dele mostrando a porta e a varanda de uma casa, com flores descendo pelas paredes. Fui pesquisando um pouco sobre o livro, e acabei descobrindo que o título original é “The Olive Tree” o que combina com a história, mas acho que “O Segredo de Helena” ficou bem melhor (alguns outros países também publicaram o livro com esse nome). Lucinda Riley nasceu na Irlanda, e já trabalhou como atriz. Seu primeiro livro foi escrito aos 24 anos e suas obras já foram traduzidas para mais de 30 idiomas e venderam mais de 12 milhões de exemplares em todo o mundo. Lucinda está na lista de autores mais vendidos do The Sunday Times e The New York Times.

“Então, reflito, o que aprendi nestas férias? Que existem todos os tipos de amor, e que ele vem em toda sorte de moldes e formas. Pode ser conquistado, mas não comprado. Pode ser dado, mas jamais vendido. E, quando está presente de verdade, ele gruda para valer. Esse tal de amor.”

Por: Ana Elisa Monteiro
Site: http://www.coisasdemineira.com/2018/07/resenha-o-segredo-de-helena-lucinda.html
comentários(0)comente



Book.Obsession 24/07/2018

Helena sempre foi uma pessoa tranquila. Com a notícia de que Pandora foi deixada para ela, uma áurea saudosa lhe invade e a mesma resolve regressar a Chipre, cidade onde fica a casa e que proporcionou um verão inesquecível.

Casada e com filhos, agora Helena tem uma missão, verificar o que precisa ser feito na casa para tornar a estadia ainda mais agradável de seus convidados e de sua família, já que pouca coisa será necessário modificar, uma vez que a casa pouco fora utilizada nesse tempo até herdar de seu padrinho.

“Existem todos os tipos de amor, e que ele vem em toda sorte de moldes e formas. Pode ser conquistado, mas não comprado. Pode ser dado, mas jamais vendido. E, quando está presente de verdade, ele gruda para valer, esse tal de amor."

Pandora ainda é aconchegante e o sentimento de nostalgia se instala em Helena. Tudo parecia correr bem, até que alguns amigos resolvem aparecer para passarem as férias em sua casa.

Dentre as aparições que não estavam previstas e junto dessa permanência dos amigos em Chipre, poderia trazer alguns antigos segredos que colocaria a vida de Helena na berlinda, assim como de sua família. Algumas decisões não são fáceis de tomar, mas um antigo amor do passado poderá ajudá-la a passar pela tormenta que está prestes a se instalar, mudando completamente o rumo e as lembranças felizes construídas no passado.

“A casa... Pandora... o instinto que ela tivera a respeito de voltar ali fora acertado. A caixa tinha sido aberta; seu conteúdo empoeirado fora vomitado pelos cantos escuros e saíra voando livremente, provocando caos e sofrimento. No entanto, assim como no mito, ainda restava uma coisa: a esperança.”

Será que a família permaneceria unida mesmo com tantos segredos revelados?

“Dali em diante, ela se ergueria ou ruiria sustentando a verdade.”

Estava bem curiosa para conhecer a escrita da Lucinda Riley e confesso que tenho um fraco por romances que são repletos de segredos, relações familiares que mostra sua verdadeira face à medida que a leitura avança, ou seja, amo dramas bem construídos.

A narrativa foi um ponto a favor, principalmente pela alternância dos personagens. A descrição dos cenários foi vital para me sentir dentro da trama e da beleza que já aparenta só de olharmos a capa. Temos o ponto de vista de Helena e Alex, o que facilitou adentrar ao seio familiar e descobrir mais dos problemas que enfrentavam.

A edição da editora Arqueiro está um luxo. Uma capa convidativa e muito bonito. Apesar do título, só de olhar, dá uma sensação de paz, de tranquilidade.

Alex chamou atenção, com pouca idade, sua perspicácia em conseguir ter respostas para suas dúvidas foi interessante. Vale destacar que sua inteligência é notável, mas ao mesmo tempo é impossível não ficar compadecido por seus questionamentos sobre os pais.

Gostei muito da forma como foi abordado a relação familiar e todas as interações dos personagens. Apesar de achar Helena um pouco egoísta em algumas situações, porém a autora nos leva a repensar e muito as atitudes da personagem.

Para uma primeira leitura de uma autora tão consagrada, gostei bastante da leitura. Me surpreendi com os temas escolhidos e a forma como foi desenvolvido. Apesar do título, a trama em si não fica focada em apenas um protagonista, elas se entrelaçam à medida que a narrativa avança, assim podemos conhecer mais a motivação, os erros, acertos dos outros personagens e seus temíveis e dolorosos segredos.

Se tem uma coisa que não posso deixar de dizer é que ao final da leitura fiquei com vontade de conhecer outras histórias dessa autora que me cativou bastante com sua escrita.

Um livro que deixa várias sementinhas para refletirmos sobre a família, nossas escolhas. Mas também nos deixa envolvidos e completamente apaixonados como todo bom romance deve ser.

Leitura mais que recomendada!

site: http://www.bookobsessionblog.com/2018/07/resenha-o-segredo-de-helena-lucinda.html
comentários(0)comente



Junior.Silva 20/07/2018

Resenha postada no site Leitor Compulsivo
Depois de muito tempo, finalmente, embarquei na minha primeira leitura da autora Lucinda Riley e o livro escolhido foi o lançamento recente da Editora Arqueiro, O Segredo de Helena. A autora é um fenômeno em vendas em todo o mundo e, na maioria das vezes, vinha observando elogios intensos para as usas histórias. O resultado? Nada de decepção e muita empolgação para embarcar em novas obras da autora.

A história gira em torno de Helena e seu filho, Alex, atualmente com 23 anos, que foi criado por seu padrasto, William, e nunca conheceu seu pai. Depois de receber uma herança os dois retornam há uma cidadezinha para reencontrar uma antiga casa que um padrinho lhe deixou. O retorno traz a tona grandes acontecimentos e nos dá a entender que será inevitável manter os segredos que nunca foram ditos a ninguém. A grande chave da história é justamente destrinchar tudo o que aconteceu para que eles chegassem até ali.

Ao decorrer dos capítulos viajamos entre três momentos: os dias atuais, a época em que Alex tinha 13 anos e um pouco antes quando a sua mãe estava com 15 anos e conhece o seu primeiro amor. O mais incrível é que esse vai e vem no tempo não deixa o leitor confuso, tamanho é o talento da autora para expressar o enredo de sua história nas páginas do livro. Na verdade, esse vai e vem acaba se tornando tão interessante que nos estimula a seguir com a leitura sem freios e, sejamos sinceros, é muito bom quando isso acontece.

Helena é uma mulher forte, determinada em fazer tudo para manter a harmonia da sua família, mas carrega no seu coração os segredos de um passado que ao mesmo tempo lhe tirou muita coisa, lhe trouxe o que ela tem de mais importante hoje. Alex é um jovem encantador, que expõe o que sente na alma de uma forma apaixonante e não tem vergonha de mostrar que também tem suas fraquezas. Juntos os dois nos mostram que existem mentiras que só servem para ferir e machucar e que nenhuma é melhor do que a verdade e consciência tranquila na hora de dormir. A história dos dois nos deixa uma lição de que quando o amor e o respeito prevalecem e são verdadeiros, nem uma mentira pode derrubá-lo.

Apesar do livro ter o foco central nos dois, conhecemos também vários outros personagens que compõem a família e os convidados que vão passar o verão em Chipre, trazendo ainda mais “caos” para toda a história. Além disso, a autora escreve com uma riqueza de detalhes incríveis, levando nossa imaginação a sentir que, de certa forma, fazemos parte desses convidados.

O Segredo de Helena é um livro tocante, que traz à reflexão lições de vidas que são marcadas ao longo do tempo pelas nossas atitudes e escolhas, mas que, acima de tudo, podem ser superadas pelo amor que existe entre nós. Não é atoa que o livro esteve na lista dos mais vendidos da Amazon durante o período de seu lançamento. Se você estava com alguma dúvida, e assim como eu ama um drama familiar, essa será uma experiência incrível, pois Lucinda escreveu esse livro para tocar diretamente no seu coração. Vai valer a pena!

site: http://leitorcompulsivo.com.br
comentários(0)comente



Notas.Literarias 19/07/2018

Se você acompanha minhas resenhas, sabe que Lucinda Riley é a minha autora favorita. Eu adoro suas capas, mas também a sua escrita, que sempre remete ao passado e o une ao presente. Afinal, na vida tudo são escolhas e consequências, não é mesmo?

Mas em O segredo de Helena, não é bem assim que acontece. E eu amei! No começo nós temos Alex, um homem de 23 anos que está de volta à casa que sua mãe herdou há mais de uma década, do padrinho dela. A história volta ao passado, como era de se esperar, mas há outro passado mesclando-se a isso, ou seja: primeiro há uma década, quando Alex era um garoto de 13 anos, e depois há 24 anos, quando sua mãe possuía apenas 15 e passou uma temporada de verão inesquecível.


O livro gira em torno de Alex, mas também de sua mãe, Helena, que possui um segredo (isso é óbvio!). Esse segredo, ao que tudo indica, é sobre o pai biológico de Alex, que é criado pelo padrasto desde os três anos. Esse é um segredo que nem a melhor amiga de Helena e seu próprio marido sabem. Será o pai de Alex um homem chamado Alexis, o primeiro amor de Helena?

Mas lá estava ele, exatamente como Helena se lembrava, parado quase no mesmo lugar em que ela o vira pela primeira vez, 24 anos antes.
Alex sempre quis saber quem era seu pai. Mas quando eles foram passar as férias de verão no Chipre, na casa que sua mãe herdou e onde ela passou suas férias de verão, ele deseja mais do que nunca descobrir suas origens. Afinal, ele acredita que seja Alexis, o amigo de sua mãe que sempre arruma um jeito de estar presente e ajudar, nas ausências de seu padrasto. O marido de Helena também fica pra lá de incomodado com isso, é claro.

Como ela dissera, com justa razão, o que quer que houvesse acontecido quase um quarto de século antes não tinha a menor relevância agora. Só que o jeito como Alexis olhara para ela na taberna, mais cedo...Willian soube instintivamente que aquele era o olhar de um homem ainda apaixonado.
É claro que faz todo o sentido, mas veja bem: Helena não vê Alexis desde aquela época. São 24 anos de distância, sendo que Alex tem apenas 13. A conta não fecha e o segredo de Helena continua! Junte a isso uma amiga com o coração partido, uma família de amigos problemática, uma filha que há tempos não aparecia e é praticamente uma estranha para Willian, e temos férias nada perfeitas no Chipre.

Ficamos às voltas com esse segredo durante muito tempo, gerando grande ansiedade, e só vamos saber quem realmente é o pai de Alex quase no final, depois da metade do livro. Lucinda nos judiou, mas o segredo é realmente grande e pode acabar com a vida conjugal de Helena e Willian.

Eu inclusive comentei com meu marido e com umas amigas sobre este livro, sobre sua trama ser muito bem feita, com tudo muito bem amarrado. Dessa vez, Lucinda se superou! Agora, basta saber se o amor de Willian e de Alex por sua esposa e mãe, respectivamente, é maior do que o segredo que Helena guardou por muitos anos. Ela teve seus motivos para isso, como você perceberá, mas poderão Alex e Willian confiar em Helena novamente?

Não admira que você nunca tenha me contado quem é o pai de Alex. Só posso desejar que Deus ajude o menino, quando ele souber de tudo isso, Helena. Deus abençoe o seu pobre filho. Caramba!
A diva nunca escreveu um livro tão bom, e olha que eu adoro os livros dela. Lucinda, sem sombra de dúvidas, é a minha autora favorita, e O segredo de Helena entrou para os meus favoritos ever. Não tinha como ser diferente! O que você está esperando para descobrir o que Helena esconde? Você verá que não é somente ela que guarda segredos!


site: http://www.notasliterarias.com/2018/04/resenha-o-segredo-de-helena.html
comentários(0)comente



Helana O'hara 08/07/2018

Um livro que emociona
O Segredo de Helena é um livro com capa linda, ele remeta a memórias de uma casa. Sua diagramação é simples, tento divisões de tempos durante a leitura, comum nos livros da autora. Suas cerca de 460 páginas é dividas em 34 capítulos bem curtos. E passagens de tempo de tempo entre 1992, o diário de Alex em 2006 e 2016.

A história começa com Alex voltando a Pandora em 2016, observando aquele lugar cheio de memórias, ali sua mãe Helena, suas família viveram momentos intensos lá. Imune de um diário Alex começar a ler e reviver mentalmente tudo que já tinha acontecido em Pandora, aquele lugar cheio de memórias, lembranças que ás vezes deveriam desaparecer.
Além dessas memórias Pandora aguarda segredos de Helena, ela herdou o local e voltar lá com sua família para um versão aconchegante parece ser uma boa ideia. Mas Pandora tem muito mais do que isso.
A história da chega da família é em 2006 onde Alex começa a escrever o diário e de tudo que sente ao estar lá, chegando para um verão, Helena chega antes com seus filhos Alex e Immy para preparar o local para chega da família é amigos.
Helena quando mais jovem foi uma grande bailarina, porém a gravidez inesperada de Alex fez ela abandonar os palcos e cuidar de seu filho de forma independente, e isso fez ela passar por dificuldades.
Tempos depois ela conhece seu marido William, um homem carismático, tornou-se pai de Alex, cuidando muito bem dele. A vida da família sempre foi pacata, mas William sabia que Helena não era muito feliz, sempre reservada, quieta nos cantos – leva-la para Pandora parecia uma ideia excelente para ela viver perto das pessoas que ama. Mas Helena tinha medo que todo esse conto com as pessoas não ajudaria muito com seu segredo e o que Pandora escondia.
Helena precisa lidar com o passado, com o presente para resolver o que fazer do futuro.

O Segredo de Helena é um livro cativante, apesar dele fugir muito do que somos acostumados dos livros da autora, ele trás um fôlego gostoso.
Ler um livro de Lucinda Riley onde a história em si não é o personagem principal é estranho, porém maravilhoso de ler, a gente percebe autora saiu sutilmente de sua zona de conforto e escreveu um livro belíssimo.

Apesar de Helena ser a grande personagem do livro por conta do seu segredo, Alex e seu diário dão um charme a toda a leitura, ele nos dá pista sobre a família e sobre ele mesmo, como ele sente com as coisas que acontecem e sua opinião franca foi surpreendente para um rapaz tão jovem.

Não foi a melhor leitura de Lucinda Riley que fiz, mas com certeza foi um livro emocionante de ler. Helena é uma mulher com teto de vidro, ela tem medo do que as pessoas vão achar do que ela esconde por tantos anos, medo que seu casamento seja fragilizado, medo do que seus filhos vão pensar. Todas as pessoas que a cercam são importantes a sua maneira e o como ela lida com isso é muito humano.

Lucinda Riley mostrou para o leitor um lado humano demais em Helena, em muitos momentos, mostrou que um casal precisa deixar o orgulho de lado para o amor tomar conta dos corações, deveria ser assim sempre não é? E Alex teve um papel muito especial mostrando a William como entender Helena e sua angustia.

Com certeza O Segredo de Helena é um livro que surpreende não apenas pelo drama em si, mas pelas vivências de seus personagens, Lucinda Riley sabe tomar o coração dos leitores!
comentários(0)comente



mirna 06/07/2018

O Segredo de Helena
Ai ai (suspiros) rsrs.
História linda. De amor, de superação, de crescimento, de lições de vida, enfim, de pessoas comuns com problemas na família mas também com amor para superá-los. Helena, uma mulher forte e guerreira que luta por sua família com sabedoria e paciência. Alex, um garoto inteligente que nunca teve medo de mostrar seus sentimentos e suas fraquezas. Uma história que nos mostra muitas lições de vida. E a principal delas é que por pior que seja a verdade ela é sempre melhor que a mentira. E que até onde é certo guardar um segredo achando que será melhor do que revelá-lo. Amei ?
comentários(0)comente



Dri @oasisliterario 06/07/2018

Se você, assim como eu, não dispensa uma trama familiar envolvente, "O Segredo de Helena" será um ótima experiência de leitura.
Helena viveu momentos inesquecíveis na mágica Pandora, uma casa rodeada por oliveiras em Chipre. Mais de vinte anos depois, ela herda a antiga casa e retorna àquele local tão importante na sua adolescência, porém agora estará acompanhada de seus filhos, de seu marido e de amigos convidados.
Além de momentos inesquecíveis, Pandora também guarda importantes segredos de Helena, inclusive um envolvendo seu filho Alex, um prodígio interessado pelas suas origens.
Talvez o verão em Pandora mude a vida de Helena para sempre, a medida que seu passado e seu presente se chocam.

Como leitora assídua, muito já ouvi falar sobre a Lucinda Riley, porém, nunca havia de fato me animado a ler um de seus livros. Assim que tive a oportunidade de conhecer "O Segredo de Helena", não hesitei e logo iniciei a leitura.

Agora, após finalizar o livro, posso afirmar que Lucinda Riley realmente encanta com sua escrita envolvente. Que experiência encantadora foi conhecer seu modo de apresentar a história gradativamente, sem perder o foco e de fazer um livro extenso ser devorado sem percepção de tempo.

Ao longo do desenvolvimento do livro, conhecemos melhor Helena e sua família, bem como a família dos convidados que também passarão o verão em Chipre. Explorando desde os segredos mais profundos dos moradores temporário de Pandora, Lucinda enriquece a história com uma ambientação incrível. Através de suas palavras consegui criar cenários exatos durante a leitura e tive a sensação de ter um filme se desenrolando.

O livro apresenta um drama familiar recheado de emoções, revelações e autoconhecimento, características essas que costumam me conquistar muito.
Com exceção de alguns momentos específicos, a leitura foi fácil e fluída. Então, se você, assim como eu, não dispensa uma trama familiar envolvente, "O Segredo de Helena" será um ótima experiência de leitura.
comentários(0)comente



Kênia Cândido 29/06/2018

Gostei Bastante!
Uma autoras que sempre tive vontade de conhecer a escrita era Lucinda Riley, devido as opiniões que li em outros blogs literários e quando me deparei com a chance de ler O Segredo de Helena, não pensei duas vezes. Nada melhor que começar um romance contemporâneo.

O Segredo de Helena começa com Alex, um homem de 23 anos chegando numa casa que sua mãe Helena herdou do padrinho dela há dez anos atrás. Depois de descarregar todos os pertences que havia trazido, Alex resolveu sentar na varanda e decidiu ler seu diário quando era um garoto de 13 anos.

Dessa forma, a história volta ao passado em 2006, com Helena chegando em Chipre com seus filhos Alex e Immy para passar um verão na casa que recebeu de herança do seu padrinho. Helena desejava passar vários dias agradáveis ao lado da família e amigos na casa chamada Pandora, local que ela lembrava com muito carinho e considerava mágico. Por isso, Helena resolveu ir alguns dias antes para preparar a casa para receber o restante da família e alguns amigos para uma temporada de verão inesquecível em Pandora.

Entretanto a casa trouxe várias lembranças para a vida de Helena. Recordações que ela não estava preparada emocionalmente para receber e percebeu que um segredo que ela guardou durante anos, à sete chaves, estava sendo impossível de mantê-lo escondido e a verdade poderia cair à tona na família como uma bomba relógio.

No passado, Helena foi uma bailarina bem conceituada, viajando por vários países da Europa. Quando ela estava no auge da carreira, descobriu que estava grávida. Depois dessa descoberta, sua vida não foi à mesma, pois Helena resolveu ter seu filho Alex de forma independente, abandonando a carreira de bailarina e passou por uma situação financeira bem delicada.

Após algum tempo, Helena conheceu William. Desde o início ele mostrou ser um homem muito bom e carismático. Não demorou muito para William e Helena se apaixonarem e começar um relacionamento duradouro que vem proporcionando vários momentos bons no casamento.

Apesar de ter conquistando certa felicidade no casamento, tornando-se pai de Alex e tendo mais dois filhos, Immy e Fred além de Cloë, filha do primeiro casamento, William tinha a sensação que a felicidade não estava completa ao lado da esposa. Helena sempre demonstrava ser reservada com o marido e William sentia claramente que Helena carregava dentro de si, algum sentimento que ela não tinha coragem de revelar.

William tinha esperança que Helena passando um verão na casa Pandora juntamente com a família e alguns amigos, ela conseguiria desprender desse sentimento e confiasse nele para ajudá-la. No entanto, Helena tinha receio da sua família não compreender direito o segredo e eles nunca mais seria uma família, deixando seu casamento com William em uma situação delicada.

Minha estreia com a escrita da Lucinda Riley foi muito boa, despertando curiosidade desde as primeiras páginas e criando algumas dúvidas a respeito do segredo que Helena tanto escondia da família. Sobretudo, a história não conseguiu ser surpreendente, porque descobri o segredo da protagonista bem antes dela revelar o segredo. Porém, este detalhe não deixou a leitura tornar-se cansativa, porque desejava saber todo o desfecho da trama e consegui realizar a leitura de maneira ágil e fluida.

Além da história de Helena, o livro contém vários capítulos com o diário de Alex. Durante o período que passaram em Chipre, Alex escrevia no diário sobre sua vida e sempre deixava claro, a curiosidade de descobrir quem era seu pai biológico. Com o mistério em torno do segredo que Helena carregava, Alex decidiu que estava na hora de saber quem é seu pai, mesmo considerando William como pai verdadeiro e de coração.

Essa história mostrou perfeitamente que às vezes, um casal precisa deixa o orgulho de lado em algumas situações para o amor prevalecer e fortalecer um casamento. Alex teve um papel muito importante na história e até ajudou William interpretar melhor toda angustia que Helena sentia de trazer todo o passado de volta à tona.

Contudo a história não para por aí, ela também mostrar a vida de outros personagens ligados à família. O casal Jules e Sacha Chandlers com os filhos Rupes e Viola, a amiga Sadie e Alexis, um ex-namorado que Helena teve quando passou um verão em Pandora quando tinha 15 anos. Ele ainda vive em Chipre e vai provocar muito ciúmes em William, pois o marido de Helena não sabia nada sobre Alexis.

A edição contém uma capa primorosa, a diagramação está ótima nas folhas amareladas e a editora teve um cuidado especial alterando a fonte nos trechos do diário de Alex para o leitor não ficar confuso durante a leitura.

Com certeza O Segredo de Helena foi apenas um pontapé inicial para conhecer outras histórias da Lucinda Riley. Para quem gosta de uma boa história com vários personagens entrelaçando em conflitos interessantes, este livro é uma ótima dica. Recomendo.

site: https://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com/2018/06/resenha-o-segredo-de-helena-lucinda.html
comentários(0)comente



@mamaetalendo 25/06/2018

Adoro os livros da @lucindarileyofficial , tenho alguns favoritos. Apesar de ter gostado muito da leitura esse não entrou na minha lista de favoritos. #OSegredoDeHelena #lucindariley
?
Como o próprio título diz, o tema principal do livro é o segredo de Helena, mas a verdade? A verdade é que o passado omitido compromete o futuro e tem que lidar com as consequências. ??... mas quando existe amor, há sempre um futuro?...?
?
O cenário lindo do Chipre, a casa ?Pandora? e as férias em família cria uma atmosfera encantadora. Afinal, férias em família tem de tudo né: drama, alegria, filhos maravilhosos... um relacionamento perfeito...perfeito?
?
Todo mistério, ambiente familiar e personagens cheios de carga emocional oferecem uma leitura deliciosa... #recomendo
?
Para saber mais tem que ler o livro mesmo! .
?O amor é realmente capaz de suportar tudo?
Quer saber mais? Entra no blog! Link na Bio ??
#euleioarqueiro #arqueiro #igliterario #instabook #bookstagram #books #bookaholic #igreads #instalivro #livro #leitor #leitura #leituradodia #literatura #literaturaestrangeira #mulherbacanale #clubedolivro #mamaetalendo
comentários(0)comente



Michelle Trevisani 25/06/2018

Um ótimo drama familiar
E aí pessoal? Tudo bem? Espero que sim! Hoje a resenha que trago é de um lançamento da Arqueiro da autora Lucinda Riley (bastante conhecida por ter escrito a série Sete Irmãs) - O segredo de Helena. Essa é a minha primeira experiência com a autora e já posso mencionar que gostei demais. A escrita da Lucinda é fluída e apesar de ir trazendo aos poucos a história para o leitor, isso não me incomodou, pelo contrário, me senti assistindo uma novela, fascinada pela ambientação da autora, o que nos proporciona imaginar a história de uma forma muito rica em detalhes.

O segredo de Helena é o tipo ideal de livro para quem gosta de uma trama familiar regada por segredos e sentimentos. A protagonista, a Helena, tem alguns motivos para ser uma pessoa reservada e muitas vezes distante em seu relacionamento com o marido Willian, que acredita que Helena nunca se entregou totalmente ao casamento de ambos. Willian sabe que a esposa já teve ter passado por algumas dificuldades, afinal, tem um filho, o Alex, a quem Willian criou como se fosse um filho, mas que sabe pouco a respeito de seu passado, inclusive quem é o pai do garoto. Helena nunca se aprofundou em conversas que tiveram sobre o passado, e Willian sempre respeito esse distanciamento. Mas quando você passa dez anos casados com uma pessoa, e já tem dois filhos frutos desse relacionamento, começa a querer exigir mais desse compromisso.

E parece que tudo resolveu borbulhar num período de férias que a família resolve passar na casa herdada por Helena de seu padrinho, no Chipre. Pandora, como é intitulada a casa, já escondeu muitos segredos de seus antepassados. As paredes sabem mais a respeito dos visitantes que ali estiveram do que qualquer pessoa.

A família não estará sozinha nessa jornada de férias, já que Helena convidou alguns amigos da família - Sacha, melhor amigo de Willian com sua esposa Jane e os filhos, sua melhor amiga Sadie e sua enteada, Chloe. Era para ser um período tranquilo e sereno, até pessoas do passado de Helena começarem a surgir para visitá-la, entre eles Alexis, um moreno alto e dono de umas vinícolas perto da propriedade herdada por Helena, e que nunca a esqueceu. Será que o passado de Helena está prestes a vir à tona? Você saberá se mergulhar nessa linda história de amor, segredos e de uma jornada em busca de libertação.

Leia o restante da resenha no meu blog >> LIVRO DOCE LIVRO

site: https://meulivrodocelivro.blogspot.com/2018/06/resenha-o-segredo-de-helena-de-lucinda.html
comentários(0)comente



Fabiana Serpa 25/06/2018

Lucinda é Lucinda sempre, diva. Um livro que precisa ser lido, mas um livro simples com suas reviravoltas por conta de uma omossao, ou seria mesmo mentira? Sim posso disser como fã que não pode deixar de ser lido, apreciado, como uma leitura de fim de semana. Helena guarda um segredo q pode mudar a vida da sua e de outras famílias. Não bastando, a carga emocional que Pandora traz faz vir a tona o pavor de perder algo conquistado depois de esse dar conta que não conheceria mais o amor. Sim o medo de perder faz Helena se esquivar da verdade. Mas uma vez revelado seu segredo altera a concepção de familfaque Helena trás consigo. Eu amei o livro como uma fã incondicional da autora. Mas eu diria para ir com calma, sem esperar um livro excepcional, mas um bom livro sem dúvidas.
comentários(0)comente



Carla - @sharingbooks2 23/06/2018

"... as pessoas só recebem na vida aquilo que são capazes de enfrentar."
O padrinho de Helena acaba de falecer e deixou a sua casa Pandora, no Chipre como herança para ela. Na adolescência, aos 15 anos, ela passou um verão dos sonhos em Pandora e conheceu pela primeira vez o amor.
Agora já bem adulta, com sua família formada, ela volta para passa o verão
com a sua família e alguns amigos. O seu primeiro amor vive lá, seus amigos chegam com problemas na sua família, seu filho Alex começa a se questionar quem é o seu pai biológico. Esse verão carrega muitos segredos, mas será que eles serão capazes de se manter em oculto? Quanta verdade o amor é capaz de suportar?

Essa é uma história de drama familiar. A matriarca dessa família, Helena, aparentemente não teve uma vida fácil, desde a infância. Sempre viveu em berço de ouro, mas sempre vivia em grandes dificuldades com a sua família não muito amorosa. Parece que a sua primeira viagem a Pandora marcou a sua vida e é aí que os segredos se iniciam. Ela era uma bailarina muito talentosa que teve que interromper sua carreira após engravidar do seu primeiro filho, o Alex. Mas ninguém, a não ser Helena e um amigo, sabem quem é o pai. E esse segredo vira uma grande bola de neve que ameaça a derreter bem no verão dos sonhos da família no Chipre.
Além dos dramas da família de Helena, tem os dramas da família dos seus amigos convidados. E essa história toda vira um grande dramalhão.

"A casa...Pandora...o instinto que ela tivera a respeito de voltar ali fora acertado. A caixa tinha sido aberta; seu conteúdo empoeirado fora vomitado pelos cantos escuros e saíra voando livremente, provocando caos e sofrimento. No entanto, assim como no mito, ainda restava uma coisa: a esperança."

Meu primeiro contato com a autora foi com a sua série As sete irmãs (tem resenha aqui), mas esse é o meu primeiro livro único dela e eu tinha muita expectativa. Andava vendo por aí as primeiras resenhas publicadas dessa história e não foram assim tão boas. Acabou que as minhas expectativas diminuíram por conta disso e acredito que isso ajudou no fato de eu adorar a história.
De fato, o segredo de Helena é facilmente deduzível e acertado, mas o ponto alto da história não é descobrir o segredo, é ver o desenrolar dela e conhecer a história dos personagens e suas características.
O desenrolar é lento para que possamos nos afeiçoar e conhecer o personagens. Alguns são muito cativantes, como por exemplo as crianças, eu adorei o "elenco infantil". Helena já não é tão cativante por conta da sua personalidade, ela é muito certinha, mãe e esposa perfeita, além de ser muito misteriosa e evasiva. No fim, entendemos a personalidade dela, mas durante a história é difícil, por exemplo, ama-la. Ela é tão perfeita que não parece real.
O esposo de Helena a conheceu quando Alex tinha 3 anos, ou seja, ele criou o enteado. E a relação que vai se desenvolvendo ao longo da história é simplesmente LINDA! Que delícia de ler esse desenvolvimento.

Uma coisa que eu amo em qualquer que seja a história, mas principalmente as de Lucinda, que são as ambientações. É como se você estivesse lá com os personagens. Ela é capaz de descrever cada ambiente e cada cena de forma muito real. Você realmente se sente transportado. Apesar de muitos que a leem achar que ela enrola muito, na verdade é que ela desenvolve muito a história e os personagens.
Além da escrita sem igual da autora. É muito gostosa e cativante. A leitura foi incrivelmente fluida e me ajudou muito a vencer uma ressaca literária que eu estava passando.
A passagem do tempo, para mim, casou muito bem. Achei que ficou muito bem colocado, não ficou parecendo que ela quis correr com a história.

As minhas considerações finais são que: Recomendo! Eu gostei demais dessa história, me prendeu, me cativou e fez com que eu me envolvesse com essa família e com todo o drama envolvido. As demais histórias dessa autora está certamente na minha lista de próximas leituras.

"Então, reflito, o que aprendi nestas férias? Que existem todos os tipos de amor, e que ele vem em toda sorte de moldes e formas. Pode ser conquistado, mas não comprado. Pode ser dado, mas jamais vendido. E, quando está presente de verdade, ele gruda para valer, esse tal de amor."

site: www.sharingbooks.com.br/ @sharingbooks2
comentários(0)comente



Greice Negrini 20/06/2018

Um lugar para chamar de seu!
Pandora é uma casa linda e antiga onde morava Angus, o padrinho de Helena. Uma casa onde vidas foram vividas, e muitos amores e desamores tem histórias contadas e gravadas em suas paredes. Foi nesta linda casa no Chipre que Helena passou suas férias durante vários momentos de sua vida, já que sua mãe e seu pai não tinham tempo para ela, e seu padrinho a acolhia com todo o seu coração.

Aquele céu azul e o calor envolventes fazem com que Helena se sinta acolhida em todos os sentidos. Ao invés do frio da cidade onde mora na Inglaterra. Helena resolveu passar férias na linda Pandora agora que seu padrinho faleceu. Ela precisa voltar para dar uma boa organizada no lugar e até mesmo modernizar com alguns bons móveis, uma nova cor e uma ou outra coisa que venha a agradar a ela. Não que vá mudar a vida que exista nela.

Assim Helena e seus dois filhos, Alex de treze anos e Immy de cinco, saem na frente para arrumarem a casa para a chegada do seu marido William e seu outro filho de três anos, Fred. Apesar de ser férias em família, muita gente se convidou para ficar aquele período em Pandora também. Jules, o marido e seus dois filhos e mais Sadie, sua melhor amiga. No fim de tudo, a filha do primeiro casamento de William também vai fazer parte dos convidados e assim todos vão desfrutar de um lugar ao sol de Chipre.

Mas em meio a passeios e entretenimentos ao redor da ilha, Helena encontra um amor do passado, Alexis, com quem teve um relacionamento na adolescência. É com ele que ela vai relembrar algumas dores e momentos de felicidade e também é ele quem vai ajudá-la em momentos mais difíceis.

Alex, filho de Helena quer descobrir quem é seu verdadeiro pai. Mesmo que William sempre tenha sido seu pai por criação, ele tem a curiosidade de saber quem é o seu gene de verdade. Sua mãe nunca quis conversar sobre isto e ele tenta aos poucos descobrir alguma coisa. Ser um gênio não ajuda muito já que ele se torna diferente de muitas pessoas, mas agora ele pretende saber quem é o seu pai e tentar saber sobre sua família por parte de pai.

Em meio ao amor em Chipre e a felicidade de todos, muitos segredos serão revelados e talvez muito do que se originou naquele lugar poderá ter fim ali mesmo, anos depois.

Nem preciso dizer que amo Lucinda Riley. Este é o mais novo lançamento dela que não está elencado junto com a saga das Sete Irmãs e quando comecei a ler vi que ela estava colocando mais um novo lugar em sua história: Chipre. Nunca tinha lido uma história com este país como cenário e amo quando leio algo com calor e natureza em volta. A descrição da casa, dos locais, da população em si é bem generosa, o que facilita a leitura a fluir muito mais fácil.

Neste livro não há a passagem de tempo costumeira da autora. Vamos começar a história em 2006 com o Alex voltando até Pandora para rever a casa e depois relembrar a história que acontece em 1996 em que ele conta através de um diário e também pela visão de Helena.
Lendo a história e conhecendo um pouco sobre a vida de Lucinda Riley jurei estar lendo o diário pessoal dela. É como se pelas páginas ela descrevesse suas próprias férias e fiquei imaginando se ela seria daquela forma, tão simples e tão calma ao mesmo tempo. Tão receptiva e cativante como é com todos os leitores. E ao final do livro ela deixa uma nota em que descreve que também fez uma viagem assim e se baseou na sua própria história para fazer O Segredo de Helena, deixando assim mais veracidade na sua escrita.

É um livro emotivo. Vai tratar de diversos assuntos mas principalmente de escolhas. E escolhas difíceis que se toma na vida. Eu me coloquei no lugar de Helena e acredito que tomaria as mesmas decisões dela e acredito que ela foi totalmente corajosa em cada ponto.

Terminei a história suspirando. Feliz com a trajetória de todos os personagens e querendo ir tirar umas férias em Pandora. A diagramação do livro é de letras de tamanho normal e com páginas meio amarelinhas, daquelas que adoro ter e que não prejudica a visão.

Só fico chateada quando cada livro acaba e sinto que tenho que deixar Lucinda Riley ir mais uma vez. E com o livro todos os personagens aos quais já tinha me apegado. Mas sei que ela voltará. E que novamente me fará suspirar em um mundo de cenários ora selvagens, ora românticos. E de todas as formas estarei repleta de vida em páginas novamente.

site: www.blogandolivros.com
comentários(0)comente



Diane Ramos 11/06/2018

O SEGREDO DE HELENA - Lucinda Riley

Não é novidade pra ninguém que sou uma grande admiradora da autora Lucinda Riley... Acho suas obras encantadoras, completas e sempre acabo me surpreendendo com algo em suas histórias, seja um personagem diferenciado, uma situação inesperada ou um desenrolar totalmente imprevisível. Sendo assim, foi com muito entusiasmo que iniciei a leitura de O Segredo de Helena e, como sempre, Lucinda Riley se mostrou uma autora fantástica!
O livro traz a história de Helena, uma mulher que nunca esqueceu o verão que passou na mágica Pandora, a casa de seu padrinho no Chipre, onde, cercada por oliveiras e pelo verde-esmeralda do Mediterrâneo, ela se apaixonou pela primeira vez, aos 15 anos.
Mais de duas décadas depois, tendo herdado a antiga propriedade, ela retorna a Pandora para mais um verão, dessa vez em companhia do marido e dos filhos. No entanto, Helena sabe que voltar àquele lugar pode trazer à tona segredos que ela preferia esconder.
Um desses segredos envolve Alex, seu filho mais velho, fruto de uma relação anterior a seu casamento. Com uma inteligência acima da média, ele vive a difícil transição para a vida adulta e está determinado a descobrir a identidade de seu verdadeiro pai.
Enquanto o verão avança e pessoas do passado de Helena reaparecem, Pandora parece pronta a revelar os mistérios que ocultou por tantos anos e que, uma vez descobertos, farão com que a vida de Helena, e de sua família, nunca mais seja a mesma.

O Segredo de Helena é narrado em primeira pessoa sob a visão de vários personagens do livro, o que facilita ainda mais o entrosamento da história já que podemos acompanhar os dilemas apresentados sob diversos pontos de vista. Além disso, para complementar ainda mais, temos o peculiar diário de Alex, que aparece vez ou outra na narrativa e nos apresenta os principais acontecimentos e aborrecimentos da casa Pandora, sob um olhar crítico e irônico de Alex, sem dúvida, os trechos do diário foram a parte mais interessante da obra e me arrancaram boas gargalhadas. A escrita de Lucinda Riley continua a mesma: instigante, fluida, surpreendente e nos pegando de surpresa a todo momento! Durante toda a leitura paira um mistério no ar, o leitor é ciente de que Helena esconde vários segredos e essa ânsia de desvendar os buracos de seu passado acaba tornando a leitura extremamente rápida, pois, é impossível largar o livro sem antes desvendar o tal segredo que a protagonista esconde.
Os personagens foram extremamente bem construídos, o que me chamou a atenção foi que todos eles se parecem com seres humanos comuns, tem seus segredos, seus defeitos, suas incertezas e, é claro, cada um possui sua personalidade e qualidades próprias, tornando assim semelhantes a pessoas reais, o que facilita muito na aproximação entre leitor e personagem. Gostei bastante da família de Helena, a forma como eles interagem e protegem uns aos outros é extremamente linda, mas, entre todos os personagens do livro, o que mais se destacou, na minha opinião, foi Alex, um adolescente sagaz, carismático, de QI avançado e que sempre tem uma resposta sarcástica para dar.
O Segredo de Helena é um livro que fala sobre relações familiares, sobre os laços que unem as pessoas para sempre e sobre a capacidade de amar e perdoar. Lucinda Riley deixa uma mensagem bastante clara onde nos mostra a importância e as conseqüências das escolhas que fazemos ao longa da vida, que sempre devemos confiar em quem está ao nosso lado e destaca ainda a importância da família e amigos em momentos difíceis.
Enfim, O Segredo de Helena é um livro extremamente envolvente, misterioso e que te conquista desde a primeira página! Amei acompanhar o verão na casa Pandora e recomendo a leitura de olhos fechados pra quem está em busca de uma boa leitura.

site: http://coisasdediane.blogspot.com.br/
comentários(0)comente



30 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2