Entre Will & Vodka

Entre Will & Vodka Giovana Taveira




Resenhas - Entre Will & Vodka


14 encontrados | exibindo 1 a 14


Nah | @umagarotaentrelivros 20/04/2019

Livro maravilhoso de tão bom!
EWEV conta a história de Stela, desde a sua infância até se tornar uma jovem de 23 anos. Ela conhece Will ainda criança, eles se tornam amigos e ela se apaixona por ele. Até que ele se afasta, resolve ir embora e cortar qualquer contato com ela. Stela segue sua vida, se formando na faculdade, porém em nenhum momento, mesmo namorando outros caras, ela esquece Will. Até o fatídico dia que eles se encontram, depois de anos sem se ver. Will resolve aparecer na vida de Stela, deixando a garota sem rumo e chão, plantando uma interrogação em seus pensamentos a cada aparição repentina. Will é uma incógnita e Stela quer fazer de tudo para decifra-la.


O livro é escrito de forma leve, contando a trajetória de Stela, onde a partir de mais ou menos 50% da leitura, podemos sentir que algo mais irá acontecer com as aparições de Will, deixando a trama mais viciante, pois eu não parei de ler até saber no que iria dar e como terminaria a história.


A autora Giovanna me fez amar Stela desde sua infância, capítulo por capítulo, eu a conheci e passei a torcer por ela desde então, querendo que ela conseguisse se encontrar e ser feliz. Stela tem um dilema, ela sente que algo falta em sua vida, ela tem uma família que a ama, uma melhor amiga, se formou na faculdade, conseguiu emprego, mas ainda assim, sente que falta algo.


Giovanna mostra que a Stela pode ser qualquer uma de nós, gente como a gente, cheia de frustrações, medos e anceios, fazendo o leitor amar essa personagem linda e forte, até as últimas páginas do livro; quando, depois de tudo que ela passou, aprende a se amar.


Giovana mostra no decorrer da história o quanto é importante nos amarmos, que não devemos nos doar para o outro e esquecer de nós mesmos. Amor próprio é tudo e Stela percebe isto e passa a exercer esse amor dia após dia.


Eu me vi na Stela várias vezes e pude sentir exatamente o que ela sentia durante a trama.


Mas o que acontece durante a trama, para ela perceber a necessidade de se amar? Vocês terão que ler, para descobrir. ?


Eu só posso dizer o quanto recomendo para vocês, esta leitura que eu amei e favoritei.
comentários(0)comente



Gio 05/02/2019

Stela Casemiro, eu te admiro muito.
Em entre Will e Vodka, nós vamos acompanhar a história da pequena Stela Estrela, desde a infância até sua vida adulta.

Durante sua infância, Stela conhece Will, seu vizinho da frente, e acaba se apaixonando por ele. Mas como nem tudo são flores, Will se afasta subitamente, deixando um vazio no coração e na vida de Stela.

Parece ser uma simples paixão infantil, mas a perda desse amor impacta a vida dela de forma marcante, durante a adolescência e a vida adulta, toda vez que citam o nome dele provoca sensações que ela nem sabia que existiam. Conforme o tempo passa e acompanhamos as dificuldades de Stela, principalmente as relacionadas a esquecer o Will, nós vamos nos aproximando da personagem, nos tornamos íntimas amigas.

O ápice da história é quando eles se reencontram, onde é uma situação delicada para ambos, após esse encontro eles passam a se ver com mais frequência, o que nos deixa com raiva, porque sabemos o tanto que Will a feriu, e mesmo assim a Stela dá a ele uma carta branca em sua vida.

Esse livro é uma obra incrível sobre amadurecimento, dificuldades de se tornar adulto e amor próprio. Às vezes eu sentia uma vontade de bater nesses dois, no Will porque ele é um dos maiores babacas que eu já vi, e na Stela, porque ela não se valorizava. O final é um tapa na cara revigorante, não tem nada melhor quando a gente escolhe SE priorizar.
comentários(0)comente



Coruja dos livros 26/01/2019

Bom demais
Entre Will e Vodka
Autora: @autoragitaveira
Editora: Amazon
Páginas: 418
Nota: 5 ⭐
.
.
Stela e Will se conhecem por intermédio dos irmão que são amigos, e desde então se tornam inseparáveis. Stela é uma garotinha falante e muito amorosa, Will um menino calado e isso dá muito certo pra Eles. (Aquele velho ditado "Os opostos se atraem")
.
.
Por ciúmes Stela mente para seu amigo que percebe a mentira e fica super magoado, além disso os amigos começam a zoá-lo, dizendo que ele e Stela são muito mais que amigos. Will decide distanciar-se dela, deixando-a sem entender muito bem o que aconteceu. .
.
Os anos passam, já adolescentes Will se muda de cidade e Stela fica para trás. Agora temos uma Stela adulta, mas sofrendo por não ter alcançado seus objetivos e.... Sempre pensando em Will .
.
.
Aí lá vem o destino armar para Stela, Will volta pra sua vida feito furacão e apesar de "querer" distanciá-lo, ela não consegue dizer "NÃO". Will no entanto é um cafageste de carteirinha e continua deixando-a e voltando como se fosse um bumerangue.
.
.
Stela explica aos leitores que: "Todo mundo tem uma carta Branca em sua vida. Aquele alguém que pode ir e vir a qualquer momento sem pedir passagem ou dar um aviso prévio. Simplesmente aparece e desaparece na hora que dá vontade" E quem é a carta Branca de Stela? Se vc falou Will... Acertou. Mas Stela descobre que ela não é a Carta branca de Will.. Mas que ele tem uma... .
.
Gente, eu passei tanta raiva nesse livro que nem sei explicar. Mas tbm entendi o sentimento de Stela pelo Will. Ela é uma garota apaixonada que não consegue ficar longe quando está perto e mesmo longe trás a pessoa amada para perto, em pensamento. Quem nunca passou por isso?
.
.
O fim do livro me surpreendeu muito, amei o crescimento dos personagens. O livro fala sobre a descoberta do amor próprio (o que é o mais importante). Alguns personagens secundários tbm ganharam meu 💙.
.
.
Entre Will e Vodka é um livro maravilhoso, daqueles que vc pega e só larga quando acaba. .
.
Vc acha que Stela aprendeu ou que continuou recebendo Will sempre que ele quis? .
.
Quem nunca teve uma pessoa carta branca na vida?

site: https://www.instagram.com/p/BqgIteGgsxR/
comentários(0)comente



palavrascruciais 21/01/2019

Marcou minha vida!
Em EWEV nos acompanhamos a história da Stela Casemiro, uma mulher passando pela fase jovem da vida e com muitas questões pipocando em sua mente. Na infância ela era a melhor amiga de Will, um menino que ganhou seu coração e depois o partiu, afastando-se e cortando o contato. Nós, como leitores, vemos tudo isso acontecer, pois Giovana não apenas cita, mas mostra e nos permite seguir os passos de Stela desde essa fase. Ou seja, nós torcemos e gostamos de Stela desde cedo e a incógnita que a aflinge a cerca de Will também começa a nos aflingir. E ao meu ver, esse é um dos pontos mais altos do livro. Tudo que a Stela sente, nós sentimos também. Não apenas por estarmos próximas da personagem, mas por nos identificarmos com ela na maioria das vezes. Stela é gente como a gente e para mim isso faz dessa leitura mágica.

Mas é claro que os Is iriam atrás dos seus pontos e Will aparece em dado momento. A química dos personagens é palpável e cada momento nos fazer torcer pelos dois. Porém, nem tudo é perfeito. Will pouco a pouco vai nos mostrando que nem tudo é como pensamos ou queremos que seja. E o que vale aceitarmos em nome do amor?

Acho que não preciso mais falar o quanto recomendo essa obra. É um livro que fala sobre amor de todas as formas, mas principalmente sobre amar a si mesmo. Então como sempre digo, agora repito: Essa é uma leitura necessária para todos que têm um coração. Por favor, leiam Entre Will & Vodka.

site: https://www.instagram.com/palavrascruciais/
comentários(0)comente



Vanessa @LarLiterario 14/09/2018

"Todo mundo tem uma pessoa Carta Branca em sua vida. Aquele alguém que pode ir e vir a qualquer momento, sem pedir passagem ou dar aviso prévio. Simplesmente aparece e desaparece na hora que dá vontade."

A Carta Branca de Stela é Will. E por mais mancada que ele dê, ela sempre deixa ele ficar.

Will e Stela se conhecem desde os sete anos de idade, viraram amigos de cara e sempre estavam juntos. Até que seus outros amigos começaram a zoa-los insinuando que eles se gostavam de um jeito além da amizade, Will não gostou das brincadeiras e julgou que seria melhor acabar com essa amizade tão bonita. Apesar de magoada, Stela aceitou e desde então nunca mais se falaram.

Agora Stela é adulta e apesar de nada na sua vida ter dado certo o suficiente para ela ficar satisfeita, ainda carrega o amor de infância por Will. O destino acaba trazendo Will de volta e resolve ficar. Stela deixa, esperançosa, mas depois de muitas idas e vinda, Stela percebe que do mesmo jeito que Will é sua Carta Branca, Will também tem uma, e não é ela.

"Talvez isso seja crescer, você se desliga de tudo o que gostava, mas te faz mal, e segue, não sei para onde, ainda não cheguei, mas continuo à procura." Fiquei muito surpresa com esse livro, a maneira como a autora desenvolveu o crescimento dos  personagens foi bem original. Will me fez muita raiva e Stela não ficou muito atrás, mas o final do livro compensou toda a raiva que passei.

Me identifiquei muito com a Stela e talvez por isso a minha raiva dela tenha sido menor, por entender bem o que é ter uma pessoa Carta Branca igual Will. Mas ainda assim é difícil não revirar os olhos para todas as chances que ela dá a ele.

Enfim, foi uma experiência muito boa e eu recomendo!

site: instagram.com/larliterario
comentários(0)comente



Raposa Literária 14/09/2018

MARAVILHOSO
Entre Will & Vodka foi uma surpresa maravilhosa para mim. Confesso que já havia visto muitas resenhas sobre ele e iniciei a leitura com altas expectativas e gente QUE LIVRO BOM!

Pelo ponto de vista de Stela, somos inseridos na sua história, começando por sua infância acompanhamos sua transgressão para adolescência e posteriormente para sua vida adulta. Em todas as fases podemos compreender como seu amor por Will nasceu e evoluiu, vemos também como a distância entre eles os fizeram fazer escolhas que mudaram de forma drástica a vida deles.

No início da narrativa Stela fala sobre uma pessoa carta branca, em uma explicação breve: "Todo mundo tem uma pessoa Carta Branca em sua vida. Aquele alguém que pode ir e vir a qualquer momento, sem pedir passagem ou dar aviso prévio (...)pode fazer o que quiser e você continuará sorrindo, oferecendo sua vida de bandeja". E sim, a carta branca de Stela é Will e por muitas vezes eu quis entrar no livro e socar a cara dela para ela largar de ser trouxaaaa. Mas então, eu entendi (ou pelo menos, acho que sim). Todos nós temos sim uma carta branca. E nem sempre essa pessoa vai ser alguém que vai te fazer de carta branca na vida dela. Nem sempre essa pessoa vai ser boa para nossa vida, nem sempre essa pessoa vai nos fazer rir ou feliz. As vezes, insistimos em algo que não é para dar certo usando como desculpa nossos sentimentos por alguém, mas deixamos de lado a reciprocidade.

O livro fala sobre o descobrimento do amor próprio, aquele que por muitas vezes é esquecido quando estamos num relacionamento ou quando transformamos alguém em nossa carta branca. E eu acredito que vale muito a pena a leitura.

A narrativa da autora é maravilhosa, o livro para mim está na dosagem certa. Sem duvidas um dos melhores livros que já li.
comentários(0)comente



Mundo da Vavah 14/09/2018

A pequena Stela Estrela sonhava com duas coisas, crescer e ser amada por Will. Por mais que a vida adulta seja difícil, nem de perto foi tão complicada como ser correspondida pelo seu amado.
Nesta linda história de @autoragitaveira vamos acompanhar Stela desde pequena, sua infância, adolescência e vida adulta. O que temos em comum em todas as fases de sua vida é Will! O canalha do Will! O confuso Will! O personagem que te desperta o maior ranço do planeta!
O sofrimento de Stela é tão real e nos é passado com tanto sentimento que é impossivel não sentir aquela pontada no coração, aquela vontade de chorar (sim, eu chorei muito, principalmente no epílogo). Claro que durante toda a leitura temos mais alguns acontecimentos que também estremecem com nossas emoções. E o mais legal é que a Stela parece estar ao nosso lado contando suas aventuras.
E o final que podemos imaginar ser cliché acaba por nos surpreender totamente. O que vocês acham? Stela vai conseguir ser feliz? Com Will ou sem Will? Ou vai viver sofrendo esse amor?
comentários(0)comente



Jamila 13/09/2018

Maravilhoso. Relato fiel de amadurecimento
comentários(0)comente



Natalie e Vivian @avidezliteraria 04/09/2018

?Para onde vão os anos que perdemos??
Eu tentei escrever essa resenha da maneira mais impessoal que eu pude. Mas quem já leu Entre Will e Vodka, sabe que isso é quase impossível. Li muitas resenhas que falavam sobre o conceito da Carta Branca. E pensei ?se o livro fica focado nesse conceito, não vou me identificar com ele?, mas a narrativa vai muito além disso.

É uma trama com ternura e angústia, afinal, estamos falando de sentimentos e crescimento. Saindo da infância e passando pela adolescência e alcançando a fase adulta dos personagens, cheia de descobertas e conflitos. E recheada com aquelas reflexões e dúvidas que você teve em algum momento enquanto crescia sem se dar conta.

Paguei minha língua na questão da Carta Branca e tenho que concordar com as resenhas que li, que afirmam que em alguma parte da narrativa você se identificará com a protagonista. Ela só demorou um pouco para cair na real. Já eu, aprendi bem cedo que meu coração não é playground e nem o dos outros.

Mas isso me faz pensar em limites: no quanto permitimos às outras pessoas no invadir e nos bagunçar. Todos nós já passamos por isso. A única diferença é o tempo que demoramos para acordar. Uma leitura que desperta muitos sentimentos e reflexões. Se eu a indico, com certeza.

Eu aprendi com 18 anos a impor alguns limites que a protagonista demorou bastante para entender e praticar. O final, sem dúvida, é muito bem orquestrado e deixa lições importantes. Sobre tempo, espera e oportunidades. E a maior delas: Nunca é tarde para aprender.
comentários(0)comente



Jhenifer (Girl Books)@_girlbooks 18/08/2018

"Todo mundo com um coração deveria ler."
"Todo mundo com um coração deveria ler."
Entre Will & Vodka, foi um livro bem surpreendente pra mim, comecei sabendo mais ou menos pelas resenha sobre o que seria o livro, mas confesso que lendo o começo desacretidei, afinal o livro estava tão fofo que juro se ele tivesse terminado clichê, ainda sim seria um dos meus preferidos.

Mas o livro veio pra ser um tapa na cara, primeiro massageando pra depois vir com os dois pés no peito mostrando pro que veio! Haha to rindo mas é sério. Entre Will & Vodka é um livro que vai abordar temas como relacionamentos tóxicos, aquele relacionamento que te impede de ir pra frente e, que romântiza o errado como se fosse certo, e não só na área do amor mas em tudo na vida. Amor próprio de uma forma bem séria, representatividades o que eu achei um máximo, família a criação de nossos pais e as nossas.
Ah! E por último mas não menos importante uma doença que a protagonista tem que nos conhecemos mas nem todo mundo sabe detalhes.

Esse livro é intensidade pura, a escrita da autora me fez grudar e não largar até terminar, virei a madrugada e acordei cedo porque nao conseguia largar e amo quando um livro faz isso comigo. Sofri com ambos personagens, mas me senti tão proxima a Stella que mesmo se eu nao tivesse passado pelo o que ela passou eu com certeza teria sentido, a escrita da autora é envolvente e leve, mesmo que seja um tema "pesado", ele se torna leve.
comentários(0)comente



Alex - @cretinoliterario 26/06/2018

Entre Will e Vodka
Quem possui um amor carta branca? Aquela pessoa que pode ir e vir em sua vida sem pedir permissão, aquela pessoa que chega e te bagunça por dentro e vai embora sem nenhum remorso. Você ama essa pessoa e faz de tudo para que ela ficar por completo em sua vida. Mas será que essa pessoa ama você? No primeiro livro de Giovana Taveira, acompanhamos Stela e um amor mal resolvido, a sua carta branca, Will.

Aos sete anos Stela conhece Will, e desse dia em diante, os dois se tornam anigos. Ela tem uma admiração por ele, e quer Will sempre por perto. Os anos se passaram, os dois amigos ainda caminham juntos. Ela tem em sua cabeça que Will é seu primeiro amor, até certo dia, em que algo acontece e os dois são separados, fisicamente e emocionalmente. Agora Stela é adulta e faz anos que não vê Will, sua vida é algo do qual não se orgulha, mas ela nunca esqueceu o seu amor não correspondido. O destino faz os dois se reencontrarem, Stela ainda ama Will, mas ele ama uma Stela e não é ela.

O romance de estréia, me surpreendeu pelo fato de ser bem escrito. A história tem a narração em primeira pessoa, algo que muitos iniciantes se perdem, mas a autora deixou claro que domina essa técnica, e que não está aqui para brincadeira.

Com uma pegada de comédia romântica, mergulhamos no mundo de Stela e suas frustrações na vida, desde criança até a fase adulta. A autora soube mostrar todo o amadurecimento da personagem. ⠀
Stela nos ensina que temos que carregar um humor sarcástico dentro de nós e aprender a rir das situações mais difíceis. Então aprenda com ela a viver se fudendo e se fudendo para viver, mas nunca desistir.
⠀⠀
Esse livro tem que ser lido por todos, pois tenho certeza que todos já tiveram uma erva daninha na vida, aquela que mesmo se arrancarmos do nosso jardim, ela nasce de novo e volta a envenenar nossas flores.

Referências atuais ou de sucesso é que não faltam, a autora cita Friends, músicas sertanejas, Dua Lipa e outros cantores pop e o mestre Stephen King. Entre Will & Vodka merece todo o meu respeito, e posso gritar para todos que esse livro é o MELHOR DO MUNDO. E que venha Entre Stela e Tequila

site: https://www.instagram.com/p/BkWAYW4H0lt/?taken-by=cretinoliterario
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Amanda @LittleCruella 19/05/2018

Entre Will e Vodka por LittleCruella
Começo dizendo que eu não conhecia esse livro, até uma amiga ( Rhaira do @queroumlivroamais ) me falar sobre o mesmo, me disse que era bom mais eu não esperava tando dele, mas lendo capítulo por capítulo tudo foi mudando e eu fui me vendo no livro, me vendo no lugar a Stela ' estrelinha ' em minha vida também existe um Will e ele também é a ' carta branca ' na minha vida, mas não sei se eu aguentaria sofrer tanto por ele quanto a Stela sofreu. Não vou ficar falando muito sobre o livro pois indico que vocês leiam ele pois é muito bom e isso sem dizer que a autora é uma fofa, vontade de apertar ela. Preciso dizer também que me encantei pelos personagens desse livro, cada um deles tem uma parte muito importante na vida de nossa protagonista, a mãe dela com todas aquelas falas lindas e com o carinho que da a filha, e até mesmo a mãe do Will ( tenho amnesia com nomes ) ela tem um ponto muito forte nesse livro que pra mim foi um tapa na cara. Esse livro fez bem pra mim, pra quem ler vai saber, eu me sentia como a Stela, mas depois de ler esse livro preciso mudar, eu me amo isso não nego mais preciso aprender a virar as costas pras pessoas mesmo as amando demais, preciso aprender algo com esse livro maravilhoso.

site: https://www.instagram.com/littlecruella/
comentários(0)comente



Kelly @leitora_assidua_ 18/05/2018

Simplesmente perfeito
Tive a oportunidade incrível de ler essa maravilha esse mês! Um romance diferente, que me apaixonei logo na terceira palavra.


Somos recebidos por Stela, uma garotinha de 7 anos com muitos sonhos e desejos...e assim, tão cedo, Will entra na história e nossa jovem 'Stela estrela' que tem a certeza que ele é o amor de sua vida.


"O fio pode se esticar, embolar, dar milhões de voltas, mas nunca se parte. Aquela pessoa está ligada a você, eternamente."


Acompanhamos nossa jovem Stela se tornar mulher. Suas realizações, decepções e o abandono de Will.


Acompanhamos também a evolução de um ser, os dilemas, pensamentos e conclusões. Por vezes me identifiquei com Stela, e sua inocência nos assuntos da vida.


Ela cresceu e se mudou mais algo nunca deixou de acompanhá-la, Will. Seja o nome, pois todos os seus namorados se chamavam assim, ou pelos pensamentos, ele sempre a encontrava, ele sempre seria a sua carta branca.


E assim tão de repente como foi, Will reaparece prometendo desestabilizar com a vida de nossa querida Stela.


Com sensações e sentimentos verdadeiros o livro vem repleto de representabilidade LGBT, letras de músicas conhecidas e a real sensação de conviver dia-a-dia com uma doença crónica. E de quebra, ainda vem com um final surpreendente e nada cliché. Me faltam palavras para transcrevê-lo. Só quero agradecer a autora por ter tido a chance de lê-lo, e já me encontro ansiosa pelo próximo lançamento.??
comentários(0)comente



14 encontrados | exibindo 1 a 14