Gatas e ciladas

Gatas e ciladas Moira Bianchi




Resenhas - Gatas e ciladas


2 encontrados | exibindo 1 a 2


Fabi.Filippo 18/04/2019

Vale a pena
Adorei o livro Gatas e Ciladas. São três histórias interligadas. Muito romance, encontro , desencontros e coincidências.
Eu me perguntava onde a história da Mulher Gato e do Doutor se encaixava nas demais e que surpresa tive quando descobri a ligação deles com os casais das duas primeiras histórias.
Leitura leve e gostava.
comentários(0)comente



Milena 17/12/2018

Gatas e ciladas
Através das desventuras e façanhas do destino em forma de gatinhas Persa extremamente fofas, conhecemos três histórias independentes, mas que acabam se entrelaçando de maneira espetacular ao final, graças à presença destes bichanos adoráveis.

"Gatos são o 'destino' incorporado: fazem o que querem bem na sua cara."

Primeira história:
Começando pelo meio, conforme exigida pelos protagonistas, a história do primeiro casal, cujos nomes e características pessoais ficam a cargo da imaginação do leitor, relata o momento em que ex-namorados acabam se reencontrando em uma festa por acaso. Crente de que o rapaz era príncipe encantado demais para seu sapatinho, a moça jamais acreditou que pudessem dar certo. Afinal, ele tinha uma gata, e ela era alérgica a gatos.

Segunda história:
Hospedados no mesmo hotel, a bela jovem bem resolvida profissionalmente chamou a atenção do bonitão de meia-idade, enquanto organizava um evento. Ele havia se separado após o acidente que tirou a vida de sua filha, e ela havia sido rejeitada pelo carinha que conheceu através de um aplicativo de relacionamentos. O que eles sequer poderiam imaginar é que, conversa vai, conversa vem e, uma simples foto da gata Persa dela mudaria suas vidas para sempre. E a partir de então, os dois acabam se aproximando mais do que previram.

Terceira história:
Durante uma de suas corridas para espairecer a mente, a aspirante a modelo e atriz acaba encontrando duas gatinhas abandonadas. Sem saber o que fazer, leva as filhotinhas até o veterinário mais próximo, que acaba lhe convencendo a ficar com elas. Mas ela mal pôde acreditar que além de cuidar de suas gatas, o charmoso doutor se tornaria seu grande amigo e se ofereceria para cuidar de seu coração.

Apesar de preferir os cachorros, ao ler a sinopse desta obra me senti atraída de imediato, pois me pareceu ter uma pegada leve e divertida, além é claro, de trazer animais de estimação como tema principal. Neste caso, temos três lindas gatinhas Persa em evidência: Bureau, Stella e Tigresse.

Este não é o primeiro contato que eu tive com a escrita da Moira, mas desta vez me senti desconfortável com o ritmo da leitura; achei-o comprometido na primeira história. Não sei se o livro que me foi enviado já tinha passado por alguma revisão, mas encontrei muitos erros ortográficos, alguns de digitação até, e outros de pontuação, e acho que foi exatamente por isso que a fluidez da leitura ficou comprometida. (Lembrando sempre que ninguém é perfeito, e esses problemas podem ser resolvidos em uma segunda edição, pois a história em si é muito bacana). Depois, eu não sei se fui me acostumando, mas sinto que as duas últimas histórias foram mais bem desenvolvidas. Os argumentos foram mais convincentes e, além disso, houve maior participação dos felinos, o contrário do que aconteceu com a primeira história, pois achei a participação de Bureau um pouco superficial.

Outra situação que não me agradou muito foi a questão de que a autora não definiu nomes para os personagens, e isso acabou gerando uma repetição desnecessária de pronomes (ele/ela). Além disso, eu prefiro imaginar personagens definidos: com seus devidos nomes e características. Mas creio que muita gente vai se interessar por esta interatividade proposta pela Moira, afinal, com certeza ela dá muito mais autonomia para a imaginação do leitor. Há quem goste, há quem não...

Apesar das ressalvas acima citadas, devo me redimir reconhecendo a excelência do desfecho dado pela autora, pois ela conseguiu entrelaçar tão bem as histórias, imaginando um futuro repleto de novas possibilidades e finais felizes para as ciladas do destino. Muita coisa pareceu fazer sentido ao finalizar as últimas páginas do enredo e consegui me surpreender de uma maneira que jamais achei que seria capaz. Moira, tenho que tirar o chapéu, arrasou!

Outro detalhe: gente, como não amar esses bichinhos lindos de estimação que fazem nossos corações bater mais forte? Me derreto toda quando tem uma fofura desta fazendo parte das histórias que leio, então, sem dúvida foi muito bom conhecer estas três felinas singulares e saber de onde veio a inspiração da autora para compor esta narrativa.

Achei bacana o fato de as histórias serem independentes entre si, apesar de ter uma forte conexão ao final, o que permite ao leitor começar pela primeira, segunda ou terceira.

Gatas & Ciladas é o tipo ideal de leitura para aquecer o coração em um final de semana chuvoso e/ou também para aqueles que desejam se entreter com uma história agradável e fofinha após entrar em uma ressaca literária. Aliando o bom-humor às voltas que a vida dá, essas três histórias de amor, que têm como coadjuvantes três felinas cativantes que tecem, costuram e entrelaçam novos caminhos para as ciladas do destino, vão preencher e confortar o coração de todo e qualquer leitor.

site: https://albumdeleitura.blogspot.com/2018/12/dica-de-leitura-197.html
comentários(0)comente



2 encontrados | exibindo 1 a 2