Love is in the air

Love is in the air Helena Andrade
Halice FRS
Catia Mourão
Daniella Rosa




Resenhas - Love is in the air


9 encontrados | exibindo 1 a 9


Nanda 11/03/2020

Amo romances de época, mas os quatro contos apresentados neste livro não me prenderam e deixaram a desejar. ?
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



@escritadecabeceira_ 10/08/2021

Love is in the air 3 - Madri, o terceiro volume de uma coletânea de contos de amor! Organizado pela @catiamouraoficial, com a participação das autoras @autorahalicefrs, @danirosaescritora & @helenaandrade.oficial!

Vemos o amor ganhar vida em quatro diferentes contos, abordado de maneira espetacular e muito sensível!

Todas ambientadas em Madri, porém com diferentes dificuldades, superações, encontros, pensamentos, e formas para que estes amores superem as barreiras e perpetuem no para sempre.

Uma coisa é certa, estes são amores que devem superar as expectativas, e fortes o suficiente para que nada os impeçam de ficarem juntos ao final!

Impossível não se apaixonar em cada conto, e ainda mais não se emocionar a cada página!

site: Instagram.com/escritadecabeceira_
comentários(0)comente



Arca Literária 17/10/2018

resenha disponível no link http://www.arcaliteraria.com.br/love-is-in-the-air-vol-2-madrid-beatriz-soares-org/

site: http://www.arcaliteraria.com.br/love-is-in-the-air-vol-2-madrid-beatriz-soares-org/
comentários(0)comente



Marlene C. 23/10/2018

Resenha – Love is in the air 3
O terceiro livro da série Love is in the air, nos apresenta Madrid em pleno século XIX. Assim como os volumes anteriores, Love is in The Air 1 e Love is in The Air 2, esse livro traz uma trama recheada de romances e paixões de tirar o fôlego.

Deusa Andaluza é o conto escrito pela autora Halice FRS e nos apresenta a história de Diego Zarzosa, um artista que trabalha no museu real como um restaurador de pinturas, ele ama o seu trabalho, pois, a arte é tudo o que faz e tudo o que respira. Diego é devoto a estátua de Cibele, uma deusa de grande beleza que lhe roubou o coração. Em uma das noites que resolveu ficar até mais tarde no museu, Diego conhece Cibele Rodríguez, uma jovem viúva que além de compartilhar o nome da sua deusa, também tem a mesma aparência e o mesmo poder sobre ele. Seria Cibele a deusa retratada na estátua?

Esse foi um conto que me surpreendeu bastante. O romance é bem intrigante, pelo fato de não sabermos quem realmente é Cibele, o casal tem uma química interessante, contudo, o final me decepcionou bastante, esperava mais do desfecho. No contexto geral, essa foi uma leitura bem rápida e agradável.

La Gloriosa da autora Helena Andrade conta a história de Rosalina Domingues, filha do conde de Aragão, que perdeu os seus pais de maneira precoce e desde então foi criada pelo seu tio Sebastian, O Marquês da Cidade Real. Ela está comprometida com Pablo Cortez, um homem de origem nobre e confiante, que busca apoio em amenizar a revolução espanhola. As coisas estão prestes a se complicar quando Juan Salvatore, o seu amor de infância, retorna a Madri, porém, esse retorno pode não ter a ver com ela e sim com o movimento para destronar a rainha. Agora, cabe a Rosalina decidir até onde ela irá por amor.

Esse foi sem dúvidas o meu conto preferido dentre os quatro. Aqui temos uma trama recheada de ação, intrigas políticas, traições e acima de tudo, um belo romance. A narrativa da autora é extremamente envolvente, os personagens são cativantes e é inegável a riqueza de detalhes que essa obra traz. Espero ter o prazer de um dia ler um livro completo da autora.

A Diva da Ópera de Catia Mourão nos traz a história Paloma Gonzales, uma cantora lírica que foi proclamada Diva da ópera de Madrid pelo seu talento. Ela está noiva de Miguel Gutierrez, um homem lindo e carinhoso que lhe mostrou o que significa amar verdadeiramente outra pessoa. Contudo, a relação deles pode está em risco quando o ambicioso Santiago Hernández demostra ter interesses que vão muito além da relação de trabalho por Paloma. Agora, cabe a esse casal lutar pelo amor que sentem, para que só assim, eles possam triunfar sobre todas as adversidades.

Essa foi uma leitura bem intrigante e me deixou com um gostinho de quero mais. Os personagens são muito cativantes, eu adorei a forma como a autora desenvolveu o vilão e todas as suas faces. O romance é bonito e é inegável a química e companheirismo que existe entre o casal, o final foi incrível e me deixou suspirando. Um dos pontos que eu gostaria de citar, é que esse conto é divido por atos, ao invés de capítulos, o que eu achei de muito bom gosto, levando em conta o assunto retratado.

E por fim temos, Amor Maldito que é o quarto e último conto do livro e traz a história de Isabel, uma jovem dama que está cansada de viver dentro dos padrões impostos pela sociedade. Ela sonha com o dia em que possa escolher o seu próprio destino, seja se casando com Henrique Duport, um servo por quem nutre uma paixão ou apenas vivendo livre, podendo fazer as suas próprias escolhas. A sua vida está prestes a mudar quando ela conhece Felipe de Bourbon, o Marquês de Levraut, um homem nobre e bonito, que a encanta, contudo, Henrique está de volta e agora cabe a Isabel decidir se o amor que sente por ele pode desafiar tudo, até mesmo ao desejo de um anjo maldito.

Esse é o meu segundo conto preferido. No começo fiquei um pouco receosa com o fato do conto dar a impressão de ser um triângulo amoroso, todavia, conforme as páginas foram passando, percebe que essa história ia muito além disso. A narrativa é extremamente rápida e envolvente, os personagens são incríveis e foi impossível não torcer por eles.

A edição está absolutamente perfeita, essa capa é linda e segue o mesmo padrão dos livros anteriores, as folhas são amareladas e as letras confortáveis. A editora caprichou bastante na diagramação, os contos são separados com uma folha preta contendo uma ilustração, a sinopse e uma curiosidade, enfim, tudo está muito harmonioso e bonito.

Analisando o conjunto da obra, esse livro traz histórias lindas, com cenários maravilhosos e quatro romances de tirar o fôlego.

comentários(0)comente



Erika 08/01/2019

4 romance de época encantador.
RESENHA LOVES IN THE AIR 3.

?No primeiro conto " Deusa Andaluza" vamos conhecer Diego um pintor apaixonada pela estátuas de Cibele. Até que sua Cibele se torna uma linda mulher de carne e osso.
.
?A autora Halice FRS , nos apresenta um romance, regado a uma viagem pela história maravilhosa, um romance de época encantador. E o final que nos deixa querendo mais.
.
?No segundo conto " La gloriosa" Helena Andrade, vamos conhecer a história de Rosalina é Juan. Um amor de infância que vai ter que vencer além do tempo afastado, conflitos familiares.
.
?Amei conhecer um pouco da história da Espanha, e este casal tão lindo, que nos presentea com um amor puro como uma criança.
.
?No terceiro conto a diva da ópera da Cátia Mourão vamos conhecer a história de Paloma uma cantora lírica, que está no auge de sua carreira e completamente feliz pois está noiva de Miguel sua grande paixão. Mas eles terão que enfrentar a irá de Santigo que fará de tudo pra impedir este romance.
.
?foi meu primeiro contato com a escrita da autora Cátia Mourão , e confesso que fiquei encantada, Paloma e Miguel são perfeitos juntos, e adorei cada cena descrita.
.
?No quarto conto " Amor Maldito" da autora Daniella Rosa, vamos conhecer Isabel, e Felipe.
.
?Isabel é uma jovem inteligente, e um pouco a frente de sua época, apaixonada por Henrique deste da infância, porém seu melhor amigo, foi embora servi ao exercício francês sem ão menos se despedir.
.
?Ela até então nunca sentiu interesse por nenhum outro homem, até a chegada do mistério Marquês Felipe Bourbon.
.
?Adorei este conto, mistura um pouco da realidade daquele tempo perante a igreja, e trás um ar de mitos, referente a fonte do anjo caído.
.
? Está edição de Love in the air está tão linda quantas as anteriores. E se você gosta de romance de época, tem que conferir o trabalho lindo dessas quatro autoras .
comentários(0)comente



Patricia @petalas.literarias 26/03/2019

Muito amorzinho!
O terceiro volume da série "Love is in the Air" traz para o leitor quatro contos ambientados no século XIX, sobre amores que superaram as barreiras do tempo e se tornaram eternos.

Os contos se passam em Madrid -"la ciudad que nunca duerm"- e é impossível não se apaixonar pelos cenários e pela cultura, e ainda mais pelos romances de época.

Ao início de cada conto encontramos algumas curiosidades sobre o cenário, locais historicos e famosos e contexto histórico da época, fazendo com que o leitor fique absorto em cada história e sinta a experiência da leitura da melhor forma possível.

Os contos ilustram histórias muitos bonitas, românticas, eróticas e até mesmo com um toque de fantasia. Cada autora possui sua forma de escrita, e cada uma me conquistou a sua maneira.

A leitura é leve e flui muito bem. Senti um vazio no peito ao terminar cada um dos contos, que são maravilhosos e me deixaram suspirando muitas vezes.

As mulheres retratadas são de personalidade forte, mulheres corajosas e de atitude, que mesmo com toda imposição da época e costumes se fazem ouvir, ou simplesmente seguem suas próprias ambições.

Como disse, todos os contos são lindos, mas sempre ficam os preferidos não é mesmo!? Gostei muito do conto "A Deusa Andaluza", da Halice FRS, pela forma de como o romance iniciou e sua intensidade. Também gostei muito do conto "A Diva da ópera", da Catia Mourão, por toda a ação e suspense atrelada ao conto.
Não posso me aprofundar muito para não dar spoiler!

Se você, assim como eu, ama romances e contos, conheça Love is in the Air e se apaixone!

site: https://www.instagram.com/p/BvFBm4FAn3T/
comentários(0)comente



Mariana (@livroscomcha) 05/07/2019

Contos recheados de romance e com uma pitada de misterio
Uma antologia, com 4 contos, que falam sobre mulheres sedutoras, irresistíveis e guerreiras, e ate de um homem facinado por uma estatua!
.
Como uma pessoa que ama romances, eu foquei mais no enredo entre a mocinha e cavalheiro. Apesar, de mostrar vários detalhes do século 19, na década de 1800.
.
Mostra um pintor fascinado por uma estatua (Cibele) e tem um caso de amor com uma mulher identica a tal.
2° conto, sobrr uma Lady criada pelo tio e se ver obrigada a casar sem amor. Mas amando um outro alguem.
3° conto, uma cantora lirica, feliz com o seu noivado, mas se depara com a obssessão de um outro homem.
4° conto, uma garota cheia de sonhos, que vive das regras da igreja, mas sua rebeldia traz um homem misterioso e maligno para sua vida.
.
As autoras, conseguiram em poucas páginas cada, trazer histórias, enredos de mexer com o coração. Gostei muito dos contos, pois mostra mulheres que apesar do seu tempo, são guerreiras que lutam pelo amor e liberdade.
.
Confesso que o primeiro conto me conquistou no começo, mas no final fiquei triste! Mas os outros eu gostei, pelos finais que eu sempre almejo.
.
Como contos ricos em detalhes, entre romances e intrigas, foi uma leitura um pouco demorada por conta da narrativa, com pronúncias diferentes. E o não costume em ler Antologias, mas eu gostei demais, e indico.
comentários(0)comente



Fabíola Labbé 17/09/2021

Vocês devem estar estranhando a classificação que dei para esse livro, especialmente levando em conta que enalteci tanto os dois primeiros, não é? Vou explicar no decorrer da resenha e explicar meu ponto de vista.

Esse livro tem uma característica diferente e única nessa série... são romances de época, eu adoro!!!!

Em Deusa Andaluza, de Halice FRS, conhecemos Diego Zarzosa, um pintor e restaurador de obras de arte que tem adoração por Cibele, uma estátua de uma deusa que fica no atual Museu do Prado... uma curiosidade interessante (nesse livro, a cada início de conto temos uma curiosidade real sobre o cenário) é que um dos personagens existiu e administrou o museu entre 1838 e 1857).

Um belo dia, Diego vê sua deusa ganhar vida (não, a estátua não sai andando kkkk é apenas uma alusão à beleza de uma mulher que ele conhece) e ele se apaixona perdidamente por ela e pela idéia de tê-la como sua musa.

Excelente premissa, construção do enredo e do romance muito bem feitos... final abrupto e aberto...

"Quando nossos olhares se encontraram, confirmei o que pensei e a verdade se revelou: se ainda havia amor, talvez houvesse esperança para nós."

No segundo conto (La Gloriosa, de Helena Andrade) temos Rosalinda, uma garota que foge dos casamentos arranjados que o tio arruma para ela usando as desculpas mais criativas possíveis e que de repente se vê envolvida em um amor que vem desde a infância mas que não é bem quisto por seu tutor. Mais uma linda premissa com um final aberto que me deixou muito triste.

"A inocência do sentimento existente no passado parecia ter se transformado em urgência de tocá-lo nessa noite. (...) ultrapassando as barreiras da infância e parecendo despertar a emoção confinada na alma."

Os demais contos seguem a mesma linha... premissa que conquista, escrita que conquista, final que deixa gosto de quero mais...

Em todos os contos desse livro eu percebi uma característica em comum que me incomodou... ao contrário dos 2 livros anteriores, esse me pareceu um gancho para lançamento de livros únicos num futuro próximo. Cada um dos contos terminou de forma abrupta, aberta, sem um ponto final que me deixasse satisfeita com o desenrolar dos eventos. A escrita das autoras é excelente, a editora conseguiu um time de escritoras de qualidade inquestionável, de histórias lindas e bem construídas mas esse terceiro livro deixou a desejar na conclusão das histórias... ficou parecendo aquelas amostras de livros que por vezes eles entregam como estratégia de marketing em feiras e eventos... é uma pena pois teria tudo para ser um livro maravilhoso como os outros dois, se não fosse esse detalhe.

Por: Fabíola Labbé
comentários(0)comente



9 encontrados | exibindo 1 a 9


Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR