Allegro em Hip-Hop

Allegro em Hip-Hop Babi Dewet




Resenhas - Allegro em Hip-Hop


48 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4


Dadá 19/09/2020

A vida é feita de pequenos momentos de felicidade
Um livro bem gostosinho e leve de ler. O segundo livro da série "Cidade da Música" conta a história de Camila uma bailarina descendente de japonês que tem é externamente talentosa e introspectiva. Aluna de uma conceituada escola de artes ela encontra na sua amiga Clara e em seu primeiro amor Victor uma nova perspectiva de vida com momentos felizes.
comentários(0)comente



Amanda.Ramos 20/08/2020

Fofo
Uma história leve e gostosa. Voltamos à Margareth Vilela pra muito mais música
comentários(0)comente



Caverna 30/07/2020

Camila sempre teve o sonho de entrar para a Academia Margareth Viela para estudar balé. Seus pais sempre foram muito rigorosos com seu ensino, principalmente devido à cultura japonesa, e foi uma grande felicidade quando tanto ela como sua irmã foram aceitas no conservatório.

Mila já alcançava o último ano e conseguira o magnífico solo de O Lago dos Cisnes. Era uma responsabilidade tremenda, e ela sabia que tinha feito por merecer. Passara dias treinando, noites sem dormir para alcançar o passo perfeito, e isso havia custado bastante de sua saúde. Apesar da euforia em assumir um grande papel, Mila vinha ficando cada vez mais ansiosa e com receio de não conseguir exercer sua dança da melhor maneira possível. O que era estranho, já que Mila sempre fora muito confiante e acreditava em seu potencial. Mas a pressão estava toda sobre seus ombros, ainda mais quando o professor vivia criticando seus passos. Com isso, Milla começara a ficar paranoica, perdendo noites de sono para treinar, e passando fome para não perder seu corpo magro de bailarina.

A sorte é que Mila não estava sozinha nessa jornada. Quem trazia luz para seus dias sombrios era Clara, sua melhor amiga, também bailarina. Elas estavam sempre juntas nas aulas e também aos arredores do lugar, dando risadas e apoiando uma a outra. Embora tenham personalidades muito diferentes, Clara sendo a extrovertida, desinibida e ousada, Mila era a tímida que fugia de aglomerações, odiava discussões e nunca havia parado para pensar no amor, até conhecer Vitor.

Vitor estudava violino na academia, e sempre admirara Mila à distância. Seu melhor amigo era Sérgio, e com isso ele participava também do grupo de amigos do garoto, mas não se sentia exatamente próximo deles. E com seu jeito desengonçado, um dia ele é pego observando Mila, e começa uma conversa antes que ela o considerasse estranho. E é com o seu jeito doce, respeitoso e simpático que Vitor vai conquistando Mila e mostrando à ela o quanto estava perdendo se dedicando exclusivamente aos estudos.

Conheço a escrita da Babi desde os tempos de fanfic, mas é evidente a evolução de sua escrita ao longo de todo esse tempo. Simplesmente adorei o que encontrei nesse volume! É maravilhoso conferir um livro bom desse jeito, sendo escrito por uma autora nacional, cheia de talento!

A obra é narrada em terceira pessoa por Mila e Vitor, mas quem ganha maior destaque e parcela de narração é Mila. Entendo que ela é a protagonista, mas já que foi feito assim, senti falta de ver um pouco mais do ponto de vista de Vitor, saber mais sobre sua família além do básico apresentado, do seu dia-a-dia, ele é um personagem tão importante e amável que merecia esse desenvolvimento.

Mas compreendo também que o foco é em Mila, pois ela está passando por um furacão de sentimentos bem maior. Babi trata de vários temas atuais e de grande relevância como a ansiedade, bulimia, diversidade de etnias, pré-conceitos e temas LGBT. A parte da dedicação extrema de Mila, a levando à exaustão, foi uma parte difícil e triste de ler, porque imaginamos quantas pessoas passam pelo mesmo para se mostrarem o melhor em algo específico.

Gostei bastante de ver como claramente a autora fez uma pesquisa ampla acerca do balé e da cultura japonesa. Acho sensacional como a Babi descreve sobre balé, instrumentos musicais e a música em si. Eu adoro música, adoro escutar enquanto leio, mas compreender como funcionam os instrumentos, os nomes dos passos do balé, todos esses pontos foram muito bem estudados pela Babi para que ela pudesse criar essa série. Nunca li nada parecido, nem mesmo vi filmes, já que a maioria deles se concentra em danças de rua, então é magnífico poder conhecer de perto a rotina desses artistas.

A cultura e a forma como Mila fora criada também nos mostra as diferenças de cada país e tradições, ainda mais colocando Clara em contraste, que possui duas mães. Clara sem dúvidas é a personagem mais alegre e que traz diversão ao livro. As mensagens trocadas entre elas e a relação me lembrou bastante eu e a Leeh, ainda mais a parte dos surtos.

É bonito ver como Mila aos poucos vai se descobrindo e valorizando a vida além do balé que sempre fora sua paixão. Ela continuava a dar o seu melhor no balé, no qual ela de fato era excelente, mas também passa a desfrutar mais da companhia de sua melhor amiga e de Vitor, que apresenta a ela uma infinidade de novas emoções e experiências. Vitor é o meu personagem favorito, admito que pelo seu jeito me lembrar muito o meu próprio namorado, e adorei acompanhar o romance dos dois.

Algumas cenas achei cansativas e desnecessárias, por isso não dei nota 5, mas a história é mesmo muito boa, e agora fica a pergunta: Cadê o terceiro volume, Babi?? Quero mais!! E com mais uma capa linda desse estilo também!

site: https://caverna-literaria.blogspot.com/2020/07/allegro-em-hip-hop.html
comentários(0)comente



Bru Angelis 14/07/2020

Gostei bemmm mais do que o primeiro e por ter sido bailarina me conectei muito mais também! A história é linda, o romance entra em segundo plano por que precisamos da evolução da personagem! Eu AMEI
comentários(0)comente



Lu 07/07/2020

Um livro com muita musica e romance
Esse é um livro que vai abordar vários temas, a música, a dança, preconceito e saúde mental, sem deixar de lado o romance. (inclusive, para quem gosta de ballet, música classica e hip-hop, a autora deu vários detalhes sobre e tem uma playlist com as músicas que usou para cada capítulo)
Esse livro está no ponto de vista de Mila, uma garota que é descendente de japoneses e tem por volta de seus 18 anos. Ela estuda em um conservatório de músicas, o Margareth Vilela, onde faz ballet. Seus pais são daqueles bem rigorosos que querem ver a filha brilhar, acabando deixando um peso imenso nos ombros dela, que não quer decepciona-los. Sua vida é bem regrada por causa disso e ela é uma das melhores bailarinas do conservatório. Esse ano é o mais importante de sua vida, o ano que vai concorrer para o papel principal de 'o lago dos cisnes' e tentar impressionar olheiros do mundo todo. Toda essa pressão vai desencadear alguns problemas em sua vida. Vitor, o violinista, chega em sua vida e faz ela perder um pouco desse peso nos ombros e a ajuda a passar por esses problemas.
Esse livro é realmente fofo, porém, só conseguiu me fisgar depois da metade, então resolvi dar 3 estrelas mais pela experiência de leitura do que pela história em si.
Sckyfox 14/07/2020minha estante
Eu ja ia perguntar o do pq 3 estrelas mas ai no final vc falou kkkkkkk




sarah.bianchin. 06/07/2020

Razoável
A autora ?esbarra? em vários assuntos sérios e delicados ao longo da trama, mas não desenvolve profundamente nenhum deles, o que me decepcionou um pouco.
O casal principal é fofo e o leitor acaba torcendo por eles. Se você deseja um romance água com açúcar sem muita profundidade, só pra se distrair, este é o livro.
comentários(0)comente



Maria 01/07/2020

Perfeito!
Sem dúvidas esse foi um dos melhores livros que eu já li em toda a minha vida, amei demais!
comentários(0)comente



Lua 24/06/2020

Amei!
Amei o primeiro livro da série e amei esse esse também! Uma história que tem uma mensagem importante e personagens cativantes. ?
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Isabela Radiche 16/06/2020

Babi e mais um de seus livros incríveis
No segundo livro da série Cidade da Música, conhecemos a bailarina Mila. Descendente de japoneses, ela foi educada para ser sempre a melhor naquilo que escolheu fazer, no seu caso, o balé. Todos os seus movimentos são friamente calculados e ensaiados todos os dias. Em seu segundo semestre no conservatório, Mila quer o papel de protagonista na produção Lago dos Cisnes no final do ano. Por esse motivo, se dedica 100% a tudo que pode ajudar ela a alcançar seu objetivo e evita ao máximo distrações, como festas e garotos. Mas, o destino prepara uma surpresa, quando ela esbarra em Vitor, um violinista ruivo fofo. A partir daí, seu mundo fica mais colorido e ela se permite experimentar outras formas que vão ajudar ela a chegar onde quer. Uma história que trata de autoconhecimento, crises de ansiedade, amor sincero, companheirismo e diversidade. Todos os assuntos são tratados de forma leve e cativante. Babi e mais um de seus livros incríveis.
comentários(0)comente



Gabi 07/06/2020

Alegro em hip hop
eh um livro perfeito de romance adolescente, e autoestima, eu amei
comentários(0)comente



Rita 06/06/2020

Leitura de quarentena
Ganhei esse ebook gratis na quarentena. Fiquei meio perdida com os passos de balé, que eu n conheço. Mas achei legal pq me fez descobrir que o primeiro livro Sonata em punk rock é mais minha praia.
comentários(0)comente



Fran Moro 04/06/2020

Eu gostei muito do primeiro mas esse segundo eu não curti muito não, achei que teve umas partes bem paradonas que não me dava mínima vontade de ler. Sei que não sou o público alvo, e que talvez funcione muito bem com quem é e eu realmente acho que funcionaria. Gostei da diversidade dos personagens e de alguns assuntos abordados que com toda a certeza merecem ser discutidos e não tem muito espaço em obras literárias, ainda mais se tratando de um livro jovem. Na verdade acredito que poderia ser melhor trabalhado essas questões, mas ele é um bom livro para desocupar a mente e voltar a pensar na gente de anos atrás.
comentários(0)comente



48 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4