Daisy Jones & The Six

Daisy Jones & The Six Taylor Jenkins Reid




Resenhas - Daisy Jones & The Six


122 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Marcelina 05/08/2021

Perfeito. Queria poder escutar Aurora no spotify.
Faz uma semana que eu terminei de ler e já estou com saudade.
amy 22/09/2021minha estante
tem uma moça que gravou no youtube joga lá e você acha, imagina ser a daisy cantando.
apesar que a voz é bem doce, imagino a voz da daisy com algo mais forte.
esse livro é muito bom!!




hell 30/06/2020

Um livro sobre relações
Daisy Jones and the Six é um livro sobre todos os tipo de relações. Relações amorosas, amizades, família, relações com vícios, sexo, trabalho e relações sobre sonhos e objetivos.Abordados de uma maneira maravilhosa e triste.

Depois de ler Os 7 maridos de Evelyn Hugo eu fiquei obsecrada por querer ler tudo que a autora já fez, e essa segunda experiência foi tão boa quanto Evelyn.

O livro é perfeito em todos os sentindos, não vejo a hora de ler lo novamente, mas diferente de Evelyn, esse livro não é para todo mundo por conta da sua estrutura e contexto. Mas ainda assim indico e indicarei esse livro para que todos deem uma chance!
Flávia Souza 30/06/2020minha estante
Você acha um bom livro para alguém que não costuma ler em inglês?


hell 30/06/2020minha estante
Não, ele tem palavras mais complicadinhas e algumas ?gírias?. Já leu Verity? Ele é bem tranquilinho de ler em inglês.




Douglas.Soares 14/10/2021

Sexo, drogas, muito drama e Rock 'n'Roll
Com uma estrutura muito envolvente, uma escrita cativante e uma ambientação sensacional, Taylor Jenkins Reid mais uma vez apresenta uma obra que eu não vou (e nem quero) esquecer tão cedo.
Douglas.Soares 14/10/2021minha estante
Parem de curtir e venham me dar um abraço que é o que eu tô precisando




Sula 18/03/2021

... se não começasse a me esforçar de verdade, tipo colocar sangue, suor e lágrimas naquilo que queria, nunca chegaria a lugar nenhum, nunca faria nada que tivesse alguma importância.
comentários(0)comente



Fabiana 12/04/2021

Não é meu tipo de livro
Primeiro, achei que por ser em formato de entrevista, o livro me pareceu cansativo, monótono. Segundo, eu realmente não entendo muito de música, então, acho que por isso não me agradou muito. Terceiro, tive que ler pois foi escolhido pela maioria do clube do livro ?.
comentários(0)comente



dudiherondale_ 14/09/2021

meu novo livro favorito.
Eu realmente me surpreendi com Daisy Jones & The Six, porque apesar de já estar com as expectativas um pouco altas não sabia se iria gostar. Mas pelo amor de Deus que livro! Fazia muito tempo que eu não terminava um livro com a sensação de tipo ?meu Deus, o que eu faço agora??.
Assim como em Os Sete Maridos de Evelyn Hugo é quase impossível imaginar que os personagens não existiram, porque a autora escreve a história com tanta ?realidade? que traz uma certeza de que tudo aquilo é real.
Não preciso nem dizer que tudo o que eu queria era escutar as músicas. Juro que coisa incrível, eu amei muito as letras do Aurora.
Agora falando sobre os personagens? Eu adorei demais a construção deles, porque a forma como a Taylor fez isso tornou eles muito humanos, sabe? O tapa que a história de da por conta disso é forte. A Daisy é a minha personagem favorita, apesar de eu ter passado muita raiva com ela. Também fiquei bem revoltada com o Billy kkkkk, e eu amo a Camila, juro o tanto que ela teve que ser forte. Adorei a Karen também, achei ela incrível.
Enfim, acho que nunca vou superar esse livro, que dor!
comentários(0)comente



luh lantsov 14/12/2020

Muito bom
O livro me prendeu muito, senti que é parecido com how i met your mother versão rock, recomendo muitoo
comentários(0)comente



sttets 06/10/2021

Como uma banda nessa não existiu na vida real?
Cheio de emoções e sentimentos! Adorei a composição dos personagens, da banda, dos relacionamentos e a forma como terminou o livro. Camila é uma mulher forte e se eu tivesse no lugar dela não teria a mesma paciência que ela teve com o Billy. Daisy é incrível, sabia o que queria e fez acontecer. Sobre ela e o Billy, é sobre isso, nem tudo são flores. Pra mim, o melhor de tudo são as letras das músicas no final para que toda a história fizesse sentido.
comentários(0)comente



Luiza.Cabral 12/06/2021

Uau.
Por não ter me apaixonado tanto por Evelyn Hugo achei que Daisy Jones também não me traria tantas emoções. Me enganei totalmente. Fico até sem palavras pra descrever a experiência que foi ler esse livro. Simplesmente fenomenal. Todos deveriam ler.
comentários(0)comente



Elo 23/10/2021

Daisy Jones & The Six
Que livro meus amigos, QUE LIVRO!. Eu estou apaixonada, me fez sentir muitas coisas, inclusive odio dos personagens, PRINCIPALMENTE DOS PRINCIPAIS. O final me quebrou, foi beeeeem triste. Amei o livro e dei 5 estrelas sim, porque sim e nada mais. Se você quer ler leia, é +16, pesquisem os gatilhos e tomem cuidado com isso. MAS EU SUPER RECOMENDO, por ser bom, ter uma leitura fluida e por não me dar ressaca depois de le-lo.
comentários(0)comente



barbara 02/07/2020

uma história incrível que me prendeu do início ao fim. impossível parar de ler!
comentários(0)comente



manuamp 09/08/2021

tudo de bom
mais do que a história da banda, Daisy Jones & the six ensina sobre relações interpessoais de um jeito encantador, que te faz ler sem querer parar. recomendo mto
comentários(0)comente



Lidia 23/08/2021

Frustrada por não poder ouvir Aurora no Spotify
Faz meses que vejo esse livro sendo hypado pela internet em todos os lugares possíveis: booktok, bookinstagram, booktube etc... Mas foi somente depois de uma indicação de uma pessoa que sei que tem bom gosto que eu realmente decidi ler.
No começo não sabia ao certo se iria gostar da história ou do formato do livro, por ser tão diferente de outras coisas que eu geralmente leio, mas confesso que adentrei tanto na história que realmente senti que os personagens eram reais e que a banda realmente existiu.
Foi uma baita surpresa agradável! Confesso que tive dificuldades com todos os personagens, é incrível como você consegue sentir raiva e empatia por todos eles dependendo de cada ponto de vista.
Não é um livro perfeito, algumas coisas não fizeram sentido pra mim e outras fiquei com um pé atrás por achar desnecessário, acho que na minha visão algumas coisas foram "romantizadas" e não deveriam ser, mas entendo, talvez seja a forma da autora passar a vibe dos anos 70 ao leitor.
De qualquer maneira esses escorregões na história não atrapalham a experiência de forma alguma, vale muito a pena ler e entender um pouco sobre os altos e baixos de vidas conturbadas e influenciadas pelo hype da era.
Estou ansiosa para a adaptação mas ao mesmo tempo com medo haha
comentários(0)comente



Lysiane 17/05/2021

Mais do mesmo de Taylor
No começo estava arrastando essa leitura, depois não conseguia mais parar... até que no final nada me surpreendeu.

Eu sinto que a estrutura narrativa foi a mesma que Os Sete Maridos de Evelyn Hugo, apesar da forma diferente. Se eu tivesse conhecido Daisy Jones antes de Evelyn Hugo teria gostado muuuuuuuuito mais. Porém, infelizmente a Evelyn veio primeiro na minha vida.

A estrutura narrativa é perfeita, a trama toda contada pelo documentário é mega dinâmica e eu admiro a autora por ter esse feito. E as letras das músicas ao final? incrível

Em questão de enredo, eu acho que já passei da fase de 'sexo, drogas e rock 'n' roll'. Só queria mandar todo mundo pra terapia mesmo e reabilitação.

Infelizmente o plot final não me surpreendeu, eu já imaginava que seria algo nessa pegada e foi bem amarrado.

Do mais, é um ótimo livro e eu recomendo demais! Porém, se você já leu Os Sete Maridos de Evelyn Hugo não entre esperando algo diferente do que já conhece.
comentários(0)comente



Gabi Teodora 03/10/2021

acabei e to muito mal meu deus que história de amor mais triste. a karen me representa tanto, acho que se eu vivesse nos anos 70 eu seria igual a ela
comentários(0)comente



122 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR