A noite não me deixa dormir

A noite não me deixa dormir Camila Fernandes




Resenhas - A noite não me deixa dormir


18 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2


Élinson 31/12/2020

Longa Noite
Gostei da proposta! Gosto do que sai do lugar comum. Acho que a autora soube dar voz à uma ideia bacana! Quero ler mais obras dela!

site: http://o-taberneiro.blogspot.com/
comentários(0)comente



Julia 22/05/2020

Uma leitura muito angustiante.
comentários(0)comente



Rodrigo Leão 05/10/2020

Legal
Leitura boa , bacana bom pra tirar leituras difíceis da cabeça, igual minha experiência anterior kk
comentários(0)comente



Biscoito 12/02/2022

A Noite Não Me Deixa Dormir: um conto que achei no kindle
Amei!! Simplesmente adoro esse tipo de conto!!
Nem me lembro de quando baixei ele no kindle, mas decidi ler depois de passar por ele enquanto fuçava as coisas no aparelho. Me surpreendi bastante com o desenrolar da história depois de ficar bem confusa com o início e achei o final satisfatório e com um toque que não sei definir qual é, mas que amo de paixão.
comentários(0)comente



Anne 09/03/2020

Um conto que mistura terror aos sentimentos e angústias do cotidiano urbano. Muito bem escrito.
comentários(0)comente



Day 31/08/2020

Gostei da proposta
Acho que é a primeira vez que dou uma nota tão alta pra um conto. Gostei de como a autora criou um mistério meio cotidiano, achei bem interessante.
comentários(0)comente



Karla 13/02/2020

Não faz meu tipo
É interessante, mas o modelo da escrita não me agrada.
comentários(0)comente



Aninha de Tróia 18/10/2018

Minha primeira experiência com a autora e estou impressionada. Conto muito bem escrito. Amei
comentários(0)comente



Ricardo Santos 28/07/2018

Porrada em forma de prosa
Surpreendente história de terror. A capa não entrega nada do que está por vir. O texto é visceral, sem pudores. Cheio de dor e fúria. Funciona muito bem no formato curto. Te pega de jeito até o final.
comentários(0)comente



Larissa.Marcal 16/02/2020

Sem comentários. Sem comentários.
Jubs 16/02/2020minha estante
Eita ?


Larissa.Marcal 16/02/2020minha estante
Conto chaaaaaaaaaaato pra cacete pqp.




Pri | @biblio.faga 10/12/2019

‘Ela, séria como um crime premeditado.’
.
Foi minha primeira experiência com a autora e devo dizer que gostei muito.
Embora a temática sobrenatural do conto seja comum, a roupagem dada é original e funciona muito bem. Sente-se a herança de fome, da insônia..

“Minha. Era dele, mas passou a ser minha quando ele foi embora”.

Também é paupável a inadequação dos personagens frente à vida, ao “amor” e até mesmo a própria identidade.

“Experimenta, ele disse. Para sentir o que eu sinto. Ser o que eu sou. De verdade.
E eu adorava demais o que ele era para desperdiçar a oportunidade de ser também.”

site: https://www.instagram.com/biblio.faga/
comentários(0)comente



Blur @13lurmore 02/11/2019

Leitura leve, gostosa e sem pudor
Narrativa em primeira pessoa de forma fluída e com excelente vocabulário.
História realista, moderna e contada sem pudor.
Leitura rápida e fácil que deixa o final com gostinho de quero mais!
Recomendo!
comentários(0)comente



Yas (@vestigiosdesolitude) 01/06/2020

Interessante
Interessante, mas não foi um estilo que me agradou, infelizmente.
comentários(0)comente



Thainá - @osonharliterario 11/10/2019

Todos nós somos uma gata no cio.
O narrador-personagem, que em nenhum momento é nomeado na história, está passando por grandes dificuldades em sua vida. Primeiramente há a fome, a incontrolável e insaciável fome. Não fome de alimento ou proteína, mas, sim, fome daquele que ainda ama e que o abandonou há algum tempo, deixando com o protagonista apenas a maldição de ser um monstro que ânsia cada vez mais por gotas infinitas de sangue.

Em segundo lugar em um ranking de sofrimento há a solidão. O pesar de viver sozinho e não poder dividir uma vida com alguém, até porque o único que ainda lhe importa o deixou para nunca mais voltar. Logo depois da solidão, seguindo essa lista, fica a pobreza, tanto em questão de dinheiro como também pessoal, humana. Como viver em um mundo que preza o valor significativo da cédula de dinheiro enquanto esquece daqueles que precisam de atenção, de nutrir suas necessidades?

O conto A Noite Não Me Deixa Dormir pode até ser uma narrativa curta, rápida de ser lida, mas a sua apreciação irá perdurar durante dias em sua mente ao mesmo tempo em que a atmosfera sombria e pesada, que causa uma falta de ar no leitor, demonstrará que o terror está na ambientação e nas próprias entrelinhas. Além disso, o mistério fica por conta do narrador que enquanto nos conta sobre o seu passado também o mescla com toques relevantes do presente.

A história fala sobre devoção, amor e a fome que nos envolve por mais, seja de sexo, atenção ou até mesmo sangue, tendo assim um fundo verdadeiro embaixo de si. O paralelo que é traçado há todo momento com uma gata no cio, que também está sempre a procura de mais, se torna essencial e excepcionalmente explicativo, pois é através disso que percebemos um panorama entre os dois personagens, duas criaturas que não se contentam com o pouco que têm.

A história é curta e tem uma leitura bastante fluida, dando para ser lida em menos de uma hora. É claro que a escrita poética da autora também é um destaque nesse ponto, auxiliando na fluidez e imersão do leitor. Camila Fernandes tem um jeito único de escrever, abusando de cenas que contém bastante sexualidade e sensualidade, exatamente do jeito que uma narração desse tipo de monstro deve ser.

Resenha completa no blog Sonhando Através de Palavras

site: https://sonhandoatravesdepalavras.com.br/2019/10/11/resenha-a-noite-nao-me-deixa-dormir-camila-fernandes/
comentários(0)comente



18 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2


Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR