Alys - Elemento Ômega

Alys - Elemento Ômega Priscila Gonçalves




Resenhas - Alys - Elemento Ômega


11 encontrados | exibindo 1 a 11


J. Henrique 23/06/2020

Apenas amo o universo criado pela Priscilla. Personagens cativantes e tão reais que até confundo a Alys com uma amiga minha kkk Parabéns e sucesso. Recomendo!
comentários(0)comente



Lucas Carty | @panteaodehistorias 06/06/2019

Alys é uma série que precisa ser lida por todos os leitores que amam uma fantasia perfeita e ser apreciada como tal!
Chego então a esse segundo volume desta série que se tornou uma das minhas favoritas.
Esta saga já me encantou desde as primeiras páginas do primeiro livro. E desde então, me surpreendo e me envolvo cada vez mais no universo de Alys que a talentosíssima autora Priscila Gonçalves criou tão perfeitamente.

No primeiro volume, Alys tem que despertar o elemento Alpha e a primeira lua. Nesse segundo, o elemento Ômega e a segunda lua. Qual sera o próximo e último elemento? Estou morrendo de ansiedade para o terceiro volume desta trilogia!

Em Alys - Elemento Ômega, nós iremos acompanhar nossa protagonista em uma jornada cheia de aventuras pelos três templos dos Dragões Ancestrais onde ela deve receber treinamento para controlar seus poderes draconianos.
Enquanto isso ela, junto com seus amigos, tenta descobrir onde será o próximo templo para o ritual da nova lua.
Como se não fosse o bastante, crianças vêm sendo atacadas pelos Zmoras em todo o mundo mágico e botando os povos contra a Elemental e o Governo Mágico.

O ritual da primeira lua teve características da civilização Asteca/Maia.
O da segunda, características do Egito Antigo. E como sou fascinado por antigo Egito, o ritual do despertar do elemento Ômega conquistou ainda mais meu coração.

Eu admiro demais o fato de autora colocar tantos elementos (alguns até subliminarmente) de diversas eras e mitologias.
O Universo da história é o maior exemplo disso. É uma mistura de Planeta Terra pós-apocalíptico futurista com contos-de-fadas.
Além do Universo, temos menções e elementos de civilizações ancestrais, mitológicas e atuais do nosso presente.
E com isso temos uma fantasia pra mergulhar de cabeça e nadar nessa história maravilhosa que nos apresenta uma trama riquíssima e gostosa de ler.

Alys é uma série que precisa ser lida por todos leitores que amam uma fantasia perfeita, e ser apreciada como tal!
comentários(0)comente



Carolina DC 07/04/2019

"Os metais fizeram muitas modificações nos cabelos, olhos, unhas e tipos corporais de todos. Tudo que nós considerávamos passível de vaidade tinha alguma mudança. As novas mudanças eram bem visíveis e nos deixavam ainda mais exóticos." (p. 72)

"Alys - Elemento Ômega" é narrado em primeira pessoa por Alys e Helix (a partir da página 129 sua perspectiva surge em alguns momentos).

O livro começa com a primeira reunião após o início das luas, onde Celen é o chefe de Conselho e tem sua posição questionada por conta do parentesco com a protagonista.

Após os acontecimentos do livro anterior, Alys está uma bagunça. Ela não tem total controle de suas habilidades, Kyer, seu melhor amigo, tornou-se um sábio perante os demais, seu pai faleceu e Evan, o seu guardião, ainda se encontra em estado vegetativo. Como se isso não bastasse, Zmora Helix está causando pânico ao atacar crianças em lugares isolados.

O caos está instalado...

"A profecia era uma série de frases desconexas, talvez fossem só ensinamentos que fizessem sentido na época que foram escritos." (p. 16)

Com a profecia pairando sob a cabeça de todos, Alys embarca em uma nova aventura para obter o controle dos seus poderes e poder lutar contra Helix. Através de uma viagem pelo globo, ela encontrará os 3 ninhos dos grandes dragões: um na água, outro na antiga China e o terceiro aqui no nosso Brasil!

É muito difícil falar sobre esse livro sem soltar algum spoiler, pois o enredo é espetacular. As localizações, as descrições, os treinamentos, os grandes dragões e é claro, os personagens já conhecidos e aqueles que surgiram durante a jornada da protagonista. Tudo é simplesmente espetacular.

"Uma coisa amarga desceu pela minha garganta. Era como se tivessem finalmente estourado a bolha em que eu fora criada. Na minha visão limitada, só consegui pensar nas coisas sobre mim que o meu pai escondeu, mas nunca pensei no quanto o mundo era diferente do que me era ensinado." (p. 78)

Preciso ressaltar o trabalho realizado pela Editora PenDragon. O livro é lindo! A diagramação está impecável, cheia de detalhes que enriquecem a história. Não tem como não se apaixonar.

E o que dizer desse final? Eu preciso da continuação urgentemente!

site: http://www.alempaginas.com/
comentários(0)comente



Gramatura Alta 15/07/2019

http://gettub.com.br/2019/07/15/alys-elemento-omega/
Essa resenha vai conter alguns spoilers do primeiro livro, já que esse é o segundo, né bebês? Mas não são coisas muito pesadas. Aliás confere aqui a resenha do primeiro!


Após toda a confusão que se tornou a Primeira Lua, Alys tem que aprender a lidar com diversos efeitos colaterais do metal Alpha e ir em busca agora de Ômega. Nome do livro, coincidência? Eu acho que não.

É possível perceber nitidamente que Alys, apesar de continuar a ser aquela garota brincalhona e de língua afiada, tornou-se mais forte e responsável, já que agora é obrigada a se impor perante o conselho sozinha. Alys prova mais uma vez que não veio para desistir dos seus, ela luta por cada um que ela já perdeu e por cada um que ela não deseja perder, e isso só mostra o quanto a personagem é altruísta.

Evan aparece bem pouco durante a leitura, mas minha gente, que presença esse guardião tem, mesmo sendo sempre o “sério“, com Alys ele consegue ser ele mesmo, e só mostra como a conexão deles é forte.

O segundo livro é bastante focado nos dragões. É adorável a forma de como a autora consegue trazer dragões tão diferentes, e ao mesmo tempo iguais. Acredito que só tenha faltado um pouco mais de ação durante os desafios que foram propostos.

Kyer também é outro personagem que se torna responsável de um dia para outro, tenho até pena do bichinho, já que ele quase não aparece no livro e quando aparece, sempre é descrito como “parecia mais velho que Celen“.

Aliás, meu Celen, personagem mais “badass” do livro, surtei, ele é bem presente durante a história, e vemos a preocupação, o cuidado e o amor que ele sente por nossa protagonista.

Como eu disse, o livro tem pontos altos e pontos baixos; um dos baixos foi Evan simplesmente ter voltado do nada, tipo, oi? Só dizer desistir, que ele volta? Sem nenhum porquê, nada que dê aquele estalo e o faça retornar. É muito do nada.

O primeiro livro teve todo o começo, a estruturação da história, e esse segundo deu uma expandida tão grandiosa, uma descoberta atrás da outra sobre a origem da personagem, sobre seus antepassados, sobre a história de Helix, que estou pretérita até agora, quero o terceiro livro na minha mesa!

E apesar de ter muita coisa em aberto, acredito que a autora irá trazer essas informações no terceiro livro da série. Aliás, a edição está linda demais, traz detalhes por toda a capa, contracapa, nos capítulos. É uma leitura que eu recomendo para todas as idades, porque é bem simples e ao mesmo tempo cheio de significado, mostra como amigos se tornam família, e como família também pode ter uma amizade.

site: http://gettub.com.br/2019/07/15/alys-elemento-omega/
comentários(0)comente



Amanda | @oparaisodaleitura 16/07/2019

Alys – Elemento Ômega
Alys, após descobrir quem é e do que é capaz no primeiro livro da série, “Alys – Elemento Alpha”, se vê diante de situações tensas que exigem uma boa dose de coragem e esperança tanto dela quanto de quem está em volta. Esta sequência mostra, principalmente, as consequências do que aconteceu no primeiro livro. Novas aventuras, lugares inexplorados e povos, que muitos achavam estarem extintos, se revelam e trazem apoio à garota. Sem seu guardião, devido ao que ocorreu no fim do livro anterior, Alys precisa se virar ao máximo e fazer com que seu inimigo não consiga o que tanto quer.

Percebi o enredo como uma ponte entre as introduções do volume anterior e um desfecho arrebatador que aparenta estar por vir no próximo livro! Devido a série apresentar muitos personagens, acontecimentos, elementos fantásticos, seres, magia… me senti meio perdida ao iniciar a leitura, por terem faltado referências que relembrassem os acontecimentos de seu volume antecessor. Logo, acabei demorando um pouco para pegar os trilhos do raciocínio e enfim conseguir me envolver com esta fantástica aventura.

Uma narrativa em primeira pessoa a qual conhecemos mais afundo o lado político e mágico que estão conectados na narrativa. O mais interessante é que quando tudo parecia perdido a personagem principal dava um jeito de erguer a cabeça e continuar mostrando sua capacidade, como se não se abalasse. Alys é uma jovem divertida e forte que vem pra mostrar todo o seu potencial. Aqui os dragões possuem maior visibilidade e campos ocultos estão presentes, lugares mais místicos onde o poder, os elementos e a magia se diferenciam.

@oparaisodaleitura

site: https://oparaisodaleitura.com/
comentários(0)comente



CT dos Livros 19/07/2019

Alys
Obra: Alys, Elemento Ômega
Editora: @editorapendragon
Autora: @autorapriscilagoncalves
Gênero: Fantasia
.
Os humanos não estão mais bloqueados em sua magia, mas a ignorância sobre a própria natureza causa pânico e desconfiança. O líder dos Zmoras ataca crianças em lugares remotos sugando suas almas, enquanto um grupo paramilitar amparado por alguns conselheiros pressiona por leis mais seletivas em desfavor dos seres não humanos.
Alys continua sendo só uma garota que parece um avestruz tatuado. Sem tempo para lidar com as perdas que teve, ela precisará enfrentar as consequências mágicas da linhagem que carrega. Enquanto o mundo desmorona lentamente, sem o guardião e com a frustração por não evitar o sofrimento à sua volta, fica cada vez mais difícil estar pronta para a chegada da segunda lua.
Quando as motivações se misturam e erros do passado interferem no sucesso do futuro, o que você sacrificaria pelo bem comum?
.
Dando sequência direta aos acontecimentos do primeiro livro, essa parte dois da saga de Alys temos algumas mudanças como por exemplo vemos um aprofundamento na relação de Alys com seus avós , temos dessa vez invés de uma menina que não sabia de nada temos uma Elemental que já sabe um pouquinho e sabe da sua enorme responsabilidade.
.
Uma das melhores coisas desse livro foi ver o quanto Alys cresceu, e ver o relacionamento dela com o guardião ganhar outros tons é impressionante. A autora conduz de uma forma que por mais que tenha um clima extremamente divertido o perigo está sempre rondando posso dizer que um clima de suspense foi tomando conta da história, mas de uma forma que não ofusca a aventura, ele está ali somente para te lembrar que nem tudo são flores.
.
Alys elemento Ômega mantém os mesmos acertos do seu antecessor e ele vai além, pois vem trazendo novos elementos, além de aproveitar para aumentar o laço dos leitores com outros personagens sem ser Alys, a narrativa explora mais ainda o mapa e em todos momentos conceitos são trazidos a nossa mente por meio de figuras de linguagem.
.
Só posso dizer que o Construtor nos ajude e que venha logo a conclusão dessa trilogia magnífica ! 😊
.
Avaliação: ★★★★★

site: https://www.instagram.com/p/BzGXCGLDfti/
comentários(0)comente



Vih Maddox @estante_maddox 26/07/2019

Um livro eletrizante!
Após a chegada da segunda lua e com as novas transformações no mundo e nas pessoas, Alys enfrenta as ameaças do vilão Helix que ficam cada vez mais frequentes e assustadoras.

Sem a ajuda de Evan, seu guardião, nossa querida protagonista tenta enfrentar as pessoas que não acreditam muito nela e ainda a tensão pelo pouco de magia que foi roubada pelo vilão com a chegada da lua.
Enquanto o conselho vota por leis mais seletivas sobre o próprio povo mágico, Alys irá fazer de tudo para proteger todos os seres, sempre querendo o bem deles.

Uma história que envolve dragões, bruxas, elfos e vários outros seres mágicos (que fica até difícil de decorar todos), aventuras, profecias e lendas.

Desde que li o primeiro volume, fiquei na ânsia de saber mais sobre essa história e a continuação não deixou a desejar em nada!
Faltariam palavras para descrever o quanto eu gostei dessa leitura que já foi para a lista de favoritos da vida.
Sempre mostrando que nada é impossível e que podemos nos superar para sermos seres melhores.
Fiquei chateada pelo início ter tirado o meu personagem favorito da jogada, mas após ele ter voltado fiquei mais ansiosa para saber qual seria a próxima ação deles.
Foi um livro que me fez parar de respirar em alguns momentos, mas que também aqueceu meu coração em outros tantos.
Ao fechar o livro, dei um abraço muito forte nele.
Uma leitura incrível, muito indicada a todos. É uma obra prima nacional e que me deixou desejando por uma continuação urgente!

site: https://www.instagram.com/p/Bz9M8_RDYM2/
comentários(0)comente



Taize @viagemliteral 10/08/2019

O segundo volume da série Alys, veio repleto de magias e surpresas, muitas surpresas! Vale ressaltar que esse volume é uma sequência que liga todos os fatos ocorridos anteriormente, sendo assim, para que compreenda melhor, sugiro que procure pela resenha de Alys - Elemento Alpha para não perder o fio da meada (??). Mas, de todo modo, deixo explícito que sem sombras de dúvidas essa é uma das fantasias nacionais mais bem escrita que tive a oportunidade de conhecer, sem falar que a diagramação é simplesmente FANTÁSTICA!
.
??
.
Após descobrir toda sua força e capacidade no primeiro volume, Alys, a Elemental sem papas na língua, volta em Elemento ômega com a missão de provar mais uma vez para o que veio, mesmo com todas as dificuldades que terá que enfrentar sem seu guardião para impedir que o seu inimigo consiga tudo que quer.
.
Com a passagem da primeira lua, grandes transformações aconteceram em todo o povo, fazendo com que o segundo coração começasse a bombear magia, gerando um grande alvoroço no conselho, que se dividiu entre contar ou não a verdade sobre a natureza dos metais e todos esses acontecimentos aos humanos.
.
Diante dessas surpresas, Alys precisa cumprir novamente sua missão com a chegada da segunda lua, mas a garota, por mais forte e destemida que seja, terá que enfrentar grandes desafios para cumprir essa difícil tarefa e ao mesmo tempo proteger os que ama.
.
É perceptível o amadurecimento de todos os personagens, e principalmente, da nossa queria Elemental, Alys. Acredito que toda a descoberta da sua linhagem, toda a magia e a profecia que está contida em sua vida, a tornou ainda mais forte e determinada, portanto, assim como a protagonista, a história em si passa por um grande avanço, nos deixando ansiosos pelo próximo volume.

.
comentários(0)comente



Maníaca Literária 02/10/2019

Alys Elemento Ômega se inicia na reunião entre o conselho depois da primeira Lua . Depois do ocorrido foi desencadeado novas transformações no mundo, deixando o conselho dividido em revelar ou não ao mundo sobre os metais.
Mas no decorrer da reunião o prédio começa a tremer, o líder dos Zmora surge começando um ataque em busca de crianças para sugar suas almas ...

Alys tenta deter o líder dos Zmora, mas algo acontece e o vilão consegue sair com o que queria deixando todos agitados e sem entender o porquê de tal crueldade.

Agora Alys tem vários problemas para enfrentar além das suas perdas, sua nova linhagem Draconiano, ataques do Zmora, o governo, a segunda lua que se aproxima e o estado que o Guardião se encontra sem nenhuma evolução deixando Alys sozinha para enfrentar tudo, e talvez isso é só o início muito mais acontecerá ao decorrer da sua jornada até a segunda Lua.

Quando fiz as primeiras impressões surtei legal rsrs e ao decorrer dos capítulos acreditem fui surpreendida mais ainda e surtei bem mais rsrs não tem outra palavra para expressar o que achei do volume dois a não ser FANTÁSTICO, pensei que meu coração não ia aguenta até o final e olha que tem o terceiro mas me mantenho aqui rsrs.
Alys no início já se mostra forte mesmo sozinha sem o guardião, e ao decorrer da história sua busca para dominar o poder Draconiano a deixa um pouco confusa mais depois tudo muda na hora de fazer os feitiços e lutar por tudo e todos para deter Helix.
A escrita da Priscila continua excepcional, fiquei ainda mais fascinada com a riqueza de detalhes apresentada do universo do livro pela autora .
Permaneci completamente presa a história e nos momentos que não estava lendo ficava pirando por não saber no que ia dá ( no dia que esqueci o livro em casa fiquei num mau humor terrível porque queria saber o que ia acontecer rsrs)
Anciosa pelo terceiro e último volume e claro super indico a leitura.
Uma história fascinante, emocionante com uma pitada de humor onde mostra que nada é impossível só basta acreditar em si mesmo
comentários(0)comente



Maria.Helena 28/11/2019

Nesse segundo livro, Alys está bem mais madura, mas como não ficar tendo ainda mais responsabilidades? Suas ações afetaram todo o mundo, sua perda foi inigualável e ainda corre o risco de perder também seu guardião. Mas não há tempo para sofrer e se lamentar, Alys precisa treinar, estudar e ficar ainda mais forte. Difícil é lidar com tudo, principalmente com tantos segredos à sua volta, parece que todos escondem algo e, bem, talvez realmente escondam...

Eu não sei bem o que dizer desse livro que mexeu tanto comigo. Se o primeiro já foi incrível, este foi ainda melhor! Nada como entender a motivação do vilão, descobrir segredos importantes, especialmente aqueles que contamos a nós mesmos. A autora consegue deixar até a parte política interessante (e olhe que eu sou muito chata com esse assunto).

É aquele misto de sentimentos e sensações que eu amo! A escritora consegue fazer o leitor rir, chorar, se encantar, torcer, suspirar e tantas coisas mais!

Talvez o mais importante seja a mensagem que ela passa pro leitor, de que problemas existem sempre (e não pergunte o que pode dar errado!), perdas acontecem, mas aqueles que se vão sempre ficam conosco de alguma forma e levam um pouco de nós. A importância de se ter as pessoas certas ao lado, e quão bom é quando "estranhos" nos surpreendem positivamente.

Amei as partes envolvendo o Construtor. As cenas do livro são muito bem descritas, cada detalhe necessário está presente. É impossível não entrar na mente da Alys e entendê-la, sofrer com ela ou até mesmo ter vontade de sacudi-la de vez em quando.

A realidade é que eu amei tanta coisa nesse livro! Mas não quero dar spoiler. Então se vocês gostam de livro de fantasia, com ação, aventura, romance, intrigas, segredos e conflitos, Alys é ideal! Preparem as bochechas para os sorrisos e não esqueçam os lenços também!

site: https://www.instagram.com/p/B0zJIwajnSy/
comentários(0)comente



Fernanda.Castro 30/11/2019

Resenha de Alys Elemento Ômega
De volta a Nafh’ta, um ano se passou e a próxima lua que trará de volta mais um pedacinho da magia dos humanos está chegando. Alys, sem seu guardião e com seus amigos em muitas reuniões para trazer a população mágica para o lado deles, está sentindo sozinha e sem forças para continuar, além da tumultuada relação com os novos poderes que a conectam a uma poderosa linhagem de dragões que não sabe se o seu corpo humano pode aguentar.
Podemos ver logo de cara que o foco deste livro está em Alys e sua falta de autoconfiança. A jovem no primeiro livro, era oposto disto, sempre dizendo as pessoas que não precisa de um guardião como babá, por exemplo, o que provavelmente se dava por causa da superproteção do pai e do melhor amigo que a fazia queria se provar como autossuficiente o tempo todo para mostrar a eles do que era capaz. Óbvio que depois de todos os acontecimentos pesados que seriam spoiler do primeiro livro se eu os comentasse, percebeu das formas mais difíceis que não ia conseguir carregar esse fardo sozinha o que a abalou muito. Esta situação foi lindamente trabalhada com a procura dos três dragões mais poderosos no intuito de firmar seus poderes (além de algumas visitinhas muito especiais que vou deixar para vocês conferirem) e descobriu na trajetória que era o que se passava em sua cabeça e em seu coração é que precisava de ajuda. Foi uma ótima forma de desenvolvimento da personagem que traz tanta bagagem para quem está lendo que é impossível não se sentir mexido com os conselhos dos sábios. Algo tão forte que acaba desenvolvendo até o leitor.
É lindo ver também o quão poderosos os personagens secundários estão. Todos tão atarefados com seus novos cargos e preocupações com essa onda de poder que já chegou na primeira lua. É visível a maturidade que alcançaram principalmente o Kyer. Além da relação da Alys com os avós que parece bem mais forte do que antes. Claro que esses apegos emocionais nunca são muito bons para o leitor em um cenário de guerra. Só posso alertá-los para se prepararem para forte emoções envolvendo perdas e traições.
Também tivemos um desenvolvimento profundo do nosso vilão Helix que nos permitiu ao benefício da dúvida. Ele estará errado em sua sede por vingança? Pior ainda, existe alguém ainda mais poderoso por trás dele que o influencia a todas as suas decisões erradas? Muitas questões ainda ficaram para o último livro, mas ao finalizar a leitura perceberá que o Construtor já abriu bastante os nossos olhos com relação a quem ele é e qual sua motivação para tais atos.
Personagens ótimos, merecem cenários maravilhosos e ganhamos muitos cenários novos para conhecer neste futuro imaginado por Priscila e esse continua sendo, em minha opinião o seu forte. Ela pensa em cada detalhe que precisa conter em cada templo, em toda a história que aquele lugar pode e precisa conter tanto nas paredes do próprio local, quanto nas pessoas que lá vivem. Se você autor tem dificuldades com isso como eu, estes livros são muito inspiradores para que comece a refletir o que falta no seu. Para você leitor, conte com a imersão profunda a esta realidade mágica a ponto de esquecer o mundo em que você vive.

Resenha completa no blog Em minha mente:

site: https://fernandatcastro.blogspot.com/2019/11/resenha-11-alys-elemento-omega.html
comentários(0)comente



11 encontrados | exibindo 1 a 11