60 Horas

60 Horas Rodrigo de Oliveira




Resenhas - 60 Horas


1 encontrados | exibindo 1 a 1


"Ana Paula" 30/04/2019

Ontem, estava eu passando o meu feed no facebook e vi que o Rodrigo de Oliveira tinha acabado de divulgar a venda desse conto. Claro que já corri pra Amazon e fiquei muito feliz em ver que estava disponível no Kindle Unlimited. Assim, o peguei de imediato e já o li ontem mesmo.
Com tudo que estamos vivendo no âmbito político, acredito que este conto seja um tapa na cara para todos aqueles que acreditam que não existiu ditadura no Brasil.

A sinopse é bem explicativa e, por se tratar de um conto, a história é bem curtinha, mas isso não importa, pois a quantidade de sentimento e verdade que este conto trás merece a leitura.
Rodrigo de Oliveira mais uma vez me deixa encantada e ao mesmo tempo, enojada. Sua escrita é sucinta, mas nem por isso deixa de passar todos os sentimentos contidos na trama.

"Maria olhou para ele com os olhos esbugalhados de terror. Carlos, de um instante para o outro, revelava sua face mais perigosa, aquela que havia o tornado respeitado e temido dentro do DOPS.
A face de um profissional da tortura."

Além de estudar sobre esse período negro da nossa história na escola, logo que começaram a surgir frases como "a ditadura nunca existiu no Brasil", eu fui pesquisar ainda mais e me deparei com o site Memórias da Ditadura. Nele, encontrei muitas histórias e pude saber ainda mais,sobre a Comissão Nacional da Verdade que foi criada em 2011 com o objetivo de “apurar graves violações de direitos humanos ocorridas entre 18 de setembro de 1946 e 5 de outubro de 1988”. Algumas dessas "graves apurações" podemos encontrar nesse conto e ver o quanto foi doloroso e verdadeiro.

Rodrigo não deixa suas características marcantes de fora, além do suspense e mistério inseridos na trama, podemos saborear o ponto de vista sobrenatural que sempre encontramos em seus livros.
Acredito que esse conto poderia ser muito maior, mais doloroso, mais realista, - mas o que nos prende e perturba é justamente sua pequenez diante da grandiosidade da história.

"- Eu sei o que você está pensando. Mas não, eu garanto que não se trata de um pesadelo. O que está acontecendo com você é bem real. Tão real quanto as consequências de seus atos. - A mulher falou. - Mas não se preocupe, dentro de mais algumas horas tudo isso estará acabado. Você não merece, mas sua provação já está acabando."

Por fim, só posso indicar. Não se faça de desentendido, procure saber, seja divulgador da verdade, não acredite em quem quer acabar com o que nós temos de mais preciso: a informação.
Qualquer semelhança não é mera coincidência e podemos sim, ir atrás de conhecimento. Vale ressaltar que essa história é uma ficção, mas pode ter sido real para alguém.

site: http://www.livrosdeelite.com.br/2019/04/resenhando-contos-60-horas-rodrigo-de.html
comentários(0)comente



1 encontrados | exibindo 1 a 1