No fundo do poço

No fundo do poço Buchi Emecheta




Resenhas - No fundo do poço


39 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3


@gezaine_ 27/09/2021

Amo os livros da Buchi (este é o quarto que leio), sua escrita e seus enredos. Gostei demais deste livro, porém, quando cheguei ao final, virei a página achando que teria outro capítulo. Pareceu-me que acabou do nada.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
A. Krol Saavedra 31/08/2021minha estante
Nossa!!! Parece ser maravilhoso, dela li o Alegria da Maternidade e me apaixonei ??? que escrita, que autora


Karine.Batista 08/09/2021minha estante
Alegrias eu ainda não li! Mas está na lista!




Bia 27/08/2021

"Família Problema "
Li sem sabe que esse era uma continuação, agora vou ter que ler o primeiro. Mas mesmo assim gostou muito.

Quantas mulheres iguais Adah temos no mundo?

O que não me agradou foi esse final em aberto.
comentários(0)comente



Augusto 25/08/2021

A Ecologia do Poço
O poço existe dentro e fora de você. São as pessoas, a estrutura, o sistema, a administração, tudo forma esse ecossistema chamado poço que Buchi Emecheta descreve tão bem.

Um bom livro, que nos leva a refletir como o sistema gera e alimenta os poços que existem por aí. Pena que o final não chega a uma conclusão, fiquei ansioso por saber mais da vida de Buchi; porém, não chega a ser uma crítica. As vezes o livro tem um propósito, e o propósito deste era o poço e nada mais.

Recomendo!
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Heloísa 30/06/2021

Continuação da história de Adah
Apesar de poder ser lido sem ter lido o livro Cidadã de segunda classe, é melhor ler o outro livro antes para neste ter a sequência do sofrimento de Adah na Inglaterra. Um livro muito bom, mas no anterior me senti mais conectada com a Adah. Neste, os sofrimentos e dificuldades seguem, porém parecem mais do mesmo em relação ao livro anterior. Considerei nota 5 pois ainda assim a escrita fluida da autora prende a leitura e acredito que este mais do mesmo seja feito propositadamente, para mostrar o quanto a vida é difícil. Não existe a varinha mágica que torne a vida uma maravilha.
comentários(0)comente



Lisi 21/06/2021

A sequência de Cidadã de Segunda Classe é um relato um pouco mais arrastado, mais lento de se ler. Mas não por ser um livro ruim, mas sim pela densa história cheia de inseguranças, pobreza, sofrimento e um eterno sentimento de não pertencimento.

Como todos os outros livros de Buchi, esse é tão impactante quanto os outros.
comentários(0)comente



Renata 14/06/2021

Fico imaginando se um dia Buchi Emecheta vai se aventurar em escrever livros que fujam do assunto de sempre: mãe de origem Africana e suas agruras.
Porque chega uma hora que cansa, e acho que ela tem muito talento para se ater a isso.
Há tanto a se falar dessa cultura tão rica, desse povo tão lindo e ao mesmo tempo marginalizado em outras culturas! Uma pena?
Nazaré 27/06/2021minha estante
Ela já morreu, não poderá escrever mais nada.




Faluz 13/05/2021

Vivendo - NO FUNDO DO POÇO
Alah é a mesma personagem de CIDAD˜A DE SEGUNDA CLASSE de Buchi Emecheta. Nesse livro temos a protagonista vivendo num abrigo de assistência social inglês em que "famílias problema" se instalam enquanto aguardam ajuda para conseguir um novo lugar para morar.
Sua luta para sobreviver, estudar, trabalhar e criar os filhos com orgulho e outros valores que os dignifique. Dificuldades em sobreviver, mas um caminho para superar.
comentários(0)comente



Dudu 18/03/2021

Minha primeira inserção na escrita de Buchi Emecheta. Ótima primeira impressão!

A escrita apresenta um estilo simples, mas não permite ao leitor subestimar a inteligência de sua autoria.
A escrita nos conduz pela visão de alguém que já viveu muitas situações adversas e soube tirar ensinamentos proveitosos à sua experiência de vida.

O destaque fica pelo forte caráter autobiográfico da obra e pela visão positiva e bem humorada que a personagem principal apresenta em relação às dificuldades do seu cotidiano, às diferenças culturais e às críticas sociais - estas últimas estão fortemente presentes ao longo da história.

Uma pequena crítica é que o final deixa um pouco a desejar.
comentários(0)comente



Mabê 28/02/2021

apesar de bem escrita - como qualquer outra obra da autora -, achei a história bem mais fraca e menos impactante do que ?cidadã de segunda classe?

ainda assim, é uma leitura que vale a pena, mostrando as dificuldades de uma mulher negra, solteira e com 5 filhos na Inglaterra
comentários(0)comente



Thayná 25/02/2021

Dos livros da Buchi que já li, esse é o mais fraquinho. Não é tão impactante, apesar de bem escrito, além de ser a continuação do "Cidadã de segunda Classe" e, enquanto o primeiro livro traz uma tomada de consciência e percepção de identidade, esse traz uma Adah resignada novamente, além do final ser muito aberto. Acredito que pelo padrão dos outros livros da autora e da potência da primeira parte, esperava mais.
comentários(0)comente



eduarda 14/02/2021

...
gostei muito da continuação da história da Adah. apesar de toda luta e sofrimento, ver que ela conseguiu ir melhorando a vida dela e dos filhos, é muito bom, poderia ter mais e mais livros dela!!!
comentários(0)comente



Lai 11/02/2021

Excelente escolha
A história de Adah é muito boa para entendermos realidades distintas a nossa, principalmente no que diz respeito à mulher, de cor preta, mãe solteira e imigrante. A construção da história de Adah, seus filhos, sua vizinhança as instituições que a acompanham nos enriquece de alguma forma.
comentários(0)comente



39 encontrados | exibindo 1 a 16
1 | 2 | 3


Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR