Eldest

Eldest Christopher Paolini




Resenhas - Eldest


208 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


Tayna 18/10/2020

Eldest
O livro em si possui uma longa e difícil trajetória, até porquê a construção de um herói depende disso. Vejo que o autor, ao invés de conceder uma inteligência suprema e uma resolução universal dos conflitos, aplicou a educação como conceito de transformação, tanto para Eragon quanto para qualquer personagem do livro.
Sabe-se que Eragon é a esperança, mas ao mesmo tempo, que sua tenra idade ainda o faz imaturo em muitos aspectos.
É interessante ver como que aos poucos ele desenvolve um pensamento mais substancial e menos emocional.
Acredito que a palavra para esse livro é racional, embora é claro, trata-se de uma ficção.
comentários(0)comente



Raquel.Silva 14/10/2020

Não mate as formigas!
Achei esse livro por acaso na biblioteca da escola, e graças ao lindo dragão na capa, resolvi ler. Foram mais de seiscentas páginas lidas com gosto, porque o mundo fantástico criado nesse cenário é maravilhoso.
Depois de ler uma passagem desse livro, eu comecei a ter mais compaixão com insetos pequenos, afinal, são importantes, existem por um motivo, certo? Você sabe que um livro é incrível quando você aprende uma lição que leva para vida depois de lê-lo, mesmo que essa lição seja algo "pequeno", do tipo não matar formigas ou pequenos insetos inofensivos.
Teodoro 14/10/2020minha estante
Esse texto que você escreveu toca lá no fundo da alma, sério, perfeito :,)




Ana Carolina 13/10/2020

Uma grande evolução de Eragon
Eldest é, na minha opinião, um grande avanço em relação ao seu predecessor. A história é muito mais envolvente, porque Eragon sai da sua bolha para se juntar à causa; ele finalmente entende sua importância e se esforça para corresponder às expectativas, tanto através de treinamento quanto de seu próprio amadurecimento pessoal.
Vou confessar que demorou um pouco para engatar a leitura, mas, quando foi, foi! A relação com os elfos foi aprofundada (sempre fui fascinada por elfos), o que conferiu uma nova camada de encantamento ao livro; a relação entre as diversas raças foi melhor descrita, o que ajudou a entender melhor como funciona a Alagaësia; a importância dos Varden foi ressaltada; e finalmente começo a perceber melhor o poder de Galbatorix. Além disso, os personagens recebem mais profundidade, eclipsando o papel de "espécie" e migrando para "indivíduo".
Para mim, duas grandes descobertas tornaram o livro muito mais empolgante do que Eragon - uma no meio e outra no final. E que final! O final foi sensacional - surpreendente, engajante. Acabei Eldest e já abri Brisingr.
comentários(0)comente



Júlia 07/10/2020

Foi muito bom ler mais sobre o esse mundo e conhecer a fundo seus povos e mitologias.
comentários(0)comente



Back 28/09/2020

foda
mt foda sem palavras to gostando mt do ciclo da herança
comentários(0)comente



lucaogxp 26/09/2020

Eldest tem um ritmo mais lento, e é devido ao detalhamento dispensável que Paolini dá a história, Eragon está no seu treinamento e é isso que lemos em quase 80% do livro. O que deixa espaço para Roran brilhar, sua jornada para sair de sua cidade natal e salvar os moradores faz com que ele tome totalmente o protagonismo do livro. Seus capítulos são os mais empolgantes e os pontos altos. Nasuada também tem seu mérito. As coisas começam acontecer mesmo nas últimas 150 páginas, com a batalha da campina ardente. Fico contente com o retorno de Murtagh, mas confesso que seu plot era previsível. Mesmo assim foi uma boa sacada e dá um upgrade a mais na história.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



EwertonNabuco 03/09/2020

Mudarão o protagonista?
Apesar de gostar muito de acompanhar o crescimento de Eragon como cavaleiro e homem, e a história de Roran Martelo-Force que mais fiquei interessado em acompanhar. Estou nesse momento lendo Brisingr, mas interessando em saber do destino desse personagem do que na propria história de Eragon.
comentários(0)comente



Henrique.Alves 23/08/2020

Melhor que o primeiro
Nessa sequência é nítido ver o quão a escrita amadureceu e ganhou contornos mais épicos, além da imersão mais afundo no universo da série
comentários(0)comente



Eduardo.Gomes 22/08/2020

Nesse segundo volume a ação diminui e o livro é mais focado no treinamento do Eragon e em expandir o conhecimento do leitor sobre o universo do ciclo da Herança e o mundo de Alagaësia, e sua batalha final foi sem dúvidas mais espetacular que a do livro um. Ansioso para ler Brisingr.
comentários(0)comente



Mathias.Weirich 26/07/2020

Eldest
O segundo volume do ciclo da Herança, de Cristopher Paolinni, nos trás novas perguntas, muito sofrimento e a exploração de personagens importantes que não foram explorados no primeiro livro.

Podemos ver o amadurecimento de Eragon, Safira e Roran, bem como a mente estratégica brilhante de Nasuada!

Este livro é épico e fantástico, uma verdadeira obra de arte.
comentários(0)comente



Marcos.Bustamante 25/07/2020

Uma aula com mestres.
A sequência do Ciclo da Herança trás acontecimentos que se passam com Roran, Nasuada e Eragon, personagens que estão em partes diferentes do mapa.

Narrando principalmente o amadurecimento de Eragon como Cavaleiro, o livro traz lições e conversas que nos fazem refletir sobre as nossas vidas. Não é um livro com muita ação, mas é rico em histórias antigas e ensinamentos, com uma leve pitada de romance. Uma batalha épica forrada de revelações, tendo um gostinho de quero mais nos aguardando no final.

Simplesmente incrível.
comentários(0)comente



Debora 19/07/2020

Acontecimentos
Segundo livro do ciclo da herança, Eldest é mais focado sobre o que acontece depois das batalhas em Farthen Dur e sobre treinamento dos elfos de Eragon para se tornar cavaleiro e também em Rohan, primo de Eragon no vale Palancar. Pode notar-se as influências de Star Wars e Senhor dos Anéis do autor, narrativa bem rica em detalhes como Tolkien, o que faz a história ficar longa mas não impossível de ler.
comentários(0)comente



Felipe 11/07/2020

Superou-se
Olha... devo desculpas ao Christopher Paolini. Pensei muito em abandonar essa saga por conta do primeiro volume, mas graças ao meu complexo de continuidade não o fiz. E ainda bem por isso! Tirando o lento desenrolar dos eventos, Eldest da um banho no primeiro volume em todos os aspectos, principalmente na escrita. Vi por aqui que isso se dá pelo fato de terem trocado quem faz a tradução, um negócio assim, e ainda bem por isso, viu?! A sensação que tenho é que terminei uma saga pra outra iniciar e não que apenas terminei um volume de uma única saga. Minha cabeça está explodindo com esse final... enfim. É um bolo com pouco recheio, porém agradável e com muitas cerejas! (?)
comentários(0)comente



La Volpe 05/07/2020

A jornada fica cada vez mais difícil!
Amando cada vez mais essa saga incrível! Só amores pela Saphira!
comentários(0)comente



208 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |