Um Bestseller Pra Chamar de Meu

Um Bestseller Pra Chamar de Meu Marian Keyes


Compartilhe


Resenhas - Um Bestseller Pra Chamar de Meu


85 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6


MAGALHÃES 24/05/2018

UM BEST-SELLER PARA CHAMAR DE MEU
Essa foi uma leitura leitura um.pouco cansativa,com três personagens principais,quando a leitura dava pausa pra passar pra uma outra parecia que vc estava com um outro livro.
comentários(0)comente



Bruh Silva 25/03/2018

Um bestse para chamar de meu
?? RESENHA ??
.
Neste livro teremos três mulheres como protagonistas e iremos conhecer a história de casa uma delas.
.
Gemma é organizadora de eventos, ela sofre por ainda não ter conseguiu superar o termino de um relacionamento de três anos. Não bastando o seus problemas pessoais ela ainda tem que lida com a separação de seus pais e a dependência que sua mãe têm pelo seu pai e agora tem por ela. E para piorar ela tem que conviver com o sucesso da sua ex-amiga que roubou seu namorado.
.
Lily é escritora e conseguiu muito sucesso com o seu primeiro livro ?As porções de Mimi?. Sua família é constituída por Ema fruto do seu relacionamento com Anton, e Aton, ex-namorado de Gemma. Eles vivem em constante aperto, não só fisicamente como financeiramente também, eles esperam que a venda do livro possa ajudar, mas nem tudo acontece como eles esperavam. E para completar Lily tem que lida com a sua falta de ideia para escrever seu segundo livro e o anuncio do lançamento do primeiro livro de Gemma.
.
Jojo é agente literária, e sonha em se torna uma das sócias da empresa onde trabalha. Ela é responsável pela venda dos direitos do livro de Lily. Após receber um e-mail com conversas trocadas por Gemma e uma amiga, ela decide se torna agente literária de Gemma, e representar os direitos do seu primeiro livro, a partir dai veremos como a história dessas três mulheres irão se interligar.
.
Eu adorei a história e principalmente o seu enredo. Ler um livro que fala sobre novos-autores, autores, agências, agentes literários e livros, não tem como dar errado. Um cotidiano melhor que esse não a, e a Autora nos deixa tão a vontade que parece que fazemos parte da história. Além disso, veremos as dificuldades que novos autores têm para divulgar seus livros e o que eles fazem para superar esse impasse.
.
O final é um tanto quanto previsível, mas me agradou de uma forma geral.
comentários(0)comente



Erica 18/10/2017

Divertido e muito facil de se identificar com ele!
comentários(0)comente



Viviane.Dias 11/10/2017

Resenha | Um Bestseller pra Chamar de Meu - Marian Keyes
A resenha de hoje é especial pro meu coraçãozinho de fã, a gente vai falar da maravilhosa Marian Keys! \o/
Toda vez em que eu estou com a cabeça beirando uma ressaca literária, eu procuro livros que me façam descansar e me divertir e a receita certa pra isso certamente eu encontro nas obras dessa autora, que inclusive tem 12 livros publicados. Desses 12 eu já li 7 e sempre que quero presentear uma amiga eu compro o Melancia dela, pois é leitura boa na certa.

Bom, o livro que a gente vai conversar hoje é Um Bestseller pra Chamar de Meu, que tem 741 páginas de pura libertação mental dos pesos da vida. Nesse enredo, conhecemos três personagens principais: Jojo, uma agente literária; Lily, escritora e cliente de Jojo; Gemma, uma organizadora de eventos de sucesso.
Essas três personagens dão vida às suas histórias que acabam se cruzando em vários momentos. Gemma e Lily eram amigas até que um grande amor separou as duas. Segundo Gemma, Lily roubara seu namorado e desde então não merecia mais ser perdoada. Esse ódio ainda piora quando o pai de Gemma abandona sua mãe pela secretária apenas 4 anos mais velha do que ela, então ela passa a viver um drama familiar que muda totalmente sua vida. Lily, por sua vez, após um acidente traumático, escreve um livro em busca de alívio e acaba enviando o manuscrito pra Jojo, que faz da obra um best-seller. Jojo, por sua vez, envolvida em um relacionamento com um homem casado, nos mostra que as mulheres ainda precisam escolher entre sua carreira e seu coração e ela faz uma grande escolha.
As histórias dessas três mulheres incríveis caminham paralelas entre Anton, Mark, Johnny, Owen e vários outros personagens únicos como somente a Marian Keyes consegue fazer, até que tudo se junta e vira uma coisa só. A história é ótima e dói o coração quando termina, mas me consola saber que ainda tenho várias outras obras dela pra explorar.
Quer se apaixonar também, então corre comprar o Melancia e começar a navegar nesse mar de delícias que a Keyes consegue criar com sua escrita leve e consistente.

site: http://www.litegatura.com.br/2017/10/resenha-um-bestseller-pra-chamar-de-meu.html
comentários(0)comente



Rachel 10/09/2017

Um bestseller pra chamar de meu
Você já gargalha nas primeiras páginas ???
comentários(0)comente



Gabriela 21/06/2017

Muito divertido
O livro é ótimo! Muito melhor que "Melancia" que eu acho que é bem mais famoso. O livro têm três personagens tridimensionais e as historias de cada uma se entrelaçam. Não gira em torno de apenas um fato, contando vários âmbitos da vida de cada uma! Recomendo!
comentários(0)comente



Thamyris.Rodrigues 06/05/2017

Viciante
O livro é realmente enorme, no início bate aquela preguicinha de ler e como a história começa devagar bate um desânimo! Mas aconselho a prosseguirem com a leitura porque o livro é muito bom! É impossível não se identificar com a Gemma e a Jojo. Particularmente não gostei nada da Lily ela é a pior parte do livro mas a Gemma e a Jojo conseguem fazer o livro fluir e nos dar momentos de muitas risadas!
Ficou a saudadezinha delas q parecem ser minhas melhores amigas depois de mais de 700 páginas! ?
comentários(0)comente



Nádia 02/05/2017

#resenhapomarliterario Um bestseller pra chamar de meu
" Ali, sentada no acostamento, subitamente percebi a razão de estar sem um único arranhão. Não era por um absurdo golpe de sorte, mas sim pelo fato de eu, na verdade, estar morta."
.
A história gira em torno de Gemma, qdo seu pai abandona sua mãe, ela se vê obrigada a mudar para sua antiga casa e cuidar de sua mãe. Ao tempo que começa a escrever um livro. Aí entra a agente literária Jojo e a ex amiga Lily. Todos tem seus conflitos e o enredo novamente é fascinante.

site: https://www.instagram.com/p/gQ61tlGvw_/?taken-by=pomarliterario
comentários(0)comente



Gislendo 12/01/2017

Um livro com mais de 500 páginas
https://youtu.be/MOZtQVL0R2Y
comentários(0)comente



Edianara.Lino 08/12/2016

741 páginas de chororó, melosidade e enrolação
Procurando um novo livro para comprar acabei encontrando este que logo me interessei pela sinopse, principalmente também porque vi que se tratava um pouco do mundo editorial. O começo até que é legal, mas o decorrer vai se tornando meloso, com várias partes bem clichês e muito, mais muito chororó por parte dos personagens que não convencem nem um pouquinho. Confesso que a história da Gemma foi a que mais gostei, mas também não lá essas coisas. Um ponto positivo do livro é a ideia de mostrar o ponto de vista de cada uma das personagens principais que vão se entrelaçando no decorrer, algo bem criativa que daria super certo se a história em si fosse mais trabalhada. Sinto-me até um pouco mal por falar assim deste livro, depois do que se mostrou na história sobre como resenhas podem afetar os autores, pois muitas vezes podem ser demasiadamente crítica por partes dos leitores e sem nem um dó, porém consideramos que verdade deve ser dita, mas de forma respeitosa e bem argumentada. Por fim, acho que se o livro fosse menos enrolado, escrito em até umas duzentas páginas no máximo, quem sabe mostrando um pouco mais o mundo editorial, seria bem melhor e plausível.
comentários(0)comente



Vanessa 23/10/2016

Escolhi esse livro para representar o item "Um livro cuja protagonista tenha a sua ocupação" no Desafio Literário 2016. Não foi fácil achar uma história interessante sobre assistentes e organizadores de eventos, mas quando soube desse da Marian Keyes achei que tinha boas chances de gostar.

Meeeh. Me enganei.

Durante o ano, comecei a ler e larguei várias vezes. O enredo é chato, as personagens são chatas, ficam numa enrolação eterna para resolverem coisas que podiam ser tratadas em cinco páginas e, além de tudo, não vi a menor graça.
comentários(0)comente



Bereu 20/04/2016

Marian sendo Marian
Marian elaborou outra joia e agradou de certeza quem é fã de seu trabalho.
Jojo, cuja aparência é semelhante à Jessica rabbit, é focada, com olhos bem atentos às nuvens para não errar o plano de vôo e é apaixonada por um dos seus chefes: justamente o casado.
Lily Wright, uma escritora em ascensão, ainda está colhendo os frutos de seu romance de estréia. Contudo, seu segundo livro parece que se nega a "decolar". E para piorar, Lily ouve seu amado e começa a "torrqr" seu dinheiro e adentrar uma crise que toma suas finanças e relacionamento.
E temos também Gemma Hogan, organizadora de eventos e ex-melhor amiga de Lily, até se apaixonar pelo amor da sua vida, que coincidentemente (ou não) é o mesmo do de sua melhor amiga. Gemma cuida da mãe recém-abandonada pelo marido e leva uma vida social sem grandes emoções.

O livro apresenta mundos totalmente diferentes, mostrando vidas de perspectivas distintas e fazendo o leitor querer medir quem realmente está certo ou errado em alguns casos. Uma das coisas que me cativou foi a franqurza de Marian ao apresentar o "mundo literário" através dos olhos de Jojo e até a elaboração de histórias nas perspectivas de Lily e Gemma.
Irreverente, Marian não pecou aqui, e sim nos faz lembrar do que nos "fisgou" em seus livros.
comentários(0)comente



Grazy 02/03/2016

''Um Bestseller pra Chamar de Meu''
O livro narra a história de três mulheres: Jojo, Lily e Gemma.
Jojo é uma renomada agente literária, que com seu olhar atento,sabe reconhecer de longe um grande escritor. Ela dedica não só o seu tempo para o seu trabalho, mas também as suas emoções. Não entenderam? Pois bem, vou explicar.
Jojo se envolve com um dos seus chefes, que é casado e tem filhos. Uma relação que vem se prolongando por anos, sempre com a promessa dele de que largará sua esposa para ficar com ela.

Lily é uma recém descoberta escritora. O lançamento do seu primeiro livro, foi um sucesso estrondoso, mas isso não aconteceu com o seu segundo livro. Ela vem enfrentando problemas financeiros e na sua vida pessoal. Seu casamento está se destruindo, dia após dia. O que começou mal, pode um dia terminar bem?

Gemma é uma organizadora de eventos, considerava Lily sua melhor amiga até ela roubar seu noivo. Além de perder sua amiga, seu grande amor, ela também perdeu seu pai. Acham que ele morreu? Não foi isso não. Ele simplesmente decidiu terminar o casamento de anos com sua mãe e se aventurar em uma nova relação com uma mulher que é dois anos mais velha que sua filha. Se antes sua vida era movimentada, agora mais parecia monótona. Até que algo inesperado acontece.

Enfim, o livro é uma mistura maravilhosa de humor, romance e informação.


“Em vez de ter a decência de morrer, ele arrumou uma namorada e me abandonou.”


site: http://amantesliterarios.wix.com/livros#!Resenha-Um-Bestseller-pra-Chamar-de-Meu-de-Marian-Keyes/cu6k/5601de280cf2375d99d937fc
comentários(0)comente



Eliane 11/02/2016

MARAVILHOSO
Existe a possibilidade de dar mais de cinco estrelas? Gente, o livro estava na estante há quatro anos, lacrado. Quando resolvi ler, não consegui parar. Já li 8 livros da Marian Keynes e, com exceção de Casório, ela nunca decepcionou. Foi legal ela mostrar como funciona a parte comercial de um livro, o processo de críticas e escrita, o bloqueio do editor e ao mesmo tempo desenvolver as histórias das três personagens com riqueza de detalhes, mas sem se mostrar monótona. Leitura deliciosa, li em quatro dias as 750 páginas. E olha q trabalho o dia inteiro. Não consegui parar. Final fantástico. Já virou livro do coração e quero reler.
comentários(0)comente



Paula 21/09/2015

Um bestseller pra chamar de meu foi o primeiro livro da autora Marian Keyes que eu li, apesar do sucesso de Melancia. Nunca li mais nada dela, mas tenho muita curiosidade. O livro intercala as narrativas de três personagens: Jojo, Lily e Gemma. À princípio, parece que são universos distintos, mas existem vários locais onde os caminhos delas se cruzam.

Quem é leitor, quando pega um livro, dificilmente imagina toda a burocracia necessária e a quantia de pessoas por trás da publicação dele. Achei muito interessante a ideia de traduzir em história como tudo isso acontece. A Jojo é agente literária, enquanto a Lily é uma autora que vendeu como água seu livro de estreia, mas não consegue fazer o segundo exemplar fluir, assim temos contato com duas faces do mundo literário. A Gemma não trabalha com isso, seu ramo é a organização de eventos, mas no passado era a melhor amiga da Lily... até acabar se apaixonando por Anton, que também era o amor da outra.

Cada personagem tem sua personalidade, e a autora conseguiu se colocar no lugar delas com perfeição. Não gostei da Lily (eu tenho um problemas com Lilys), ela é chata e não tem maturidade nenhuma para cuidar de uma casa, sempre depende do marido, desiste das coisas facilmente... isso é indescritivelmente irritante. Acorda, mulher! A vida é cheia de responsabilidades, sempre vamos receber críticas, e quando você está no meio literário é óbvio que vão te pressionar se o serviço não for pra frente. Aliás, é assim que a banda toca em todas as profissões! Se a cada problema que surge a pessoa se atira nos cantos e chora dificilmente alguma coisa vai pra frente.

O Anton não é muito diferente da esposa, e graças a Deus a Gemma não ficou com ele, porque é uma personagem que encanta, cheia de contratempos, mas que não deixa de lutar diante das adversidades. Uma dica, Lily: seja como sua ex-melhor amiga. A Jojo não faz parte do triângulo amoroso, mas tem uma história romântica à parte. Apesar de parecer forte, bem sucedida e corajosa, tem seus medos e frustrações, principalmente por causa do homem que ama. Você vai querer bater nele várias vezes durante o livro.

A história é contada em mais de setecentas páginas, para quem não está acostumado pode ficar muito cansativa depois de um tempo, mas vale a pena dar uma chance. Eu, particularmente, gosto de livros longos, principalmente deste, porque a escrita da Marian Keyes é leve e divertida, me prendeu muito. Recomendo!
comentários(0)comente



85 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6