Exorcismo: O Ritual Romano

Exorcismo: O Ritual Romano El Torres (roteirista)...




Resenhas - Exorcismo


5 encontrados | exibindo 1 a 5


Lucas Furlan - Valeu, Gutenberg! 16/10/2019

Polêmico!
Imagine se uma possessão demoníaca acontecesse dentro do Vaticano, e a única pessoa capaz de combater esse mal fosse um padre que se afastou de Roma depois de quase ter sido excomungado… Esse é exatamente o ponto de partida de "Exorcismo: o Ritual Romano", que a DarkSide Books acaba de lançar pelo selo DarkSide Graphic Novel.

O tal padre se chama John Brennan. Ele é convocado para voltar com urgência ao Vaticano e, mesmo relutante, atende o chamado. Em Roma, ele se depara com um caso inédito de possessão, que já custou a vida de outro exorcista e que, se não for resolvido, é capaz de destruir a Igreja Católica.

Ao investigar a situação, Brennan passa a ser perseguido pelo espírito de uma freira demoníaca, que está determinada a impedir que ele cumpra sua missão.

"Exorcismo: o Ritual Romano" é absolutamente aterrador. É um choque quando o leitor descobre o que está acontecendo no Vaticano — ninguém pode dizer que El Torres (nome artístico do espanhol Juan Antonio Torres) não é ousado! A freira é assustadora e John Brennan é um personagem incrível, dividido entre sua vocação e seus conflitos com a igreja.

Como toda história sobre exorcismo, a graphic novel tem bastante sangue, palavrões, vômitos e várias coisas nojentas. Mas, além da questão sobrenatural, "Exorcismo: o Ritual Romano" também trata de temas como ambição, corrupção e pedofilia.

Uma curiosidade sobre a HQ é que Ritual Romano é um livro litúrgico que existe de verdade. Ele apresenta várias instruções sobre rituais de exorcismo — os procedimentos e orações feitos por John Brennan foram tirados dele. El Torres também fez do Papa Emérito Bento XVI um dos personagens da história e, coincidentemente, o roteirista elaborou a ideia algumas semanas antes dele renunciar, em 2013.

Os desenhos de Jaime Martínez e as cores de Sandra Molina caem como uma luva para a trama, e o volume da DarkSide — que reúne as quatro partes da história, que foram publicadas separadamente no exterior — é perfeito. Aliás, comprando pelo site da editora, você ganha de brinde um crucifixo e um marcador em formato de hóstia!

Obviamente, "Exorcismo: o Ritual Romano" não é recomendado para leitores que se sentem insultados quando sacerdotes, rituais e imagens da religião católica são usados numa obra de ficção de forma blasfema — ainda que, no fim das contas, El Torres mostre também o lado positivo da igreja. Mas se você procura uma HQ de terror, muito bem escrita e com diversas surpresas, essa é minha indicação pra você.

site: https://valeugutenberg.wordpress.com/2019/10/16/resenha-exorcismo-o-ritual-romano/
comentários(0)comente



Popeye 14/10/2019

Bom quadrinho que se apega a influências como o filme "O Exorcista", mas sem copiá-lo, nos entregando uma ótima surpresa. Conseguiram pegar um tema batido como a possessão demoníaca, sabendo que clichês fáceis poderiam por tudo a perder e entregaram uma ótima e convincente história de terror que se passa nas entranhas do Vaticano.
Imagino um filme baseado no quadrinho.
comentários(0)comente



DBraga2000 10/10/2019

Exorcismo: Ritual Romano
Hoje vamos nos embrenhar pela leitura de Exorcismo: Ritual Romano, do espanhol El Torres, com arte de Jaime Martinez, cores de Sandra Molina, tradução de Letícia Ribeiro Carvalho, da DarkSide Books.

O argumento já inicia muito bem pelo título. Histórias de exorcismos sempre nos fascinam e os motivos são variados. Desde a presença física de uma entidade demoníaca até o próprio questionamento da fé ou simplesmente pela situação surreal que uma possessão nos faz imaginar.

A história faz alusão a filmes como Invocação do Mal e, obviamente, ao Exorcista – dentre tantos outros do gênero. Nesse livro temos a figura do padre John Brennan, que leva sua vocação sagrada doa a quem doer mesmo que doa em si mesmo. Um homem do bem que segue caminhos tortuosos e pouco políticos, mas, ainda assim, respeitado pela sua fama, conquistada a malditas penas, que o precede. Distante do Vaticano, e das politicagens da Cúria, ele é chamado urgentemente pela Santa Sé.

A morte violenta de um Bispo é o aparente motivo de seu retorno. Sua vinda ao Vaticano não só abala os alicerces dos influentes bem como do próprio Brennan. Sua história pessoal, junto com os fatos sinistros que encontra, jogam o exorcista em uma teia de intrigas, política, culpa, arrependimentos e redenção. Não é uma história que se possa largar e dizer – ok, vou dormir – isso é impossível! Você vai ler insana e incansavelmente como fiz porque o mal não descansa e você não lhe dará essa oportunidade, ou dará?

Os desenhos de Martínez pactuam com as cores de Molina criando uma atmosfera maldita, sufocante, escura e cheia de sombras. Os segredos que poderão se esconder ali, somente a tenacidade de Brennan poderá clarear. Uma história que traz o peso de uma equipe maravilhosa.

Comentei a nacionalidade espanhola de Torres e, ele mesmo, em seu posfácio, acaba explicando sua influência sobre o argumento. Todo artista coloca suas referências em suas obras e não seria diferente com ele.

O visual do livro, sombrio e antigo, nos remete à velhas bibliotecas e tomos esquecidos. Mais um trabalho daqueles que você olha, respira fundo e pensa: como é bom ter esse quadrinho em minha estante! Um sorriso sutil surge ao canto da boca e não é para menos.

Uma editora séria que faça uma boa curadoria sempre será premiada pelas aquisições de seus leitores. A DarkSide Books tem todos os motivos para se orgulhar disso. Não conhecia o trabalho de nenhum dos envolvidos nessa obra. Já sou fã de todos eles. Essa é a resposta dos leitores ao excelente trabalho desenvolvido – confiança.

Venha conhecer essa história, pois o mal não descansa nunca!

Essa resenha foi publicada no blog Canto do Gárgula, em 10/10/2019

site: https://cantodogargula.com.br/2019/10/10/exorcismo-ritual-romano/
comentários(0)comente



Erika.Santos @literandofotos 10/10/2019

Incrível, polêmico e ousado.
John Brennan foi excomungado porque cometeu algo que vai contra as ações de um padre, porém um mal muito grande está assolando no Vaticano, algo que poderia abalar toda a igreja e a fé dos fiéis. Padre Brennan foi convidado para ir até lá Porque é um dos melhores exorcista.
.
Eu amei essa Graphic Novel! A melhor que já li até agora. Achei o tema muito ousado e não deixa de ser real, afinal quem é o Diabo ? O mal existe ou as pessoas que fazem o mal? Para uma pessoa extremamente católica essa HQ não vai funcionar, a crítica é uma verdadeira polêmica e eu dou nota 10.
Popeye 14/10/2019minha estante
Ele foi quase excomungado. Não chegamos a isso, mas mesmo assim o seu castigo foi o banimento, o que já é bem ruim.




Arthur Magnum Mariano 27/09/2019

The Power of Christ Compels you.
Vem ver a resenha aqui no meu IG: @literatourdeforce
comentários(0)comente



5 encontrados | exibindo 1 a 5