Melancia

Melancia Marian Keyes




Resenhas - Melancia


874 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |


@prislandya 15/10/2020

Maravilhoso
Clarie é abandonada pelo se marido, James, para ficar com sua vozinha e ele escolhe falar isso no dia de seu parto, ficando somente ela e sua filinha.
O livro já começa assim com esse choque, Clarie passa por varios sentimentos como insegurança ( se sente como uma Melancia por estar gorda), solidão, humilhação,desesperança, perda,traição e também perdão. Em um misto de sentimentos Clarie tenta seguir sua vida poir agora tem um bebe para ela cuidar, com isso James reaparece.
Vou dar um pequeno spoleir, mas vale a pena, no meio dessa história Clarie conheçe Adam um rapaz, estudante que quer se tornar amigo dela, se aproximar....
Pontos positivos: eu amei o livro, com certeza vou reler, a história é cativante fala sobre recomeços, cada emoção que Clarie passa você passa junto (sente), é uma história de superação que nós mostra que nenhuma decpeção grande pode derubar quando se quer seguir em frente. Eu não parei de ler até terminar e saber o que acontece e digo que as ultimas folhas te surpreende com o rumo da história.
Pontos Negativos: no começo da história ela fala que na Irlanda é impossivel se separar e isso some no livro é algo imperceptível.
Insta: @prislandya me segue lá!
comentários(0)comente



Day 14/10/2020

Bateu aquela vontade de reler pela centésima vez
Qual é o melhor momento para que um marido conte a mulher que vem a traindo a seis meses com uma visinha também casada? Parece que pra James, seu marido, é logo após você ter dado a luz a primeira filha do casal. O que fazer num momento de sofrencia como esse onde além de te trair ele pretende te abandonar? Bom, pra Claire a melhor decisão foi: voltar para a casa dos pais, beber e chorar. O que também não melhorou muito a situação tendo por vista a familia que ela tem (quem conhece a familia Walsh sabe bem do que to falando). O pior de tudo é quando você começa a superar, James chega com aquele " Oi Sumida" e acaba desgraçando ainda mais a coisa toda.
Se prepare pra rir muito, se emocionar e se apaixonar com essa aventura de mãe abandonada de primeira viagem, a bebê mais fofa que você ja viu, um crush deuso e a familia mais doida que você ama.
comentários(0)comente



isaquecomque 13/10/2020

Segurança, segurança! Mais uma criança crescendo sem pai!
Eu não sei explicar o quanto em sinto identificado com a trama. Não pela traição, pelo chifre, pela dor, pela agonia e falta de identidade e noção que se sente pós um término traumático e totalmente inesperado. Mas sim pela realidade empregada na história.

Ninguém é forte até precisar ser, né, Claire? Com certeza. E não se sabe o quanto esse livro é tão bom e fundamental até completa-lo.

Obrigado, Débora! Certamente uma das indicações mais incríveis desse ano tão difícil e cheio de situações inesperados que está sendo 2020.

Recomendo muito ir de coração aberto e com a mão na consciência, uma das grandes lições do livro está no começo, bem no plot twist inicial. E se achar difícil, lembre-se: agradeça ao que você acreditar, ou não, por não ter vivido o que a Claire e a Kate viveram.
comentários(0)comente



bruwinck 11/10/2020

Gostei!
Gostei, ela parece comigo. Para quem entende de personalidades a narradora deve ser uma ENFP.
A leitura é naquela vibe tranquila sem ser o melhor livro da vida, mas dá vontade de ler outros da autora.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Hellen 02/10/2020

Achei que o livro seria engraçado e leve e me decepcionei completamente, não esbocei uma mísera risada durante a leitura e não consegui desenvolver o mínimo de empatia pela personagem principal, ela é insuportável e egoísta.
Esse livro é uma perda de tempo
comentários(0)comente



Bárbara 01/10/2020

Amei!
Um dos meus queridinhos! Maravilhoso ver o desenrolar da história de Claire e perceber o quanto ela cresceu, amadureceu e se tornou mais forte, depois de tudo o que enfrentou, após ser deixada pelo marido assim que dera a luz!
comentários(0)comente



Maria Aparecida 18/09/2020

Um romance bastante divertido! Claire foi abandonada pelo marido no dia que deveria ser mágico na vida deles. Foi abandonada no dia do nascimento da sua filha Kate.
comentários(0)comente



Bel 18/09/2020

Um dos piores livros q eu já li. Só não o abandonei pq foi escolhido pelo meu clube do livro.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Yasmim 13/09/2020

Muito gostosinho!!!!! O tipo de livro que você não dá nada, pega pra ler só pra espairecer e termina em duas sentada

Me identifiquei com a Claire mais do que eu gostaria, dei umas risadas GENUÍNAS (e também acho que nunca fiquei tão puta da cara quando chegou naquela parte que quem leu vai entender do que eu tô falano), recomendo d+
comentários(0)comente



de.leitura por Vinicius Machado 12/09/2020

Liberdade é não ter mais nada a perder
O romance de estreia da autora nos traz a protagonista Claire, a qual acorda na cama do hospital após ter seu primeiro filho e encontra seu marido (e pai do bebê) postado aos pés da cama a observando. Entendendo como algum tipo de sinal de respeito, ela não imagina o que vem pela frente. ?Ouça, Claire, lamento muito, mas encontrei outra pessoa e vou ficar com ela. Desculpe pelo bebê e por deixar você assim desse jeito.? e sai pela pela porta (nada disso é spoiler, está tudo nas primeiras duas páginas)
.
Ao ser abandonada pelo marido e com um filho recém-nascido, Claire se muda de Londres para a casa dos seus pais em Dublin e passa a viver as dificuldades de ser uma mãe solteira vivendo na casa dos pais depois de muito tempo e ainda dividindo esse espaço com duas irmãs escalofobéticas. Parece uma história bem triste (e é), mas a autora transforma isso em muitos momentos de risada para o leitor, trazendo momentos hilários, reviravoltas e empatia a medida que você vai conhecendo os personagens.

Melancia é acima de tudo um romance sobre sobrepor adversidades. Engraçadíssimo, irreverente, ácido e sincero, é um livro impulsionado pela charmosa protagonista, com diálogos internos nada menos que icônicos, prometendo fazer você se deliciar na leitura.
comentários(0)comente



spoiler visualizar
comentários(0)comente



Thiara.Venancio 06/09/2020

Esperava mais...
Claire sofre bastante, bebe bastante e demora a sentir raiva do ex - o que eu sinto desde o primeiro paragrafo.
Apesar disso, e de quase ser manipulada, ela da a volta por cima.

O livro é bem simples e sinto que ela demora a se conectar com a filha. Acho que ela deixa a bebê de lado e pensa/fala muito dos homens da vida dela. Não tem nada de profundo na personagem.
Além disso, fala muito sobre sei corpo e do fato de estar gorda, sem explicar para leitoras que não tiveram filhos que isso é mais do que normal. O corpo cresce por nove meses, não vai voltar ao normal no dia seguinte ao que o bebê nasceu.
Acho ela pouco interessante é força o leitor a gostar de personagens chatos (como o próprio ex dela e a irmã, Hellen).
No fim, foi uma leitura interessante, mas esperava mais pelo tanto que falam do livro.
comentários(0)comente



Litera.Mente 02/09/2020

A história conta a vida de Claire, uma personagem completamente doida, que passa por um momento dificil de sua vida.
Ela acaba de dar a luz a sua filha (Kate), quando seu marido diz que tem um caso com a vizinha e que vão se separar. A partir daí Claire fica fora de si, volta a morar na casa dos pais e com muita dificuldade tenta superar seu término de relacionamento trágico. Com um constante mau humor, ela só consegue beber e cuidar de forma negligente da sua recém nascida.
A autora consegue contar essa triste história de uma maneira divertida, trazendo para nossa realidade o sofrimento de uma mulher comum e como ela consegue dar a volta por cima.

Esse foi o primeiro livro de uma série de livros da autora.

site: IG: litera_mente_oficial
comentários(0)comente



874 encontrados | exibindo 1 a 15
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 |