The Extraordinaries

The Extraordinaries TJ Klune




Resenhas - The Extraordinaries


5 encontrados | exibindo 1 a 5


Cristian 09/07/2021

Só fui perceber que esse livro foi feito pelo mesmo autor de The House In The Cerulean Sea no fim da leitura,apesar do estilo de escrita do autor ser bem presente nos dois.Mesmo que eu ache que THITCS seja um livro com menos defeitos,eu ainda sim gostei mais de The Extraordinaries.Talvez por conseguir me identificar mais com os problemas que esses personagens passam.

Os personagens são magníficos,cada um com uma personalidade muito bem construída,apesar de que às vezes eles nos irritem com escolhas imbecis.Mas isso é facilmente relevável levando em conta que estamos falando de personagens de 16 anos.

O autor consegue ter uma escrita bem na medida.Mesmo com muitos momentos descontraídos,a história consegue ter seus momentos mais sérios.O humor da história e o tom satírico foram feitos pra mim,não consegui largar o livro durante 2 dias até que eu conseguisse terminar.

A história é bem interessante,gostei da ideia de uma história de super-heróis mais pé no chão.
Mas não vou mentir que aqui é onde estão minhas maiores críticas.Senti que a história poderia ir por tantos lados mas o autor preferiu trabalhar com o mais previsível.Chega a ser anticlimático.Além dos momentos em que o protagonista não consegue perceber coisas óbvias.
Mesmo com os defeitos,acho essa uma história execpcional e que merece ser lida.
comentários(0)comente



Vitor 24/05/2021

Mixed feelings com esse aqui.

Eu amo a escrita do TJ. É tão fluida e tal divertida. Dei altas risadas diversas vezes. Você fica muito absorto na história e mesmo que a narração seja em terceira pessoa, se sente na cabeça do personagem. Tinha momentos em que eu sentia que minha mente tava começando a processar as coisas numa velocidade ultra acelerada que nem a mente do Nick ? Falar nele, o que tem de engraçado e atritivo, tem de burrice. Como ele me deixava frustrado! As coisas acontecendo debaixo do nariz dele e ele sem querer enxergar.

O plot é legal, mas também me frustrou. É bem previsível e em certo momento você acha que a historia vai seguir por um caminho mais surpreendente, mas não... acaba sendo só o que você esperava mesmo. Mesmo assim a leitura vale a pena. Inclusive, quero muito a continuação.

(gibby e jazz ??)
comentários(0)comente



Ceci 22/01/2021

Tj Klune é perfeito, fight me
O vilão literalmente fala "be gay, do crime"
Eu não preciso dar mais motivos pra ler esse livro
Só isso já faz ele ser Impecável
comentários(0)comente



Ali 13/08/2020

Super heróis + gays + momentos engraçados = TUDO PRA MIM!!
Quando eu tomei conhecimento desse livro eu me apaixonei completamente pela premissa dele, eu nem conhecia o autor, mas, sabia que precisava ler o livro, eu fui pesquisar um pouco sobre o autor e wow a minha vontade de ler basicamente dobrou! Para minha sorte consegui o ARC do livro na Netgalley e pude conferir a leitura que tanto me deixou ansioso.

Eu gostei bastante da escrita do T.J. Klune, a narrativa dele é bem gostosa e fluida, os personagens são bem desenvolvidos, extremamente divertidos e carismáticos. Eu gostei muito do direcionamento que o autor da a história, fazendo ela ser envolvente e em muitos momentos muito engraçada.

Eu adorei ver o crescimento do Nicky durante toda a história, não vou mentir que ele me irritou um bocado no começo do livro, ele é muito egocêntrico e egoísta, mas a evolução dele faz valer apena a chatice dele no começo do livro, isso sem contar claro em todos os momentos de vergonha alheia que ele nos proporciona eu que eu dei altas gargalhadas pelas situações em que ele se mete. Adorei os personagens secundários também, devo dizer que até mais do que gostei do protagonista, seus três amigos, Seth, Gibby e Jazz foram um completo deleite para mim, sempre trazendo o que era necessário para o momento da história, alem de sempre encarar as loucuras de Nicky. Seth foi o que mais amei, adorei revirar os olhos com a Gibby e Jazz tinha tudo para ser um esteriótipo, mas, ela vai muito além disso.

Esse foi o primeiro livro que a narração em primeira pessoa me incomodou um pouco, não que seja ruim, mas, Nicky não consegue perceber as coisas acontecendo a sua volta, mas, a gente que está lendo consegue, e claro bate aquela curiosidade sobre o que está acontecendo além da visão do narrador personagem. Inicialmente eu achei o livro bem previsível e acabei caindo do cavalo porque o autor debochou de mim e fez tudo diferente do que eu imaginei e eu amei isso!

Eu amei esse livro, tirando o estranhamento com o protagonista no começo, eu fiquei totalmente imerso e entretido com a história, dei doas risadas as companhando Nicky e sua boca grande, mas, também sofri com as suas dificuldades, o que mais gostei no livro é a forma como ele reforça a amizade, e que mesmo tendo sido magoado por uma pessoa que você ama, você pode e deve ajuda-la. Eu estou ansioso demais para que o segundo livro sai, o final foi simplesmente uma grande bomba explodindo em minha cara.
comentários(0)comente



Giu 27/04/2020

Uma leitura que vale a pena!
Um livro divertido, cheio de personagens incríveis e uma mensagem bonitinha sobre como podemos ser extraordinários mesmo sendo normais.

The Extraordinaries foi um livro que me fez chorar muito, rir muito , me fez querer guardar todos os personagens em um potinho e simplesmente uma aventura maravilhosa!

Para quem sente falta dos livros do Simon Snow e para quem é fã de superheróis, Extraordinaries é o livro para se esperar em julho! Para quem ama romances gays fofinhos, slow-burns cheio de pessoas se gostando a distância e com medo de expressar seus sentimentos, esse DEFINITIVAMENTE é o livro para se esperar em julho
comentários(0)comente



5 encontrados | exibindo 1 a 5