Luz em Agosto

Luz em Agosto William Faulkner


Compartilhe


Luz em Agosto


Light in August




O terceiro livro de William Faulkner publicado pela Cosac Naify em nova tradução é um romance de arquitetura complexa. A ruptura com a linearidade desconcerta o leitor. O tempo é estilhaçado e é pela valorização dos estilhaços que Faulkner multiplica os pontos de vista, iluminando figuras sublimes e grotescas. Da atmosfera de violência e horror do Mississippi surgem personagens profundamente humanas: o assassino dilacerado pela herança de sangue; a mulher de família abolicionista hostilizada por uma cidade orgulhosa de seu passado escravocrata; o pastor refém de um passado familiar de violência e glória; o brutal defensor da lei; o casal de velhos atormentados pelo fantasma do neto; o homem solitário que pensou estar livre das desgraças, e dos encantamentos, de amar; a jovem decidida e ingênua.



Mas a história não termina aí. Toda a maestria da construção de Luz em Agosto se confirma no último capítulo, numa reviravolta narrativa que o consagrou definitivamente. O leitor, guiado por Faulkner, encerra o livro em estado de assombro. Viveu intensamente o horror, tomou contato com os recônditos da alma. Percebeu o passado como um inimigo que não dá trégua. Será assombrado por imagens poderosas. Um livro que não tem fim.

Drama / Literatura Estrangeira

Edições (5)

ver mais
Luz em Agosto
Luz em Agosto
Luz em Agosto
Luz em Agosto

Similares

(26) ver mais
Absalão, Absalão!
Santuário
O Companheiro de Viagem
O VERMELHO E O NEGRO

Resenhas para Luz em Agosto (19)

ver mais
Como Abrir Janelas para o tempo, o fracasso a memória e a morte
on 18/2/14


Sou urbano. Citadino. Eminentemente ligado às avenidas e ao concreto/fumaça que poluem rios, sistemas pulmonares e etc. (Hoje o trânsito insano já me faz pensar com mais vagar em outras paragens...) Mas William Faulkner dobrou este leitor umbilicalmente atado à cena urbana. Há, em Faulkner, uma dívida evidente à modorrenta vida rural, especificamente no Sul dos EUA. A tragédia grega e a retórica bíblica são dois traços inarredáveis: destino, fatalidade, fortuna - o narrador faulkneria... leia mais

Estatísticas

Desejam241
Trocam1
Avaliações 4.5 / 362
5
ranking 63
63%
4
ranking 28
28%
3
ranking 7
7%
2
ranking 2
2%
1
ranking 0
0%

47%

53%

Justi
cadastrou em:
18/01/2009 18:40:15