Mentiras

Mentiras Felipe Franco Munhoz


Compartilhe


Mentiras





Os deuses da literatura advertem que não é recomendável escrever romances maiores do que a vida antes dos 30 anos. E quando alguém propõe um diálogo, em todas as acepções da palavra, com Philip Roth, para muitos o maior escritor vivo em língua inglesa? E ainda mais em um romance de estreia?

Pois é exatamente isso que Felipe Franco Munhoz nos entrega em ‘Mentiras’. Seu ambicioso objetivo é tecer, com a ajuda das mãos de Roth, o livro-travesseiro da sua vida, um travesseiro tecido com a coloração perfeita do fio.

Seria um tanto reducionista afirmar que Philip Roth é apenas o alter ego ou o duplo de Felipe. E tampouco ele e sua obra é somente aquele/aquilo com quem se ‘conversa’ nas tardes de um café imaginário. Ao desaparecer um dentro do outro, eles são, a um só tempo, autor, personagem e leitor na construção deste romance de admirável fluidez formal, que nos remete não somente ao modernismo anglo-saxão, mas também aos exercícios do nouveau roman e à dramaturgia de Pirandello.

Por sua vez, as personagens-títeres Thaís e Marina representam, em seus contrastes, a dicotomia daquilo que se costumava chamar de tradição judaico-cristã, o que certamente é um espelhamento às avessas de um dos temas recorrentes da obra de Roth, com seus judeus às voltas com shiksas.

Mas tanto elas, quanto os Felipes ou nós, os leitores, todos somos lembrados da experiência da alteridade por excelência que é a forma romanesca. ‘Mentiras’ é um instigante e erudito work in progress, conduzido com irresistível malícia, a ‘palavra-pirâmide’ que, não por acaso, é a preferida do autor. Em suma: um misto delicioso de diversão e arte.

Literatura Brasileira

Edições (1)

ver mais
Mentiras

Similares

(11) ver mais
Livro dos novos
Indignação
O animal agonizante
A Humilhação

Resenhas para Mentiras (1)

ver mais
Autor promissor, ideia brilhante
on 2/3/17


Achei a leitura de "Mentiras" muito agradável, por vários motivos: 1) trata-se de autor contemporâneo super jovem (uma promessa, ao meu ver); 2) Numa proposta metalinguistica muito bem pensada, o próprio autor se insere na obra, construindo o romance com o apoio do renomado (e um dos meus queridinhos) Philip Roth! Sim, eles se "encontram" e conversam a respeito do romance enquanto vai sendo escrito. Os capítulos, se é que posso nominar desta forma, são curtinhos, pois a história narra... leia mais

Vídeos Mentiras (3)

ver mais
Literatorios #113 - Felipe Franco Munhoz [Mentiras]

Literatorios #113 - Felipe Franco Munhoz [Men

Literatorios #112 - Mentiras

Literatorios #112 - Mentiras

Ep. #75: Mentiras, de Felipe Franco Munhoz

Ep. #75: Mentiras, de Felipe Franco Munhoz


Estatísticas

Desejam14
Trocam1
Avaliações 3.6 / 10
5
ranking 50
50%
4
ranking 10
10%
3
ranking 10
10%
2
ranking 10
10%
1
ranking 20
20%

47%

53%

Alexsandra
cadastrou em:
18/09/2016 16:01:48