Mulheres

Mulheres Eduardo Galeano


Compartilhe


Mulheres





Mulheres protagonistas da história e mulheres esquecidas por ela; mulheres que sonham e mulheres castigadas por sonhar; mulheres que sobrevivem e mulheres que nos ajudam a sobreviver. As mulheres que atravessam os relatos de Eduardo Galeano comovem por sua determinação, sua desobediência constante e também por sua fragilidade.

Galeano compartilha a intensidade de personagens femininos marcados pelo peso de uma causa, como Joana d’Arc, Rosa de Luxemburgo, Eva Perón ou as Mães da Praça de Maio; pela sua própria formosura e talento, como Marilyn Monroe, Rita Hayworth, Frida Kahlo, Alfonsina Storni, Camille Claudel ou Josephine Baker. Mas também compartilha as façanhas coletivas de mulheres anônimas: aquelas que lutaram na Comuna de Paris, as que impregnam os templos africanos da Bahia com seus cânticos, as que – num prostíbulo da Patagônia argentina – se negaram a receber os soldados que tinham reprimido a greve dos peões. Como a personagem que abre o livro, a Sherazade de As mil e uma noites que a cada jornada contava uma nova história ao rei para permanecer viva, Galeano entrega em cada relato sua maestria de narrador oral e de artesão da linguagem, para conjurar o esquecimento mas também para celebrar a experiência daquelas que nunca se resignam.

O autor recebeu diversos prêmios pela sua obra:

Prêmio Casa de las Américas (Cuba)
Prêmio do Ministério de Cultura do Uruguai (Uruguai)
Premio Stig Dagerman 2010 (Suécia)
Premio Alba de las letras 2013 (Cuba)

Crônicas / Literatura Estrangeira

Edições (4)

ver mais
Mulheres
Mulheres
Mulheres
Mulheres

Similares

(18) ver mais
Mulheres que não sabem chorar
Dias e Noites de Amor e de Guerra
As palavras andantes
Bocas do Tempo

Resenhas para Mulheres (17)

ver mais
A culpa e o reconhecimento

O uruguaio Eduardo Galeano é um mestre da narrativa curta e neste "Mulheres" o leitor será apresentado a uma antologia com textos que provocam as mais variadas sensações. As breves narrativas, espalhadas antes em outros livros do autor, mostram formar aqui uma unidade poderosa. Galeano tenta puxar para si a terrível culpa que todos nós, homens, carregamos. Ele mostra que, na maioria das vezes, a fragilidade masculina negligencia a genialidade feminina. Para tal efeito, somos apres... leia mais

Estatísticas

Desejam124
Trocam2
Avaliações 4.3 / 428
5
ranking 49
49%
4
ranking 33
33%
3
ranking 17
17%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

25%

75%

Jenifer
cadastrou em:
24/05/2019 12:08:40

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR