Nascidos em Tempos Líquidos

Nascidos em Tempos Líquidos Zygmunt Bauman


Compartilhe


Nascidos em Tempos Líquidos





Pouco antes de falecer, aos 91 anos, Zygmunt Bauman trocava intensa correspondência com um jovem jornalista italiano. A diferença de idade entre eles era de 60 anos exatamente. Neste diálogo com Thomas Leoncini, Bauman reflete sobre o mundo das gerações que desde o berço pertencem a uma sociedade líquida e em contínua mudança. A partir de experiências distintas, eles conversam a respeito dos mais diversos fenômenos da cultura atual: cirurgia plástica, tatuagens, hipsters, bullying, web, dinâmicas sexuais e amorosas na era das mídias sociais.

Tudo isso é analisado nesta obra breve e fulgurante, que ultrapassa fronteiras geracionais. Com inegável espírito jovem, Bauman visita também temas fundamentais de seu pensamento, como a sociedade de consumidores, a fragilidade dos laços humanos, os conceitos de comunidade e identidade, e a conciliação entre liberdade e segurança. Uma reflexão sobre as gerações surgidas na sociedade líquida e em constante mudança.

Sociologia

Edições (1)

ver mais
Nascidos em Tempos Líquidos

Similares

(45) ver mais
Amor Líquido
Modernidade Líquida
Bauman sobre Bauman
Vida Líquida

Estatísticas

Desejam43
Trocam1
Avaliações 3.8 / 48
5
ranking 31
31%
4
ranking 40
40%
3
ranking 21
21%
2
ranking 6
6%
1
ranking 2
2%

40%

60%

Carlos.Eduardo
cadastrou em:
30/07/2018 17:27:43