Névoa

Névoa Miguel de Unamuno


Compartilhe


Névoa





Considerada a obra-prima metalinguística para a qual convergem todos os estilos literários praticados pelo escritor, filósofo e ensaísta Miguel de Unamuno ao longo de sua vida, esta aventura picaresca questiona a finitude da vida e pinta um retrato comicamente desesperador da luta entre o homem e seu destino. Névoa representa mais uma incursão das letras espanholas no terreno do Cervantes de Dom Quixote (1605) e do Calderón de la Barca de A vida é sonho (1636), dissolvendo a fronteira entre realidade e ficção.

Dom Augusto Pérez acredita viver em um mundo indefinido e nebuloso após a morte de sua mãe, até que um doce par de olhos femininos cruza seu caminho. Tem início, então, a perseguição da mulher ideal — aquela que irá “sonhar com ele o mesmo sonho” —, um verdadeiro jogo de forças que lembra as partidas de xadrez que dom Augusto trava no clube com seu melhor amigo.

É com ele que dom Augusto aprende o conceito da nivola, que permeia toda a história: um novo tipo de novela escrita por seu confidente, em que o enredo, formado basicamente de diálogos, se faz à medida que se escreve, sem roteiro definido, e no qual predomina a farsa. Tomado pela frustração, o herói unamuniano duvida de sua própria existência, sem saber que, mais do que existir, é sonhado por um outro alguém.

Literatura Estrangeira / Romance

Edições (2)

ver mais
Névoa
Névoa

Similares

(7) ver mais
A História Maravilhosa de Peter Schlemihl
Viagem ao redor do meu quarto
O último dia de um condenado à morte
Teresa Raquin

Resenhas para Névoa (4)

ver mais
[há "spoleirs"!]
on 20/8/10


Niebla, do espanhol Miguel de Unamuno, é uma de suas obras de ficção mais estudada e trata, entre outras, sobre sonho e vida. Essa névoa que tentamos romper na realidade são nossos sonhos ou aquela névoa irrompendo nos sonhos é a vontade própria da vida? Qual seria "A carne de meu espírito, o espírito de minha carne", a consciência de mim no véu nebuloso do sonhos dos outros? Começa com um prólogo de um escritor ainda desconhecido: Já que de hábito um grande vulto nos apresenta um esc... leia mais

Estatísticas

Desejam31
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 4.1 / 41
5
ranking 39
39%
4
ranking 39
39%
3
ranking 17
17%
2
ranking 5
5%
1
ranking 0
0%

51%

49%

fbonillo
cadastrou em:
10/09/2012 00:46:52
Cioran E.
editou em:
26/05/2018 02:47:13