O Anão

O Anão Pär Lagerkvist


Compartilhe


O Anão





O anão Picolino é o bobo da corte de um príncipe italiano da Renascença. Por um lado, seu trabalho é puxar o saco, agradar e divertir os nobres. Por outro, Picolino tem um verdadeiro ódio por todos eles, um desprezo quase que do tamanho do mundo. Pouco a pouco, ele vai se imiscuindo das politicagens da corte, tendo cada vez mais e mais oportunidades de exercer seu sadismo, vingando-se de quem o faz de monstro.

Pela originalidade do tema e maestria na execução, O Anão é uma das melhores obras sobre o Mal, a inveja e o desprezo.

Edições (3)

ver mais
O Anão
O Anão
O Anão

Similares

(1) ver mais
Suspeita

Resenhas para O Anão (3)

ver mais
Picolino mas perigoso...
on 7/10/14


O sueco Par Lagerkvist (1891-1974) recebeu o Nobel de Literatura de 1951, sete anos após a publicação de O Anão, considerada sua obra-prima dentre uma produção artística dividida entre dramaturgia, ensaio e romance. O Anão é sobre Picolino, sujeito verticalmente prejudicado, o bobo de uma suntuosa corte renascentista italiana, que narra, em forma de crônica, tudo o que vê, ouve e faz. E ele faz muitas intrigas e comete inúmeras maldades. Tanto que a obra de Lagerkvist é tida como um r... leia mais

Estatísticas

Desejam39
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 4.2 / 25
5
ranking 44
44%
4
ranking 36
36%
3
ranking 20
20%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

56%

44%

nanda
cadastrou em:
23/01/2009 12:00:06