O Direito à Preguiça

O Direito à Preguiça Paul Lafargue


Compartilhe


O Direito à Preguiça





“Uma estranha loucura se apodera das classes trabalhadoras das nações onde reina a civilização capitalista. Essa loucura traz em seu rastro misérias individuais e sociais que, durante séculos, torturaram a triste humanidade. Essa loucura é o amor ao trabalho, a paixão moribunda pelo trabalho, levada ao ponto da exaustão das forças vitais do indivíduo...”

Direito à Preguiça é, depois do próprio Manifesto Comunista, o texto marxista mais popular do século XIX. Paul Lafargue, o genro cubano de Karl Marx, completa a palavra de ordem lançada pelo sogro: trabalhadores de todo o mundo, unam-se e trabalhem menos!

O clássico que, com humor e erudição, demoliu a chamada “ética do trabalho” em uma edição anotada e com o também já clássico prefácio de Marilena Chaui.

Edições (7)

ver mais
O Direito à Preguiça
O Direito à Preguiça
O Direito à Preguiça
O direito à preguiça

Similares

(1) ver mais
Marx pelos marxistas

Resenhas para O Direito à Preguiça (13)

ver mais
mt bom
on 12/5/22


li pra uma unidade curricular da universidade e achei que seria uma das várias leituras cansativas e com termos acadêmicos, mas na verdade foi uma leitura super tranquila. em alguns momentos foi sim cansativo, mas ao todo foi muito bom! ótimo pra refletir sobre o trabalho antigo e atual, como várias coisas não mudaram e, de certa forma, até pioraram no sistema capitalista moderno, visto que o salário mínimo mal da pra uma alimentação adequada, fazendo com que o trabalhador venda sua fo... leia mais

Estatísticas

Desejam91
Trocam1
Avaliações 3.9 / 201
5
ranking 34
34%
4
ranking 36
36%
3
ranking 21
21%
2
ranking 5
5%
1
ranking 2
2%

38%

62%

Carlos.Eduardo
cadastrou em:
21/12/2021 02:10:58
Maria
editou em:
03/02/2022 09:54:29

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR