O fim do mundo antigo e o princípio da Idade Média

O fim do mundo antigo e o princípio da Idade Média Ferdinand Lot


Compartilhe


O fim do mundo antigo e o princípio da Idade Média





A queda do Império Romano, as invasões bárbaras e a expansão do cristianismo originaram uma mentalidade nova, estabelecendo uma ruptura entre o homem da antiguidade e o homem dos novos tempos: o fim do mundo antigo. Contudo, estes períodos históricos não devem ser entendidos de forma autónoma, estanque, como durante muito tempo a historiografia tradicional fez, antes como um processo natural de continuidade histórica. Pioneiro do conceito de Antiguidade Tardia, Lot afirma: «Não se pode compreender a Idade Média se não remontarmos ao Baixo Império Romano». Pondo a tónica na análise económica e social, também neste campo Ferdinand Lot foi um inovador.

Edições (1)

ver mais
O fim do mundo antigo e o princípio da Idade Média

Similares


Estatísticas

Desejam9
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 4.2 / 6
5
ranking 50
50%
4
ranking 33
33%
3
ranking 0
0%
2
ranking 17
17%
1
ranking 0
0%

62%

38%

Eduardo
cadastrou em:
02/02/2010 11:15:42