O lado que não era visível para quem estava na estrada

O lado que não era visível para quem estava na estrada Luís Roberto Amabile


Compartilhe


O lado que não era visível para quem estava na estrada





A estrada da arte do conto tem muitos lados. É o que nos mostra este extraordinário livro em que as estratégias narrativas se alternam, mas nunca deixam de ser eficazes. O poder da prosa de Luís Roberto Amabile vai além da verticalidade do conto clássico, das tramas cheias de ações e tensão. Não é que faltem tais características – os contos são intensos –, mas há algo mais, uma força oculta na tessitura da texto. Essa força, eu arriscaria dizer, está em uma narração que, de maneira subliminar, envolve o leitor como se ele estivesse ouvindo um amigo lhe contar uma história na mesa do bar. E, de modo quase encantatório, quando a história parece estar se desgarrando, como um automóvel que sai da estrada, é nesta saída, é fora da estrada, que encontramos o conto.

Nestes textos, o conto se constrói a partir de uma certa lateralidade que quando menos se espera faz emergir um detalhe, aparentemente desconexo, que acaba por dar todo o sentido ao texto, como no excelente conto que dá título ao livro. Se as formas de narrar se alternam, o tom e a própria forma do conto também variam. Alguns são amargos, permeados pela melancolia. Outros são divertidos. Uns mais longos, outros breves e cortantes. O que permanece constante é a qualidade e a inventividade, sobretudo, a segurança com que Amabile conduz o leitor pelo universo de suas ficções. Um universo que gira em torno das relações familiares, amorosas, do fracasso (nestes mesmos relacionamentos, na vida profissional) e até da literatura, por meio da aparição, como projeções, quase como fantasmas, de escritores – ou do escritor que, num sutil e muito sedutor jogo de espelhos, surge por trás de tudo isto. Ou do outro lado. É desta parte, do não-todo visível, e com notável maestria, que Luís Roberto Amabile nos revela uma grande obra.

Amilcar Bettega

Contos / Ficção / Literatura Brasileira

Edições (1)

ver mais
O lado que não era visível para quem estava na estrada

Similares


Estatísticas

Desejam4
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 3.8 / 4
5
ranking 50
50%
4
ranking 0
0%
3
ranking 50
50%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

67%

33%

Jenifer
cadastrou em:
02/12/2020 14:55:20
Jenifer
editou em:
02/12/2020 14:55:32

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a Política de Privacidade. ACEITAR