O Livro Negro da Revolução Francesa

O Livro Negro da Revolução Francesa Pe. Renaud Escande...


Compartilhe


O Livro Negro da Revolução Francesa





A Revolução Francesa de 1789 é normalmente descrita como um acontecimento glorioso, libertador e fraternal, que significou o triunfo de uma Razão há longo tempo amadurecida e desejada na Europa e que destruiu o mundo do Ancien Régime. Mas o acontecimento que é apontado como o fundador de valores como a Liberdade, Igualdade e Fraternidade, representou, simultaneamente, um dos mais sangrentos períodos da história contemporânea, com marcas que perduram até aos dias de hoje.

O Livro Negro da Revolução Francesa não pretende "branquear" fatos. É inegável que a extrema violência que este acontecimento gerou - e que, no entanto, se reclama como sendo um produto das Luzes - deixou marcas indeléveis em sucessivas gerações no mundo ocidental.

Este livro pretende apresentar uma visão não só da Revolução Francesa, mas também dos processos revolucionários globalmente considerados, oferecida por trabalhos e reflexões críticas com um valor e autoridade que são, frequente e precipitadamente, recusados, mas que têm sido fundamentais para a desconstrução da mitologia revolucionária.

Das perseguições religiosas aos tribunais do Terror, da guerra civil à destruição de obras de arte, o leitor poderá, com o presente livro, ganhar uma nova perspectiva sobre um dos acontecimentos mais marcantes da História.

História / Não-ficção / Política / Sociologia

Edições (1)

ver mais
O Livro Negro da Revolução Francesa

Similares

(17) ver mais
O Livro Negro do Comunismo
As aventuras de Karl Marx contra o barão de Munchhausen
Revolta e Melancolia
Romantismo e política

Estatísticas

Desejam68
Trocam1
Avaliações 4.3 / 3
5
ranking 67
67%
4
ranking 0
0%
3
ranking 33
33%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

71%

29%

Cioran E.
editou em:
03/07/2017 20:39:16