O que Freud dizia sobre as mulheres

O que Freud dizia sobre as mulheres José Artur Molina

Compartilhe


O que Freud dizia sobre as mulheres





No século XIX Viena assiste uma verdadeira revolução social, política e cultural. Surge a psicanálise que encontrou neste momento e neste lugar condições privilegiadas para seu nascimento. Freud construiu uma teoria singular com conceitos como inconsciente, pulsão e um método que incluía a escuta, associação livre e transferência. As histéricas foram as protagonistas desta criação. O olhar atento e solidário de Freud encontra a razão do sofrimento delas: o cerceamento de seus desejos. A psicanálise revoluciona o tratamento das histerias, mas na proposição do conceito de feminino se enclausura numa lógica fálica. Assim, a conselho do mestre, fomos olhar a política, a sociedade de Viena, a literatura de Schnitzler e a pintura de Klimt para poder entender o porquê da insistência fálica do criador da psicanálise

Edições (2)

ver mais
O que Freud dizia sobre as mulheres
O que Freud dizia sobre as mulheres

Similares


Resenhas para O que Freud dizia sobre as mulheres (3)

ver mais
Bom livro
on 19/3/14


"As mulheres histéricas foram as protagonistas deste livro. Freud encontra a razão do sofrimento delas: o cerceamento de seus desejos e concluiu que muito pior que a repressão era a grande rejeição sofrida por elas, e consegue realizar uma síntese de idéias e mudanças de concepção que afetaram firmemente seu tempo. Todavia, isso não o impediu de limitar suas conclusões frente à imperativos de sua época."... leia mais

Estatísticas

Desejam6
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 3.5 / 13
5
ranking 15
15%
4
ranking 38
38%
3
ranking 38
38%
2
ranking 0
0%
1
ranking 8
8%

16%

84%

Jéssica
cadastrou em:
18/06/2012 23:59:34