Onze

Onze Bernardo Carvalho


Compartilhe


Onze





Onze pessoas brincando de morto-vivo num sítio no interior do Rio de Janeiro prefiguram o destino de um menino que não consegue ver os artigos definidos, de um pintor holandês que vem ao Rio de Janeiro para enfrentar seu derradeiro desafio e de outras onze figuras envolvidas num acidente no aeroporto de Paris. Para apreender a complexa trama que aproxima personagens tão díspares, Bernardo Carvalho criou uma ficção, obcecada pelo sentido do duplo, e repleta de coincidências e desatinos. Uma história que ilumina de modo atualíssimo nossa capacidade de conceber o destino, num mundo onde tudo se move a uma velocidade surpreendente.

Edições (1)

ver mais
Onze

Similares

(13) ver mais
Mongólia
O mundo fora dos eixos
Aberração
Nove Noites

Resenhas para Onze (1)

ver mais
Linhas invisíveis
on 19/1/15


“Um fio vermelho invisível que conecta os que estão destinados a conhecer-se, independentemente do tempo, lugar ou circunstância. O fio pode esticar-se ou emaranhar-se mas jamais se quebrará”. Esta é a antiga lenda chinesa do Fio Vermelho do Destino (Akai Ito). O romance Onze (1995), de Bernardo de Carvalho, também possui um fio conector invisível e segue o mesmo padrão. Bernardo de Carvalho é carioca. Nascido em 1960, é escritor e jornalista. Debutou sua carreira literária em 1993 co... leia mais

Estatísticas

Desejam8
Trocam1
Avaliações 3.9 / 34
5
ranking 29
29%
4
ranking 35
35%
3
ranking 26
26%
2
ranking 9
9%
1
ranking 0
0%

49%

51%

Samir
cadastrou em:
16/08/2009 22:10:58