Orlando Furioso

Orlando Furioso Ludovico Ariosto


Compartilhe


Orlando Furioso





Em tempos loucos de guerra, o amor transforma um homem sensato em louco furioso. Desde o título, a loucura aparece nesta obra prima da poesia italiana (primeira edição em 1516, edição definitiva em 1532). Canto da loucura que levanta polêmicas no Renascimento, quando as regras racionais pretendem impor-se até a poesia. Mas Ludovico Ariosto surpreende com a lucidez do olhar que descobre, com um sorriso, que razão e loucura são inseparáveis. Inseparáveis mesmo em figuras exemplares da tradição medieval. É o caso do guerreiro Orlando, que por amor a Angélica, bela princesa oriental, deixa o exército cristão de Carlos Magno e começa a busca que o enlouquecerá. É também o caso das demais figuras deste poema, sempre à procura de miragens.

Edições (4)

ver mais
Orlando Furioso
Orlando Furioso
Orlando Furioso
Orlando Furioso

Similares

(4) ver mais
 Orlando Furioso
Eurico, o presbítero
Dom Quixote de La Mancha
Eurico,o Presbítero

Resenhas para Orlando Furioso (1)

ver mais
Intenso épico de cavalaria, com um quê de fantasia - A Obra que inspirou "Os Lusíadas
on 9/1/19


Ludovico foi colossal a tal ponto que é a maior influência de "Os Lusíadas", de Camões, e mais especialmente de "Dom Quixote", de Cervantes. A primeira, inclusive, é escrita na mesma forma de Oitava Real (Oito versos alternados e rimados) de "Orlando Furioso"; e a segunda fala da loucura de maneira que evoca claramente suas raízes. Além de formar as bases para outros colossos, Orlando Furioso parte do ponto onde Boiardo, Matteo Maria Boiardo parou seu "Orlando Innamorato". Narrando ... leia mais

Vídeos Orlando Furioso (1)

ver mais
Orlando Furioso - Ludovico Ariosto

Orlando Furioso - Ludovico Ariosto


Estatísticas

Desejam34
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 4.5 / 22
5
ranking 64
64%
4
ranking 18
18%
3
ranking 18
18%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

59%

41%

Nara Jr
cadastrou em:
11/09/2009 10:25:50