Os Robôs vão roubar seu trabalho, mas tudo bem

Os Robôs vão roubar seu trabalho, mas tudo bem Frederico Pistono


Compartilhe


Os Robôs vão roubar seu trabalho, mas tudo bem


Como sobreviver ao colapso econômico e ser feliz




"Você está prestes a se tornar obsoleto. Você acha que é especial, único, e que é impossível substituí-lo naquilo que está fazendo. Você está errado. Enquanto falamos, milhões de algoritmos criados por cientistas da computação estão funcionando freneticamente em servidores de todo o mundo com um único propósito: fazer o que os humanos podem fazer, mas melhor."

Este é o argumento para um fenômeno chamado "desemprego tecnológico" que assombra a sociedade moderna. Mas seria essa uma ameaça real ou apenas uma fantasia futurística? O que acontecerá conosco nos próximos anos e o que podemos fazer para evitar uma crise catastrófica nas relações de trabalho?

O livro de Federico Pistono, que rapidamente se tornou um sucesso internacional, explora o impacto dos avanços tecnológicos em nossa vida, o que significa ser feliz e dá sugestões de como evitar um possível colapso total do sistema.

Administração / Literatura Estrangeira

Edições (1)

ver mais
Os Robôs vão roubar seu trabalho, mas tudo bem

Similares

(5) ver mais
Colapso
O fim dos Empregos
A Segunda Era das Máquinas
O Otimista Racional

Resenhas para Os Robôs vão roubar seu trabalho, mas tudo bem (1)

ver mais
2 weeks ago


O livro começa bem, mas se perde do meio para a frente. Ou seja, até a parte em que os robôs vão roubar nosso trabalho é uma boa leitura, porém em relação ao "mas tudo bem" a coisa se degringola, não havendo soluções bem pensadas e razoáveis por parte do autor em relação aos problemas por ele antes apontados. Vejamos alguns pontos importantes e negligenciados: - se a automação cada vez maior dos empregos vai nos deixar todos desempregados, vamos ter alguma renda por parte do Estado ou... leia mais

Estatísticas

Desejam17
Trocam1
Avaliações 3.4 / 7
5
ranking 14
14%
4
ranking 29
29%
3
ranking 43
43%
2
ranking 14
14%
1
ranking 0
0%

70%

30%

Beatriz Soares
cadastrou em:
03/07/2017 15:36:00
Beatriz Soares
aprovou em:
03/07/2017 15:36:40