Parcerias na Administração Pública

Parcerias na Administração Pública Maria Sylvia Zanella Di Pietro


Compartilhe


Parcerias na Administração Pública


Concessão, Permissão, Franquia, Tercerização, Parceria Pùblico-Privada e outras Formas




O tema da parceria é tratado a partir do instituto da privatização, em cujo bojo e sob cujo fundamento se inserem as várias inovações trazidas para o mundo do direito, em especial o Direito Administrativo. São analisadas algumas das principais modalidades de parceria entre os setores público e privado, como a concessão de serviço público tradicional, a permissão de serviço público, as duas modalidades de parceria público-privada (concessão patrocinada e concessão administrativa), a franquia, a terceirização, o contrato de gestão e o convênio, procurando mostrar quais as modalidades cabíveis em função do tipo de atividade em que o Estado quer a parceria com o particular.

São analisadas ainda algumas formas de parceria que ficam na zona fronteiriça do direito, à medida que se revestem de aparência de legalidade para ocultar a real intenção de fugir ao regime jurídico de direito público a que estariam sujeitas.
Esta edição atualizada a legislação citada, reformulando alguns capítulos em função do instituto da parceria público-privada, introduzido e disciplinado pela Lei nº 11.079, de 30 de Dezembro de 2004.

Edições (2)

ver mais
Parcerias na Administração Pública
Parcerias na Administração Pública

Similares


Estatísticas

Desejam1
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 4.0 / 2
5
ranking 50
50%
4
ranking 0
0%
3
ranking 50
50%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

24%

76%

Márcia
cadastrou em:
20/10/2011 00:20:52