Por Que Gritamos Golpe?

Por Que Gritamos Golpe? Ciro Gomes
Guilherme Boulos
Laerte Coutinho
Jandira Feghali


Compartilhe


Por Que Gritamos Golpe? (Tinta Vermelha)


Para entender o impeachment e a crise política no Brasil




A obra incita o amadurecimento do debate público sobre a crise política no Brasil e proporciona ao leitor as mais diversas análises sobre a dinâmica do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff, dentro de uma perspectiva multidisciplinar e de esquerda. Os textos que compõem a coletânea buscam desenhar uma genealogia da crise política, entender as ameaças que se colocam à democracia e aos direitos conquistados pela Constituição de 1988 e apontar caminhos de superação de nossos impasses políticos. São mais de 30 autores, entre pesquisadores, professores, ativistas, representantes de movimentos sociais, jornalistas e figuras políticas. Os ensaios são ilustrados por charges da cartunista Laerte (publicadas originalmente pelo jornal Folha de S.Paulo) e por fotografias do coletivo Mídia NINJA. Por que gritamos Golpe? é o quinto título da coleção Tinta Vermelha, que aborda perspectivas variadas sobre temas atuais, dando sequência às coletâneas Occupy- movimentos de protesto que tomaram as ruas (2012), Cidades rebeldes- Passe livre e as manifestações que tomaram as ruas do Brasil (2013), Brasil em jogo- o que fica da Copa e das Olimpíadas? (2014) e Bala Perdida- a violência policial no Brasil e os desafios para sua superação (2015).

Política

Edições (1)

ver mais
Por Que Gritamos Golpe?

Similares

(32) ver mais
A Resistência ao Golpe de 2016
Golpe
A radiografia do golpe
Occupy

Resenhas para Por Que Gritamos Golpe? (11)

ver mais
on 28/8/16


Eis um livro que pode nos enganar. Há um grande número de autores aqui, cada um destacando um aspecto do suposto golpe contra a democracia pelo qual o país está passando. Um livro assim poderia nos fazer supor que não há muito aqui para se prestar atenção e que no fundo não passa de mero panfleto. Mas não é bem assim, precisamos entender qual a sua verdadeira intenção. Repleto de “liberdades” em relação à história e ao momento presente, nosso primeiro impulso é jogar o livro de lado... leia mais

Estatísticas

Desejam64
Trocam3
Avaliações 3.9 / 182
5
ranking 32
32%
4
ranking 44
44%
3
ranking 16
16%
2
ranking 5
5%
1
ranking 3
3%

41%

59%

Elaine
cadastrou em:
23/06/2016 22:13:55
Lígia
editou em:
16/07/2018 03:39:58