Precisamos falar sobre a morte

Precisamos falar sobre a morte Kathryn Mannix


Compartilhe


Precisamos falar sobre a morte


HISTÓRIAS E REFLEXÕES SOBRE A ARTE DE VIVER E MORRER.




“Este é um livro sobre a morte, mas também sobre a alegria. Não há muitos livros que fazem você mudar a maneira como vê o mundo. Este é um deles.

Ele vai fazer você querer viver e amar melhor. Vai fazer você querer ser mais gentil e apreciar cada momento precioso de sua preciosa vida.” ― The Sunday Times

Neste livro único e transformador, Kathryn Mannix, médica pioneira em cuidados paliativos, mostra o poder terapêutico de abordar a morte não com ansiedade, mas com abertura, clareza e compreensão.

“Este livro contém histórias baseadas em acontecimentos reais.

A intenção é permitir que o leitor ‘vivencie’ o que acontece quando as pessoas se aproximam do fim da vida: como lidam com isso; como vivem; o que mais importa para elas; como o processo da morte evolui; o que é um leito de morte; como as famílias reagem.

Como estive diante da morte milhares de vezes, concluí que há pouco a temer e muito a preparar.

Infelizmente, costumo encontrar pacientes e famílias que acreditam no oposto: que a morte é terrível e que falar sobre ela ou preparar-se para ela será triste ou assustador.

O objetivo deste livro é permitir que as pessoas se familiarizem com o processo da morte. Para tanto, as histórias foram agrupadas por temas, começando com as que descrevem o processo e a evolução da morte e as diversas maneiras como as pessoas reagem a ela.

Estas histórias provavelmente o levarão a pensar em si mesmo, na sua vida, nos seus entes queridos e nas suas perdas.

Escrevi este livro porque, com a finitude em mente, tenho a esperança de que todos nós possamos viver melhor... além de morrer melhor.” KATHRYN MANNIX

Autoajuda / Literatura Estrangeira

Edições (1)

ver mais
Precisamos falar sobre a morte

Similares


Resenhas para Precisamos falar sobre a morte (3)

ver mais
Aprendizados
on 24/7/20


É, a morte é realmente um tabu. Como a autora diz, nós perdemos, conforme os anos foram passando, a cultura de se ver uma pessoa morrer de perto e por conta disso, muitas vezes nos assustamos com os padrões que são encontrados na morte, acreditando que nosso ente querido está agonizando, quando na verdade está apenas morrendo em paz com pessoas que ele ama a sua volta. Eu tive diversos aprendizados nesse livro e recomendo para todos essa leitura... É uma leitura muito fluida, triste e... leia mais

Estatísticas

Desejam77
Trocam2
Avaliações 4.6 / 20
5
ranking 81
81%
4
ranking 5
5%
3
ranking 14
14%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

15%

85%

cinthia
cadastrou em:
30/08/2019 08:57:05
Pri Paiva
editou em:
23/09/2019 13:54:40
Pri Paiva
aprovou em:
23/09/2019 14:03:44