Prosa Escolhida de Álvaro de Campos

Prosa Escolhida de Álvaro de Campos Fernando Pessoa


Compartilhe


Prosa Escolhida de Álvaro de Campos (Pessoa breve)





Na sua célebre carta de 1935 sobre a génese dos heterónimos, Pessoa confessou ter «chorado lágrimas verdadeiras» ao escrever algumas das «Notas para a Recordação do Meu Mestre Caeiro» de Álvaro de Campos, que contam os saborosos encontros e conversas que supostamente houve entre Caeiro, Campos, Ricardo Reis, António Mora e o próprio Fernando Pessoa. Campos, enquanto prosador, também assinou textos importantíssimos como o «Ultimatum» e «Apontamentos para uma Estética Não-Aristotélica», cartas para jornais e uma carta para Marinetti, artigos sobre vários temas e até uma «entrevista sensacional». O presente volume reúne a sua melhor prosa e inclui textos inéditos.

Literatura Estrangeira

Edições (1)

ver mais
Prosa Escolhida de Álvaro de Campos

Similares


Estatísticas

Desejam
Informações não disponíveis
Trocam
Informações não disponíveis
Avaliações 3.0 / 1
5
ranking 0
0%
4
ranking 0
0%
3
ranking 100
100%
2
ranking 0
0%
1
ranking 0
0%

100%

0%

Eduardo
cadastrou em:
29/08/2018 20:09:08